conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Famosos

Abusando da transparência, Anitta se apresenta no Madison Square Garden em NY

Publicado

Na noite desta quarta-feira (05) aconteceu no Madison Square Garden , uma das mais tradicionais casas de espetáculos do mundo, o Festival Mega Dash , em Nova York, nos Estados Unidos. Confirmada no evento após uma bateria de entrevistas em rádios, a cantora Anitta rebolou seu bumbum internacional na festa musical.

Leia também: Anitta e ex-empresária chegam a acordo e encerram processo milionário


Anitta faz performance no Madison Square Garden, tradicional casa de shows dos Estados Unidos
Reprodução / Instagram

Anitta faz performance no Madison Square Garden, tradicional casa de shows dos Estados Unidos

A performance de Anitta para o Festival Mega Dash contou com grandes sucessos de seu repertório como Sua Cara, Vai Malandra, Veneno, Downtown , entre outras músicas.

Leia também: Fãs de Anitta detonam cantora após seu posicionamento sobre Bolsonaro

A repercussão de Anitta


Anitta faz performance em casa tradicional dos Estados Unidos
Divulgação

Anitta faz performance em casa tradicional dos Estados Unidos

Apostando em um look simples, mas que abusa da transparência, a cantora chamou atenção de seus fãs que apesar de criticarem a humildade da roupa, elogiaram a performance.

“Faltou criatividade nos looks, hein miga”, comentou um internauta em uma publicação do Instagram. “Um arraso, está cada vez mais longe, te amo”, elogiou um segundo seguidor.

Sendo a única brasileira no festival, o evento também contou com mais 18 artistas: Don Omar, Tego Calderon, Farruko, J Alvarez, Reik, Bryant Myers, Becky G, Nio Garcia, Brytiago, Darell, Miky Woodz, Secreto, El Alfa, Alex Rose, Jory Boy, Ala Jaza e La Materialista.

Veja Mais:  A vida e carreira de Ricardo Boechat em fotos

O histórico do local

A tradicional casa de shows, também conhecida como a mais famosa do mundo, já foi palco para artistas consagrados como Madonna, Elvis Presley, Michael Jackson e Britney Spears.

O local tem capacidade máxima para 20 mil pessoas e os ingressos custam aproximadamente entre R$ 200 a R$ 700.

Leia também: Anitta desabafa após reação dos fãs: “Respeitem o próximo e suas decisões”

Esta não é a primeira apresentação de Anitta em solo internacional, a cantora já realizou performances na América Latina e na Europa. O show no Madison Square Garden,porém, se destaca ao trazer um novo marco positivo a carreira da brasileira.

Comentários Facebook

Famosos

Thor será mulher: Natalie Portman assume o martelo de Odin nos cinemas

Publicado


Natalie Portman no papel de Thor arrow-options
Divulgação

Natalie Portman assume papel de Thor nos cinemas, como a Deusa do Trovão, que estreia em novembro de 2021

Os filmes da Marvel Studios passam por uma fase em que as mulheres ganham destaque. Primeiramente por que a atriz Natalie Portman irá assumir o papel do super-herói Thor, conforme foi anunciado durante a Comic-Con, evento que está sendo realizado em San Diego (EUA).

LEIA MAIS: “Vingadores: Ultimato” supera “Avatar” e alcança maior bilheteria da história

Portman recebeu o martelo de Thor no palco do Centro de Convenções do Comic-Con e foi aplaudida. O novo filme, cujo título em inglês será Thor: Love and Thunder terá como diretora Taika Waititi, que já havia dirigido a terceira parte da saga do super-herói.  A data da estreia nos cinemas está marcada para 5 de novembro de 2021.

Embora tenha sido bem indicada para assumir o papel de Thor, a notícia de que Portman iria voltar aos filmes da Marvel foi recebido com certa surpresa por alguns, uma vez que a atriz não estava muito empolgada com a ideia ultimamente, apesar de não descartá-la.

 LEIA MAIS: Futuro da Marvel e fim de “Game of Thrones” são destaques da Comic Con 2019

Conhecida por ter sido premiada com o Oscar de melhor atriz no filme ‘Cisne Negro” (2010), Portman terá companhia do ator Chis Hemsworth e da colega Tessa Thompson no elenco. Trata-se de nova investida da Marvel, que tem conseguido bastante sucesso, batendo recordes de bilheteria.

Veja Mais:  Regina Duarte posta mensagem enigmática sobre os protestos nas eleições 2018

 Outras heroínas além de Thor

Scarlett Johanson no papel de Viúva Negra arrow-options
Divulgação

Viúva Negra, interpretada por Scarlett johansson, que vai estar em destaque no novo filme da Marvel, em maio de 2020

Por isso, não param de aparecer novidades, também com mulheres em destaque. Além da deusa do trovão, a Viúva Negra também terá um filme, estrelado pela atriz Scarlett Johansson no papel principal. Entrará em cartaz em 1 de maio de 2020, como o próximo filme da Marvel que vai estrear nas telonas. 

LEIA MAIS: Dublê de “Titãs” morre em acidente no set de filmagens

Depois de Thor e da Viúva Negra, uma terceira notícia que envolve o protagonismo feminino nos filmes da Marvel fica por conta da série do Gavião Arqueiro, que terá a presença de Kate Bishop, como a Gaviã Arqueira . Um dos temas será explorar o passado de Gavião como Ronin, como foi visto em Vingadores: Ultimato.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Marcelo Rossi chora e fala em Deus e demônio ao relatar momento de empurrão

Publicado

Padre Marcelo Rossi foi empurrado de palco há uma semana arrow-options
Reprodução/Youtube

Mulher que empurrou padre Marcelo Rossi prestou depoimento

 O padre Marcelo Rossi contou a fiéis, neste domingo, como se sentiu e o que pensou logo após ter sido empurrado por uma mulher de cima de um palco no qual celebrava missa, em Cachoeira Paulista, São Paulo, há uma semana. Desta vez, o sacerdote não segurou as lágrimas, relembrou a forte dor do momento e deu graças a Deus pelo que chamou de “milagre” de estar vivo.

Marcelo Rossi destacou que ficou “totalmente consciente” depois do empurrão. Naquele momento, ele disse, só queria “entender o que estava acontecendo”. Depois, em meio à dor, pensou que não gostaria de voltar a tomar remédios, já que passara “muito tempo” tomando anti-inflamatório no passado.

“Hoje, graças a Deus, não tomo nada. Estou sem remédio. Foi uma dor muito forte. Só sei que, naquele momento, veio uma consciência tão forte que Deus estava me dando de novo o batismo. Nasci novamente. Se o inimigo pensava que seria a minha morte, deu um tiro no pé, porque aquilo se transformou em uma benção”, ressaltou o padre, aplaudido pelos fiéis que acompanhavam a missa neste domingo.

Leia também: Padre Marcelo Rossi está bem após agressão: “Foi um milagre”

Há uma semana, o religioso, que também é cantor, escritor e colunista do jornal “Extra”, foi derrubado do altar de forma brusca, o que causou preocupação nos fiéis. A responsável pelo empurrão, que sofre de transtorno bipolar e faz tratamento psiquiátrico, furou a segurança do palco, correu em direção ao padre e o empurrou com tanta força que ele caiu da estrutura. Aos 32 anos, ela viajou do Rio para Cachoeira Paulista acompanhada do filho de 2 anos, em uma caravana. O sacerdote decidiu não prestar queixa na polícia e disse perdoar a fiel.

Veja Mais:  Fogo no parquinho! Oito vezes que Tiago Leifert interferiu para agitar o “BBB”

O padre destacou neste domingo que a vida “é uma passagem” e incentivou os jovens a buscarem a Deus para “nunca se perderem”.

“A raiva do demônio de ver aqueles jovens louvando [em Cachoeira Paulista], o desespero deles [dos jovens] na hora que eu caí… Mas Deus me levantou, literalmente, e a alegria deles de me ver de pé… Por que eu estou falando isso? O mundo oferece vários caminhos, mas, se você conhece Jesus e Maria, tenha certeza que nunca vai se perder. O mundo pode até te derrubar, mas Deus vai te levantar”, afirmou, às lágrimas. “Eu falei que não ia chorar, mas não tem jeito”, completou.

Leia também: Erika Januza defende Padre Marcelo e define empurrão como “ato de crueldade”

Em seguida, Marcelo Rossi voltou a dizer, como afirmara depois do empurrão, que experimentou um “milagre” em sua vida. “Quem crê em milagres? Se você dúvida, está aqui”, disse, em referência a si mesmo. “Nós somos a descendência que pisa na cabeça da serpente”.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Com Totia Meireles, “Pippin” faz público refletir sobre o que é extraordinário

Publicado

Como uma instigante mensagem sobre o que é o extraordinário, o musical “Pippin” chega a São Paulo para uma curta temporada no Teatro FAAP. O espetáculo teve sua estreia original em 1972 e é um daqueles clássicos atemporais da Broadway . Com os anos, sofreu algumas alterações, mas continua atual levando o público a fazer questionamentos sobre poder, política e desejos pessoais – tudo isso de forma simples e por vezes divertida.

Leia também: “As Cangaceiras” é musical gratuito que evidencia força da mulher no cangaço

Totia Meireles arrow-options
Divulgação/Daniel Coelho

Musical “Pippin” conta com Totia Meireles no elenco


O musical conta a história do príncipe Pippin (João Felipe Saldanha), o jovem filho do rei Carlos Magno (Fernando Patau) que segue na busca do autoconhecimento e de encontrar um sentido para sua vida. Seu maior desejo é fazer algo extraordinário e toda essa trajetória é narrada pela mestra de cerimônias (Totia Meireles) junto com sua trupe.

A montagem de Charles Möeller Claudio Botelho contou com o auxilio do próprio letrista do espetáculo Stephen Schwartz – autor de outros de sucessos de bilheteria da Broadway como “Godspell” (1971) e “Wicked” (2003), além carregar prêmios como o Oscar, o Grammy e o Globo de Ouro.

Leia também: Disney aposta em ator brasileiro para produção latina: “Novo público”

Stephen veio ao Brasil acompanhar a estreia do espetáculo em São Paulo e falou que, desde a concepção, “Pippin” tem um viés político e é isso é o que torna o musical tão atual. O letrista comentou que teve conflitos com o Bob Fosse, que dirigiu o espetáculo original, mas vê um lado positivo nisso. Ele explicou que na época ele era muito jovem e se via como o próprio Pippin, já Bob tinha uma visão mais madura e cínica por ser mais velho e queria ver isso na personagem.


“Esse conflito entre mim e o Fosse foi o que fez o ‘Pippin’ ser o que é hoje porque isso acabou sendo transferido para os personagens e para a forma como a história é contada”, comentou Stephen. O final do espetáculo nunca foi um consenso entre eles e ideia de mudá-lo surgiu depois que o letrista viu uma montagem do musical em Londres. Em 2013, houve um revival da peça na Broadway e foi nessa época que os direitos para ser montado no Brasil foram comprados.

Ter uma parceria tão próxima com o dono de uma obra conhecida da Broadway foi uma novidade para o veterano Claudio Botelho . Ele confessou que não esperava uma relação tão próxima com Stephen, definido pelo brasileiro como uma pessoa muito generosa. “Foi a experiência mais rica que já tive na minha carreira”, revelou Claudio. “Pippin” é apresentado de sexta a domingo e os ingressos variam de R$ 75 a R$ 120.

*Com reportagem de William Amorim

Ludmilla está com tudo

Depois de vencer a “Dança dos Famosos”, a cantora Ludmilla segue divulgando o clipe da música Um Pôr-Do-Sol na Praia que gravou com Silva. O videoclipe foi lançado na sexta-feira (19) e está fazendo sucesso nas plataformas digitais.

Leia também: Globoplay aposta em Luan Santana para atrair mais assinantes

“Estou muito feliz e animada com essa parceria. Estar ao lado do Silva, que é um artista que eu admiro e gosto muito, foi incrível. A música traz uma vibe gostosa e leve para curtir com toda a galera. Espero que o público goste e cante junto conosco”, declarou a cantora.

Veja Mais:  Victoria Beckham se pronuncia sobre ausência no retorno das Spice Girls

Exposição “Vaivém”

Exposição Vaivém arrow-options
Divulgação/CCBB

Exposição “Vaivém” segue em São Paulo

A exposição ” Vaivém ” fica no Centro Cultural Banco do Brasil, em São Paulo, até o dia 29 de julho. De forma criativa, a exposição leva a uma construção da identidade nacional através de redes de dormir. Com um caráter trans-histórico, a exposição reúne artistas de diferentes contextos sociais e de diferentes períodos e regiões do país. A curadoria é de Raphael Fonseca e a mostra conta com cerca de 300 obras de coleções públicas e privadas.

Vem filme por aí?

Quem é fã da obra de Stephen Schwartz segue na expectativa para saber mais detalhes dos filmes inspirados nos musicais “Wicked” e “Pippin”. O autor dos espetáculos disse que ambos estão em processo de produção, entretanto o filme que contará a história da bruxa verde de Oz está mais adiantado, mas não tem previsão de estreia. Já Pippin está enfrentando uma dificuldade de ser traduzido para as telonas por se passar em um cenário circense.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana