conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Rondonópolis

Comissão de Saúde da Câmara discute situação da Santa Casa

Publicado

Foto: Assessoria

Foi realizada na tarde de hoje (09) na sala de reuniões da Câmara Municipal de Vereadores, uma reunião para discutir e buscar um caminho a fim de resolver a situação financeira da Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis.

O encontro foi marcado pela Comissão de Saúde dessa Casa de Leis, na qual é presidida pelo vereador Fábio Cardozo (PDT), estiveram presentes a Secretária Municipal de Saúde, Izalba Diva de Albuquerque, o Presidente do Consórcio Regional de Saúde, o prefeito de Poxoréu Nelson Paim, representantes do Grupo de Mulheres em Prol de Rondonópolis, a coordenadora Tânia Balbinotti, o vice-presidente da Santa Casa Sinésio Gouvea, a representante do Secretário Estadual de Saúde e administradora do Hospital Regional Caroline Dobes, e os vereadores Jailton do Pesque Pague (PSDB), Reginaldo Santos (Cidadania) e Doutor Orestes Miraglia (SD).

Essa foi a primeira vez que todas essas entidades ligadas à saúde se reuniram, para ouvir as pontuações e dar sugestões em busca de uma solução. Hoje a dívida geral da instituição chega a R$ 26 milhões, decorrente de subfinanciamento do SUS, que de acordo com o vice-presidente, a entidade vem bancando isso com créditos bancários, fornecedores e prestadores de serviços, e também resolver o futuro, que é corrigir os valores da tabela SUS, para que o custo seja coberto pelo comprador dos serviços que é o Poder Público. Na ocasião, o vice-presidente da entidade falou quais os pontos principais que precisam ser revistos, para encontrarem um caminho.

Veja Mais:  Prefeitura e Coder dão início as obras de recuperação asfáltica na UFR

“Precisamos mudar quatro pontos para o futuro, o primeiro a relação das metas, essa mudança piorou a situação da Santa Casa que já estava ruim, os valores dos serviços prestados precisam ser corrigidos pelo estado, as UTI’s são os grandes furos nossos, precisamos que sejam corrigidos também os valores, e uma proposta minha, é uma taxa de disponibilidade do atendimento privado, e a gente precisa ter dentro do consórcio uma ajuda, até o dia que a Santa Casa começar a receber pelo que faz”, disse Sinésio Gouvea.

Desse encontro ficou definido que será marcada uma reunião nos próximos dias com o Governador do Estado Mauro Mendes, junto com os prefeitos dos 19 municípios da região Sudeste que são atendidos pela Santa Casa, a fim de buscar uma solução para a instituição não fechar as portas.
“Precisamos unir as forças, a Santa Casa não pode fechar, é um hospital de referência estadual, e com essa reunião com o governador, vamos discutir os valores que são repassados e estão defasados, para evitarmos um problema dessa mesma magnitude daqui uns anos”, falou o vereador Fábio Cardozo.

“Se não encontrarmos uma solução, corre o risco da Santa Casa fechar nos próximos 30 dias, e aí, como será a transferência daqueles pacientes, pra onde vão? Diferente de Cuiabá que tem outros hospitais, aqui não tem”, disse Tânia Balbinotti.

Veja Mais:  Prefeitura faz entrega de 1,2 mil itens de locomoção entre cadeiras de rodas, andadores e bengalas

Comentários Facebook

Rondonópolis

Prefeitura leva “Ouvidoria Itinerante” para unidades de Saúde com proposta de ouvir usuários e melhorar o atendimento

Publicado


A Prefeitura de Rondonópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, está disponibilizando mais um canal de comunicação para que o cidadão usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) possa dar sugestões, elogios, reclamações ou apresentar reivindicações quanto ao atendimento prestado nas unidades, trata-se do projeto Ouvidoria Itinerante.

Segundo a coordenadora da Ouvidoria Sus Rondonópolis, Claudiane Martins da Silva, a Ouvidoria Itinerante percorrerá todas as unidades de Saúde do município para atender a população. Ela explica que toda semana, a equipe se deslocará para uma determinada unidade e ouvirá os cidadãos usuários do Sus.

Com o projeto nas unidades, além de divulgar o trabalho realizado pela Ouvidoria será um momento de aproximar e melhorar o serviço a população, através da comunicação com o usuário. 

A coordenadora explica que o objetivo é melhorar continuamente o atendimento e o serviço a população, especialmente, a partir da visão dos usuários, por isso é importante que procurem o atendimento da Ouvidoria Itinerante. 

Desde que iniciou neste mês, a Ouvidoria Itinerante já esteve presente nas unidades básicas de Saúde do Conjunto São José e na Vila Rica. Segundo Claudiane, com a presença da Ouvidoria nas unidades e a divulgação das ações, houve um maior contato dos usuários diariamente através do canal de atendimento pelo 0800 646 5100. 

Além deste número, o cidadão que necessitar da Ouvidoria pode entrar em contato também pelo whatsapp (66) 98413-1385.

Veja Mais:  Thiago Silva cobra conclusão de reforma de escolas estaduais
Fonte:

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Obras de recapeamento prosseguem em ritmo acelerado na Vila Operária

Publicado


As obras de recomposição asfáltica das vias públicas do Distrito de Vila Operária seguem em ritmo acelerado. Nesta segunda-feira (27)  a companhia contratada para realizar os serviços de microrrevestimento, iniciou uma operação “tapa-buracos” (recorte e, enchimento com massa asfáltica), ao longo da avenida Castelo Branco e Augusto de Figueiredo na Vila Itamaraty.

O cronograma de ações está sendo cumprido a risca, e devido à intensificação dos trabalhos que vem sendo executados, inclusive, nos finais de semana, as obras deverão ser finalizadas bem antes do prazo estipulado que antes, era o mês de maio.

A avenida Castelo Branco é o principal corredor de trafego e corta a Vila Operária ao meio, se inicia na avenida Bandeirantes e segue até a avenida José Barriga estava bastante esburacada. A construtora responsável efetuou o “tapa-buracos” e, já nesta terça-feira (28) fará a instalação do microrrevestimento ao longo de toda a via, incluindo toda a Rua Augusto de Figueiredo, na Vila Itamaraty, que também se encontrava bastante deteriorada.

Vale destacar, que esses serviços de revitalização asfáltica utilizando a aplicação do microrrevestimento a quente, tem melhor qualidade e durabilidade, pois impermeabiliza e aumenta a vida útil do pavimento, evitando o ressurgimento de buracos, sobretudo no período de chuvas.

SATISFEITOS
Em todas as ruas onde as obras já foram concluídas, a satisfação é geral; os moradores não escondem o contentamento com a qualidade dos serviços, que estão sendo feitos com materiais de primeira qualidade, já que trata-se de ‘asfalto a quente’, que possui melhor qualidade e maior durabilidade, bem como, a ação da prefeitura está sendo bem vista pela população, pelo claro respeito ao dinheiro público.

Veja Mais:  Prefeitura faz entrega de 1,2 mil itens de locomoção entre cadeiras de rodas, andadores e bengalas
Fonte:

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Policiais Penais realizam parto de visitante no presidio da Mata Grande

Publicado

Foto no local do parto e samu no atendimento da paciente

Policiais Penal do Presidio Major Eldo de Sá ‘Mata Grande’ realizaram neste domingo (26), o parto de uma visitante na unidade prisional.

A visitante apresentou os primeiros sinais de contração quando a bolsa estourou. Diante a situação, os policiais penal Elvis Barezi que também é enfermeiro e Fernando Bento, estavam no plantão foram acionados e realizaram o parto. A equipe atendeu mulher até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que conduziu a paciente até o hospital.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Feriado Corpus Christi, Câmara Municipal de Rondonópolis suspende as atividades no dia 21
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana