conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Saúde

Mais Médicos ainda tem 123 vagas não preenchidas; inscrições terminam amanhã

Publicado

Programa Mais Médicos tem 123 vagas remanescentes
Luciano Lanes / PMPA

Programa Mais Médicos tem 123 vagas remanescentes

A um dia do fim do prazo de inscrições, 123 vagas do programa Mais Médicos ainda não foram preenchidas, de acordo com um levantamento divulgado pelo Ministério da Saúde nesta quinta-feira (6). Segundo a pasta, 3.721 médicos já se apresentaram aos municípios onde vão atuar no lugar dos médicos cubanos.

O edital oferta, ao todo, 8.517 vagas em 2.824 municípios e 34 distritos indígenas. O governo havia divulgado que 98,5% das vagas já haviam sido preenchidas no sistema do Mais Médicos, porém, apenas 44,3% se apresentaram nos postos de saúde.

Nessa terça-feira, a pasta também informou que 314 profissionais desistiram do programa e as vagas foram reabertas. O principal motivo alegado pelos médicos é a incompatibilidade de horário com outras atividades, além de outros que entraram em residência médica, receberam outra proposta ou desistiram por problemas pessoais.

O estado com maior número de desistências é o Rio Grande do Sul, com 49. Em seguida São Paulo, com 41, o Pará, 27 e Minas Gerais, onde 26 médicos desistiram de fazer parte do programa.

Com a desistência dos profissionais, nove cidades do Piauí estão sem atendimento. Para solucionar o problema, o programa reabriu 14 vagas no estado, de acordo com o edital divulgado pelo Ministério. Antes, os municípios eram atendidos exclusivamente por médicos cubanos.

Veja Mais:  Estado de São Paulo tem mais duas mortes por sarampo confirmadas

O programa Mais Médicos também enfrenta problemas no Amazonas, onde seis dos sete Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs) têm falta de 70% dos médicos. O único Distrito com todas as vagas preenchidas fica na capital.

No Amazonas, foram 322 oportunidades abertas, sendo que 109 ainda não foram preenchidas. A situação é pior no DSEI do Médio Rio Purus, onde de 7 vagas ofertadas, não houve adesão de nenhum médico.

Em alguns municípios do estado também houve baixa adesão demédicos, como em Juruá,  com três vagas disponíveis e nenhuma adesão. Na cidade de Jutaí, a 1 mil km da capital, nenhuma vaga foi preenchida.

O prazo de inscrição para o programa Mais Médicos vai até essa sexta-feira (7), às 23h59, e os profissionais terão até o dia 14 para se apresentarem nos municípios.

Comentários Facebook

Saúde

Uma pessoa infectada pode transmitir coronavírus para outras três, diz estudo

Publicado


source

Cada pessoa infectada com o coronavírus espalha a doença para outras duas ou três, em média, nas taxas de transmissão atuais, segundo duas análises científicas da epidemia. Para conter a epidemia e mudar de rumo, as medidas de controle teriam que interromper a transmissão em pelo menos 60% dos casos.

Leia também: China tem 1,9 mil infectados por coronavírus e 56 mortes; Canadá confirma caso

coronavírus arrow-options
shutterstock

A doença respiratória causada pelo coronavírus já atinge 13 países em quatro continentes; 56 pessoas morreram na China


O número de mortos pelo surto de coronavírus aumentou para 56 neste domingo (26), com mais de 2 mil pessoas infectadas em todo o mundo, a grande maioria na China. “Ainda não está claro se esse surto pode ser contido na China”, disse Neil Ferguson, especialista em doenças infecciosas do Imperial College de Londres, que liderou um dos estudos.

A equipe de Ferguson sugere que até 4 mil pessoas em Wuhan já estavam infectadas antes de 18 de janeiro e que, em média, cada caso estava infectando mais duas ou três.

Leia também: Coronavírus pode ter vindo de mercado de animais silvestres

Um segundo estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Lancaster, na Grã-Bretanha, também calculou a taxa de infecção em 2,5 pessoas, em média, para cada infectado.

“Se a epidemia continuar incessantemente em Wuhan, prevemos que será substancialmente maior até 4 de fevereiro”, escreveram os cientistas.

Veja Mais:  Governo diz que 17% das vagas do Mais Médicos ainda não foram preenchidas

Eles estimaram que na cidade de Wuhan, onde o surto começou em dezembro, haverá cerca de 190 mil casos antes de 4 de fevereiro e que “a infecção se instalará em outras cidades chinesas e as importações para outros países serão mais frequentes”.

Leia também: França, Austrália e Malásia confirmam novos casos de coronavírus

Raina MacIntyre, diretora do Programa de Pesquisa em Biossegurança do Instituto Kirby da Universidade de New South Wales, na Austrália, disse no sábado (24) que é muito preocupante que a infecção tenha se espalhado nos últimos dias. “Quanto mais disseminada a infecção em outras partes da China, maior o risco de maior disseminação mundial”, afirmou MacIntyre.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

China tem 1,9 mil infectados por coronavírus e 56 mortes; Canadá confirma caso

Publicado


source

O governo chinês informou no sábado (25) que o número de mortes causadas por coronavírus aumentou para 56 no país. Segundo informações da agência Reuters , 1.975 pessoas foram diagnosticadas com a doença na China, 49 estão curadas. Neste domingo (26), o ministro da Comissão Nacional de Saúde da China, Ma Xiaowei, disse que a capacidade de transmissão do vírus está se fortalecendo.

Leia também: Coronavírus pode ter vindo de mercado de animais silvestres

coronavírus na china arrow-options
shutterstock

Na China, o número de pessoas infectadas por coronavírus chegou a 1.975

Também no sábado, o Canadá registrou o primeiro caso de coronavírus e, de acordo com as autoridades locais, o homem foi infectado após viajar de Wuhan, na China, para Toronto, onde está em isolamento. 

Leia também: ‘Coronavirus é como uma pandemia termonuclear’ diz epidemiologista

Com a confirmação, sobe para 13 o número de países afetados pela doença respiratória. Além do Canadá e da China, também há casos de  coronavírus  confirmados nos Austrália, França, Malásia , Estados Unidos, Nepal, Tailândia, Japão, Vietnã, Arábia Saudita, Coreia do Sul e Singapura.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Veja Mais:  Governo diz que 17% das vagas do Mais Médicos ainda não foram preenchidas
Continue lendo

Saúde

Com ilustrações divertidas, campanha pede que homens lembrem de lavar o pênis

Publicado


source

Women's Health

Os números não mentem: homens não têm o hábito de lavar o pênis. Cerca de 1,6 mil homens amputam o pênis por ano, no Brasil, por conta do  câncer de pênis  . E um dos principais fatores que podem levar a doença é a má higiene íntima.

lave o dito cujo arrow-options
Reprodução/Instagram/@laveoditocujo

Uma das ilustrações do Instagram “Lave o Dito-Cujo”, que busca conscientizar homens da importância de lavar bem o pênis

Leia também: Cúrcuma poderia ajudar no combate a diversos tipos de câncer, aponta estudo

Diante disso, os artistas Leonardo Telles, Guilherme Serato, Marcelo Marui e Saulo Vinheiro desenvolveram uma ação para a campanha de Novembro Azul “Lave o Dito Cujo”, do Instituto Lado a Lado pela Vida (LAL). Por meio do perfil um perfil @laveoditocujo , o grupo compartilha ilustrações diárias para que os homens não esqueçam de lavar a genitália.

Leia também: Teste genético pode impedir o surgimento do câncer; veja quem deve fazê-lo

O projeto

O projeto está no ar desde o dia 1º de janeiro de 2020. A ideia é publicar ilustrações de diferentes artistas, utilizando os nomes e imagens popularmente relacionadas ao órgão genital masculino . Dentre os termos: bilau, banana, cobra, rola etc. A ideia é passar a mensagem de um jeito divertido e evitar tantos casos de câncer de pênis . O perfil funciona como um calendário: serão 366 avisos!

Confira algumas das artes: 





Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Veja Mais:  Tempo seco: aprenda a lidar com a baixa umidade do ar
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana