conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Mulher

Mãe gera polêmica por ser contra a vacinar os filhos: “São protegidos por Jesus”

Publicado

Quando se trata de vacinar os filhos, existe um grande debate entre os pais. Enquanto muitos são a favor outros acreditam que isso é algo desnecessário e que não contribui para a saúde da criança. Um exemplo é uma mãe de cinco filhos que gerou polêmica no Facebook por dizer que nunca vai dar nenhuma vacina nos filhos porque eles já são “protegidos por Jesus”.

Leia também: Maternidade polêmica: mãe de 8 sofre  ataques por família não tradicional


Uma mãe acredita que não precisa vacinar os filhos porque eles já são protegidos por Jesus e atitude gera debate
shutterstock
Uma mãe acredita que não precisa vacinar os filhos porque eles já são protegidos por Jesus e atitude gera debate


A mãe, cuja identidade foi preservada, escreve o seguinte: “Eu tenho cinco filhos e eles nunca serão vacinados. Eles são protegidos por Jesus porque eu sei que a fé ajuda você a seguir o caminho correto. As mesmas pessoas que me dizem para vacinar
são as mesmas pessoas que me dizem que Deus não criou magistralmente este planeta”.

Leia também: Mãe impressiona com lista de exigências para encontrar babá; confira

Segundo informações do site britânico “UNILAD”, o post gerou repercussão e muitos usuários começaram a responder a mãe
. Fazendo uma suposta referência a vacina de tétano, uma pessoa tenta provocar dizendo que se um dos filhos
dela se machucar com um prego enferrujado como o que usaram para pregar Jesus na cruz, ele ficaria muito mal pelo simples fato de não ser vacinado.

Veja Mais:  10 tendências de moda que vão bombar em 2019, segundo o Pinterest

A importância de vacinar  


O OMS diz que vacinar é importante para combater doenças, por isso, alerta os pais
shutterstock
O OMS diz que vacinar é importante para combater doenças, por isso, alerta os pais


Essa publicação é um exemplo de que muitos pais deixam de vacinar seus filhos e os motivos são diversos. A Organização Mundial de Saúde (OMS) alerta sobre os riscos dessa atitude e em um comunicado divulgado nos últimos dias explica que essa relutância em dar vacina nas crianças “ameaça reverter o progresso feito no combate a doenças evitáveis ​​por vacinação”.

Segundo a organização, a vacina previne até 3 milhões de mortes por ano, por isso, eles fazem questão de expressar preocupação que sentem ao notar que muitas pessoas são contra a esse método de prevenção. O sarampo, por exemplo, é uma doença que tem registrado um aumento de 30% nos casos, sendo que 72 crianças e adultos morreram por causa dessa doença no ano passado.

Leia também: Foto de mãe trabalhando com bebê de três meses no colo causa polêmica

Vacinar
é uma das formas mais econômicas de evitar doenças – atualmente previne de 2 a 3 milhões de mortes por ano e outros 1,5 milhões poderiam ser evitados se a cobertura global de vacinação melhorasse”, afirmam os representantes da OMS.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Não quer fazer sexo? Não tem orgasmo? Culpa pode estar na falta de sono; entenda

Publicado

source

Conseguir dormir bem à noite é fundamental para ter energia e disposição no dia seguinte e conseguir realizar as tarefas normalmente. Por outro lado, quando o sono não é suficiente, diversos problemas podem surgir, como irritabilidade, cansaço, desatenção e, ainda, a diminuição da vontade de fazer sexo. 

Leia também: 13 fatores que afetam o desejo sexual e como lidar com cada um deles

vida sexual arrow-options
shutterstock
A falta de sono pode ter impacto na vida sexual e, com isso, há uma diminuição na vontade de fazer sexo com o parceiro

“A pessoa que dorme mal tem uma tendência à diminuição do desejo sexual e, além disso, a ter uma atividade sexual menos prazerosa porque, com o corpo cansado, a qualidade do sexo é pior e as chances de atingir o orgasmo diminuem”, diz Paulo Gallo, especialista em reprodução humana assistida do Vida – Centro de Fertilidade.

Além disso, o profissional explica que a privação do sono pode fazer com que o homem tenha mais dificuldade de ter ereção e a mulher passe a enfrentar diminuição na lubrificação vaginal. “É importante que, depois de um dia de trabalho, a pessoa descanse, não só para recuperar o corpo, como o cérebro e também sua atividade sexual”, completa.

Gallo destaca que a falta de sono causa uma alteração negativa na liberação de vários hormônios que comandam o desejo sexual , como a testosterona e o estrogênio. Isso ainda libera cortisol, hormônio que está associado ao estresse. “A pessoa fica mais alerta, acordada, menos relaxa, irritada, o que dificulta ter uma relação sexual saudável”, pontua. 

Veja Mais:  Fotógrafa cria projeto emocionante de imagens que representam parto na água

Leia também: Estudo revela as seis principais razões para as pessoas fingirem orgasmo

As noites mal dormidas ainda levam a uma queda da circulação do sangue e alteram a frequência cardíaca. E, para ter desejo na hora do sexo, é fundamental que se tenha um aporte sanguíneo adequado para região genital. Então, quando a pessoa está cansada, há uma tendência a concentrar a circulação para o coração e o cérebro, que são mais vitais que os órgãos genitais. 

Afinal, o que fazer para dormir bem e até melhrar a vida sexual?

Enquanto algumas pessoas deitam e dormem rapidamente, outras precisam de um pouco de relaxamento antes para conseguir, de fato, pegar no sono. Diante disso, Gallo recomenda evitar deitar logo após fazer uma refeição, principalmente se estiver consumido alimentos mais pesados e que demoram mais para fazer digestão.

Além disso, o profissional sugere evitar ficar no computador, ver TV ou mexer no celular logo antes de dormir. “Esses estímulos visuais podem levar a um maior estresse, a uma maior excitação, dificultando ainda mais para algumas pessoas que já tem essa dificuldade a pegarem no sono”, explica.

Mais dicas para uma vida sexual saudável

casal feliz arrow-options
shutterstock
Se o casal não consegue ter uma vida sexual saudável, a recomendação de Gallo é procurar ajuda de especialistas

Para ter uma vida sexual saudável, o especialista acredita que é importante saber que tudo na vida é baseado em equilíbrio. “Sabemos que em determinados estágios da vida, o casal terá mais trabalho, mais estresse, mas tente conversar sobre isso, para que consigam juntos chegar a um acordo e reservar aquele horário do sono para ser mais uma atividade do casal”, diz.

Veja Mais:  Débora Nascimento diz que não tomar anticoncepcional melhora sua libido; entenda

Podemos destacar que é claro que a vida a dois tem muitas questões envolvidas, como a relação de companheirismo e amizade. Por outro lado, o sexo também é importante. “Uma vida sexual saudável aproxima os casais e ajuda a manter um casamento saudável. Então, quando isso não acontece, é hora de procurar ajuda de especialistas”, afirma Gallo.

Se for possível, faça sexo antes de dormir

Da mesma forma que sono melhora a qualidade sexual, o sexo melhora a qualidade do sono. “Após a relação sexual, tanto o homem como a mulher, após atingir o orgasmo, tem liberação de substâncias como endorfina, que dão uma sensação de relaxamento e ajudam a proporcionar um sono mais profundo, mais saudável e mais reconfortante”, destaca Gallo.

Leia também: Benefícios do sexo podem ser melhor aproveitados dependendo da hora do dia

Depois, há liberação de hormônio que é a prolactina, que diminui a ansiedade e facilita o início do sono. “Quando a pessoa tem um sono profundo após o sexo , significa que a relação foi bastante agradável, prazerosa e que liberou essas substâncias todas que deram sensação de sono para o parceiro’”, finaliza.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Saiba quais alimentos podem ajudar você a não ter espinhas

Publicado

source

Women's Health

mulher com espinhas arrow-options
shutterstock
O que você pode fazer com que você tenha mais ou menos espinhas, fique atenta!

Quais alimentos devo comer para diminuir o surgimento de espinhas ? Você perguntou fomos atrás da resposta.

Leia também: 

Segundo Letícia Fontes, nutróloga da Clínica Medicina Integrativa, de São Paulo, alimentos ricos em vitamina A (como cenoura e espinafre) reduzem a produção excessiva de sebo, enquanto o zinco (presente na castanha-do-pará, ovos e carnes vermelhas magras) tem ação anti-inflamatória e impede o aparecimento de bactérias.

Além disso, evitar açúcar é uma ótima dica. “Isso é fundamental no tratamento, já que o ingrediente acaba piorando a inflamação das espinhas”, aponta Letícia.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Veja Mais:  10 tendências de moda que vão bombar em 2019, segundo o Pinterest
Continue lendo

Mulher

“Pink fever”: maquiagem com sombra rosa está bombando entre as famosas

Publicado

source

A primavera/verão promete ser uma  temporada cheia de cor  — não apenas para a moda, já que quando falamos de maquiagem, a aposta do momento é a “pink fever”, ou febre rosa, traduzindo para o português. Essa ideia, que está popular entre as famosas, é, basicamente, incrementar o seu visual e dar bastante destaque para o olhar com sombra rosa.

Leia também: 4 vezes que as famosas usaram verde neon na maquiagem para você copiar

A cantora Rihanna com sombra e batom rosa arrow-options
Reprodução/Instagram
A aposta da tendência ‘pink fever’ é usar a sombra rosa como um ponto de destaque na maquiagem, como Rihanna


Segundo a maquiadora Daniella Vaz, do Jacques Janine Fashion Mall, no Rio de Janeiro, os tons de sombra rosa  usados para aderir ao look “pink fever” podem variar do pink ao rosa chá, passando e até mesmo pelo cintilante. Tudo depende do resultado que você quer. 

“Use a sombra rosa sempre na pálpebra móvel. No restante, use um tom mais neutro, como nude ou bege. Para manter natural, esfume bem entre as sombras. Caso prefira usar a cor apenas como um detalhe, use o rosa cintilante no canto interno dos olhos para iluminar o visual”, ensina Dani, responsável pelas makes de Mariana Goldfarb e Yanna Lavigne. 

Para a maquiadora, a sombra rosa combina com todos os tons de pele e estilos de maquiagem. “Não se prenda a lenda de que o rosa restringe a make”, afirma. Rihanna, Kylie Jenner, Camila Queiroz e Mariana Goldbarb são algumas das celebridades que adaptaram a “febre” ao próprio estilo e podem servir de inspiração. 

Veja Mais:  Cabelo black power: como cortar e cuidar dos fios cacheados e crespos?

Leia também: Maquiagem monocromática é tendência para complementar um visual natural

Dicas para usar sombra rosa na maquiagem

A dica para apostar nessa tendência para o verão é aplicar um primer em toda a pálpebra móvel antes da sombra, para evitar que a make “derreta” com o calor. Depois, você pode escolher se quer um visual bem chamativo, com cores fortes, ou mais dicreto, equilibrando tons.

“Você pode usar sombra rosa apenas como um detalhe, use o rosa cintilante no canto interno dos olhos para iluminar o visual. No resto dos olhos, pode ser usado nude ou marrom. Aposte em um gloss transparente ou um batom nude rosado. Para finalizar, o delineador preto dá o toque final para um look noturno”, recomenda. 

batom rosa também pode ser usado para criar um visual “pink fever”. Uma opção, nesse caso, é optar por um delineador ou sombra com fundo marrom esfumada nos olhos. “Não há mistério. A make deve ser produzida da mesma forma que um batom vermelho, por exemplo.”

Leia também: Tendências para as unhas: 5 cores de esmalte que vão bombar no verão

“Para essa alternativa, use o lápis de boca para delinear os lábios prolongar o efeito do batom, mas sem carregar muito a sombra rosa nos olhos, visto que o foco será a boca. O blush rosado também é sempre bem-vindo, pois transmite ar saudável”, finaliza. 

Veja Mais:  Noiva faz exigência ao futuro marido para que ele gaste R$ 300 mil em casamento

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana