conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Famosos

Marina Ruy Barbosa tem o Instagram hackeado: “providências estão sendo tomadas”

Publicado

A atriz Marina Ruy Barbosa teve seu Instagram hackeado na manhã desta terça-feira (16). A informação foi confirmada por sua equipe, que informou que as providências estão sendo tomadas.

Leia também: Globo vai descansar imagem de Marina Ruy Barbosa após “O Sétimo Guardião”

print do instagram de marina ruy barbosa arrow-options
Reprodução/Instagram/@marinaruybarbosa

Marina Ruy Barbosa teve o Instagram hackeado. Responsável colocou diversas imagens oferecendo celulares

Sua equipe não soube informa se outras redes, bem como dados pessoais do celular de Marina Ruy Barbosa também foram invadidos, mas nem seu Twitter ou Facebook possuem novas publicações. Já na rede de fotos, a mesma imagem com dizeres foi publicada diversas vezes ao longo das últimas horas.

Leia também: É mentira! Cinco fake news sobre Marina Ruy Barbosa

post no instagram
Reprodução/Instagram/@marinaruybarbosa

Detalhe de mensagem deixada por hacker

O texto publicado pelo hacker fala sobre a doação de diversos iPhones modelo XS, além de outros equipamentos da marca Appple, como notebooks e relógios. Os links publicados na ferramenta storie direcionam para uma página que verifica se o usuário não é um robô.

Leia também: Romance sem fim: Confira os momentos mais fofos das férias de Marina Ruy Barbosa

A equipe de Marina Ruy Barbosa está trabalhando em recuperar a conta da atriz. Ela ainda não se pronunciou sobre o assunto. 

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Veja Mais:  Stan Lee deixou sua participação em “Vingadores 4” e outrosfilmes gravada

Famosos

Com Kathryn Hahn, série da HBO abordará questões sexuais de uma mãe solteira

Publicado

source

No dia 27 de outubro, às 23h30, uma nova série integrará a lista de produções da HBO . Com Kathryn Hahn, “Mrs. Fletcher” vai abordar questões importantes no processo de amadurecimento pessoal e sexual de uma mãe com a síndrome do ninho vazio e seu filho calouro, que acaba de ingressar na faculdade. 

Leia também: Há espaço para todos os formatos, diz executivo sobre futuro pós-Game of Thrones

arrow-options
Divulgação/ IMDb

“Mrs. Fletcher”

Kathryn Hahn será Eve Fletcher nesta nova produção da HBO , uma mãe solteira que passará a viver sozinha depois que seu único filho, Eve Brendan (Jackson White), ingressa na faculdade.

Leia também: Novas séries que podem ocupar o posto de “Game of Thrones”

Vale ressaltar que a série ainda conta com nomes como Owen Teague, Katie Kershaw, Domenick Lombardozzi, Cameron Boyce, Jen Richards e Casey Wilson. [Mais informações sobre “ Mrs. Fletcher ” no final desta coluna]

“MasterChef Brasil” ao vivo no Twitter

masterchefbr arrow-options
Reprodução/ Instagram @masterchefbr

“MasterChef Brasil”

Não estar em frente a televisão não será desculpa para não assistir a final do “MasterChef Brasil” neste domingo (25), porque o episódio da sexta temporada do reality show será transmitido na televisão.

A ação em questão é uma parceria com a Oi, que conta com conteúdos e ativações na plataforma desde a última segunda-feira (19), além do decorrer do último episódio e, também, após o anúncio do vencedor.

Veja Mais:  Stan Lee deixou sua participação em “Vingadores 4” e outrosfilmes gravada

Hakuna Matata em 28 idiomas

Sucesso que é sucesso tem que estar em diferentes idiomas, né? Nesta semana a Disney liberou a versão poliglota do maior hit de “Rei Leão”,  Hakuna Matata . O vídeo traz a cena original do filme com a letra musical em 28 idiomas, incluindo nosso português brasileiro. Assista:


Mais sobre “Mrs. Fletcher”

Mrs. Fletcher arrow-options
Divulgação/ IMDb

“Mrs. Fletcher”

Além de filho da protagonista, o personagem de Jackson White é um atleta popular e um pouco sem noção, que precisará se adaptar a faculdade com esforço esforçar para fazer amizades com seus colegas mais social e politicamente conscientes. 

Leia também: Elenco de “O Rei Leão” fala sobre regras para interagir com Meghan Markle

A nova série da HBO tem como pano de fundo a nova realidade de mãe e filho, abordando temas como maternidade, sexualidade, amor e identidade.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Mentiras sobre a escravidão

Publicado

source

IstoÉ

A escravidão é assunto da moda há uma década. Pesquisas e livros abordam aspectos inéditos em torno de revoltas, movimentos sociais e biografias de carrascos e heróis da resistência negra. Esses trabalhos tornaram óbvio que a escravidão estruturou a cultura, a identidade e a economia nacionais. Mas a fragmentação dos estudos ajudou na proliferação de mal-entendidos e mistificações. Para compreender o tema, o jornalista paranaense Laurentino Gomes deu início há dez anos à missão de escrever “a primeira história geral da escravidão”, como define.

Leia também: Dez livros que vão te ajudar a entender a sociedade em 2019

“No Brasil%2C os negros foram tratados com crueldade. Onde há escravidão%2C há violência” Laurentino Gomes%2C jornalista%2C em foto no porto de Luanda arrow-options
Divulgação

“No Brasil, os negros foram tratados com crueldade. Onde há escravidão, há violência” Laurentino Gomes, jornalista, em foto no porto de Luanda

Gomes é autor de três títulos de sucesso sobre a história do Brasil: “1808”, sobre a fuga da família real portuguesa para o Brasil; “1822”, cobrindo a Independência do Brasil; e “1889”, com a Proclamação da República. Eram textos de divulgação e contextualização, repletos de curiosidades. “Quando refleti sobre a chave explicativa para o Brasil, concluí que ela se ocultava na escravidão”, diz Laurentino Gomes à ISTOÉ. “Ela define o Brasil ainda hoje.”

Leia também: Longe da auto-ajuda, livros para jovens adultos passam mensagens positivas

Para projetar a nova obra, ele viajou por três continentes em busca de lugares, arquivos e fontes. O resultado deve se materializar em três volumes, cujo primeiro acaba de ser lançado: “Escravidão: do primeiro leilão de cativos em Portugal à morte de Zumbi dos Palmares”, lançamento da Globo Livros.

O livro demonstra que o tráfico de 12,5 milhões de cativos da África para a América durante 350 anos forneceu mão de obra para o primeiro empreendimento mundial, impulsionado pela produção de açúcar e a extração de ouro. Para seu sucesso, contou com o tráfico negreiro, intermediado por nobres, negociantes e religiosos.

Entre os mitos que o livro derruba é o da escravidão como umbilicalmente ligada aos africanos. Segundo Gomes, o maior número de cativos até o século XVII era formado por caucasianos, devido ao Império Otomano, que privilegiava escravos brancos de olhos azuis, vindos dos países eslavos (o termo “escravo” deriva de “eslavo”). “A banalização do negro escravizado foi invenção do europeu”, diz Gomes.

Sexo entre raças

Para batizar os africanos “desalmados” e lucrar com sua venda, os jesuítas mantinham feitorias em Angola, de onde partiam o maior número de navios negreiros. Em carta à Companhia de Jesus, em 1549, o padre Manuel da Nóbrega, fundador de São Paulo, solicita o envio de mais escravas ao Colégio, “porque as fêmeas fazem a farinha, e todos os principais serviços e trabalhos são delas”.

Antônio Vieira proferiu um sermão na Bahia, em 1633, para catequizar os africanos sobre a beatitude dos trabalhos forçados: “Oh, se a gente preta tirada das brenhas da sua Etiópia, e passada ao Brasil, conhecera bem quanto deve a Deus, e a sua Santíssima Mãe, por este que pode parecer desterro, cativeiro e desgraça, e não é senão milagre, e grande milagre!” Não há notícia de que os presentes se convenceram. Afinal, naquele tempo, os fiéis convertidos iam à missa com manilhas de cobre e correntes de ferro, como se participassem de um cortejo rumo ao navio negreiro.

Veja Mais:  Stan Lee deixou sua participação em “Vingadores 4” e outrosfilmes gravada

Por isso, outro mito que cai é o da benevolência da escravidão no Brasil, o país que “acolheu” o maior número de escravos de 1535 a 1867: mais de 5 milhões. Daí deriva outro mito, divulgado pelos historiadores de esquerda de que houve confrontos entre escravos e senhores. “Houve mobilidade social por meio de alforria e sexo inter-racial muito maior que nos Estados Unidos”, afirma Gomes. Mais uma lenda militante diz respeito aoo heroísmo de Zumbi dos Palmares. “Há três versões sobre Zumbi: o nacionalista, o líder revolucionário e o filho gay de Ganga Zumba – esta talvez seja a mais fiel”, afirma Gomes. São construções simbólicas que justificam erros e incentivam movimentos políticos.

Laurentino Gomes arrow-options
“Escravidão” de Laurentino Gomes

Campeões do tráfico para a América

Leia também: Não tem tempo para ler um livro? Audiolivros podem ser a solução

“Escravidão” deverá atingir 1.500 páginas. O segundo volume está agendado para daqui a um ano e trata do auge do tráfico, motivado pela febre do ouro em Minas Gerais. O terceiro e último, a sair em 2021, vai tratar do tráfico ilegal, o movimento abolicionista e o encerramento da escravatura — um final pró-forma, porque ela segue sangrando até hoje. “O Brasil tem de enfrentar o racismo a sério se quiser se tornar um país decente”, diz. “Até hoje, fechou os olhos para a escravidão para esconder a culpa.”

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Mesmo com atraso, Sandy & Junior emocionam São Paulo com turnê “Nossa História”

Publicado

source

O vento gelado e a garoa fina que cairam sobre São Paulo na noite do último sábado (24), não impediram os fãs de Sandy e Junior de lotarem o Allianz Parque para a primeira apresentação da dupla com a turnê “Nossa História” na cidade.

Leia também: Saiba quais são as músicas mais buscadas da dupla Sandy e Junior

sandy e junior arrow-options
Reprodução/Twitter/@AlliansParque

Sandy & Junior


Prevista para às 20h, a apresentação de Sandy e Junior começou com meia hora de atraso, por conta de alguns problemas técnicos. No entanto, a falha não deixou os fãs menos animados. O efeito foi completamente o contrário.

A cada minuto, a ansiedade tomava conta do estádio paulistano, que contou com aproximadamente 45 mil pessoas, se tornando o maior show da turnê comemorativa até agora. Além disso, fãs de todas as idades (bebês, crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos!) entoaram os maiores sucessos dos irmãos mais queridos do Brasil.

O show começou com a animada Não Dá Pra Não Pensar , do álbum que leva o nome da dupla, deixando o público à flor da pele. A animação continuou com Nada Vai Me Sufocar . Na terceira música, No Fundo Do Coração , a emoção tomou conta, principalmente dos casais apaixonados, que se declaravam na pista ao som da balada romântica.

O clima de paixão no ar seguiu com sucessos como Estranho Jeito de Amar, Olha O Que O Amor Me Faz, Nada É Por Acaso e Love Never Fails, a única música escolhida do álbum internacional da dupla. Essa última, inclusive, abriu espaço para os dançarinos que acompanham a dupla na turnê ” Nossa História “.

Veja Mais:  Cat Dealers quebra o conceito de fronteiras com a música como linguagem

Leia também: Do fim ao reencontro: tudo o que aconteceu na vida e carreira de Sandy e Junior

O hino As Quatro Estações fez com que os fãs, todos eles, cantassem a plenços pulmões. E, olha, até quem não simpatizava tanto assim com a dupla sabia a letra inteira. O administrador Rafael Marino Duarte, por exemplo, foi ao show acompanhando a namorada, admiradora da dupla.

“Confesso que não conheço todas as letras como ela, mas As Quatro Estações é quase um hino, acabei aprendendo a cantar sem querer, por influência”, disse aos risos. Outras canções vieram, mas foi em Eu Acho Que Pirei que o público mais se animou.

Antes da música começar, o telão exibia uma conversa entre amigos. Paty, Boca, Basílio, Bete, Bebel, Mau, Dodô, Ritinha, Gustavo e Clara, personagens da série que também levava o nome dos irmãos, foram lembrados quando a música de abertura da atração começou. Os atores Karina Dohme, Fernanda Paes Leme, Camila dos Anjos, Bruna Thedy, Douglas Aguillar, Paulo Vilhena e João Trassi, inclusive, marcaram presença no show.

Leia também: Sandy e Junior em São Paulo! Saiba o que pode e o que não pode no dia dos shows

A apresentação continou com um medley animado de Beijo É Bom, Etc E Tal, Vai Ter Que Rebolar, Dig Dig Joy e Eu Quero Mais , com direito a coreografia. Após relembrarem os sucessos que marcaram a infância de muita gente, foi a vez de Junior mostrar do que é capaz.

Veja Mais:  Meu Político de Estimação conquista a web com humor polêmico, política e anime

O pai de Otto, de quase dois anos, entoou a sensual Enrosca , acompanhado pelo coro presente no Allianz Parque. Então, Junior se apresentou em seu solo de bateria e, claro, arrasou. Aplausos, gritos de “lindo” e palmas… muitas palmas!

É emoção que você quer? Então é emoção que você vai ter. O set de voz e violão contou com Sandy falando da trajetória da dupla, afinal, são 30 anos anos de carreira. Os dois começaram, sentados na beira do palco, com Você Pra Sempre , e lágrimas rolavam nos rostos dos apaixonados.

Um dos maiores hits da dupla, Inesquecível , trouxe arrepios e nostalgia. Junior emocionou a galera ao cantar Super-Herói , mas foi em A Lenda que o público mais se empolgou e, claro, soltou a voz. Com o estádio inteiro iluminado apenas por, acredite, lanternas de celulares, o que se viu foram crianças, jovens e adultos, aos gritos, sem errar uma palavra da letra icônica.

A primeira apresentação em São Paulo foi chegando ao fim, mas não sem antes tocar um dos maiores (e melhores!) clássicos da dupla, Quando Você Passa , popularmente conhecida como Turu Turu.

Sandy e Junior encerraram o show com a dobradinha Desperdiçou e Vamo Pulá . Mesmo depois de duas horas exatas e ininterruptas de show, o público literalmente saiu do chão e se despediu de um dos shows (se não o show) mais esperados do ano. A dupla retornará ao Allianz Parque neste domingo (25) para mais uma apresentação.

Veja Mais:  Com retorno de Remy, cerco aperta para vilões em “SegundoSol”

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana