conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Na Capital

Artesãos participam do 13ª Festival de Siriri

Publicado

Davi Valle

Membros da Associação Homens e Mulheres Fibra levarão elementos do artesanato e culinária local ao 13º Festival de Siriri, que começa nesta sexta-feira (17) e segue até o domingo (19). O evento vai reunir milhares de pessoas no Museu do Rio, na Orla do Porto, ampliando a visibilidade do trabalho e contribuindo para a geração de renda para dezenas de profissionais.

A titular da secretária de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Humano, Débora Marques, explica que, diante da proposta de resgate tradicional do Festival, surgiu a ideia de incluir os artesãos na iniciativa. “A maior parte da produção destes trabalhadores está diretamente ligada à tradição cuiabana. Então vimos uma excelente oportunidade de divulgar o seu trabalho e enriquecer ainda mais o evento”, explicou.

Débora destaca ainda que a ação é fruto de parceria com a Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo. Sendo assim, o público encontrará opções em chinelos, bolos, colares, tapioca, roupas, doces, tapetes, reproduções sacras, compotas, porções de pixé, e muitos outros.

A Associação existe há um ano e possui um total de 160 profissionais registrados. De acordo com o vice-presidente, Luís Moreira, a criação da entidade surgiu da necessidade de fortalecer o segmento. “Uma pessoa sozinha não teria esse espaço, então é a união que fortalece nossa causa”, afirma.

O Festival, resgatado pelo prefeito Emanuel Pinheiro, acontece neste final de semana (17, 18 e 19 de maio). Para esta edição, oito grupos foram selecionados, de acordo com sua história. Os participantes são: Flor Ribeirinha, Flor do Campo, Flor do Atalaia, Flor do Cerrado, Raízes Cuiabanas, Coração Franciscano, Voa Tuiuiú e São Gonçalo Beira Rio.

Veja Mais:  Pedal Semob desta terça terá percurso da Orla do Porto até o Parque Tia Nair

Comentários Facebook

Na Capital

Pinheiro lamenta falecimento do conhecido pediatra Dr. José Fernando Vinagre

Publicado

É com muita tristeza que o prefeito Emanuel Pinheiro recebeu a notícia do falecimento do médico pediatra Dr. José Fernando Maia Vinagre na tarde deste sábado (25). Conhecido por toda a cuiabania, Vinagre é também filho do famoso médico pediatra, Dr. José de Faria Vinagre e que juntos deixaram uma história de serviços prestados à população cuiabana.

José Vinagre estava internado na UTI do Hospital São Mateus, em Cuiabá, em estado gravíssimo. Há quase dez dias ele vinha sentindo fortes dores, que associou à diverticulite, mais tarde constatada que seria apendicite. Ele teve um quadro de apêndice supurado, o que evolui para infecção generalizada. Vinagre vinha passando mal há sete dias e na nesta sexta-feira (24) teve que ser operado às pressas para limpeza pulmonar, mas não resistiu.

“Dr. José Vinagre lutou muito pela saúde de Cuiabá! Tive o prazer de conversar com ele recentemente, antes da terrível doença. Minhas sinceras condolências aos familiares e aos cuiabanos que perdem um grande defensor da saúde da nossa Capital”. Peço a Deus que conforte os corações dos amigos e familiares neste delicado momento de dor”, lamenta Pinheiro.

José Fernando Vinagre Formou-se na Faculdade de Medicina de Teresópolis (RJ), em 1975. Em Mato Grosso, foi presidente da Sociedade de Pediatria e do Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso (CRM-MT), de 1998 a 2001. Também é fundador da Academia de Medicina do estado.

Veja Mais:  Prefeitura abre inscrição para curso “Pilotagem Consciente”

Ainda não há informações sobre o velório do médico.   

Comentários Facebook
Continue lendo

Na Capital

Prefeito e equipe da SMS participam da feira Hospitalar em São Paulo

Publicado

O prefeito Emanuel Pinheiro esteve em São Paulo nesta semana para participar da maior feira de saúde da América Latina, a 25ª edição da Hospitalar. O chefe do executivo foi acompanhado do secretário-adjunto de Assistência em Saúde, Luiz Gustavo Raboni Palma, secretário-adjunto de Planejamento e Operações, Milton Corrêa da Costa Neto e do diretor geral da Empresa Cuiabana de Saúde, Alexandre Beloto.

A feira é voltada para a apresentação de produtos e para o desenvolvimento de negócios no setor da saúde. O objetivo é levar ao público, conteúdo de qualidade, experiências e conhecimento para impulsionar cada vez mais o segmento, gerando atualização profissional e novas oportunidades de negócios.

O evento, que tem como público alvo médicos, enfermeiros, diretores e administradores de hospitais, clínicas e laboratórios, fabricantes de produtos hospitalares, distribuidores, representantes, estudantes, secretarias de saúde e demais orgãos, públicos e privados, atuantes no setor, é um ponto de encontro para os distribuidores e fornecedores de todos os tipos de equipamentos hospitalares, bem como projetos, instalações e construções, hotelaria e mobiliário e tudo o que um hospital precisa para funcionar. Nesta edição, além dos estandes, os participantes também tiveram a oportunidade de participar de palestras, demonstrações realísticas, trocas de experiências e atualização profissional.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Pinheiro comenta sobre suas impressões da feira. “Estamos em busca de conhecimento e informações do que há de melhor, mais avançado e mais moderno no atendimento para a saúde. Fiquei encantado com o que vi aqui. A feira é gigante, cheia de inovação e tecnologia de ponta. Tem tudo o que precisamos para uma virada de página na saúde pública da nossa capital. Já andamos um bom caminho, mas ainda temos muitos desafios para superar. Por isso estamos aqui buscando dar início a um novo ciclo na saúde pública de Cuiabá.

Veja Mais:  Praça Maria Taquara recebe estudos para instalação de novos pontos de ônibus

Para o secretário adjunto Milton Corrêa, a visita está sendo bastante proveitosa, pois estão tendo contato com uma gama de novidades que poderão ser utilizadas para melhorias da saúde pública em Cuiabá. “Vimos muitas coisas interessantes e o prefeito ficou bastante animado. Logo teremos novidades para a reestruturação dos serviços de saúde na nossa capital”, disse.

Comentários Facebook
Continue lendo

Na Capital

Conselho comemora decreto da Prefeitura que reconhece uso de nome social nos órgãos de Cuiabá

Publicado

A comunidade LGBTI+ comemora uma grande conquista na luta pelo respeito a identidade de gênero. Na última terça-feira (21), o prefeito Emanuel Pinheiro assinou decreto que reconhece o uso de nome social por travestis e homens e mulheres transexuais em todos os órgãos da administração pública municipal.

Representantes do Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual comentam o comprometimento da gestão e a importância em discutir também a saúde mental da comunidade LGBTI+ de Cuiabá. 

“Nós esperávamos por um decreto assim desde da criação do Conselho e que bom que saiu. Isso só demonstra que o prefeito Emanuel Pinheiro faz realmente uma gestão humanizada, consciente e atenta às nossas reivindicações”, pontua Valdomiro Arruda, presidente do Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual. 

“A cada 20 horas um LGBTI+ morre ou se suicida no Brasil vítima de homofobia”, é o que afirma relatório Mortes Violentas de LGBTI+ no Brasil de 2018, realizado pelo Grupo Gay da Bahia. O alto índice coloca o país em primeiro colocado no ranking mundial de crimes cometidos contra minorias sexuais. 

No relatório também é possível observar que as pessoas trans pertencem a categoria com mais vulnerável a mortes violentas. Dentro da categoria, foram inseridas pessoas travestis, homens e mulheres transexuais, dragqueens, pessoas não-binárias e transformistas. 

Os dados reforçam a necessidade de políticas públicas direcionadas que tenham por objetivo garantir a integridade física e psicológicas do grupo minoritário em questão, como explica o vice-presidente do Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual, Clóvis Arantes. 

Veja Mais:  Exposição de fotografias contará a história da Cuiabá dos 300 anos

“O decreto diz respeito à vida das pessoas LGBTI, muitas pessoas trans cometem suicídio por não poderem ver suas identidades respeitadas. A questão do uso do nome social, muitas vezes é o divisor para uma pessoa acessar o sistema de saúde, de segurança, de educação, por conta dos constrangimentos na hora da abordagem. O decreto é o reconhecimento do gestor de que pessoas LGBTI são pessoas de direito”, enfatiza Clóvis Arantes. 

Para fazer valer este direito, pessoas travestis e transexuais devem manifestar sua vontade expressamente perante ao Poder Público Municipal, sem a exigência de testemunha ou de quaisquer outros requisitos que não a auto declaração. 

Além da garantia de direito de usar nome social em todos os órgãos da Administração Pública Municipal, o decreto nº 7.185 de 21 de maio de 2019 também estabelece punição para quem descumprir a normativa dentro do território do município de Cuiabá:

DECRETO Nº 7.185 DE 21 DE MAIO DE 2019

Art. 9° São Passíveis de punição os cidadãos, inclusive os detentores de função pública, civil ou militar, localizados em território do município de Cuiabá que intentarem contra suas disposições, o que inclui o desrespeito ao uso do nome social de que trata este Decreto

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana