conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Carros e Motos

Evento de clássicos em Águas de Lindóia será dedicado ao Fusca, nos dias 23 a 25

Publicado

source
VW Fusca arrow-options
Divulgação

Encontro em Águas de Lindóia é um dos maiores do Brasil. E dessa vez, anunciaram que terá foco no VW Fusca

Entre os dias 23 a 25 de agosto os apaixonados por VW Fusca terão a oportunidade de ver uma grande variedade no evento de Águas de Lindóia (SP), um dos maiores do Brasil quando o assunto é carro clássico. Entre outros modelos, estarão mais Volkswagen a ar e diversas relíquias produzidas entre 1940 e 1990. As expectativas para o número de visitantes gira em torno dos 50 mil, com mais de 500 exemplares da marca de Wolfsburg, e a entrada é gratuita.

LEIA MAIS: VW Fusca nacional faz 60 anos. Veja 5 “filhotes” do clássico carismático

A exposição será dividida por modelos e décadas para que o expectador possa ter uma ideia de como o VW Fusca sofreu alterações ao longo dos anos. Também participarão do evento fabricantes de auto peças e acessórios exclusivos para modelos clássicos da Volkswagen, sendo que alguns itens ainda estão na embalagem original. Quem quiser expor o seu carro clássico deve se inscrever no site do evento de Águas de Lindóia .

Carro mais vendido do mundo

Com 21.529.464 unidades produzidas entre 1938 e 2003, a partir do “carro do povo” se originou uma série de nomes como Beetle, Bug, Käfer, Type 1, Carocha, Coccinelle, Escarabajo, Maggiolino e outros, além de variantes como a Brasília, Variant, TL, VW Kombi, SP2, Karmann Ghia e mais. Entretanto, nada disso teria se concretizado se não fosse a Segunda Guerra Mundial.

Veja Mais:  Ferrari 250 GTO bate recorde em leilão, vendida por R$198,6 milhões

LEIA MAIS: Fusca Série Prata traz customização no estilo “german look”

Tem a suas origens diretamente ligadas aos veículos militares. A maior é o motor, com sistema de arrefecimento que precisava ser a ar para que quando o exército alemão estivesse em campanha em desertos e outros lugares com pouca água, não tivessem o problema de superaquecimento por falta dela.

Tendo se mostrado bastante eficiente e barato em situações extremas, e com a exigência de Hitler para que a VW criasse um carro que coubesse no bolso do povo, que passasse dos 100 km/h, o trem de força foi muito bem recebido por Porsche, inclusive para as inúmeras corridas que participou (e ainda participa) no mundo todo.

LEIA MAIS: Raro VW Fusca de 1964, quase sem uso, está à venda por US$ 1 milhão nos EUA

Foi o Fusca que, em 1953, deu início não só à própria história, como também à da Volkswagen no Brasil. Naquele ano começou a montagem, na capital paulista, de modelos com peças importadas da Alemanha. A fabricação nacional começou em 1959 e foi até 1986. Em 1993, o Fusca voltou à linha de produção, a pedido do então presidente Itamar Franco. A nova fase durou até 1996. Houve até uma última versão, a Série Ouro, que teve apenas 1.500 unidades.

Ao final, só no Brasil foram fabricados 3,3 milhões deles, uma marca nos coloca como um dos mais relevantes na história do VW Fusca . Assim, além de popular, é um dos carros mais colecionados do Brasil, com exemplares da Série Ouro na casa dos R$ 50 mil, e os mais valorizados (alemães. cabriolet) que podem superar os R$ 140 mil.

Veja Mais:  Bugatti Chiron feito de Lego anda de verdade

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook

Carros e Motos

Candidato à presidência da Argentina confirma nova picape da GM

Publicado

source
Nova picape da GM arrow-options
Kleber Pinho da Silva

Projeção da nova picape da GM, com elementos do Tracker e do novo SUV Blazer

O candidato Alberto Fernández aparece à frente do atual presidente Mauricio Macri nas eleições argentinas, e mesmo que ainda não tenha sido eleito, já se reuniu com diretores da General Motors no país. Entre seus anúncios, confirmou que a Chevrolet terá uma nova picape intermediária na planta de Santa Fé em meados de 2021.

LEIA MAIS: Veja 5 fatos que já sabemos sobre o Fiat Fastback

De acordo com o site Argentina Autoblog, trata-se do projeto conhecido internamente como A.V.A (ou Alto Valor Agregado), fruto de um futuro investimento de US$ 300 milhões que já havia sido anunciado em 2017 para a nova picape da GM .

LEIA MAIS: Kia terá nova picape média para bater de frente com Hilux, S10 e Ranger

Inicialmente, Mauricio Macri havia falado sobre um investimento de US$ 500 milhões na planta de Santa Fé, enquanto o novo anúncio de Fernández revela US$ 300 milhões. Ao Argentina Autoblog, a Chevrolet explicou que o investimento na fábrica de Santa Fé será de US$ 300 mi, enquanto os outros US$ 200 mi serão destinados ao desenvolvimento de novos componentes.

LEIA MAIS: Ford prepara EcoSport para 2021 com marca chinesa, diz site

Veja Mais:  GM prepara Cruze Sport6 SS com 300cv para o Salão do Automóvel 2018

Apesar de Fernández ter mencionado “uma nova picape”, a Chevrolet ainda não se pronunciou oficialmente sobre a categoria do novo produto.

A melhor idéia da década

VW Tarok arrow-options
Divulgação

O conceito Tarok, apresentado pela Volkswagen durante o Salão do Automóvel do ano passado

A chegada da Fiat Toro em 2016 revolucionou a categoria das picapes, e todas as fabricantes já se movem para lançar novos produtos. Durante o Salão do Automóvel 2018, a Volkswagen apresentou o conceito Tarok, antecipando um modelo entre Saveiro e Amarok. Rumores recentes também sugerem que a Ford poderá ter uma nova picape abaixo da Ranger, tratada pela imprensa americana como “projeto Ranchero”, outro modelo rival da nova picape da GM .

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Veja 5 fatos que já sabemos sobre o futuro SUV da Fiat

Publicado

source

Os SUVs são os grandes responsáveis pelo faturamento da FCA nos últimos anos. Além do Renegade, o Jeep Compass também demonstra fôlego na categoria dos utilitários esportivos médios, vendendo mais que todos os rivais juntos. Para os próximos anos, a marca tem o objetivo de aumentar sua oferta de SUVs no mercado.

LEIA MAIS: Ford prepara novo EcoSport para 2021 em parceria com marca chinesa, diz site

A reportagem do iG Carros lista os 5 fatos que já sabemos sobre o novo SUV da Fiat , que em até dois anos poderá estar na sua garagem. Confira as informações que já foram divulgadas.

1 – Não virá para canibalizar outros modelos

Linha Jeep arrow-options
Divulgação

Chefe de design garante que clientes não ficarão indecisos entre Renegaede, Compass e o novo SUV da Fiat

Durante a inauguração do novo Centro de Design da América Latina, em Betim (MG), o chefe de projetos da FCA Peter Fassbender contou à nossa reportagem que a marca pretende “proteger os brands já estabelecidos no mercado nacional”. Em outras palavras, assegurar que o novo modelo não prejudique as vendas de Renegade e Compass.

De acordo com o executivo, isso justifica o seu design de SUV-cupê. “Você jamais imaginaria um modelo da Jeep com essa queda na traseira”, disse Fassbender. “Dessa forma, o próximo SUV da Fiat será um produto único”.

Veja Mais:  Primeiro SUV elétrico da Audi está pronto para ganhar as ruas

2 – Nova família de motores

Fiat Firefly arrow-options
Divulgação

A família Firefly terá novas versões 1.0 e 1.3, ambas turbinadas com sistema de variação de abertura de válvulas

Em meados de março, foi anunciado um investimento de R$ 500 milhões na fábrica de motores de Betim para a produção de dois novos propulsores. Tratam-se dos novos Firefly 1.0 e 1.3 em versões turbo, que serão feitos a partir do final de 2020 e aparecerão nos primeiros produtos em meados de 2021.

LEIA MAIS: Realidade na Índia, Jeep menor que o Renegade não virá ao Brasil

Foi confirmado que ambos contarão com o sistema de variação da abertura das válvulas de admissão, sistema de injeção direta e comando acionado por corrente. De acordo com o presidente da marca, Antonio Filosa, a nova família de motores será ainda mais durável. Tudo indica que a versão 1.3 turbo estará no Fastback.

3 – Dianteira baseada no futuro facelift Toro

Fiat Fastback arrow-options
Cauê Lira

Maquete no Centro de Design revela alguns estudos do novo SUV com a dianteira da Fiat Toro

O visual do futuro SUV é motivo de grande discussão na imprensa automotiva. Quando o conceito Fastback foi apresentado no Salão do Automóvel, o visual tinha várias diferenças em relação às maquetes em “clay” mostradas no Centro de Design (com a dianteira da Toro).

Veja Mais:  Ferrari 250 GTO bate recorde em leilão, vendida por R$198,6 milhões

Quando sua versão de produção chegar ao mercado em meados de 2021, a Fiat já terá reestilizado a Toro . Portanto, o visual do novo SUV dependerá do que a marca planeja com a picape, que é líder de vendas em sua categoria e deverá ser reestilizada no primeiro trimestre de 2021.

4 – Ele terá irmãos, sem relação direta com a Jeep

Fiat Fastback arrow-options
Marcos Camargo

Estudos de design mostram que o novo SUV da Fiat terá queda na traseira, no arranjo SUV-cupê

O presidente da FCA na América Latina, Antonio Filosa, já declarou que o conceito Fastback não antecipa apenas um modelo. Ao todo, serão três modelos apenas para a Fiat. Durante a inauguração do Centro de Design, a marca exibiu a imagem acima, indicando que teremos três novos produtos nos próximos anos. A relação entre eles, por outro lado, não é certa.

LEIA MAIS: Segredo! Volkswagen prepara versão do T-Cross com jeito de cupê

5 – Chega em 2021

Fiat Fastback no Salão do Automóvel 2018 arrow-options
Guilherme Menezes/iG

Fiat Fastback no Salão do Automóvel 2018, a primeira aparição do novo conceito ao público

De acordo com o cronograma da FCA , o novo SUV chegará em 2021. A informação foi confirmada por Antonio Filosa durante a abertura da exposição “Na Arte de Mestres Italianos”, na FAAP (SP). Ainda é difícil cravar um mês, pois a FCA terá outros modelos inéditos no mesmo ano, além da reestilização da Toro que deverá ser lançado no primeiro trimestre.

Veja Mais:  Bugatti Chiron feito de Lego anda de verdade

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Salão Duas Rodas 2019 abre pré-venda com ingressos promocionais

Publicado

source
Salão Duas Rodas arrow-options
Divulgação

Salão Duas Rodas: o evento é um dos maiores da categoria na América Latina

O Salão Duas Rodas 2019 anunciou os preços dos ingressos. A entrada para terça-feira, abertura do evento, custa R$ 35,00 (meia R$ 17,00). Para quinta, sexta-feira e domingo, o valor é de R$ 45,00 (R$ 22,50 a meia) e, para quarta-feira, sábado e domingo, o valor é R$ 55,00 (R$ 27,50 a meia). Esses preços são promocionais referentes ao primeiro lote de vendas (primeiro lote válido até 31 de agosto ou enquanto durar o estoque).

LEIA MAIS: Harley-Davidson apresenta os novos modelos da linha 2020

Além disso, a organização do Salão Duas Rodas 2019 também anunciou também que abrirá as vendas de outras categorias especiais de ingressos para todos os gostos e bolsos. Entre eles, para motoclubes, caravanas e outros grupos, além do famoso Kit Fã e experiências VIP.

LEIA MAIS: Honda ADV 300 será mostrado em novembro com mais custo-benefício

Salão Duas Rodas arrow-options
Divulgação

Áreas de test-ride serão a oportunidade dos entusiastas verem na prática as motos dos estandes

No evento, marcas como a Triumph, Dafra, Kawasaki , Honda, Yamaha , Suzuki, Haojue e Kymco — que juntas compõem mais de 98% do mercado nacional — estarão no evento. Com isso, serão lançados alguns modelos no evento. Entre eles, a naked Kawasaki Z400, a esportiva de entrada Yamaha YZF-R3 e chances da Ducati chegar com a super esportiva Panigale V4. Mas, sem esquecer da Honda, a líder de mercado, que virá com a CB 500X, com roda de 19 polegadas na dianteira. A Harley-Davidson não estará presente.

Veja Mais:  Veja 5 compactos brasileiros com preços de supercarros nos Estados Unidos

LEIA MAIS: Ducati terá duas Scrambler 2020 que chegam em outubro nos EUA e Europa

E os visitantes poderão não só vê-las, como testá-las. O grande diferencial deste ano será a área de experimentação de modelos. Serão mais de 10 km de pista com test-rides on/off-road, mobilidade urbana, além de um test-ride VIP, somente com as supermáquinas. Vale lembrar que o evento está entre os maiores da América Latina, o que significa que mais de 270 mil pessoas são aguardadas para a edição 2019 do Salão Duas Rodas .

Datas e endereço

18 de novembro – Avant Première: 18h às 23h
De 19 a 24 de novembro (terça-feira a sábado): 14h às 22h.
Dia 19 de novembro (domingo): 11h às 19h, com entrada até às 17h.
São Paulo Expo Exhibition & Convention Center (Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5 – São Paulo/SP).

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana