conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Nacional

MPF pede condenação de Rocha Loures por corrupção por mala com R$ 500 mil da J&F

Publicado


Rocha Loures se tornou pivô de crise do governo ao ser filmado em ação controlada recebendo mala com R$ 500 mil
reprodução/pf

Rocha Loures se tornou pivô de crise do governo ao ser filmado em ação controlada recebendo mala com R$ 500 mil

O Ministério Público Federal (MPF) entregou alegações finais à Justiça nesta sexta-feira (11) pedindo a condenação do ex-assessor de Michel Temer (MDB) Rodrigo Rocha Loures pelos crimes de corrupção passiva e concurso de agentes.

A manifestação se refere à ação penal que investiga o recebimento da mala com R$ 500 mil enviada pelo grupo J&F a Rocha Loures . O episódio, ocorrido em abril de 2017, foi todo filmado pela Polícia Federal, com apoio do empresário Joesley Batista e do executivo Ricardo Saud, e deu início à maior crise do governo Temer.

No documento, enviado ao Juízo da 15ª Vara Federal de Brasília, os procuradores alegam que Loures “agiu com vontade livre e consciente” para “intermediar” o recebimento de propina do grupo empresarial, então controlado por Joesley, em benefício do hoje ex-presidente da República Michel Temer .

O MPF narra que Temer e Loures tinham “vínculo de confiança” e uma relação que ia “muito além de uma relação funcional”. A quantia de R$ 500 mil contida na mala da JBS recebida pelo ex-assessor do presidente seria o primeiro pagamento daquilo que seria uma rotina semanal, podendo chegar a R$ 38 milhões.

De acordo com a Procuradoria da República no DF, Joesley ofereceu a propina a Temer para que este intervisse a seu favor no âmbito das atividades da EPE (Empresa Produtora de Energia) Cuiabá, controlada pelo grupo J&F. O empresário reclamava que a companhia perdia R$ 1 milhão por dia por conta da política para compras de gás da Bolívia tendo a Petrobras como intermediadora do negócio.

Veja Mais:  Haddad cresce e empata com Bolsonaro entre os mais jovens, revela Datafolha

Temer, então, escalou Loures para cuidar do assunto, enquanto Joesley encubiu Saud de acertar os detalhes para a entrega do dinheiro. Os dois se encontraram em duas ocasiões, ambas gravadas pela PF: uma no dia 24 de abril de 2017, e outra quatro dias mais tarde.

Nesse segundo encontro, realizado no shopping Vila Olímpia, na zona sul de São Paulo, Loures e Saud definiram que o pagamento em espécie seria a melhor maneira de receber a propina. Os dois, então, dirigiram-se para uma pizzaria na região dos Jardins onde Saud entregou a mala com os R$ 500 mil ao ex-assessor de Temer.

Loures argumentou à Justiça que não sabia que se tratava de uma proposta ilícita e que nem sequer “gostou” de Saud. O MPF, no entanto, alega que o ex-assessor e ex-depitado “em nenhum instante se demonstra surpreso com as ofertas realizadas por Saud, não pedindo esclarecimentos adicionais”.

“O réu alega que não compreendia que os valores que Ihe eram apresentados se referiam à propina, contudo, em nenhum momento esboçou estranhamento ou questiona aquilo que poderia ser um mal entendido. Ao contrário, observase que os diálogos fluem normalmente com a participação do réu, que aparenta entrosamento e domínio do assunto”, dizem os procuradores.

O MPF diz ainda que a versão apresentada pelo ex-assessor representa “fantasia” e induz a crer que houve uma situação “na qual se coloca como uma verdadeira vítima da perseguição”. A defesa de Rocha Loures ainda não se manifestou sobre as alegações finais da procuradoria.

Veja Mais:  Mega-Sena pode pagar até R$ 40milhões no sorteio desta quarta-feira

Comentários Facebook

Nacional

Marco Aurélio diz que remete ‘ao lixo’ reclamações como a de Flávio Bolsonaro

Publicado

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello disse nesta sexta-feira (18) que vai assinar a decisão do caso do senador eleitor Flávio Nantes Bolsonaro (PSL) já na manhã do dia 1º de fevereiro, uma sexta-feira, porém, o primeiro dia de trabalho do tribunal após o fim do recesso do Judiciário.

Em entrevista ao blog da jornalista Andreia Sadi, o relator sorteado do caso no STF declarou que não se trata de uma antecipação da decisão, mas que tem negado seguimento de reclamações assim, “remetendo [os pedidos como esse] ao lixo”. 

“O Supremo não pode variar dando um no cravo outro na ferradura. Processo não tem capa, tem conteúdo. Tenho negado seguimento a reclamações assim, rmeetendo ao lixo”, afirmou Marco Aurélio Mello para depois dizer que “não é antecipação de decisão. É só coerência com o que, até aqui fiz. Já na sexta-feira, pela manhã, assinarei a decisão – sexta dia 1º de fevereiro”.

Na véspera, no entanto, o ministro já tinha dito que tomaria sua decisão já no primeiro dia de trabalho após o recesso do judiciário, mas que pretendia continuar de férias até lá. Na ocasião, o ministro atré brincou dizendo que “estou no Rio, pelo menos desta vez ninguém vai me caçar – só quem com c cedilha”, brincou.

Veja Mais:  Reunião ministerial traz novas ideias ao governo,mas não fala sobre reformas

*Em atualização

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Incêndio atinge o Instituto do Coração, no centro de São Paulo

Publicado


Chamas atingem o Instituto do Coração (Incor) no centro de São Paulo
Divulgação

Chamas atingem o Instituto do Coração (Incor) no centro de São Paulo

Um incênio atinge, nesse momento, o hospital Instituto do Coração (Incor) na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. De acordo com o corpo de bombeiros, 14 viaturas foram deslocadas para o combater as chamas, que teriam começado no quinto andar do complexo.

Ainda não há informações sobre as causas do incêndio e nem sobre vítimas. Os telefones do local não atendem.

* Mais informações em breve.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Bolsonaro afirma que intervenção federal não será prorrogada em seu governo
Continue lendo

Nacional

Não lembra a senha do Enem? Veja como recuperar login para acessar notas

Publicado

Para recuperar o login do Enem 2018, basta acessar a Página do Participante e clicar no campo
Reprodução

Para recuperar o login do Enem 2018, basta acessar a Página do Participante e clicar no campo “Esqueci minha senha”

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou os resultados individuais do  Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2018) nesta sexta-feira (18). Para conseguir acessar as notas, porém, os estudantes precisam fazer logino no site com CPF e senha. Os participantes que não se lembram da senha cadastrada, porém, precisam fazer o processo de recuperação do código.

Para recuperar o login do Enem 2018, basta acessar a  Página do Participante e clicar no campo “Esqueci minha senha”. O estudante deverá, então, confirmar o e-mail cadastrado no sistema para receber uma senha temporária.

Quem esqueceu a senha e também não tem acesso ao e-mail cadastrado tem a opção de informar novos contatos para receber a senha temporária. Em ambos os casos é preciso informar o CPF e responder ao desafio de figuras que aparecerá na tela. O Inep disponibilizou um passo a passo  para o caso de dúvida.

Nesta sexta-feira, as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foram divulgadas também na Página do Participante e no aplicativo oficial do Enem. Os mais de 4,1 milhões de participantes já podem acessar quanto obtiveram em cada uma das provas de linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação.

O Enem foi aplicado nos dias 4 e 11 de novembro de 2018. Desde o dia 14 de novembro, estão disponíveis as provas e os gabaritos oficiais. Também estão disponíveis vídeos com os enunciados e as opções de respostas da videoprova em Língua brasileira de sinais (Libras).

Veja Mais:  Reunião ministerial traz novas ideias ao governo,mas não fala sobre reformas

No dia 18 de março, o Inep divulgará o espelho da redação, ou seja, detalhes da correção dessa prova. Isso é feito após os processos seletivos dos programas federais. A correção tem função apenas pedagógica e não é possível interpor recurso.

A nota dos treineiros, aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e fizeram a prova apenas para testar os conhecimentos também será divulgada, mas apenas no dia 18 de março, assim como o espelho das redações.

Com o Enem 2018, os estudantes poderão concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (Prouni), e participar do  Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana