conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Nacional

O que já sabe sobre o massacre que deixou oito vítimas fatais em Suzano?

Publicado


Carro usado pelos atiradores de escola em Suzano passou por perícia; jovens roubaram veículo em concessionária
Rovena Rosa/Agência Brasil – 13.3.19

Carro usado pelos atiradores de escola em Suzano passou por perícia; jovens roubaram veículo em concessionária

Dois atiradores abriram fogo contra funcionários e alunos da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo. No total, o massacre em Suzano deixou 10 mortos. Cinco eram estudantes com idades entre 15 e 17 anos de idade. Duas eram funcionárias da escola. Um homem, tio de um dos atiradores, também morreu. Já os dois criminosos, que eram ex-alunos da escola, cometeram suicídio. 

Veja o que se sabe até agora sobre o massacre de Suzano :

Linha do tempo


Atiradores invadiram escola em Suzano, abriram fogo e depois se suicidaram
Reprodução

Atiradores invadiram escola em Suzano, abriram fogo e depois se suicidaram
  • Guilherme Taucci Ribeiro posta fotos armado nas redes sociais
  • Luiz Henrique de Castro aluga um carro e se encontra com Guilherme
  • Os dois vão para a concessionária, onde atiram no empresário Jorge Antonio Moraes, tio de Guilherme
  • Por volta das 9h30, os atiradores abrem fogo contra funcionários e alunos
  • Além de um revólver calibre 38, a dupla carrega garrafas de coquéteis molotov e armas medievais como uma besta, um arco e flecha e um machado
  • Eles também levam uma arma com fios, que aparentava ser uma bomba
  • Guilherme disparou contra todas as vítimas, enquanto Luiz Henrique desferiu golpes com as outras armas
  • Após se verem cercados de policiais, atiradores cometem suicídio. Guilherme atira contra Luiz Henrique e depois tira a própria vida
  • Perícia determina que mochila não contém explosivos
  • Resgate é acionado e retira as vítimas. Seis morreram no local, enquanto um foi dado como morto ainda na ambulância. 23 pessoas, entre feridos e pessoas que passaram mal, chegaram a ser internadas
  • Às 13h30, polícia divulga a identidade dos assassinos
  • Cerca de uma hora depois, são divulgados os nomes das vítimas
  • Perícia deixa a escola no final da tarde
  • Já na madrugada desta quinta-feira (14), começa o velório da primeira vítima
  • Pela manhã, todos os corpos, incluindo os dos assassinos, já estão sendo veladas
Veja Mais:  Battisti entra com recurso para converter a prisão perpétua para 30 anos

Vítimas fatais


Atiradores cometeram suicídio após abrirem fogo em escola de Suzano
Reprodução

Atiradores cometeram suicídio após abrirem fogo em escola de Suzano
  1. Jorge Antônio Morais (51 anos, dono de uma concessionária perto da escola)
  2. Marilena Ferreira Veira Umezo  (59 anos, professora)
  3. Eliana Regina de Oliveira Xavier (38 anos, funcionária da escola)
  4. Claiton Antônio Ribeiro (17 anos, estudante)
  5. Caio Oliveira (15 anos, estudante)
  6. Samuel Melquíades Silva de Oliveira (16 anos, estudante)
  7. Douglas Murilo Celestino (16 anos, estudante)
  8. Kaio Lucas da Costa Limeira (15 anos, estudante)

Vítimas internadas


Atirador invadiu a Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP) e abriu fogo contra funcionários e alunos
Reprodução

Atirador invadiu a Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP) e abriu fogo contra funcionários e alunos



  1. Anderson Carrilho de Brito (Santa Casa – São Paulo) – Em estado grave
  2. Letícia de Melo Nunes (Hospital Santa Marcelina – Itaquaquecetuba)
  3. Samuel da Silva Félix (Hospital Santa Maria – Suzano)
  4. Beatriz Gonçalves Fernandez (Santa Casa de Misericórdia de Suzano)
  5. Murilo Gomes Lauro Benites (Hospital das Clínicas de São Paulo)
  6. Jenifer da Silva Cavalcante (Hospital Luzia de Pinho Melo – Mogi das Cruzes)
  7. Leonardo Vinícius Santa Rosa (Santa Casa de Misericórdia de Suzano)
  8. Adina Isabella Bezerra de Paula (Santa Casa de Misericórdia de Suzano)
  9. Guilherme Ramos do Amaral (Santa Casa de Misericórdia de Suzano)
  10. José Vítor Ramos Lemos (Hospital Santa Maria – Suzano)
  11. Leonardo Martinez Santos (Hospital Luzia de Pinho Melo – Mogi das Cruzes)
Veja Mais:  Refugiados venezuelanos são agredidos com bombas em Roraima

Quem são os atiradores?


Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, foi identificado com um dos atiradores de Suzano
Reprodução

Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, foi identificado com um dos atiradores de Suzano

  • Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, cresceram na mesma rua e são amigos de infância
  • Guilherme foi criado pelos avós e sua mãe é dependente química
  • A avó de Guilherme morreu há quatro meses
  • Ele trabalhou na concessionária do tio Jorge Antônio Morais, mas foi demitido e atualmente não estudava e nem trabalhava
  • Luiz Henrique morava com os pais, um irmão e um avô
  • Ele trabalhava como jardineiro em uma empresa na Zone Leste
  • Ambos são ex-alunos na Escola Estadual Raul Brasil
  • Guilherme abandonou os estudos em 2018, mas negociava um retorno a mesma escola
  • Familiares de Guilherme dizem que o jovem era vítima de bullying, mas a maioria dos colegas desmentiu a informação
  • Os dois criminosos eram entusiastas de jogos violentos de computador
  • Eles também frequentavam fóruns anônimos na deep web onde, segundo a investigação, plenajaram o crime por mais de um ano

A investigação ainda procura saber o que motivou os dois ex-alunos a abrirem fogo na escola em Suzano . Também não se sabe se os alunos atingidos eram alvo dos atiradores, mas a acredita-se que o único objetivo era causar o número máximo de mortes. A polícia também quer descobrir porque os dois mataram Jorge Antônio Morais, tio de Guilherme. Uma linha de investigação é que seria uma vingaça por conta da demissão, enquanto outra ates que Jorge teria descoberto o plano da dupla.

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook

Nacional

Eduardo Cunha será transferido para o complexo de Bangu 8 no Rio de Janeiro

Publicado


Dudu Cunha
Alex Ferreira/Câmara dos Deputados – 12.7.16

Ex-deputado Eduardo Cunha vai ser transferido para o complexo de Bangu 8

Autorizado a cumprir pena no Rio, o ex-presidente da Câmara,Eduardo Cunha , será levado para a Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira, conhecida como Bangu 8, quando chegar ao estado. A unidade, localizada no Complexo de Gericinó, na Zona Oeste da cidade, abriga detentos da Operação Lava-Jato e outros com Ensino Superior completo. E lá que está, por exemplo, o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral. Em Bangu 8 estão, atualmente, 103 presos. O presídio tem capacidade para 154. 

Leia também: Cunha obtém autorização para cumprir pena no Rio

Eduardo Cunha está preso atualmente  Complexo Médico-Penal, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Sua vinda para o Rio foi autorizada pelo juiz Rafael Estrela, titular da Vara de Execuções Penais do estado, e também pela Justiça Federal. A transferência do ex-presidente da Câmara será feita pela Secretaria de Administração Penitenciária ( Seap) do Rio, mas ainda não há previsão para que ela ocorra. A pasta aguarda a documentação necessária para o procedimento.

Fontes da Seap ouvidas pelo jornal O Globo afirmaram que, para agilizar sua vinda para o Rio de Janeiro , Cunha poderá arcar com os custos da passagem de avião e dos agentes penitenciários que irão escoltá-lo até o estado. Isso poderia ser feito para que o político não precise aguardar os trâmites burocráticos para liberação de verba para a viagem. Ainda não houve, no entanto, nenhuma sinalização da defesa de Cunha nesse sentido.

Veja Mais:  Refugiados venezuelanos são agredidos com bombas em Roraima

Leia também: Deputado quer discutir decreto com Bolsonaro: “Doido entende outro doido”

Cunha está preso no Paraná há 31 meses. E desde a última sexta-feira (17) tem a companhia de José Dirceu em sua cela. 

Em abril deste ano, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou o pedido da defesa do ex-deputado de anulação da pena por lavagem de dinheiro. Os advogados argumentavam que Eduardo Cunha  havia sido condenado duas vezes em razão do mesmo ato, mas os ministros do STF entenderam que há provas do cometimento de dois crimes.

Fonte: IG Política
Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Namorada de Lula controla visitas em Curitiba

Publicado

IstoÉ


Rosângela da Silva, namorada de Lula
Reprodução

Namorada de Lula é quem controla visitas ao ex-presidente na prisão em Curitiba

A socióloga Rosângela da Silva , namorada do ex-presidente Lula (PT), passou a fazer uma triagem das pessoas que visitam o petista em Curitiba (PR). As informações são da revista Época .

Amigos de Lula acham que, ao delegar a triagem à amada, ele encontrou uma forma de só encontrar quem ele quer, sem passar pelo ônus de vetar alguém.

Leia também: Lula recebeu ultimato da nova namorada e já usa aliança de compromisso

Ainda segundo a revista, os filhos do ex-presidente não aprovaram totalmente o namoro do pai. Janja, como é conhecida, só é amiga nas redes sociais de Bia Lula, neta do ex-presidente.

Membros do PT dizem que o casal, que se conheceu quando Lula era presidente e passou por Itaipu, se reencontrou em abril de 2018 durante as caravanas que o ex-presidente fez pela região Sul.

Leia também: Pessoas próximas a Lula não aprovaram a exposição do namoro do ex-presidente

De acordo com a Época , eles se encontram no fim de tarde das quintas-feira por cerca de uma hora e sem visitas íntimas, o que Lula algumas vezes reclama.

Fonte: IG Política
Comentários Facebook
Veja Mais:  Battisti entra com recurso para converter a prisão perpétua para 30 anos
Continue lendo

Nacional

Homem é preso por estupro de vulnerável após dormir com menina de 11 anos

Publicado


preso
Divulgação

Homem de 22 anos foi preso por estupro de vulnerável após enganar menina de 11 anos; ele fingiu ser um adolescente

Um homem de 22 anos foi apresentado, na manhã desta quinta-feira (23), pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) de Manaus. Ele foi detido por estupro de vulnerável após se passar por um adolescente para seduzir e dormir com uma menina de 11 anos.

Leia também: Secretaria condena evento “Adoção na Passarela”, que causou polêmica na web

Segundo a investigação, o homem se aproximou da menor de idade pelas redes sociais fingindo ser um adolescente . Eles conversaram durante alguns meses e combinaram de se conhecer. O homem apanhou a garota na escola e a levou para casa.

Ambos desligaram os celulares por dois dias. A família da menina fez uma campanha pelas redes sociais após constatar o desaparecimento da jovem. Após ver a comoção, o suspeito deixou a menor de idade em um terminal de ônibus e voltou para casa.

Mesmo assim, ele acabou sendo detido após a menina contar a história à família. “Ela é só uma criança. Não se pode achar que pegar uma criança na porta da escola é uma coisa normal. Os pais precisam conversar mais com as crianças. Ela encontrou num estranho uma pessoa que ganhou a confiança dela pelas redes sociais. Poderia ter acontecido uma coisa muito pior. As famílias que tomem essa caso como um exemplo”, declarou a delegada Joyce Coelho durante a apresentação do suspeito.

Veja Mais:  Ministro mostraconfiança em boa relação do Brasil com EUA no governo Bolsonaro

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana