conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Carros e Motos

Harley-Davidson revela dois lançamentos inéditos: uma off-road e uma esportiva

Publicado

source
Harley-Davidson arrow-options
Divulgação
Novas Harley-Davidson são as precursoras de novas tecnologias, que estão em conformidade com os novos modelos

A Harley-Davidson acaba de apresentar dois modelos inéditos no Salão de Milão (Itália). São elas a Pan America (big Trail) e a Bronx (naked esportiva), que não só marcam, pela primeira vez, a chegada da fabricante em ambos os segmentos, como também do novo motor bicilíndrico Revolution Max, com dois tamanhos: 1250 cc e 975 cc, respectivamente. A filial brasileira da marca já declarou que estão previstas para chegar entre o fim do ano que vem e o início de 2021.

LEIA MAIS: Kawasaki Z650 tem a linha 2020 revelada com várias mudanças

A Harley-Davidson Pan America será a primeira da marca a vender no segmento todo o terreno, chamado pela marca de Adventure Touring. Terá 145 cv a partir da maior configuração do novo motor, mais que os 136 cv da rival BMW R 1250 GS Adventure (R$ 99.950). Tanto esta quanto a outra novidade são equipadas com freios Brembo.

LEIA MAIS: Novas Honda CBR 1000RR-R e 1000RR Fireblade são reveladas oficialmente

Já a naked esportiva Bronx , desenvolve 115 cv a partir dos 975 cc. Seus maiores destaques são o visual agressivo e a agilidade, que fazem a novidade rivalizar com a Kawasaki Z900 (125 cv e R$ 42.490) e a Yamaha MT-09 (115 cv e R$ 44.190). Infelizmente, maiores detalhes dela e da Pan America ainda permanecem com a fabricante, mas deverão ir soltando cada vez mais.

Veja Mais:  Wrangler, o mais off-road dos jeeps já chegou ao Brasil

LEIA MAIS: Nova geração da Suzuki V-Strom é revelada, com novo visual e mais tecnologia

Segundo a Harley-Davidson, o novo motor foi projetado para equipar não só ambas as novidades, mas futuros lançamentos também, com a capacidade de oferecer menos vibração, mais torque em baixas rpm, potência em altas rpm, peso e centro de gravidade mais reduzidos, além de durabilidade. Veja os vídeos de divulgação das duas após o fim do texto.

As novas H-D que acabam de chegar ao Brasil

Harley arrow-options
Divulgação
Harley-Davidson Low Rider S: A mais em conta das três, com visual bruto e proposta mais esportiva

Com o início do plano “More Roads to Harley-Davidson” na América do Sul — marcado pela chegada dos novos modelos — a Low Rider S (R$ 73.600), a Heritage Classic 114 (R$ 78.700) e a Road Glide Limited (R$ 104.500) são as que já se encontram nas concessionárias. Todas trazem o motor Milwaukee-Eight 114, que gera 16,4 kgfm. A primeira, além de mais em conta, é a mais esportiva das três. Traz suspensão regulável, guidão alto, farol de led, assento individual e os acabamentos escurecidos.

LEIA MAIS: Testamos a nova Harley-Davidson Low Rider S em grande estilo

Em seguida, está a Heritage Classic 114, também da família Softail. Em sua nova geração, segue com detalhes cromados e procura destoar um pouco do estilo clássico adicionando acabamentos na cor preta, mesmo que ainda seja marcada por este estilo. Vem equipada com alforjes rígidos vedados e que podem ser trancados, para-brisa removível, assento duplo, controle de velocidade e freios ABS.

Harley arrow-options
Divulgação
Harley-Davidson Road Glide Limited 2020: O modelo mais refinado das três, com equipamentos de última geração

E, por fim, está a Harley-Davidson Road Glide Limited, da família Touring, que segue a proposta estradeira da Heritage Classic, mas explora mais tecnologias e sofisticação. Isso porque vem com novos grafismos, emblemas e rodas, novo acabamento na carenagem interna e manoplas aquecidas. Isso sem falar do novo pacote que traz controle eletrônico de tração, freios ABS, controle assistente de parada, leitura de pressão dos pneus e multimídia.

Veja Mais:  Os três pecados capitais do Fiat Cronos



Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

Convivência prova que design ‘diferentão’ do HB20S é melhor pessoalmente

Publicado

source


Hyundai HB20S azul arrow-options
Divulgação
Hyundai HB20S evolui bastante na nova geração com equipamentos sofisticados e mecânica mais refinada


Rio – Quando deu às caras no Brasil pela primeira vez, mais precisamente em 2012, o Hyundai HB20 quebrou paradigmas e se tornou referência entre os compactos por sua proposta de design irreverente. Agora, a segunda geração de compactos da sul-coreana tenta manter o legado e tomar para si a segunda colocação do ranking de vendas do país.

LEIA MAIS: Hyundai adianta início das vendas do novo sedã compacto HB20 S

O feito não é fácil, se considerarmos que a linha divide os holofotes com o líder em vendas Chevrolet Onix, que parece ter subido o nível. Para saber se dão conta do recado, rodamos por uma semana e cerca de 400 km com a versão sedã . O visual redesenhado do HB20S tem dianteira mais rebaixada, com grade ampla, que quase toma toda a porção e lembra a boca de um peixe.

Mas a convivência de perto, na versão Diamond Plus , equipada com o novo motor turbo 1.0 e mais cara (R$ 81.290), tornou as linhas atraentes. Principalmente pelo fato do modelo ter caimentos que remetem, e muito, ao design de cupês. Os faróis pontudos com projetores e assinatura em LEDs na extremidade lateral colaboram para essa melhor impressão.

Hyundai HB20S azul arrow-options
Divulgação
Traseira do Hyundai HB20S passa a seguir o estilo notchback, o que causou certa polêmica


Alguns elementos como o tamanho das lanternas traseiras e a sua posição, que não segue a linha formada por um vinco vindo da lateral, destoam. Mas, no geral, o design externo é um acerto. Só não provoca a mesma sensação causada pelos primeiros modelos da geração um.

Veja Mais:  Os três pecados capitais do Fiat Cronos

LEIA MAIS: Hyundai HB20 1.0 Diamond Plus faz jogo rápido contra Fiat Argo 1.8 Precision

Por falar em acertos, a espichada de 3 cm, totalizando 2,53 m, no entre-eixos do modelo é outro deles. O espaço maior, associado à linha de cintura mais baixa e a nova angulação dos assentos traseiros, reduzem a sensação claustrofóbica da geração anterior.

Hyundai HB20 S arrow-options
Divulgação
Hyundai mudou todo o interior do HB20S, que ficou mais caprichado que o da geração anterior

Se as mudanças por fora só agradaram pessoalmente, o interior do HB20S 2020 é bonito de todos os ângulos. Com linhas sóbrias e combinações de texturas mais acertadas, o modelo é superior a maioria dos concorrentes. Mas sim, ele também tem plástico rígido em boa parte das superfícies. Porém essa escolha não passa a impressão de fragilidade.

Pelo contrário, o HB20S tem ótimos encaixes, nenhuma rebarba aparente e combina com bom gosto plásticos de acabamento black piano, metalizados e foscos.Embora o tom cinza claro do couro dos bancos, painéis de porta, coifa do câmbio e volante, não agrade muito, a qualidade do revestimento deve ser mencionada.

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Convivência prova que design ‘diferentão’ do HB20S é melhor pessoalmente

Publicado


Hyundai HB20S azul arrow-options
Divulgação
Hyundai HB20S evolui bastante na nova geração com equipamentos sofisticados e mecânica mais refinada


Rio – Quando deu às caras no Brasil pela primeira vez, mais precisamente em 2012, o Hyundai HB20 quebrou paradigmas e se tornou referência entre os compactos por sua proposta de design irreverente. Agora, a segunda geração de compactos da sul-coreana tenta manter o legado e tomar para si a segunda colocação do ranking de vendas do país.

LEIA MAIS: Hyundai adianta início das vendas do novo sedã compacto HB20 S

O feito não é fácil, se considerarmos que a linha divide os holofotes com o líder em vendas Chevrolet Onix, que parece ter subido o nível. Para saber se dão conta do recado, rodamos por uma semana e cerca de 400 km com a versão sedã . O visual redesenhado do HB20S tem dianteira mais rebaixada, com grade ampla, que quase toma toda a porção e lembra a boca de um peixe.

Mas a convivência de perto, na versão Diamond Plus , equipada com o novo motor turbo 1.0 e mais cara (R$ 81.290), tornou as linhas atraentes. Principalmente pelo fato do modelo ter caimentos que remetem, e muito, ao design de cupês. Os faróis pontudos com projetores e assinatura em LEDs na extremidade lateral colaboram para essa melhor impressão.

Hyundai HB20S azul arrow-options
Divulgação
Traseira do Hyundai HB20S passa a seguir o estilo notchback, o que causou certa polêmica


Alguns elementos como o tamanho das lanternas traseiras e a sua posição, que não segue a linha formada por um vinco vindo da lateral, destoam. Mas, no geral, o design externo é um acerto. Só não provoca a mesma sensação causada pelos primeiros modelos da geração um.

Veja Mais:  Wrangler, o mais off-road dos jeeps já chegou ao Brasil

LEIA MAIS: Hyundai HB20 1.0 Diamond Plus faz jogo rápido contra Fiat Argo 1.8 Precision

Por falar em acertos, a espichada de 3 cm, totalizando 2,53 m, no entre-eixos do modelo é outro deles. O espaço maior, associado à linha de cintura mais baixa e a nova angulação dos assentos traseiros, reduzem a sensação claustrofóbica da geração anterior.

Hyundai HB20 S arrow-options
Divulgação
Hyundai mudou todo o interior do HB20S, que ficou mais caprichado que o da geração anterior

Se as mudanças por fora só agradaram pessoalmente, o interior do HB20S 2020 é bonito de todos os ângulos. Com linhas sóbrias e combinações de texturas mais acertadas, o modelo é superior a maioria dos concorrentes. Mas sim, ele também tem plástico rígido em boa parte das superfícies. Porém essa escolha não passa a impressão de fragilidade.

Pelo contrário, o HB20S tem ótimos encaixes, nenhuma rebarba aparente e combina com bom gosto plásticos de acabamento black piano, metalizados e foscos.Embora o tom cinza claro do couro dos bancos, painéis de porta, coifa do câmbio e volante, não agrade muito, a qualidade do revestimento deve ser mencionada.

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Toyota oferece taxa zero para o Yaris em promoção da Black Friday

Publicado

source

Motor Show

Toyota Yaris cinza arrow-options
Divulgação
Toyota Yaris Sedan pode ter a primeira parcela do financiamento apenas para depois do Carnaval


A Black Friday acontece só no próximo dia 29. Mas a Toyota já iniciou a sua campanha para a data. Na promoção Black Friday Toyota, o compacto Yaris (que acabou de ganhar novidades na linha 2020) está disponível com taxa zero no financiamento e o pagamento da 1ª parcela só depois do Carnaval.

LEIA MAIS: Toyota Yaris da linha 2020 ganha nova versão com motor 1.5 no lugar do 1.3

Iniciada no início deste mês, a campanha se encerra no dia 30 de novembro ou até o fim dos estoques. Outras informações podem ser encontradas no site do fabricante .

LEIA MAIS:  Toyota Yaris XL Plus 1.5: um sedãzinho eficiente

Além da marca japonesa, a Ford também anunciou para a Black Friday a venda dos modelos Ka Hatch e Sedan com o câmbio automático grátis (leia aqui) .

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Veja Mais:  VW confirma: terá picape conceitual, nova rival da Toro,no Salão do Automóvel
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana