conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Saúde

Após sofrer acidente, adolescente perde a memória a cada duas horas

Publicado

A estudante Riley Horner, do estado norte-americano de Illinois, é a personificação da personagem de Drew Barrymore no filme ‘Como se fosse a primeira vez’. Todos os dias ela acorda com a certeza de que está no dia 11 de junho de 2019, data em que sofreu um acidente que causou danos sérios ao cérebro da adolescente que perde a memória recente, em média, a cada duas horas. 

dedo com barbante vermelho arrow-options
Shutterstock/Divulgação

Em média a cada duas horas, adolescente norte-americana perde a memória

Leia Mais: Mulher consegue se lembrar de tudo desde que era recém-nascida

Após o acidente  – um chute acidental na cabeça, vindo de outro estudante que “surfou” na multidão durante uma festa – Riley sofreu dezenas de convulsões. É como se a jovem tivesse a memória “reiniciada” em curtos períodos de tempo. 

Em entrevista à rede de televisão WQAD, a mãe da adolescente, Sarah Horner, contou parte do drama em que a família vive desde então. De acordo com ela, Riley não consegue se lembrar de fatos importantes como a morte do seu próprio pai, falecido há uma semana.

Além disso, a estudante enfrenta sérios problemas cotidianos, como a necessidade de levar consigo todos os objetos pessoais por não conseguir recordar-se do número do seu armário na escola. 

Leia mais: Gêmeas com doença dos ossos de vidro impressionam médicos

Veja Mais:  Como a obesidade pode levar a diabetes do tipo 2

A vida escolar também é um desafio. Para não desistir dos estudos, a adolescente mantém uma rotina que envolve um alarme a cada duas horas, que permite que ela se lembre de checar todas as anotações detalhadas que escreve nas aulas. 

“Eu tenho um calendário na minha porta e quando acordo vejo que é setembro. Sempre fico assustada”, contou Riley ao canal de TV. “Eu sei que é horrível para a minha família e é difícil pra mim. Ninguém consegue entender o que está acontecendo. É como um filme”, disse.

Os médicos ainda não têm certeza do que exatamente pode causar os sintomas em Riley. O primeiro diagnóstico foi uma concussão . Após muitas visitas ao hospital e exames, os médicos confessaram que não entendem o que pode estar errado. “Não há sangramento cerebral , não há tumor”, explicou Sarah. 

Leia Mais: Com 11 netos, mulher tornou-se ‘guru fit’ após os 60 e exibe corpo de dar inveja

Agora, a família da adolescente corre contra o tempo para tentar encontrar respostas que possam fazer com que Riley tenha uma vida melhor. “Os médicos dizem que ela pode ficar assim para sempre e eu não posso me conformar com isso”, disse a mãe. 

Comentários Facebook

Saúde

‘Coronavirus é como uma pandemia termonuclear’ diz epidemiologista

Publicado


source
Coronavirus arrow-options
shutterstock

A doença respiratória causada pelo coronavírus já atinge 13 países em quatro continentes

O epidemiologista Dr. Eric Feigl-Ding publicou dados alarmantes sobre o novo coronavirus em sua conta no Twitter. De acordo com o profissional formado em Harvard, a nova infecção tem potencial de “pandemia termonuclear”, declarando: “Eu odeio ser o epidemiologista que admitirá isso, mas potencialmente estamos enfrentando a maior pandemia desde a gripe espanhola, em 1918”.


Quase 1,3 mil infectados na China

Autoridades do setor de saúde da China afirmam que o número de mortos pelo novo tipo de coronavírus aumentou para 41, e com centenas de casos adicionais de infecção, o total de infectados chega a quase 1,3 mil no país em todo o país. A Comissão Nacional de Saúde anunciou que 237 pacientes estão em condições graves.

LEIA MAIS: Veja os detalhes do coronavirus que se alastra pela China

Novos casos de infecção por coronavírus estão sendo confirmados em todo o mundo. Autoridades na França anunciaram ter registrado os três primeiros casos na Europa. A ministra da Saúde da França disse que dois pacientes estão em Paris, e o outro, na cidade de Bordeaux.

Veja Mais:  Garoto desenvolve cegueira após anos comendo apenas fritas e salsichas

Autoridades australianas confirmaram também o primeiro caso de infecção no país. O paciente seria um homem na casa dos 50 anos, que está visitando Melbourne. Ele é um morador da cidade de Wuhan, onde teve início o surto do vírus. Até o momento, são 12 países com casos da doença confirmados.

Os feriados do Ano Novo Lunar na China, com a duração de uma semana, tiveram início na sexta-feira (24). O fato está aumentando a preocupação sobre o alastramento do vírus, uma vez que centenas de milhões de pessoas viajam para ver seus familiares e amigos.

LEIA MAIS: Coronavirus pode ter vindo do mercado de animais silvestres

Autoridades chinesas estão adotando medidas para lidar com os temores, isolando várias cidades e fechando famosos pontos turísticos e locais de entretenimento. O parque temático Disney Resort, de Xangai, e a Cidade Proibida, em Pequim, estão temporariamente fechados.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

França, Austrália e Malásia confirmam novos casos de coronavírus

Publicado


source

A pneumonia viral que surgiu na China chegou na sexta-feira (24) à Europa, com a confirmação de três casos de coronavírus na França. Já outros quatro casos foram confirmados neste sábado (25), sendo três na Malásia e um na Austrália. No total, a doença respiratória já afeta 12 países em quatro continentes.

Leia também: Aeroportos brasileiros passam a transmitir alerta da Anvisa sobre coronavírus

coronavírus arrow-options
shutterstock

A doença respiratória causada pelo coronavírus já atinge 13 países em quatro continentes

O Ministério da Saúde da Malásia informou que as três pessoas infectadas com coronavírus são a esposa e dois netos de um homem de 66 anos, que também foi diagnosticado com a doença em Singapura. Na Austrália, o caso confirmado é de um homem que viajou de Wuhan, epicentro do surto na China, à Melbourne há uma semana. De acordo com as autoridades locais, ele está isolado e estável. 

O governo da França é o primeiro país da Europa afetado e já havia  confirmado dois pacientes , um em Paris e outro em Bordeaux, ambos estiveram na China. A terceira pessoa também foi diagnosticada na capital francesa. 

A ministra da Saúde, Agnès Buzyn, afirmou que as autoridades sanitárias procuram agora reconstituir o histórico dos pacientes para identificar todas as pessoas que estiveram em contato com eles. “É necessário enfrentar uma epidemia como se combate um incêndio, ir rapidamente à sua origem [e] circunscrevê-la tão rapidamente quanto possível”, destacou. 

Veja Mais:  “Dia D” contra o Sarampo tem 30 mil  pessoas vacinadas na capital paulista

Leia também: Ministério da Saúde garante que coronavírus não chegou ao Brasil

Além desses e da China, também há casos de coronavírus confirmados nos Estados Unidos, Nepal, Tailândia, Japão, Vietnã, Arábia Saudita, Coreia do Sul e Singapura.

*Com informações da Agência Brasil

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Número de infectados por coronavírus chega a quase 1,3 mil na China

Publicado


source

Agência Brasil

Autoridades do setor de saúde da China afirmam que o número de mortos pelo novo tipo de coronavírus aumentou para 41, e com centenas de casos adicionais de infecção, o total de infectados chega a quase 1,3 mil no país em todo o país. A Comissão Nacional de Saúde anunciou que 237 pacientes estão em condições graves.

Leia também: Coronavírus pode ter vindo de mercado de animais silvestres

pessoas usando máscara no metrô da China arrow-options
shutterstock

O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus na China já chega a 1,3 mil

Novos casos de infecção por coronavírus estão sendo confirmados em todo o mundo. Autoridades na França anunciaram ter registrado os três primeiros casos na Europa. A ministra da Saúde da França disse que dois pacientes estão em Paris, e o outro, na cidade de Bordeaux.

Autoridades australianas confirmaram também o primeiro caso de infecção no país. O paciente seria um homem na casa dos 50 anos, que está visitando Melbourne. Ele é um morador da cidade de Wuhan, onde teve início o surto do vírus. Até o momento, são 12 países com casos da doença confirmados. 

Leia também: França, Austrália e Malásia confirmam novos casos de coronavírus

Os feriados do Ano Novo Lunar na China , com a duração de uma semana, tiveram início na sexta-feira (24). O fato está aumentando a preocupação sobre o alastramento do vírus, uma vez que centenas de milhões de pessoas viajam para ver seus familiares e amigos.

Veja Mais:  Como a obesidade pode levar a diabetes do tipo 2

Autoridades chinesas estão adotando medidas para lidar com os temores, isolando várias cidades e fechando famosos pontos turísticos e locais de entretenimento. O parque temático Disney Resort, de Xangai, e a Cidade Proibida, em Pequim, estão temporariamente fechados.

*Agência Públilca do Japão

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana