conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Mulher

Confira o top 10 dos erros mais cometidos na declaração do IR

Publicado

O brasileiro tem a fama de deixar tudo para última hora. Inclusive na declaração do IR. No entanto, é onde se comete erros, comenta Francisco Arrighi, “a principal vilã dos contribuintes é a pressa, já que estes deixam para preencher o documento muito em cima da hora e acabam cometendo erros ‘bobos’.”

Leia também: Saiba mais a respeito dos alimentos que fazem detox no organismo


IR
Divulgação

IR


Em 2019 a Receita Federal vai receber o imposto de renda de mais de 30 milhões de contribuintes. Desde montante, o Fisco estima barrar, como em todos os anos, cerca de 30% das declarações. Pode parecer inacreditável, mas a maioria destes arquivos ficam retidos na malha fina por deslizes insignificantes como erros de digitação e omissão de valores.

Atenção para os mais antenados que não querem cair na malha fina do Leão, pois o prazo de entrega é até 01 de março. Arrighi, diretor da Fradema, lista abaixo os 10 erros mais cometidos no documento:

1 – Digitar o ponto (.), em vez de vírgula (,), considerando que o programa gerador da declaração não considera o ponto como separador de centavos.

2 – Não declarar todos os rendimentos tributáveis recebidos, como por exemplo: salários, pró-labores, proventos de aposentadoria, aluguéis etc.

3 – Não declarar o rendimento tributável recebido pelo outro cônjuge, quando a opção for pela declaração em conjunto.

Veja Mais:  Encontros com desconhecidos sustentam mulhercomprometida: ‘Meu namorado aprova’

4 – Declarar o somatório do Imposto de Renda Retido na Fonte descontado do 13º salário, ao Imposto de Renda Retido na Fonte descontado dos rendimentos tributáveis e descontar integralmente este somatório do imposto devido apurado.

5 – Declarar o resultado da subtração entre os rendimentos tributáveis e os rendimentos isentos e não tributáveis, ambos informados no comprovante de rendimentos fornecidos pela fonte pagadora (empresa).

6 – Declarar prêmios de loterias e de planos de capitalização na ficha “Rendimentos Tributáveis”, considerando que esses prêmios devem ser declarados na ficha “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva.

7 – Declarar planos de previdência complementar na modalidade VGBL como dedutíveis, quando a legislação só permite dedução de planos de previdência complementar na modalidade PGBL e limitadas em 12% do rendimento tributável declarado.

8 – Declarar doações a entidades assistenciais, quando a legislação só permite doações efetuadas diretamente aos fundos controlados pelos Conselhos Municipais, Estaduais e Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente e limitadas em até 6% do imposto devido. 

9 – Declarar Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva, como Rendimentos Tributáveis, como por exemplo o 13º salário. 

10 – Declarar despesas com planos de saúde de dependentes não relacionados na declaração do IR.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook

Mulher

Terapeuta de 90 anos cita os piores erros que estão atrapalhando sua vida sexual

Publicado


Depois de alguns anos o sexo caiu na rotina? Veja quais erros você está cometendo que podem estar acabando com sua vida sexual e dicas para recuperar agora toda a chama da relação
shutterstock

Depois de alguns anos o sexo caiu na rotina? Veja quais erros você está cometendo que podem estar acabando com sua vida sexual e dicas para recuperar agora toda a chama da relação

Se alguém tem experiência para falar sobre sexo, essa pessoa é Ruth Westheimer. Aos 90 anos, a terapeuta sexual segue dando conselhos para ajudar casais a melhorarem suas vidas debaixo dos lençois. Em entrevista recente ao programa americano “Today”, por exemplo, ela apontou quais os maiores erros que as pessoas em um longo relacionamento cometem e que atrapalham a vida sexual. Será que você se encaixa em algum dos casos?

Leia também: Apimente a relação com 30 posições sexuais

Segundo Dra Ruth, como é conhecida mundialmente, são três os erros que mais afastam os casais atualmente e prejudicam a vida sexual . A boa notícia é que com medidas simples é possível contornar a situação e recuperar toda aquela chama da relação. Veja os detalhes: 

Erro #1: quando a vida sexual fica em seguno plano


O maior erro, segundo a terapeuta, é colocar a vida sexual em segundo plano
shutterstock

O maior erro, segundo a terapeuta, é colocar a vida sexual em segundo plano

Esse é o maior erro de todos, de acordo com a especialista. E ela é bem direta ao dar uma solução para esse problema: “Tenha certeza de que você realmente quer fazer sexo com seu parceiro. Pare de dizer que  sexo não é tão interessante quanto há 20 anos. No lugar disso, fale o quanto você tem sorte por ter um parceiro”. 

Veja Mais:  Sexo em casa: use e abuse do divã – uma alternativa à poltrona erótica

Erro #2:  celular é mais importante que o outro


Vocês passam mais tempo no celular do que conversando um com o outro? Está aí mais um erro que atrapalha a vida sexual
shutterstock

Vocês passam mais tempo no celular do que conversando um com o outro? Está aí mais um erro que atrapalha a vida sexual

Sim, estamos em um mundo conectado, mas isso pode ser um perigo para a vida a dois. Muitos casais ficam tanto tempo com seu celulares, seja em redes socias, troca de mensagens ou outros aplicativos, que esquecem dos parceiros. E aí voltamos ao primeiro erro da lista. O celular vem antes até do sexo, mesmo que muitos nem percebam isso. 

A dica de Dra Ruth é se desconectar dos aparelhos e buscar mais aproximação no mundo real. “Deixe o celular do lado de fora do quarto porque você precisa conversar de fato com seu parceiro. Se tivesse de escolher uma coisa que é a mais importante em um relacionamento é o diálogo. Vocês precisam conversar um com o outro “. 

Erro #3: falta de tempo


Não desanime com a falta de tempo e procure criar momentos a dois para apimentar a vida sexual
shutterstock

Não desanime com a falta de tempo e procure criar momentos a dois para apimentar a vida sexual

Esse é um problema geral e que também acaba influenciando no sexo e afastando os casais:  a falta de tempo. Se há filhos, então, a coisa fica ainda mais complicada. Entretanto, segundo Dra Ruth, isso não é motivo para desanimar e abandonar a relação a dois. 

Leia também: 10 hábitos que você deve evitar para salvar um relacionamento desgastado

Veja Mais:  Alimentação e exercícios: como obter todos os nutrientes necessários para você

“Para ser realista, as pessoas mais velhas não têm a mesma resistência que as pessoas mais jovens”, reconhece a terapeuta sexual. “E os pais, principalmente, têm dificuldade de encontrar tempo para si”, continua. 

“Para eles eu falo em alto e bom tom: vão para um motel! Vocês não precisam passar a noite inteira lá, pode ser apenas algumas horas. Aproveitem para tomar um banho de banheira, beber champagne, jantar e fazer um bom sexo. Depois voltem para casa e paguem a babá”, aconselha a babá. Esse momento a dois já vai apimentar a vida sexual de vocês. 


Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Professora “imita” aluna e corta cabelo depois de criança ser vítima de bullying

Publicado

Uma professora de educação infantil dos Estados Unidos chamou a atenção com uma bela atitude recentemente. Depois de ver uma aluna sofrer bullying porque tinha o cabelo curto, ela decidiu também cortar os fios para mostrar que todos podem usar os cabelos da forma que quiserem. 


Professora Shannon Grimm aparece com o cabelo curtinho ao lado da aluna que sofreu bullying na escola
Divulgação/Willis ISD

Professora Shannon Grimm aparece com o cabelo curtinho ao lado da aluna que sofreu bullying na escola

Leia também: Solidariedade: crianças raspam a cabeça para apoiar mãe e amigo

“Precisava mostrar que garotos podem ter cabelo comprido como as garotas e que as garotas podem ter cabelo curto como os garotos”, afirma Shannon Grimm, professora da escola Meador Elementary School,  em Willis, no Texas, em entrevista ao programa de TV “Today”. 

A história começou com a pequena Priscilla, de 5 anos. A garotinha era constantemente vítima de provocações dos colegas de escola por causa dos fios curtos. Depois das férias, a professora decidiu adotar um corte bem parecido com o da criança. 

Leia também: Como reverter e evitar o bullying entre crianças e adolescentes

Ela conta ao “Today” que os alunos ficaram chocados quando a viram com o novo visual, mas o resultado foi positivo. Segundo a professora, Priscilla ficou muito empolgada com a atitude dela. “Sua confiança aumentou”, completa Shannon. 

Decisão de cortar o cabelo


Shannon e a pequena Priscilla com o mesmo corte de cabelo e laços combinando
Divulgação/Willis ISD

Shannon e a pequena Priscilla com o mesmo corte de cabelo e laços combinando

Shannon diz também que não fácil decidir abanonar os longos fios, mas que não se arrepende. “Sabia no meu coração que era isso que eu precisava fazer”, diz a professora. 

Veja Mais:  Bolode vagina, biscoito de pênis e mais: histórias engraçadas de mães e filhos

Ela espera que o gesto possa servir de exemplo no futuro e em outros casos de bullying. “Na vida sempre teremos alguém que não será legal com a gente. Mas tudo se resume a que você faz e como voê reage a isso”, analisa Shannon. 

Leia também: Como lidar com um filho que pratica bullying?

De acordo com a professora, a pequena Priscilla concorda com ela. “Ela me disse: ‘Quando for grande como você, terei amigos que serão maus comigo, mas eu serei boa com eles como você’”. 

Para completar, a professora ainda comprou laços iguais que ela e a aluna usam como adereço de  cabelo na escola. “Os laços representam força, família e que tem alguém olhando por ela”, detalha Shannon. “Vou continuar usando o laço. Estou aqui por ela”, finaliza. 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Medalhista olímpico dá dicas para quem quer começar a correr em provas de rua

Publicado

Quer começar a correr em provas de rua e não sabe o que fazer? Apesar de parecer simples se aventurar nesse meio, já que estamos falando de provas que acontecem em vias públicas, alguns cuidados são necessários para evitar lesões e possíveis complicações aos corredores.

Leia também: É corredor de rua? 5 exercícios para melhorar desempenho e ganhar velocidade


Antes de começar a correr em provas de rua, alguns cuidados com a alimentação e o preparo físico são necessários
shutterstock

Antes de começar a correr em provas de rua, alguns cuidados com a alimentação e o preparo físico são necessários

É preciso muito treino, hidratação e alimentação adequada para garantir força e resistência durante o percurso. Veja as principais dicas do medalhista olímpico Robson Caetano, embaixador do Viva a Longevidade, do Grupo Bradesco Seguros, para quem quer começar a correr em provas de rua. 

Leia também: 6 corridas diferentes para desafiar seus limites ou apenas se divertir

Principais cuidados para quem quer começar a correr


Medalhista olímpico indica que o primeiro passo para quem quer começar a correr é buscar orientação médica
shutterstock

Medalhista olímpico indica que o primeiro passo para quem quer começar a correr é buscar orientação médica

Para quem está começando, um primeiro passo pode ser buscar acompanhamento médico para encarar essa jornada. Segundo Robson Caetano, o profissional irá te orientar o quanto de intensidade você pode realizar para não se machucar. “Essa troca com o profissional de educação física pode ser a chave do sucesso nas corridas de rua , mas se você não tiver o acompanhamento, a declaração de aptidão para a prática da atividade de corrida já é o suficiente”, fala. 

Veja Mais:  Alimentação e exercícios: como obter todos os nutrientes necessários para você

Após isso, é hora de treinar e criar condicionamento físico. Além do acompanhamento médico, para quem está começando o treino deve ter cautela e precaução para evitar possíveis lesões.

“As lesões podem ser evitadas se quem pratica a atividade de corrida realizar exercícios de alongamento, coordenação e se mantiver focado em seu objetivo. Eu não posso garantir que não haja imprevistos, mas isso já ajudará”, fala. 

Além disso, é fundamental manter uma alimentação apropriada para garantir um corpo forte e leve. “Assim você sofrerá menos com o treinamento, que é usado exatamente para essa manutenção da sua capacidade física e de peso”, explica o medalhista.

O que fazer antes da minha primeira corrida?


Quem quer começar a correr deve redobrar a atenção com hidratação e alimentação às vésperas da prova
shutterstock

Quem quer começar a correr deve redobrar a atenção com hidratação e alimentação às vésperas da prova

Com a aproximação da prova, você deve dar uma atenção mais cuidadosa aos preparativos para a competição. O medalhista explica que poucos dias antes da prova o treinamento diminui tanto de volume quanto de intensidade.

“Há um aumento considerável de hidratação, afinal ao longo de uma prova, o desgaste físico se dá principalmente em função da desidratação, e, para evitar esse desgaste se faz necessária a melhora da hidratação”, aconselha.

Além disso, acompanhado da grande ingestão de água na véspera da prova, é válido consumir uma quantidade generosa de carboidrato. “O açúcar encontrado nas massas será útil para a combustão de energia no músculo”, explica.

Veja Mais:  Sexo em casa: use e abuse do divã – uma alternativa à poltrona erótica

Leia também: Corrida na esteira, na rua ou na areia? Qual o melhor exercício para emagrecer?

Durante o percurso


Se você quer começar a correr em provas de rua, é importante lembrar que durante o percurso os cuidados continuam
shutterstock

Se você quer começar a correr em provas de rua, é importante lembrar que durante o percurso os cuidados continuam

E os cuidados continuam após o início da corrida de rua . De acordo com Robson Caetano, a hidratação ainda é o ponto chave para aguentar o trajeto. Ele explica que é interessante fazer a manutenção hídrica, com intervalos entre três a quatro quilômetros para a reposição. Já nos atletas de alto rendimento, muitos se hidratam em momentos entre 5 a 8 quilômetros, e apenas molham a boca sem ingerir muitos goles – apenas saboreiam a água e seguem. 

Agora que você já sabe como começar a correr e se preparar para as provas de rua, é hora de amarrar o tênis, colocar uma roupa adequada e partir para o treino! 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana