conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Carros e Motos

Kawasaki Z650 tem a linha 2020 revelada com várias mudanças

Publicado

source


Kawasaki Z650 arrow-options
Divulgação
Kawasaki Z650: mudanças no desenho, mais conforto e sofisticação entre as principais mudanças da linha 2020


Uma das novidades que a Kawasaki mostra no Salão de Milão (Itália), que abre hoje (7) para o público e vai até o próximo dia 10 é a linha 2020 do modelo Z650. A moto agora passa a ter novo farol de LED entre as alterações no desenho, que ficou ainda mais arrojado com novos grafismos e linhas ousadas.

 LEIA MAIS: Kawasaki revela a nova W800, café racer com estilo retrô

A reestilização da Kawasaki Z650 mostra como deverá ser o estilo de outros modelos da linha Z, como a Z-H2, a Z900 e a Z400. Além disso, o cluste r digital agora fica parecido com o da Ninja 650 e recebe conexão via Bluettoth para conetar um aplicativo no celular para receber noticações e email ou ligações recebidas na tela da moto.

Ainda entre as principais novidades da Kawasaki Z650, destaca-se o desenho do tanque e o banco mais confortável e mais espesso tanto para o piloto quanto para que vai na guarupa. Você também vai notar que existem novas opcões de cores  e combinações, como preto e vermelho.

 O motor tem 650 cc de cilindrada, de dois cilindros que funcionam em paralelo, com refrigeração a água, 8 válvulas e duplo comando no cabeçote. Rende 68 cva 8.000 rpm e 6,5 kgfm de torque a 6.700 rpm e a moto naked da marca japonesa vem acoplado ao câmbio de seis marchas.

Veja Mais:  Um roteiro de 2.600 km no Chile com um Nissan X-Trail – parte 1

LEIA MAIS: Nova Kawasaki Z400 chega com motor e equipamentos da última geração

Os freios da Kawasaki Z650 da linha 2020 contam com discos de 300 mm na roda de frente, como pinças de dois pistões e de 220 mm na traseira com apenas um pistão. Confira abaixo o video oficial de lançamento da moto que logo deverá desembarcar no Brasil.



Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

Dodge Charger do filme “Velozes e Furiosos 7” vai à leilão nos EUA

Publicado

source

Motor Show

Dodge Charger arrow-options
Divulgação
Dodge Charger de Dominic Toretto (Vin Diesel) é um verdadeiro carro de corrida, sem pintura

Esta é a chance de colocar um carro da franquia “Velozes e Furiosos” na sua garagem. O Dodge Charger pilotado por Dominic Toretto (Vin Diesel) na cena final do episódio sete deve mudar de dono neste sábado (23), em um leilão organizado na Arábia Saudita pela Worldwide Auctioneers . E o melhor de tudo: ele pode ser utilizado na rua!

LEIA MAIS: Ford Mustang de “Velozes e Furiosos” está à venda nos EUA

O Dodge Charger é uma criação única e foi construído sobre um chassi da Scott Spock Racing. Comparado ao do modelo original, ele é 400% mais rígido, enquanto a carroceria foi alargada em 12,7 cm.

LEIA MAIS: Veja os 9 carrões mais legais de Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw

Aliás, foram necessárias de 16.000 horas de trabalho para a criação da máquina do Vin Diesel em Velozes e Furiosos , que impressiona pela carroceria sem pintura.

LEIA MAIS: 10 filmes de carros que marcaram a história do cinema mundial

Sob o capô do Dodge Charger , o motor Hemi V8 9.4 biturbo despeja impressionantes 2.281 cv de potência, permitindo acelerar de 0 a 100 km/h em pífios 1,8 segundo e ir de 0 a 257 km/h em oito segundos. As suspensões são ajustáveis e os freios possuem pinças de seis pistões. Por dentro, outro destaque aparece no revestimento em couro italiano. Uma obra prima da engenharia.

Veja Mais:  Um roteiro de 2.600 km no Chile com um Nissan X-Trail – parte 1

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

SUVs elétricos: Veja a nova safra que vem aí, com modelos de grife

Publicado

source
Mustang Mach-E arrow-options
Divulgação
O SUV Mustang Mach-E chega no início de 2020 com o exclusivo modelo “First Edition” de produção limitada

A Ford criou uma área interna chamada “Team Edison”, numa alusão à Thomas Edison o inventor da lâmpada elétrica. Claro, o objetivo da equipe é realizar seus programas de SUVs elétricos e o Mustang Mach-E é o primeiro veículo dessa nova geração de EVs que a montadora promete a partir de 2020.

LEIA MAIS: Ford Mustang Lithium, Chevy E-10 e Bronco R querem dar alma aos eletrificados

O Ford Mach-E vai competir com marcas de grife com os modelos Mercedes-Benz EQC, Jaguar I-Pace, o Audi e-Tron, Volvo XC40 e Tesla Model Y que criam uma nova faixa de mercado: o “SUV verde”’de luxo. Com exceção do Tesla, num primeiro momento, os demais SUVs elétricos estarão no Brasil.

Segundo a Ford, o Mach-E tem seu design inspirado no cupê esportivo Mustang. Será uma linha de elétricos com cinco versões. Vai começar com o modelo “First Edition” de produção limitada, numa exclusiva cor azul e terá uma autonomia de 430 km e é capaz de rodar de 0 a 100 km/h em 5 segundos. O modelo básico é o Mach-E “Select” e terá um alcance de 370 km e também precisa de 5 segundos para percorrer 0 a 100 km/h.

SUVs elétricos premium

Mercedes arrow-options
Divulgação
O Mercedes-Benz EQC reúne luxo e potência no segmento de SUVs elétricos

Outro modelo é o “Premium” com autonomia de 484 km. Há também o GT com autonomia de 375 km e aceleração de 3 segundos no 0 a 100 km/h. Finalmente, a edição “California Route I”, mais focada para as viagens, com aceleração de 0 a 100 km/h em 6 segundos, alcance de 482 km com uma carga.

Veja Mais:  Abarth celebra os 70 anos com o lançamento de linha comemorativa

LEIA MAIS: Saiba quais são as novidades de carros elétricos e híbridos no Japão

Já o Mercedes-Benz EQC, totalmente elétrico, será equipado com dois motores elétricos – um em cada eixo – capazes de entregar 408 cv de potência combinada e 78 kgfm de torque. Oferece 400 quiômetros de autonomia. Já a velocidade máxima é limitada a 180 km/h. O modelo mede 4,76 metros de comprimento, 1,88 m de largura, 1,62 m de altura e tem 2,87 m de entre-eixos.

jaguar arrow-options
Divulgação
O SUV elétrico i-Pace traz um belo design com toda a herança da lendária marca Jaguar

O Jaguar I-Pace já está à venda. Também tem dois motores elétricos alimentados por uma bateria de íons de lítio de 90kWh que rendem 400 cavalos e 69,6 kgfm de torque. O modelo acelera de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos e oferece autonomia até 470 km com apenas uma carga da bateria. A tração é integral cada motor movimenta um eixo.

Volvo arrow-options
Divulgação
O Volvo XC40 Recharge chega no começo de 2020 é já está sendo anunciado no site da montadora no Brasil

O SUV e-Tron é o primeiro modelo elétrico da Audi já no mercado. Tem dois motores elétricos, um em cada eixo. O motor dianteiro rende 125 kW e o traseiro, 140 kW. São cerca de 362 cv combinados. O torque é de 57,2 mkgf. O conjunto garante uma autonomia de mais de 400 km. Permite arrancar de 0 a 100 km/h em 6,6 segundos.

Audi arrow-options
Divulgação
O e-Tron é o primeiro modelo elétrico produzido em série pela montadora alemã Audi

O Volvo XC40 terá a versão elétrica, chamada de Recharge – “recarregar”, em inglês –, é já foi apresentada no exterior. O SUV recebeu dois motores elétricos, um em cada eixo, capazes de gerar 408 cv de potência combinada e com autonomia para rodar até 400 km sem precisar de recarga. Em relação ao modelo convencional, A bateria fica alocada no assoalho do carro.

Veja Mais:  Confirmado no Brasil, Land Rover Defender é apresentado em Frankfurt

LEIA MAIS: Fusão entre PSA e FCA vai beneficiar 12 marcas com modelos eletrificados

Tesla arrow-options
Divulgação
A Tesla quer revolucionar o mercado de SUVs compacto Model Y que chega ao mercado mundial no próximo ano

O projeto mais ambicioso é o SUV compacto Tesla Model Y totalmente elétrico em quatro versões. O “Long Range” tem bateria para no dirigir até 480 km com uma só carga. Ele chega a 209 km/h e vai de zero a 100 km/h em 5,5 segundos. Possui dois motores e tração nas quatro rodas; ele tem alcance de 450 km. O modelo “Performance” vai de zero a 100 km/h em apenas 3,5 segundos, e atinge velocidade máxima de 240 km/h.

Sobre o lançamento da Ford, um Twitter de Elson Musk, CEO da Tesla, resume este artigo: “Parabéns pelo Mach -E!. SUVs elétricos / sustentáveis ​​são o futuro !! Animado por ver este anúncio da Ford, pois também encorajará outras montadoras a se tornarem elétricas”.

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Tesla mostra polêmica picape elétrica Cybertruck, que parece à prova da balas

Publicado

source
Tesla Cybertruck arrow-options
Divulgação
Tesla Cybertruck: desenho polêmico para romper com os paradigmas do lucrativo mercado de utilitários nos EUA

A Tesla mostra sua nova picape elétrica com estilo ousado e regada a muita controvérsia. Houve quem achasse que se tratava de uma brincadeira do CEO da empresa, o irreverente Elon Musk. Mas, não era. A ideia é romper com todos os paradigmas do lucrativo mercado de utilitários nos EUA.

 LEIA MAIS: Tesla Model Y, novo SUV elétrico de entrada, acaba de ser revelado

Com nada menos que 5,89 metros de comprimento por 2,03 m de largura e 1,91 m de altura e interior para seis ocupantes, a Tesla Cybertruck tem interior minimalista, com apenas uma grande tela no centro do painel e três fileiras de assentos. Mas ainda gaverá mudanças na picape por dentro, por isso a marca não deu muito detalhes dessa parte.

Em compensação, não tiveram cautela em mostrar a força da nova Tesla Cybertruck, cuja versão mais potente vem com três motores elétricos, tração integral e disposição para acelerar de 0 a 100 km/h em aoenas 2,9 segundos, completando os primeiros 400 metros em meros 10,8 segundos, tempo de esportivos nervosos como o Dodge Challenger Hellcat (3,8 s e 10,8 s, respectivamente). 

Mais detalhes da Tesla Cybertruck

A versão topo de linha da Tesla Cybertruck vai custar o equivalente a US$ 69 mil com autonomia de mais de 800 quilômetros e velocidade máxima de 209 km/h, de acordo com os números da fabricante sediada na Califórnia (EUA).

Veja Mais:  Abarth celebra os 70 anos com o lançamento de linha comemorativa

Além do estilo polêmico, a picape elétrica da Tesla chama atenção pela valentia ao rodar, com ângulo de ataque de 35° e de 28° de saída. E como demostração de força, Musk resolveu mostrar sua picape (que vai pesar entre 3.401 e 6.350 kg) destruindo uma Ford F-150. O modelo elétrico tem carroceria de aço inoxidável e parece à prova de balas. 

 LEIA MAIS:  Carros elétricos são mais seguros que modelos convencionais?

A nova picape da tesla tem suspensão a ar em todas as versões e caçamba com 2 metros de comprimento com cobertura para melhorar a aerodinâmica que transforma a área de carga em um imenso porta-malas de 2.831 litros. Mais informações da Tesla Cybertruck serão divulgadas numa data mais próxima do início da produção do carro.



Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana