conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Política MT

Audiência Pública para debater a CPI da Energisa acontece à luz de velas

Publicado

Foto: Assessoria

À luz de velas foi realizada a audiência pública na noite dessa quinta-feira (31) no município de Porto Esperidião para discutir a CPI da Energisa. O encontro contou com várias autoridades da cidade e com o deputado estadual e presidente da CPI na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Elizeu Nascimento (DC).

Os vereadores do município foram os requerentes da audiência pública, que convidou a população para debater a má prestação dos serviços que a empresa de distribuição de energia elétrica tem fornecido. Por ironia, a Câmara Municipal estava sem energia desde às 9h da manhã. O evento aconteceu as 19h e a Energisa ainda não havia resolvido o problema.

As audiências públicas dão oportunidade para a sociedade se manifestar acerca de assuntos que afetam a coletividade e impactam diretamente a vida dos cidadãos.

“Aqui conseguimos ver a falta de responsabilidade da empresa. Estamos realizando essa audiência pública sem luz. Através do clamor social chegamos até a CPI, tenho escutado tantos depoimentos que é preocupante, tem pais de famílias que estão sem saber se come ou paga energia porque aumento foi exorbitante. Eu abracei essa causa a pedido do povo e nós levaremos com muita seriedade essa CPI”, ressaltou o deputado Elizeu Nascimento.

“Eu andei em várias casas aqui de Porto Esperidião, posso afirmar que a indignação é geral, nas minhas andanças observei que o povo não aguenta mais o que vem pagando nas contas de energia. As contas triplicaram de valor é um descaso da Energisa com a nossa população”, disse o vereador Mandela (PR).

Veja Mais:  Romoaldo Júnior almeja estímulo às consciências fiscal, social e cidadã

“Mesmo sem energia vejo aqui muitas pessoas, esse é o sentimento que está nos 141 municípios de Mato Grosso, a busca de resposta. Ninguém suporta mais, nós precisamos de alguém que venha nos explicar como que pode triplicar uma conta de energia sendo que a nossa renda não sobe. Deputado, parabéns pela coragem porque não é fácil lutar contra tubarões mais o senhor ouviu o clamor da população”, enfatizou o representante da União das Câmaras Municipais de Mato Grosso, Edclay Coelho .

“O Procon está junto com a CPI da Energisa, hoje conseguimos resolver 90% das demandas que chega até nós, nos outros 10%, chama-se Energisa, Eu tinha um relatório minucioso para passar para todos, mas devido à falta de respeito e competência da Energisa não vai ser possível. Atualmente a Energisa é campeã no ranking do Procon. Ninguém supera, é absoluta. Eu tive caso de consumidor que ganhava R$ 900 e a conta vinha R$ 50 e de repente a conta passou a vir R$ 800, são situações que a gente sente na pele a partimos para briga, muitas vezes nos sentimos fracassos porque eles preferem pagar as multas do que entrar em acordo com o consumidor. A Energisa é uma pedra no sapato não só do consumidor, mas também nos órgãos de proteção dos consumidores”, frisou o representante do Procon, Robson Castilho.

Veja Mais:  Zied Coutinho faz show romântico no Zulmira nesta quinta (9); ingressos são 2kg de alimentos

Apesar de convidada, a Energisa não encaminhou nenhum representante para participar do debate.

CPI – A ALMT criou oficialmente e definiu os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Energisa no último dia 23. Na reunião, foi definido como relator o deputado estadual Carlos Avalone (PSDB) enquanto o vice-presidente será o emedebista Thiago Silva, sendo o presidente o deputado estadual Elizeu Nascimento (DC).

No momento, os membros da CPI da Energisa aguardam a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa disponibilizar o corpo técnico para dar continuidade aos trabalhos.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
publicidade

Política MT

Deputado Thiago e equipe percorrem mais de 50 municípios para atender demandas regionais

Publicado

Foto: Assessoria

Desde 1º de fevereiro de 2019, quando tomou posse na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Thiago Silva (MDB) tem dedicado atenção para todas as regiões de Mato Grosso. Até novembro, o parlamentar e sua equipe já visitaram 52 dos 141 municípios do Estado.

Além de reuniões em assentamentos e visitas em escolas, o parlamentar participou de audiências públicas sobre o projeto Cota Zero, CPI da Energisa e demandas da educação e saúde, na região noroeste, Médio-norte, Baixada Cuiabana, Oeste, Sudeste, Vale do São Lourenço e do Vale do Araguaia. “Na campanha fiz um compromisso de ser um parlamentar atuante e presente nos municípios durante o mandato, e isto tenho buscado fazendo visitas em todas as regiões do Estado para buscar resolver os problemas pontuais dos municípios. Nunca fui um parlamentar de gabinete. Entendo que a visita in loco facilita o atendimento das demandas, ajuda na produção de projetos, indicações e emendas. É assim que vamos conhecendo a realidade de nosso Estado e ajudando a melhorar a qualidade de vida da nossa gente”.

Entre os municípios percorridos citamos, Juína, Nortelândia, Alto Taquari, Nova Xavantina, São Félix do Araguaia, Luciara, Tesouro, Nossa Senhora do Livramento, Paranatinga, Rosário Oeste, Primavera do Leste, Poxoréu, Juscimeira, Canarana, Ribeirão Cascalheira, Novo Santo Antônio, Alto Boa Vista, Tangará da Serra, Arenápolis, Querência, Bom Jesus do Araguaia, Chapada dos Guimarães, Canarana, Nova Olímpia, Vila Bela da Santíssima Trindade, Nova Brasilândia, Barra do Bugres, Pedra Preta, Várzea Grande, Cáceres, Brasnorte, Barra do Garças, São José do Povo, Porto Esperidião, entre outras cidades, distritos e assentamentos.

Veja Mais:  Problemas no coração afetam 134 mil pessoas em Mato Grosso

O nosso objetivo é ouvir a população para buscar no parlamento estadual a resolução das demandas. Precisamos dar voz a todo cidadão mato-grossense, e desta forma nada melhor que o contato com a população. Com documentos e opiniões desses encontros e reuniões conseguimos cobrar soluções que de fato vão ajudar o povo. As audiências públicas são grandes ferramentas de aproximação entre o legislativo e as comunidades”, lembra.

O deputado tem extensa agenda municipalista a ser cumprida até o final deste ano. Entre os compromissos estão lançamentos de projetos de qualificação para jovens e adultos em parceria com a Fundação Ulysses Guimarães, reuniões em assentamentos, vistoria em obras públicas além da expansão do projeto Meu Primeiro Emprego.

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Representantes de sindicatos discutem impactos da reforma da Previdência com deputados

Publicado

A preocupação é do governador Mauro Mendes (DEM) encaminhar uma proposta de Reforma da Previdência estadual, fazendo adesão à PEC federal 6/2019, que modifica o sistema de previdência social

Foto: Marcelo Lucas / Assessoria de Gabinete

Presidentes de sindicatos dos delegados, investigadores, escrivães, agentes penitenciários e do sistema socioeducativo estiveram reunidos com os deputados estaduais Delegado Claudinei (PSL) e Elizeu Nascimento (DC), na tarde de segunda-feira (18), na sede da Associação Mato-grossense de Delegados de Polícia de Mato Grosso.

Na pauta, a preocupação com a possibilidade do governador Mauro Mendes (DEM) encaminhar uma proposta de reforma da Previdência estadual, fazendo adesão à PEC federal 6/2019, que modifica o sistema de previdência social, estabelece regras de transição e disposições transitórias.

“Na verdade, hoje os policiais têm aposentadoria especial e, na reforma da Previdência, nós não visualizamos como será o tratamento atribuído à polícia. E, por conta disso, estamos preocupados e precisamos conversar com o governo para saber qual tratamento ele dará aos policiais de Mato Grosso”, destaca a presidente do Sindicato de Delegados de Polícia de Mato Grosso (Sindepo-MT), Maria Alice Amorim.

Para o deputado Delegado Claudinei, a categoria policial é diferenciada e merece tratamento à altura da natureza da profissão. “Estive como delegado de polícia e sei como a rotina do profissional de segurança pública é estressante. Perdemos muitas noites de sono, sofremos pressão todos os dias, ficamos ausentes da nossa família, é muito estresse. O tempo que trabalhamos, estamos na mira de facções criminosas. Então, é uma categoria diferenciada”, ressalta o Delegado Claudinei.

Veja Mais:  Problemas no coração afetam 134 mil pessoas em Mato Grosso

Sargento aposentado da Polícia Militar, o deputado estadual Elizeu Nascimento disse que o caminho é a mobilização das categorias. “Temos que nos posicionar. Existe ainda a possibilidade de aumentar a alíquota previdenciária. Estamos juntos em defesa do servidor público”, finaliza.

Também participaram da reunião, o advogado Carlos Frederick, representando o deputado estadual João Batista (Pros); a presidente e o vice-presidente do Sindicato de Investigadores de Polícia de Mato Grosso (Sinpol-MT), respectivamente, Edleuza Mesquita e Gláucio Castañon; o presidente do Sindicato dos Escrivães da Polícia Judiciária de Mato Grosso (Sindepojuc-MT), Davi Nogueira; a presidente do Sindicato do Sistema Penitenciário de Mato Grosso (Sindspen-MT), Jacira Maria da Costa; o presidente do Sindicato da Carreira dos Profissionais do Sistema Socioeducativo do Estado de Mato Grosso (Sindpss), Paulo César, e demais profissionais das classes representadas.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Pavimentação asfáltica da MT 433 é discutida em Audiência Pública

Publicado

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Com o objetivo de debater a pavimentação asfáltica na MT- 433 e na BR -158, o deputado estadual João Batista (Pros), promove no próximo dia 02 de dezembro, no município de Bom Jesus do Araguaia, uma audiência pública, que será realizada às 14h, no Ginásio de Esportes Flávio Rocha de Sousa.

De acordo com o parlamentar, o pedido para a realização do evento, partiu de inúmeras solicitações feitas por munícipes que estiveram em seu gabinete, além de lideranças políticas locais, solicitando o asfaltamento da rodovia.

“Precisamos debater com a população, a necessidade dessa pavimentação, tendo em vista que os moradores destas regiões são os mais afetados com a falta de infraestrutura nas rodovias, fato este, que impede o crescimento e o desenvolvimento dos municípios”, ponderou João Batista.

O vereador de Bom Jesus do Araguaia, Alan Jones (Pros), um dos solicitantes da audiência pública, destacou o histórico constante de acidentes registrados na BR. “Em determinados trechos da rodovia, só há espaço para passar um veículo, colocando em risco diariamente a vida de centenas de pessoas que por ali trafegam. Por esse motivo, estive no gabinete do deputado João Batista, juntamente com o Raimundinho, presidente do Pros aqui do município, reivindicando a realização desse debate”, explicou Alan.

Outro militante da causa é o vice-prefeito da cidade de Alto Boa Vista, Jailton da Farmácia (Pros), que ressaltou a importância de promover o debate com a finalidade de levar o progresso para os munícipes.

Veja Mais:  Delegado Claudinei conhece políticas de assistência social do estado

“O desejo de qualquer cidadão que vive em localidades sem pavimentação asfáltica é poder sair de sua região e chegar com conforto e segurança em seus lares. Diariamente percorrem essas estradas, muitos pacientes em ambulância, alunos em transporte escolar, dentre outros, portanto é extremamente necessário o asfaltamento”, considerou Jailton.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana