conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Nacional

“Em 30 dias, família Bolsonaro está mais enrolada que PT em 39 anos”, diz Haddad

Publicado


Fernando Haddad criticou a família Bolsonaro durante a festa de aniversário do PT, comemorado neste sábado (9)
Divulgação/PT
Fernando Haddad criticou a família Bolsonaro durante a festa de aniversário do PT, comemorado neste sábado (9)

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) aproveitou o ato de aniversário de 39 anos do PT para criticar publicamente o presidente da República, Jair Bolsonaro, na noite deste sábado (9). Haddad afirmou que a família Bolsonaro está “mais enrolada” em 30 dias de governo do que o PT esteve em toda a sua história.

“Colocaram uma família no poder que está mais enrolada em 30 dias que esse partido em 39 anos. Não conseguem explicar nada e vão surgindo escândalos. Vão fugindo dos debates, fazendo o que fizeram na campanha”, disse Haddad, sobre a família Bolsonaro
. “Eles fogem porque não têm o que explicar”, atacou.

A declaração do ex-candidato petista à Presidência da República faz referência ao caso do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente eleito, que é investigado após o relatório da Coaf apresentar movimentações suspeitas em suas contas bancárias, o chamado caso Queiroz.

Para o petista, Jair Bolsonaro só o derrotou nas eleições de outubro por causa da disseminação de “fake news” nas redes sociais. “Ganharam na mão grande para apresentar projetos que não correspondem aos anseios populares”, afirmou Haddad, que prometeu um PT forte nas próximas disputas eleitorais.

“Eles que nos aguardem em 2022 e, antes disso, em 2020, vamos para a disputa, e para vencer”, afirmou, dizendo que todos os projetos de Bolsonaro “jogam o Brasil 30, 40, 100 anos para trás.”

Veja Mais:  Bolsonaro entrega pessoalmente na Câmara projeto com mudanças na CNH

Ainda em seu discurso, o ex-prefeito de São Paulo criticou a segunda condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que recebeu, nesta semana, um acréscimo em sua sentença, de 12 anos 11 meses por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do sítio em Atibaia, em São Paulo.

Para Haddad, a Justiça ainda não conseguiu demonstrar que houve qualquer crime cometido por Lula. “Se você não disser qual foi o ato cometido pelo Lula que tenha contrariado o interesse do povo brasileiro, você não pode condenar nem o Lula nem nenhum servidor público”, disse. 

“Todo mundo presta atenção em tudo o que o Lula faz e fala, e assina, tudo passou por exame. Eles não conseguiram, em anos de investigação, mostrar um ato, um único ato do Lula que tivesse contrariado interesse do povo”, afirmou, comparando o tempo em que o líder petista foi alvo dos holofotes da imprensa e o tempo em que a família Bolsonaro
ocupa o mesmo espaço. 

Fonte: IG Política
Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Doria lança campanha de turismo para atingir 350 milhões de pessoas no mundo

Publicado

source

IstoÉ

O governador de São Paulo, João Doria, lançou nesta sexta-feira 15 a mais audaciosa campanha internacional de turismo já feita pelo País, com o objetivo de atrair mais visitantes para o estado. O projeto é integrado por um comercial feito pelo governo de São Paulo que estará no ar em todos os canais da CNN no mundo, podendo atingir 350 milhões de telespectadores. Doria destaca que o mais importante é que “toda a campanha foi financiada pelo setor privado, o que prova a credibilidade do governo de São Paulo junto à iniciativa privada. É uma das ações mais eficientes para dinamizar o turismo em São Paulo”, diz o governador.

Leia também: “Queremos que Lula volte para a cadeia”, diz João Doria

João Doria (PSDB)%2C governador de São Paulo arrow-options
Governo do Estado de São Paulo
João Doria (PSDB), governador de São Paulo


Leia também: “Sou contra e não vou me candidatar”, diz Doria sobre reeleição

A nova campanha, que está prestes a entrar no ar, foi custeada pelas companhias aéreas brasileiras. Ao custo de R$ 4 milhões, a campanha foi negociada entre o governo paulista e o setor privado, após a diminuição de impostos nos combustíveis da aviação. A campanha tem o título de “SP for Everyone” e irá ao ar, basicamente, pelos canais da CNN em rede mundial, com abrangência em 180 países. Ela começa a ser divulgada no próximo dia 16 e coloca São Paulo em um patamar acima da atração do turismo para o país.

Veja Mais:  Boneco ‘Super-Moro’ volta a ser inflado enquanto ministro é sabatinado na CCJ

Assista ao vídeo da campanha

Leia também: “Queremos que Lula volte para a cadeia”, diz João Doria

Fonte: IG Política
Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Homem é preso após ameaçar ex-mulher com boneco de vodu

Publicado

source

O Juizado Especial Criminal e da Violência Doméstica contra a Mulher de Tubarão, no litoral de Santa Catarina, condenou um homem, de 55 anos, por ameaças à sua ex-mulher e descumprimento em duas ocasiões de medidas protetivas. Ele terá de cumprir oito meses e dez dias de detenção, em regime aberto, por ameaça praticada mediante violência psicológica e em contexto de violência doméstica.

Leia também: Homem é preso após oferecer dinheiro a três crianças e estuprá-las em sua casa

vodu%3A imagem meramente ilustrativa arrow-options
Visual Hunt
vodu: imagem meramente ilustrativa

O processo do homem tramitou em segredo de justiça e cabe recurso. As informações foram divulgadas pela Assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

Leia também: Em regime semiaberto por pedofilia, homem é preso por estuprar própria filha

Segundo os autos, o idoso ameaçou a ex por meio de ligações e arquivos de áudio, mesmo após o deferimento de medidas protetivas em favor da vítima . A mulher teria encontrado no portão de sua casa uma boneca vodu, com sinais de mutilação, “a fim de intimidá-la”.

O comportamento obsessivo do acusado começou após o término do relacionamento do casal, destaca o processo. De acordo com a decisão, do juiz Maurício Fabiano Mortari, “verificou-se a concreta perseguição do idoso contra a vítima”.

A sentença registra que tal comportamento é encontrado em relacionamentos abusivos e clássicos de violência doméstica – o que “não se mostra saudável para nenhuma das partes envolvidas”.

Veja Mais:  ‘Questão ideológica não vai voltar à América do Sul’, diz Bolsonaro na Argentina

Leia também: Segurança preso ao obrigar menores a fazer sexo com ele para não falar de roubos

“Este caso é um dos dolorosos retratos de contextos familiares expostos numa vara da violência doméstica, estando permeado dos clássicos elementos que compõem um cenário de violência doméstica: dominação, subserviência, agressividade, medo, entre outros”, registrou o magistrado sobre o caso do homem envolvendo vodu .

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Oficial da PM é espancado por não pagar programa com travestis no Rio

Publicado

source
pm arrow-options
PMERJ
Tenente da Polícia Militar foi espancado por travestis por não pagar programa

PMs do 9º BPM (Rocha Miranda) foram acionados por causa de uma briga em um ponto de prostituição, na Vila Valqueire, na Zona Norte do Rio, na noite desta sexta-feira (15). No local, os policiais da PM encontraram um tenente do batalhão seminu, desmaiado na calçada.

Leia também: Vídeo mostra momento em que PM morre ao reagir a assalto em ônibus

De acordo com testemunhas, o oficial da PM havia sido agredido por duas travestis após se recusar a pagar por um programa sexual com elas. Segundo a ocorrência da Polícia Militar, o tenente recebeu os primeiros socorros após ser levado para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região.

No entanto, por causa da gravidade dos ferimentos, ele precisou ser encaminhado para o Hospital Estadual Carlos Chagas, também em Marechal Hermes. Ainda não há informação sobre o estado de saúde do militar.

Leia também: Mulher sofre acidente, é resgatada e toca violino para Bombeiros; assista

Em nota, a PM se limitou a dizer que uma equipe foi acionada para uma confusão no local, no entanto quando os agentes chegaram, o tumulto já havia se dispersado e ninguém foi preso.

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Veja Mais:  ‘Questão ideológica não vai voltar à América do Sul’, diz Bolsonaro na Argentina
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana