conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Rondonópolis

Capacitação profissional em Rondonópolis transforma a vida de centenas de pessoas

Publicado

Foto: Assessoria

A noite desta quarta-feira (04) marcou o início de um novo ciclo para 350 pessoas que participaram dos cursos realizados no programa “Revelando Talentos”, uma parceria entre a Prefeitura de Rondonópolis e a Obra Kolping, e receberam os certificados durante cerimônia de encerramento na sede da organização social.  Foram cursos nas áreas de estética e beleza, culinária e artesanato.

Para Priscila Campos que participou do curso de confeitaria, a qualificação representa uma transformação de vida. “É a realização de um sonho porque adquirimos o certificado junto do aprendizado, abre uma porta para trabalhar e atingir nossos objetivos. Eu trabalhava no mercado comercial e sai para trabalhar para mim, vi uma oportunidade de fazer esse curso e agora estou apta”, celebrou.

Para o prefeito Zé Carlos do Pátio investir na capacitação profissional é promover a inclusão social. “Você tem vários instrumentos para tirar a pessoa da exclusão social, um dos instrumentos é a qualificação, o que estamos fazendo na Obra Kolping, é justamente preparando essas pessoas nas áreas da confeitaria, manicure, pedicure, cabelereiro, onde a pessoa faz o curso e depois a gente busca a oportunidade para ela, através de uma linha de crédito ou emprego em alguma localidade, muitas vezes o que falta em Rondonópolis é a qualificação, é inclusão social” disse o prefeito.

A secretária municipal de Promoção e Assistência Social Iriana Cardoso destaca que a qualificação permite mudar a realidade das famílias. “As pessoas que foram aqui qualificadas, elas tem uma nova perspectiva de vida, de empoderamento, de conseguir realizar sonhos” disse.

Veja Mais:  Pit Stop que acontece na sexta-feira (31) destaca malefícios do tabagismo e alternativas de vida saudáveis para substituí-lo

Comentários Facebook

Rondonópolis

Prefeitura realiza últimas adequações para receber o mato-grossense

Publicado


Na próxima semana acontece em Rondonópolis o jogo entre o União Esporte Clube e Mixto, disputando título do campeonato estadual de futebol. Para a realização do jogo a Prefeitura está trabalhando em ritmo acelerado para fazer as adequações necessárias e concluir os trabalhos no Estádio Municipal Eng. Luthero Lopes antes do jogo.

Estão sendo investidos recursos próprios da ordem de R$ 958 mil reais em toda a parte de gramado, vestiários, instalações elétricas e hidráulicas. Além disso, o município antedeu as solicitações dos órgãos e segurança e está instalando câmeras de monitoramento, colocando para-raios e sirene e também está implantando a sala da Polícia Militar.

Uma solicitação da Vigilância Sanitária também está sendo cumprida com a construção de um posto de enfermagem no Luthero. O secretário de Esporte e Lazer do município, Jailton Nogueira de Souza, afirmou que atendeu as solicitações da PM, do Corpo de Bombeiros e da Vigilância e inclusive já tem dois dos três laudos necessários para a realização da disputa pelo mato-grossense.

Um novo investimento que foi feito no estádio são as estruturas para dar apoio e separar o público que está utilizando a escadaria das arquibancadas dando mais segurança e conforto aos torcedores. O secretário comentou que o prefeito autorizou recentemente a pintura e numeração das arquibancadas que deve estar pronta até o dia da estreia do União no campeonato.

Jailton Nogueira disse que uma preocupação da obra são as cabines de imprensa que estão recebendo uma estrutura reforçada e garantir que os profissionais da imprensa possam trabalhar com conforto e segurança na transmissão dos jogos e eventos que acontecem no estádio. A previsão é que as cabines fiquem prontas até o dia 4 de fevereiro.

Veja Mais:  Licitação define empresa para revitalizar Parque Encontro das Águas
Fonte:

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Centro Cultural Jose Sobrinho deve retomar as atividades em meados de março

Publicado


As obras de reforma geral que estão acontecendo na estrutura do Centro Cultural José Sobrinho estão bastante adiantadas e deverão estar concluídas antes do prazo estabelecido, mais precisamente em meados do mês de março, e já com o retorno das atividades normais.

Os trabalhos no local estão sendo executados com recursos próprios, e foram iniciados em novembro de 2019. A obra tinha um prazo inicial de seis meses para conclusão (maio de 2020), e foi orçada em R$ 362.829,22.

A informação da antecipação da finalização da obra foi confirmada nesta quinta-feira (16), pela Gerente de Divisão do Centro Cultural, Maria de Fátima Nunes Rodrigues Sartori. A gestora confirmou que as obras estão bastante adiantadas, e seguem um ritmo muito bom, o que confirma a previsão de conclusão antecipada.

OBRAS

De acordo com Fátima, a reforma compreende ações na parte elétrica, hidráulica, pintura, adequações na entrada de acesso com a colocação de piso tátil; para orientar e melhorar a acessibilidade de Portadores de Necessidades Especais (PNEs); troca da forração do teto, construção de muro nos fundos, e instalação das grades de proteção (estrutura metálica) nos muros frontais e laterais; além da reforma completa nos banheiros e sanitários; e limpeza do terreno em geral, entre outras.

MATRICULAS

Todavia, a gestora explica que assim que for concluída a obra, a administração do centro, vai realizar a mudança/retorno ao local, e vai num primeiro momento, abrir uma data para a confirmação de matricula para os alunos regulares, que já frequentam a unidade. E, ‘caso sobrem vagas’, será aberto então, um novo prazo para matriculas de novos alunos.

Veja Mais:  Prefeitura lança construção da sede da Unemat em Rondonópolis

Mas, para tanto, os interessados em participar dos cursos, precisam atender alguns pré-requisitos básicos, como: possuir cadastro e apresentar o número do NIS (Número de Identificação Social); documentos pessoais; comprovante de endereço; comprovante escolar, e, foto pessoal 3×4.

Os alunos matriculados terão à disposição a oportunidade de fazer cursos na área musical, e aprender a tocar instrumentos, como: violão, violino, piano, bateria, e flauta doce; e, também aprender dança, como: jazz, balé clássico, e balé baby; e/ou ainda cursar teatro ou atuar nas artes plásticas capacitando-se através dos cursos de desenho e pintura.

Fonte:

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Vereadores recebem representantes da Umes

Publicado

Os representantes da União Municipal dos Estudantes Secundaristas se reunirão na segunda-feira (20), às 14h00 na Câmara Municipal de Rondonópolis, com os vereadores para discutir o Projeto de Lei nº 004/2020 encaminhado pelo Poder Executivo, que dispõe sobre alterar dispositivos da Lei nº 6.353/2010, que versa sobre o Passe Livre do Estudante no Sistema de Transporte Público Coletivo do Município.

As principais alterações que a União dos Estudantes não concorda são com a mudança no inciso 1º do artigo 4º da Lei Municipal que diz o seguinte: “Os alunos, cujas famílias estejam cadastradas junto à Secretaria de Ação Social como beneficiária do cartão cidadão e às Universidades Particulares como beneficiárias do PROUNI fornecido pelo governo federal, não precisarão comprovar renda. Os alunos cujas famílias não sejam beneficiárias do cartão cidadão e do PROUNI, deverão comprovar renda média familiar de um salário mínimo per capita”.

Com a alteração, os alunos deverão obrigatoriamente estar cadastrados junto a Secretaria Municipal de Promoção e Assistência Social através do Cadastro Único e comprovar renda própria de até um salário mínimo e/ou renda familiar de até dois salários mínimos.

Outra mudança que não agradou, foi o inciso 4º do artigo 7º que fala sobre o prazo para cadastramento e revalidação, atualmente esse processo encerra-se no dia 30 de novembro de cada ano, mas com a mudança se encerrará sempre no último dia do mês de outubro de cada ano.

Veja Mais:  Motoristas de carretas são multados por trafegar no perímetro urbano de Rondonópolis

“Nós não concordamos com essas alterações, e por isso vamos nos reunir com os parlamentares para que eles possam assim conversar com o prefeito para ele reformular essas mudanças, ou deixar esses artigos como estão na Lei”, disse a vice-presidente Ana Júlia Pirozzi.

“Esse projeto chegou na Casa de Leis na semana passada, e era para entrar em votação na Sessão Ordinária de ontem (15), porém os representantes  da Umes pediram um prazo para estudarem o projeto, e por isso não colocamos em votação, mas, na segunda-feira nos reuniremos com os representantes da Umes para ouvi-los e ver no que nós podemos ajudar”, falou o presidente da Câmara, o vereador Cláudio da Farmácia.

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana