conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Rondonópolis

Município busca melhor qualificação da população de baixa renda

Publicado

“Em Rondonópolis, não falta emprego o que precisamos e melhorar qualificação para o nosso povo e estamos trabalhando para isso”, a frase do prefeito Zé Carlos do Pátio, dita em entrevista durante a cerimônia de entrega de 600 certificados de capacitação em cursos ofertados pelo projeto ‘Qualifica Rondonópolis II’ , realizado pelo Senai, na última quarta-feira (12) mostra a preocupação do atual gestor em qualificar a população para o mercado de trabalho.

Para melhorar a situação, a prefeitura em parceria com o Senai garantiu 1,5 mil vagas gratuitas para a população com acesso a diversos cursos que vão de operador de máquinas à culinária. “Temos a missão de qualificar o nosso povo e garantir a entrada ao mercado de trabalho que deseja esse tipo de mão de obra”, disse o prefeito.

Ele explicou que os cursos oferecidos em parceria com o Senai são gratuitos e o que garante a qualificação da população de baixa renda.

O gestor ainda lembrou que há outras parcerias além do com o Senai, ele cita como exemplo, o Senac que também vai oferecer curso e a Obra Kolping.

A gerente do Senai de Rondonópolis, Mozara Guerreiro, explicou que os cursos são realizados em três períodos com duração entre dois a três meses e que para o ano que vem, a Prefeitura garantiu vagas para 12 cursos, que ainda serão realizados.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Sanear leva obras de saneamento para bairros que esperavam há anos

Rondonópolis

Prefeitura amplia rede de saúde e inaugura ESF no bairro André Maggi

Publicado

Foto: Assessoria

Mais uma unidade de saúde foi concluída pela Prefeitura de Rondonópolis e entregue a população. Desta vez, os moradores do bairro André Maggi e região comemoraram a inauguração do posto “ESF Gesse Soares de Brito” feita pelo prefeito Zé Carlos do Pátio. Cerca de duas mil famílias dos bairros André Maggi e João Antônio Fagundes contaram com atendimento médico e odontológico mais próximo de sua residência.

“Mais uma unidade de saúde, a semana passada inauguramos uma no Paineiras, agora mais uma que recebeu o nome do meu amigo Gesse e toda semana vamos começar a inaugurar unidades de saúde para aproximar a saúde da população. São 15 novas unidades que estamos construindo e reformando várias, o nosso objetivo é deixar a cidade estruturada e dentro de poucos dias estaremos inaugurando o Hospital da Criança” destacou o prefeito.

Com a nova unidade de Saúde entregue, a população passa a contar com a oferta dos serviços da ESF e a prefeitura amplia a cobertura do programa para os bairros.

“A saúde cada dia mais perto do cidadão, é uma sensação de dever cumprido, pois o dever desta gestão é humanizar a saúde e levar para aqueles que mais precisam. Estamos inaugurando uma nova unidade, climatizada e equipada para uma população que até então era desassistida de PSF,” explicou a secretária municipal de Saúde Izalba Diva de Albuquerque.

A nova unidade de Saúde recebeu o nome de Gesse Soares de Brito (in memoriam), ilustre cidadão que contribuiu significativamente para a história do município. A esposa Maria Lucia Milhomen de Brito, mais conhecida como professora “Tatinha” e os filhos estiveram presentes na inauguração.

Veja Mais:  Robertta Pimenta é a campeã do concurso de fotografia em Rondonópolis

“Fico muito grata, toda a família, porque ele foi um homem batalhador no município e sempre ajudou as pessoas menos favorecidas, quero agradecer ao Zé do Pátio fico muito agradecida por ele ser homenageado,” agradeceu a professora “Tatinha”.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Dois alunos da Escola Municipal Princesa Isabel são semifinalistas da Olimpíada de Língua Portuguesa

Publicado

Foto: Assessoria

A Escola Municipal Princesa Isabel de Rondonópolis tem dois alunos semifinalistas da 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa. Um dos semifinalistas é o estudante Luiz Felipe Cândido Pires, que concorre na categoria memórias literárias – direcionada para alunos dos 6º e 7º anos do Ensino Fundamental – com texto de título “Muleque, vem prá dentro”. A outra semifinalista é aluna Eloísa Queiroz Mallmann, concorrente da categoria crônica – para estudantes do 8º ano do Ensino Fundamental – por meio do texto de título “Futuro esquecido”. Os dois semifinalistas são alunos do professor Senio Queiroz de Faria.

Os textos dos alunos Luiz Felipe e Eloísa estão entre os 569 selecionados para a etapa nacional, após escolha da Comissão Julgadora Estadual, criada pela Secretaria de Estado de Educação. O resultado desta etapa foi divulgado na última sexta-feira (11) e os estudantes classificados passam por nova avaliação entre os dias 23 de outubro e 19 de novembro, quando, durante a etapa nacional serão escolhidos os 173 finalistas entre estudantes de escolas públicas de todo o país.

O resultado final da 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa será divulgado em 28 de novembro, quando serão escolhidos os 28 textos vencedores, depois de concluídas todas etapas de julgamento. E, em 9 de dezembro será realizado um evento de premiação aos ganhadores.

Veja Mais:  Etapa Rondonópolis do Festrilha acontece no próximo fim de semana

A olimpíada

A 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa é um projeto nacional promovido por meio de parceria entre o Ministério da Educação, Itaú Social e Cenpec Educação com o objetivo principal de contribuir para o ensino-aprendizagem da leitura e escrita, aprofundando os conhecimentos dos alunos de escolas públicas brasileiras, sejam elas federais, estaduais ou municipais.

A olimpíada é dividida nas categorias poema, que concorrem alunos do 5º ano do Ensino Fundamental, memórias literárias, para alunos dos 6º e 7º anos do Ensino Fundamental, crônicas, com a participação dos alunos do 8º ano do Ensino Fundamental, documentário, para alunos dos 1º e 2º anos do Ensino Médio e artigo de opinião, com alunos do 3º ano do Ensino Médio.

O tema abordado pelos alunos em todas as categorias nesta edição é ‘O lugar onde vivo’, uma iniciativa que busca que os estudantes valorizem os aspectos da cultura local, resgatando histórias, estreitando os vínculos comunitários, se aprofundando no conhecimento sobre a realidade e assim, desenvolvendo cidadania.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Dia “D” da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo acontece neste sábado (19)

Publicado

Dia D de mobilização da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Sarampo.

Neste sábado (19), tem o Dia “D” da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo em Rondonópolis. A vacina estará disponível em todas as unidades de saúde do município, que irão funcionar para atender a população das 7h às 17h. Devem se vacinar nesta etapa crianças com idade compreendida entre seis meses e quatro anos, 11 meses e 29 dias. A meta de vacinação nesta faixa de idade é de 14.876 crianças, conforme estimativa populacional de Rondonópolis.

A orientação é de que a criança seja levada à unidade básica de saúde com a caderneta de vacinas, pois o Ministério da Saúde destaca que a vacina será aplicada em todos que não tiverem a comprovação da imunização com duas doses.

A vacina tríplice, que imuniza contra o sarampo, caxumba e rubéola, precisa ser tomada em duas doses, sendo a segunda aplicada após 30 dias da primeira. Assim, tanto quem não tomou nenhuma dose e como quem não completou o ciclo e ainda precisa da segunda, deve procurar uma unidade de saúde.

A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, na primeira etapa é destina à imunização de crianças de seis meses até quatro anos, 11 meses e 29 dias, seguindo até o dia 25 deste mês com vacinas disponíveis em todos as unidades básicas de saúde de Rondonópolis.

Veja Mais:  Centro Pop faz campanha para arrecadar roupas e agasalhos

Segunda etapa

A partir do dia 18 de novembro terá início a segunda etapa de vacinação contra o sarampo, que segue até o dia 30 de novembro. Os jovens de 20 a 29 anos que ainda não foram imunizados devem procurar as unidades de saúde do município para tomar as duas doses da vacina tríplice viral.

O Dia “D” da segunda etapa de vacinação acontece no sábado (30 de novembro), também em todas as unidades de saúde, das 7h às 17h.

Orientações

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica do Município, Magda Rosa, explica que todas as pessoas que ainda não tomaram a vacina tríplice viral podem procurar uma unidade de saúde que serão imunizadas.

Segunda a enfermeira, a imunização contra o sarampo é fundamental para prevenir a doença, que é infecciosa grave, causada por um vírus, e que pode ser fatal. O sarampo pode ainda causar surdez e cegueira.

Os primeiros sintomas da doença são febre acompanhada de tosse, irritação os olhos, nariz entupido e escorrendo e mal-estar intenso. Após três a cinco dias outros sintomas como manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas e brancas na bochecha, além de conjuntivite aparecem.

A transmissão do vírus ocorre de pessoa a pessoa, por via aérea, ao tossir, espirrar, falar ou respirar. O sarampo é tão contagioso que uma pessoa infectada pode transmitir para 90% das pessoas próximas que não estejam imunes.

Veja Mais:  Ex-Secretário de Receita de Rondonópolis esclarece saída da secretaria

Casos

De acordo com o Boletim Epidemiológico número 28, referente ao mês de outubro de 2019, do Ministério da Saúde, foram confirmados 6.640 casos de sarampo no Brasil de janeiro a outubro deste ano.

Em Rondonópolis ainda não há o registro de nenhum caso da doença.

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana