conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Na Capital

1ª dama vai à comunidades entregar cobertores da campanha Aquece Cuiabá

Publicado

Vicente Aquino Cruz

A primeira-dama Márcia Pinheiro, em parceria com profissionais de assistência social da Prefeitura de Cuiabá, continuam com as entregas de cobertores da campanha Aquece Cuiabá. Desde a última sexta-feira (05.07), foram distribuídos mais de 4 mil peças para as comunidades Paiaguás I e II, Três Poderes, Nova Conquista e residencial Jonas Pinheiro.

Essa etapa da campanha consiste em atender as solicitações de comunidades carentes feitas ao Núcleo de Apoio à Primeira-dama. A Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano faz toda a triagem dessas solicitações para averiguar qual o maior grau de necessidade e assim atender com maior equidade.

“Nós repassamos toda a arrecadação à prefeitura, porém o nosso trabalho não termina. Junto com os voluntários da campanha, fazemos questão de ir às comunidades e acompanhar de perto aonde os cobertores realmente chegam que é até à ponta, àquelas pessoas que tanto precisam”, disse a primeira-dama.

A necessidade dessas comunidades já são previstas pela campanha desde os primeiros anos e após o Dia D, data em que é repassado à prefeitura a arrecadação, a ida até essas comunidades já são previstas conforme elenca o presidente do bairro Paiaguás II, Ademir Conceição Mendes.

“Já é o segundo ano que a primeira-dama vem nos atendendo e esse ano os cobertores vieram exatamente no dia de frio. Hoje, temos aqui muitas crianças porque os pais estão trabalhando e não puderam vir, mas tem essa necessidade porque temos muitas famílias que precisam”, falou o representante de mais de 700 famílias do bairro Paiaguás II.

Veja Mais:  Liquida Centro segue até o próximo sábado (13) com descontos de até 70%

Além das entregas às comunidades, a equipe de Abordagem Social da prefeitura se deslocaram até os principais pontos de aglomeração de moradores em situação de rua para disponibilizar cobertores a esse público. Essa ação à população de rua é feita em toda as frentes frias devido que os cobertores praticamente se tornam descartáveis em virtude das condições de vida dos moradores de rua, o que impossibilita o armazenamento e zelo.

A equipe de Abordagem Social também realiza todo o atendimento social previstos nas diretrizes da pasta de Assistência Social como, por exemplo, os encaminhamentos aos albergues municipais e apoio logístico para o retorno aos seus lares.

A campanha Aquece Cuiabá arrecadou na sua 3ª edição 21.600 cobertores e teve parte desse acervo, cerca de pouco mais de 7 mil cobertores, entregues à Casa de Conselho composta pelos oito conselhos municipais que distribuem cobertores a famílias em vulnerabilidade social cadastradas nas mais de 100 entidades sociais ligadas aos conselhos.

Comentários Facebook

Na Capital

Prefeito e Lideranças Comunitárias discutem melhorias para o Primeiro de Março e João Bosco Pinheiro

Publicado

Gustavo Duarte

Conhecer de perto as dificuldades enfrentadas pelas comunidades, ouvir as principais demandas e, a partir de um trabalho em conjunto, buscar soluções para cada uma delas. São esses os fatores que levaram o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, a cumprir mais uma agenda comunitária na noite desta terça-feira (15). 

O chefe do executivo municipal esteve no bairro Primeiro de Março, onde pôde debater ações de melhorias com lideranças comunitárias da região Norte e falar sobre o andamento das obras de pavimentação no bairro.

As lideranças na oportunidade puderam fazer também algumas reinvindicações de outros serviços e melhorias para o bairro, como a construção das calçadas na avenida de acesso ao CPA IV, também melhores condições para os ônibus que atende o bairro, a reforma da unidade do Programa Saúde da Família (PSF), entrou outros apontamentos.

“A obra aqui no Primeiro de Março está sendo realizada pela administração direta, foi uma determinação minha atendendo ao pedido de alguns vereadores da região. A Prefeitura está com muitas frentes de trabalho por meio do programa Minha Rua Asfaltada e graças a Deus a cada entrega que concretizamos, aumentamos a expectativa dos munícipes e o número de atendimentos justamente porque população vê que os serviços estão chegando e ai começa a procurar mais os serviços públicos”, explicou o prefeito

Veja Mais:  Permissionários do CCPC devem regularizar situação

Emanuel assegurou aos moradores que irá cobrar agilidade na conclusão dos trabalhos já que a região espera por esse asfalto há quase uma década.

“É um prazer enorme estar aqui neste contato com a comunidade, ando a cidade inteira de ponta a ponta. Esse bairro quando iniciou eu ainda era vereador e me lembro muito bem da luta para que a pavimentação chegasse aqui e hoje vendo que depois de tanto tempo, eu como prefeito estou realizando essa obra de grande importância para a qualidade de vida de todos me sinto lisonjeado. Meu compromisso é com os menos favorecidos, atendendo os bairros mais afastados da capital”, afirmou.

Somadas as duas comunidades vizinhas recebem da Prefeitura de Cuiabá, um investimento de mais de R$ 7 milhões, o que resultará na construção de aproximadamente oito quilômetros de rede de drenagem, pavimentação, meio-fio e calçada.

A reunião foi organizada por intermédio do vereador Dr. Xavier e do líder comunitário Leonel A. Mesquita e realizada na casa do morador Hélio Francisco Pereira. Também estiveram presentes outras lideranças da região e moradores do bairro.

MINHA RUA ASFALTADA

Implantado em 2017, o programa Minha Rua Asfaltada se consolidou como uma grande ação de infraestrutura. Neste ano, a Prefeitura de Cuiabá chegou a 47 bairros beneficiado com a atividade, levando em consideração as obras concluídas, em execução e também aquelas que, neste momento, passam pelo processo de licitação. De acordo com levantamento da Secretaria de Obras Públicas, são nove comunidades da região Norte, 18 da Sul, 12 da Leste e oito da Oeste.

Veja Mais:  É FAKE: formulário online pede dados pessoais para receber cesta do Natal Sem Fome

Comentários Facebook
Continue lendo

Na Capital

Dez mil alunos da rede pública municipal de Cuiabá terão seis dias de atividades recreativas em comemoração ao Dia das Crianças

Publicado

Jorge Pinho

Na semana dedicada às crianças e em continuidade às comemorações pelos 300 anos de Cuiabá, cerca de 10 mil alunos da Educação Infantil da rede pública municipal de Educação estarão participando do Projeto 300 Motivos para Sorrir. A iniciativa, da Prefeitura de Cuiabá, realizada pela Secretaria Municipal de Educação, tem como objetivo promover entretenimento, intercâmbio cultural e multimusical entre artistas, pais e alunos, e profissionais da Educação.

O prefeito Emanuel Pinheiro destacou a importância do acolhimento em idade escolar e a relação da família com a escola e a sociedade. “Ações como essa que estamos realizando tem o propósito de promover a integração das famílias cuiabanas. Nos quatro cantos de Cuiabá serão realizadas ações voltadas às crianças, mas que vão impactar também a família, mexendo com o sentimento de toda a nossa cidade! Por isso nossa gestão humanizada tem grande relevância em um contexto geral”, disse Emanuel Pinheiro.

O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira Passos disse que esse é um momento especial para as crianças que serão impactadas positivamente, um projeto único, realizado pelo Município, que atende a 90% dos alunos da rede publica de Ensino. “Serão seis dias intensos de muita alegria e entretenimento. Nossa gestão prioriza o ser humano, valoriza o que pode impactar positivamente a vida das pessoas, e no mês da criança não será diferente. Nossa cidade precisa sorrir mais, somos uma grande capital com enorme potencial de crescimento e este é o espírito que nossa gestão vive todos os dias” salientou Alex Vieira Passos.

Veja Mais:  Táxi Pref começa a ser operado por nova empresa

 

Programação

A programação é voltada para os alunos do Jardim I e II, Pré Escola I e II, para crianças na faixa etária de 2 a 5 anos matriculadas em unidades de creche, Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs) que atendem essa modalidade de Ensino. As atividades começam nesta quarta-feira (16) e vão até o dia 23.

Nas quatro regionais, em dias diferentes, as atividades acontecem das 07 às 11 horas pela manhã e das 13 às 17 horas a tarde. Em cada período, um grupo de escolas paarticipará da programação que envolve show musical com a banda infantil Caixa de Brinquedos, troupe de palhaços, monitores, pipoca, algodão doce e muita diversão.    

 

 

Confira a programação dos três primeiros dias do evento:

 

Regional Oeste

Data: 16 de Outubro

Local: LOCAL: Instituto IDEAES

Rua João Paulo dos Santos, nº 11, bairro Coophami

 

Matutino

07 às 09 horas – EMEB Adelina Pereira Ventura, EMEB Maria Eunice Duarte Barros e creche José Nicolau Pinto

09 às 11 horas – EMEB Juarez Sodré Farias, EMEB São João Bosco, creche Sebastião Tolomeu e creche Maria Figueiredo Nunes

 

Vespertino

13 às 15 horas – EMEB Adelina Pereira Ventura, EMEB Maria Eunice Duarte Barros, creche Elzira Cavalcante da Silva, creche Francisco Santana

Veja Mais:  Permissionários do CCPC devem regularizar situação

15 às 17 horas – EMEB Juarez Sodré Farias, EMEB São João Bosco, creche Tertuliana Maria de Arruda Souza “Mãe Nhara”

 

Regional Sul

Data: 17 de Outubro 

Local: Praça Pedra 90

 

Matutino

07 às 09 horas – CEEI Jean Carlos, CEEI Portal da Fé e CMEI Governador José Garcia Neto.

09 às 11 horas – CMEI Auro Ida, CMEI Antônio Batista da Cruz, CMEI Profª Ady de Figueiredo, CMEI Jaira Cuiabano e creche Rafael Rueda

 

Vespertino

13 às 15 horas – CEEI Jean Carlos, CEEI Portal da Fé e CMEI Governador José Garcia Neto

15 às 17 horas – CMEI Auro Ida, CMEI Antônio Batista da Cruz, CMEI Profª Ady de Figueiredo, CMEI Jaira Cuiabano

 

Regional Sul

Data:  18 de Outubro 

Local:  Espaço Silva Freire

 

Matutino

07 às 09 horas – CMEI Jornalista Marcos Coutino, EMEB Vereador Paulo de Campos Borges, EMEB Eugênia Pereira de Melo, creche Amália Curvo e CEIC Silva Freire

09 às 11 horas – CMEI Profª Marilia Inês Pedrollo Salomoni, EMEB Ana Luiza Prado Bastos, CMEI Vereador Júlio César Pinheiro

 

Vespertino: 

13 às 15 horas – CMEI Jornalista Marcos Coutino, EMEB Vereador Paulo de Campos Borges, EMEB Eugênia Pereira de Melo, creche Lais Amicucci Soares Martins

Veja Mais:  Liquida Centro segue até o próximo sábado (13) com descontos de até 70%

15 às 17 horas – CMEI Profª Marilia Inês Pedrollo Salomoni, EMEB Ana Luiza Prado Bastos, creche Lelita Lino da Silva, creche Manoelino  de Jesus, creche Marechal Rondon, creche Aecim Tocantins

       

 

 

 

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Na Capital

Ministra sinaliza à 1ª dama construção de casa referência nacional em apoio à mulher vítima de agressão

Publicado

Willian Meira/MMFDH

A primeira-dama Márcia Pinheiro, em conjunto com a secretária Extraordinária dos 300 anos, Celly Almeida e a comitiva da Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano (SMASDH), estiveram no Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, em Brasília, nesta terça-feira (15.10), em audiência com a ministra Damares Alves, em busca de parceria e projetos em prol da defesa da mulher.

Entre as pautas debatidas na reunião, esteve à construção da Casa da Mulher Brasileira (CMB) na capital mato-grossense, uma dos espaços de acolhimento e atendimento à mulher de maior referência no país, o qual tem por objetivo geral prestar assistência integral e humanizada às mulheres em situação de violência.

A casa funciona em algumas cidades brasileiras, sendo referência em Campo Grande (MS) e integrada aos seguintes serviços especializados da rede de atendimento como a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, Centros de Referência de Atendimento à Mulher, Casa Abrigo, Defensoria Especializada, Centro Judiciário da Mulher e Promotoria Especializada.

“Existe cela de prisão para o agressor. Ele não tem contato com a vítima, o que demonstra a grandeza dessa unidade de acolhimento. É nosso compromisso executar a construção nessa cidade para quebrarmos o ciclo da violência. Em breve estaremos mostrando ao mundo a eficácia da CMB unidade de Campo grande que tem sido a grande referência no país”, frisou Damares.

Veja Mais:  Queima de fogos, Sambô e Gino e Geno abrilhantam réveillon de 40 mil pessoas na Orla

A ministra mostrou entusiasmo e sinalizou a imediata implantação do projeto de esfera Federal em Cuiabá. Foram apresentados quatro modelos estruturais da CMB, de acordo com número de habitantes do município. A adequada para Cuiabá possui a projeção da edificação de 270 M² e o terreno mínimo de 500 M² com investimento de construção e equipagem estimado em até R$ 1.5 mi.

Outra opção sugerida pelo ministério foi à adequação de alguma casa já existente, via Termo de Cessão de Uso, onde a previsão orçamentária para a adequação do espaço gira em torno de R$ 500 mil.

O deputado federal Emanuel Pinheiro Neto participou da reunião para avaliar alternativas para a manutenção e o custeio da casa, avaliado em R$ 600 mil. Emenda parlamentar, parceria com o Executivo Estadual e apoio da bancada federal e estadual foram algumas das possibilidades levantadas durante a reunião.

MAIS AÇÕES    

A ministra Damares ainda sugeriu à Cuiabá outras ações relacionadas à defesa da mulher como o programa Salve Uma Mulher que consiste em treinar servidores e empregados públicos para identificar sinais de agressão doméstica e oferecer suporte às mulheres vítimas de violência.

O projeto que acaba de firmar parceria com os Correios para treinar carteiros no ato de entrega de correspondência tem o objetivo de capacitar em torno de quatro milhões de pessoas, em dois anos, com noções de identificação de sinais de violência familiar contra mulheres.

Veja Mais:  Permissionários do CCPC devem regularizar situação

“A Cuiabá dos 300 anos acordou para o trabalho em prol do empoderamento e proteção dos direitos das mulheres. Assinamos a parceria com o Tribunal de Justiça para implantar a rede de proteção, concomitantemente anunciamos a criação da Secretaria Municipal da Mulher e tudo isso está em consonância com a nossa busca de cada vez mais fortalecer as políticas públicas para as nossas mulheres, principalmente para diminuirmos os índices de violência e os feminicídios que a sociedade não aguenta mais”, ressaltou Márcia.

A primeira-dama foi convidada pela ministra Damares para participar da Comissão da Situação das Mulheres, na Organização das Nações Unidas, em Nova Iorque. Ela fará parte da delegação brasileira que irá aos Estado Unidos mostrar as ações brasileiras voltadas à mulher.

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana