conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Bope ganha reforço de cinco policiais militares com técnicas de operações especiais

Publicado

Os cinco novos cateanos estão aptos a atuar em operações especiais da Policia Militar

Os cinco novos cateanos estão aptos a atuar em operações especiais da Policia Militar – Foto por: Sd Wagner/PMMT

Cinco policiais militares receberam na noite desta segunda-feira (11.06), em evento realizado no quartel do Batalhão de Operações Especial da Polícia Militar (Bope), o brevê de operações especial. A entrega do distintivo oficializa a conclusão do 6º Curso de Operações Táticas Especiais (Cate) e os habilita à integrar a ‘tropa de elite’ da Polícia Militar mato-grossense.

A solenidade foi presidida pelo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo Jose de Assis, e contou com a presença de outras autoridades civis e militares, entre as quais o secretário adjunto de Integração Operacional da Secretaria de Segurança Pública (Sesp), coronel Victor Paulo Fortes Pereira, além de familiares dos formandos.

Durante 50 dias, em período integral, os policiais tiveram aulas teóricas e práticas sobre a história e as técnicas operacionais rurais e urbanas utilizadas pelas unidades especializadas no atendimento de ocorrências de maior complexidade como assalto a banco, sequestro, roubo com reféns, e outras.

Entre os cinco formandos está o soldado Eduardo Moreira Lauriano, de 25 anos, primeiro colocado ou, como se diz na linguagem militar, o “zero 1” da turma. Com três anos de carreira militar, Lauriano conta que está realizando seu sonho de infância de ser policial militar do Bope.

O comandante da PM, coronel Assis, homenageou o soldado Lauriano, primeiro colocado no curso(Foto – Sd Wagner/PMMT)

Nascido em General Carneiro, cidade do interior mato-grossense localizada a 442 quilômetros de Cuiabá, assim que ingressou na PM, em 2015, Lauriano candidatou-se ao curso da Rotam, também unidade especializada, onde serviu até a aprovação na seleção do Bope.

Veja Mais:  Policia Militar lança a 'Operação 100 Dias' em Rondonópolis

Desde quando era criança, relembra, tinha sua profissão definida: seria militar do Bope, assim como o filho da família vizinha que deixou General Carneiro e veio para capital. “Todos na cidade se orgulham dele, o admiram e o respeitam”, reforça. O policial que o inspirou hoje é sargento no Bope e atua no Serviço de Inteligência.

Sonho realizado? Em parte, diz, Lauriano. Ele quer continuar estudando, fazendo outros cursos especializados no Bope. “Não me vejo em outro lugar. Não foi fácil e sei que nunca será, cada dia é uma superação, mas também aprendi a nunca desistir”, completa, fazendo referência ao Curso de Operações Técnicas.

Após a entrega dos brevês, o coronel Assis, que também é da ‘Tropa de Elite’, um “caveira”, como se denominam os integrantes do Bope, unidade que ele já comandou, lembrou aos formados que “a partir dessa data nada será como antes. Estão prontos para superar toda e qualquer dificuldade”.

Além de parabeniza-los, Assis também os alertou dizendo que agora fazem parte de uma unidade onde a busca pelo conhecimento tático operacional é constante, um hábito, assim como ser acionado fora de hora e permanecer por longos dias em ação ininterrupta.

História do Bope

Atualmente comandado pelo tenente-coronel Ronaldo Roque da Silva, um oficial que há 12 anos se dedica a essa unidade, o Bope tem um efetivo de 120 policiais.

Veja Mais:  Em atividade no Dom Aquino, Patrulha Maria da Penha já tem previsão de expansão

Criado em 1988, o Batalhão Especial é uma referência no combate e repressão aos crimes de maior potencial ofensivo – roubo a bancos, tráfico de drogas, assaltos com reféns, e ações com uso de artefato explosivo, entre outros. É uma das unidades que compõem o Comando de Policiamento Especializado (Cesp), da Polícia Militar.

Além de combater a criminalidade o Bope atua no social, na prevenção primária. O Batalhão mantém o ‘Judô Bope’, projeto que atende 350 crianças e jovens (a partir dos 4 anos).

Os formandos chegam em grande estilo no pátio do Bope para receber o brevê de operações especiais(Sd Elias – PMMT) 

 

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Policial

PC de MT sede 5º encontro nacional dos coordenadores de operações especiais

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Coordenadores de dezessete unidades operacionais do Brasil estarão reunidos no 5º Encontro Nacional dos Coordenadores de Operações Policiais Especiais (CNCOPE), que ocorrerá nos dias 25, 26 e 27 de junho, no Estado de Mato Grosso. A abertura será no dia 25 de junho (terça-feira), às 9 horas, na sede da Gerência de Operações Especiais (GOE), em Cuiabá.

O delegado chefe da Gerência de Operações Especiais, Ramiro Mathias Ribeiro Queiroz, falou da realização do evento no Estado, que busca a padronização do conhecimento técnico e também compartilhar as boas práticas entre os grupos das Polícias Civis do País.

“É de suma importância, tendo em vista ser este o 5º Encontro. O primeiro encontro foi na Bahia, seguido depois dos estados: Parana, Rio de Janeiro e o quarto no estado de Goiás, todas unidades táticas tradicionais. O quinto encontro em Mato Grosso, mostra a importância da nossa Gerência. Esse encontro agrega muito valor e conhecimento para toda a polícia”, disse.

O CNCOPE é vinculado ao Conselho Nacional dos Chefes de Polícias Civis do Brasil (CONCPC), que trata das questões administrativas e diretrizes das unidades táticas do Brasil, como um todo, que faz os apontamentos das diretrizes que devem ser usadas nas policiais civis de todo o país.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Mais:  Policia Militar lança a 'Operação 100 Dias' em Rondonópolis
Continue lendo

Policial

Índice de roubos e furtos reduzem em Mato Grosso no primeiro semestre

Publicado

O número de roubos e furtos caíram nos primeiros seis meses deste ano em Mato Grosso no comparativo com o mesmo período do ano passado. Em todo o Estado, a redução de roubo foi de 24% (12.019 para 9.137) e furto de 16% (28.435 para 23.756). Os dados da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) são prévios e podem sofrer alterações quando forem consolidados.

Das 15 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp), 10 apresentaram redução de furto e sete de roubo. A Risp de Várzea Grande que contempla cinco municípios (Nobres, Jangada, Rosário Oeste, Nossa Senhora do Livramento e Poconé), foi a que mais apresentou queda de roubo, de 2.673 para 1.653 (-38%), seguida pela Risp de Tangará da Serra (Porto Estrela, Barra Do Bugres, Denise, Brasnorte, Campo Novo do Parecis, Sapezal e Nova Olímpia), 526 em 2017 para 333 em 2018 (-37%).

Em relação ao furto, a Região Integrada de Cuiabá (Acorizal, Chapada dos Guimarães, Nova Brasilândia, Planalto da Serra, Santo Antônio de Leverger e Barão de Melgaço) apresentou a maior baixa nos índices, 34% (10.257 para 6.790), seguida pela Risp de Tangará da Serra que apresentou queda de 26%, registrando 1.447 casos no ano passado e 1.075 em 2018.

Municípios destaques

Dos 141 municípios do Estado, 12 são destaque na redução de roubo no primeiro semestre. São eles: Barra do Bugres (de 60 para 28), Alta Floresta (de 101 para 52), Juína (90 para 46), Tangará da Serra (de 310 para 189), Campo Novo do Parecis (de 71 para 45), Rondonópolis (de 963 para 608), Nova Mutum (de 143 para 89), Sorriso (de 523 para 322), Cuiabá (de 4618 para 3040), Primavera do Leste (de 165 para 124), Poconé (de 85 para 70) e Sinop (de 562 para 456).

Veja Mais:  Polícia Civil cumpre prisões contra o crime organizado em Barra do Garças

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Força Tática prende assaltantes dos Correios de Campinápolis

Publicado

Uma ação conjunta do Pelotão de Força Tática da Polícia Militar de Mato Grosso (PMMT) de Água Boa e da Polícia Civil levou à prisão três suspeitos do roubo aos Correios de Campinápolis e à recuperação do dinheiro roubado. O assalto ocorreu por volta das 16 horas de quarta-feira (04.07).

Vagno Evangelista Damasceno, 31, Lívio de Andrade Oliveira, 37, e Douglas Pereira de Souza, 22, foram presos horas depois. Com eles a polícia apreendeu pouco mais de R$ 2,5 mil.

Depois de horas ininterruptas de buscas, por volta das 22h, a guarnição recebeu a informação de que uma das vítimas teria reconhecido, em fotografia, o suspeito Vágno como um dos autores do roubo.

Vágno foi o primeiro a ser capturado, perto de um hotel de Água Boa quando entrava em um veículo Gol, o mesmo que teria sido usado em apoio ao assalto. Revistado, com ele os policiais da Força Tática apreenderam R$ 2 mil. Além de confessar participação, o suspeito apontou os outros dois comparsas.

No bairro Cristalino, ocorreu a prisão do segundo, Lívio, com quem havia R$ 185. No quintal da casa estava motocicleta (CG 125 Fan) vermelha usada na prática do crime. A moto, conforme registro, é produto de roubo ocorrido na cidade de Mozarlândia, estado de Goiás.

Em outro endereço ocorreu a terceira e última prisão, de Douglas, que carregava consigo R$ 400. Ele também confessou ter feito parte do assalto a agência dos Correios. A PM levantou que Vagno e Douglas entraram na agência, enquanto Lívio ficou do lado de fora dando apoio. Depois, retornaram na moto e no carro para Água Boa usando como caminho estradas vicinais de chão batido.

Veja Mais:  Em atividade no Dom Aquino, Patrulha Maria da Penha já tem previsão de expansão

Durante esse percurso, esconderam as armas na mata de uma fazenda a 90 km de Água Boa. O carro e a moto foram apreendidos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana