conecte-se conosco


Famosos

O que vai deixar saudades e o que não vai em “Segundo Sol”

Publicado

É hora de dar tchau para “Segundo Sol”, que acaba nessa sexta-feira (09). Depois de seis meses no ar, a novela de João Emanuel Carneiro se despede da Bahia e do público com opiniões mistas. Inconstante, a trama teve altos e baixos e não conseguiu ficar à altura de outros sucessos do autor.


Quem lembra? Casal de
Divulgação/TV Globo

Quem lembra? Casal de “Segundo Sol” começou promissor, ams acabou deixado para segundo plano no folhetim

Mas, nem tudo foi ruim no folhetim e, além de atuações memoráveis como de Deborah Secco, Letícia Colin e a estreante Kelzy Ecard, algumas tramas da novela valeram a pena. Por isso, selecionamos o que vamos e o que não vamos sentir saudade em “ Segundo Sol ”:

Leia também: Não vão deixar saudades! Veja quem são os piores personagens de “Segundo Sol”

  • Beto e Luzia? Não

O casal de protagonistas não teve nenhuma química e não agradou. Beto (Emilio Dantas) perdeu totalmente o protagonismo e virou um homem ingênuo que anda de um lado para outro sendo enganado por todos. O lengalenga de Luzia (Giovanna Antonelli) com os filhos também foi cansativa e sua trama girou em círculos a novela toda. Ninguém se improtou muito com ambos e com certeza não deixarão saudades.

  • Karola e Remy? Sim


Remy e Karola foram um dos pontos altos da novela, mas autor estragou isso transformando-os em tio e sobrinha
Reprodução

Remy e Karola foram um dos pontos altos da novela, mas autor estragou isso transformando-os em tio e sobrinha

Obras abertas tendem a ter reviravoltas, e a mais sem sentido de “Segundo Sol” (foram tantas) é o fato de que o casal de amantes Remy (Vladimir Brichta) e Karola (Deborah Secco) são na verdade tio e sobrinha. Não havia necessidade nenhuma para isso. A trama não mudou em nada colocando Remy como irmão de Laureta (Adriana Esteves), e só fez a relação dos dois ser esquisita.

Veja Mais:  “Capitã Marvel” ganha trailer e mexe com a nostalgia dentro do Universo Marvel

O que é péssimo pois o casal é disparado o melhor da novela. Brichta e Secco acertaram o tom na maldade e, ao contrário dos protagonistas, tinham química de sobra. Apesar de ter combinado umas 30 mil vezes de fugirem juntos ao longo da trama, no final, um defendeu e defende o outro.

  • Valentin e Rosa? Não

Valentim (Danilo Mesquita) é um jovem talentoso, criado com esmero pela mamãe Karola. Cheio de privilégios, ele parece a um mundo de distância de Rosa (Letícia Colin), prostituta de luxo. Em uma outra história eles até poderiam fazer sentido, mas com Ícaro (Chay Suede) no meio fica difícil.

  • Rosa e Ícaro? Sim


Ícaro e Rosa pegaram fogo logo no começo de
Divulgação / Rede Globo

Ícaro e Rosa pegaram fogo logo no começo de “Segundo Sol” e seguiram com boa parceria por toda a trama

O que leva a outro casal que ficará na memória. Rosa e Ícaro dividiam a vida de prostituição que, honestamente parecia bem mais simples considerando as loucuras que aconteceriam adiante. Também com ótima química, a dupla mostrou sintonia fina com diálogos bem amarrados e uma relação divertida de acompanhar.

  • Família Falcão? Não

O núcleo familiar é algo tradicional nas novelas, principalmente suburbana, onde comumente se torna a parte humorística da trama. A tentativa ocorreu com Clóvis, papel do ótimo Luis Lobianco, que é completamente alheio a todas as desgraças dos familiares. Mas ele não se encaixou aos dramas dos parentes, além de sofrer com as muitas invenções de Gorete (Thalita Carauta).

Veja Mais:  Netflix resgata comédias românticas como estratégia para fidelizar público jovem

O plot Naná-Dodô-Nestor também não convenceu, assim como Ionan (Armando Babaioff) e sua relação conturbada com Doralice (Roberta Rodrigues) e amor repentino por Maura (Nanda Costa).

Leia também: Escala de vilões em “Segundo Sol”: quem se superou e quem abandonou a vilania

  • Família Atahyde? Sim


Família Athayde teve seus altos e baixo em
Reprodução/TV Globo

Família Athayde teve seus altos e baixo em “Segundo Sol”, mas tramas era interessantes

Assim como a maioria das tramas, as envolvendo a família Athayde também teve seus altos e baixos, e alguns personagens, como Edgar (Caco Ciocler) não renderam tanto quanto poderiam. Mesmo assim, eles era vítimas das maldades de Rochelle (Giovanna Lancellotti) e viram Zefa (Caludia Di Moura) evoluir de empregada submissa para dona da p*rra toda.

Maria Luisa Mendonça deixou a desejar, mais por falta de espaço que de talento, claro, e nos poucos momentos que teve para brilhar, mostrou uma mulher fragilizada e insegura que começa a se empoderar.

  • Roberval vilão? Não


Roberval foi humilhado em
Divulgação/TV Globo

Roberval foi humilhado em “Segundo Sol” e voltou em busca de reparação. mas necessidade de se autoafirmar prejudicou o personagem

Dos personagens que mais flutuaram na trama, talvez o mais inconsistente tenha sido Roberval (Fabrício Boliveira). Primeiro grande papel de Boliveira em novelas, a sinopse indicava um homem que é humilhado ao descobrir que vive de empregado na casa onde vive seu pai que o rejeita. Ele vai embora e promete voltar em busca de vingança. No melhor estilo Nina de “Avenida Brasil”, ele aparece anos depois riquíssimo e decide colocar Severo (Odilon Wagner) atrás das grades.

Veja Mais:  Cleo sensualiza de biquíni durante passeio de barco

O problema é que ele escolhe a mesquinhez como ferramenta. Quer ver o pai humilhado também, e por tabela todos da família. No começo, sua aura de vilão é tão forte que nem a mãe quer morar em sua mansão, e prefere continuar como emprega na casa dos Athayde. Roberval foi muito mal escrito e suas vilanias foram seu ponto baixo. A pior parte, porém, foi a humilhação a Cacau (Fabíula Nascimento) que se tornou uma vítima de sua necessidade de autoafirmação.

  • Roberval bonzinho? Sim

Esse senso de justiça do personagem deveria jogar a seu favor. Com dinheiro e influência, ele deveria usar as ferramentas que tem para fazer justiça da maneira correta, colocando Severo na cadeia e seguindo com sua vida. Quando ele parte para o diálogo, seu personagem cresce muito e perde a aura de vilão. Roberval é o cara por quem você quer torcer, mas quando ele faz as piores escolhas, fica difícil. Ele deveria ter sido bom a trama toda.

Leia também: O fenômeno da multipaternidade de Severo em “Segundo Sol”

“Segundo Sol” teve tramas que não acrescentaram a narrativa, como o vício de Manu (Luisa Arraes) em drogas, que só durou até ela voltar a se relacionar com a mãe. Mas, no geral, é digna da lembrança dos expectadores.

Comentários Facebook
publicidade

Famosos

“A Favorita” lidera indicados ao prêmio Critics Choice Awards 2019; veja a lista

Publicado

Nesta segunda (10), foi anunciada a lista dos indicados ao Critics Choice Awards 2019, que reverencia grandes produções do cinema e da televisão .



Divulgação

“A Favorita” lidera Critics Choice Awards 2019, com 14 indicações

Leia também:”Vice” lidera corrida pelo Globo de Ouro 2019; veja lista completa dos indicados

A cerimônica do Critics Choice Awards acontece em 13 de janeiro de 2019, sendo a 24ª edição do evento. “A Favorita” é a grande líder da premiação, com 14 indicações ao todo. “Pantera Negra” garantiu o segundo lugar, com 12 indicações.

Cinema

  • Melhor Filme


Divulgação

“Pantera Negra” é um dos indicados ao Critics Choice Awards 2019

“Pantera Negra”

“Infiltrado na Klan”

“A Favorita”

“O Primeiro Homem”

“Green Book: O Guia”

“Se a Rua Beale Falasse”

“O Retorno de Mary Poppins”

“Nasce Uma Estrela”

“Vice”

  • Melhor ator

Christian Bale (“Vice”)

Bradley Cooper (“Nasce Uma Estrela”)

Willem Dafoe (“No Portal da Eternidade”)

Ryan Gosling (“O Primeiro Homem”)

Ethan Hawke (“First Reformed”)

Rami Malek (“Bohemian Rhapsody”)

Viggo Mortensen (“Greek Book: O Guia”)

  • Melhor atriz

Yalitza Aparicio (“Roma”)

Emily Blunt (“O Retorno de Mary Poppins”)

Grenn Close (“A Esposa”)

Toni Collette (“Hereditário”)

Olivia Colman (“A Favorita”)

Lady Gaga (“Nasce Uma Estrela”)

Melissa McCarth (“Pode me Perdoar”)

  • Melhor Ator Coadjuvante

Mahershala Ali (“Green Book: O Guia”)

Timothée Chalamet (“Querido Menino”)

Adam Driver (“Infiltrado na Klan”)

Sam Elliott (“Nasce Uma Estrela”)

Richard E. Grant (“Poderia Me Perdoar?”)

Michael B. Jordan (“Pantera Negra”)

  • Melhor Atriz Coadjuvante

Amy Adams (“Vice”)

Claire Foy (“O Primeiro Homem”)

Nicole Kidman (“Boy Erased: Uma Verdade Anulada”)

Regina King (“Se a Rua Beale Falasse”)

Emma Stone (“A Favorita”)

Rachel Weisz (“A Favorita”)

  • Melhor Ator ou Atriz Jovem

Elsie Fisher (“Oitava Série”)

Thomasin McKenzie (“Sem Rastros”)

Ed Oxenbould (“Vida Selvagem”)

Millicent Simmonds (“Um Lugar Silencioso”)

Amandla Stenberg (“O Ódio que Você Semeia”)

Sunny Suljic (“Mid90s”)

  • Melhor Elenco

Christian Bale como Dick Cheney em
Divulgação

Christian Bale como Dick Cheney em “Vice”

“Pantera Negra”

“Podres de Ricos”

“A Favorita”

“Vice”

“As Viúvas”

  • Melhor Direção

Damien Chazelle (“O Primeiro Homem”)

Veja Mais:  Cleo e outros herdeiros da música brasileira buscam sucesso longe das raízes

Bradley Cooper (“Nasce Uma Estrela”)

Alfonso Cuarón (“Roma”)

Peter Farrelly (“Green Book: O Guia”)

Yorgos Lanthimos (“A Favorita”)

Spike Lee (“Infiltrado na Klan”)

Adam McKay (“Vice”)

  • Melhor Roteiro Original

“Oitava Série”

“Roma”

“A Favorita”

“Vice”

“First Reformed”

“Green Book: O Guia”

“Um Lugar Silencioso”

  • Melhor Roteiro Adaptado

“Pantera Negra”

“Poderia Me Perdoar?”

“Se a Rua Beale Falasse”

“Nasce Uma Estrela”

“O Primeiro Homem”

“Infiltrado na Klan”

  • Melhor Fotografia

“Roma”

“Se a Rua Beale Falasse”

“Nasce Uma Estrela”

 “Pantera Negra”

“A Favorita”

“O Primeiro Homem”

  • Melhor Design de Produção

“Pantera Negra”

“Roma”

“Podres de Ricos”

“A Favorita”

“O Primeiro Homem”

“O Retorno de Mary Poppins”

  • Melhor Edição

“Nasce Uma Estrela”

“Vice”

“O Primeiro Homem”

“Roma”

“A Favorita”

“As Viúvas”

  • Melhor Figurino

“Duas Rainhas”

“Pantera Negra”

“Bohemian Rhapsody”

“A Favorita”

“O Retorno de Mary Poppins”

  • Melhor Maquiagem

“Pantera Negra”

“Bohemian Rhapsody”

“A Favorita”

“Duas Rainhas”

“Suspiria”

“Vice”

  • Melhores Efeitos Visuais


Divulgação

“Vingadores: Guerra Infinita”

“Vingadores: Guerra Infinita”

“Pantera Negra”

“O Primeiro Homem”

“O Retorno de Mary Poppins”

“Missão: Impossível – Efeito Fallout”

“Jogador Nº1”

  • Melhor de Animação

“O Grinch”

“Os Incríveis 2”

“Ilha dos Cachorros”

“Mirai”

“Wifi Ralph: Detonando a Internet”

“Homem-Aranha no Aranhaverso”

  • Melhor Longa de Ação

“Vingadores: Guerra Infinita”

“Pantera Negra”

“Deadpool 2”

“Missão: Impossível – Efeito Fallout”

“Jogador Nº1”

“As Viúvas”

  • Melhor Filme de Comédia

“Podres de Ricos”

“Deadpool 2”

“A Morte de Stalin”

“A Favorita”

  • Melhor Ator em Filme de Comédia

Christian Bale (“Vice”)

Jason Bateman (“A Noite do Jogo”)

Viggo Mortensen (“Green Book: O Guia”)

John C. Reilly (“Stan & Ollie”)

Ryan Reynolds (“Deadpool 2”)

Lakeith Stanfield (“Sorry to Bother You”)

  • Melhor Atriz em Filme de Comédia

Emily Blunt (“O Retorno de Mary Poppins”)

Olivia Colman (“A Favorita”)

Elsie Fisher (“Oitava Série”)

Rachel McAdams (“A Noite do Jogo”)

Charlize Theron (“Tully”)

Constance Wu (“Podres de Ricos”)

  • Melhor Filme de Terror ou Ficção-Científica

Jamie Lee Curtis em cena de
Divulgação

Jamie Lee Curtis em cena de “Halloween”

“Aniquilação”

“Halloween”

“Hereditário”

“Um LugarSilencioso”

“Suspiria”

  • MelhorFilme Estrangeiro
Veja Mais:  Cleo sensualiza de biquíni durante passeio de barco

“Burning”

“Capernaum”

“Guerra Fria”

“Roma”

“Shoplifters”

  • Melhor Canção

All the Stars (“Pantera Negra”)

Girl in the Movies (“Dumplin”)

I’ll Fight (“RBG”)

The Place Where Lost Things Go (“O Retorno de Mary Poppins”)

Shallow (“Nasce Uma Estrela”)

Trip a Little Light Fantastic (“O Retorno de Mary Poppins”)

  • Melhor Trilha-Sonora

“GreenBook: O Guia”

“Sea Rua Beale Falasse”

“Ilha dos Cachorros”

“Pantera Negra”

“O Primeiro Homem”

“O Retorno de Mary Poppins”

Leia também: Confira as principais apostas do iG Gente para a cultura pop em 2018

Televisão



Divulgação

“The Americans”
  • Melhor Série de Drama

“The Americans”

“Better Call Saul”

“The Good Fight”

“Homecoming”

“Killing Eve”

“My Brilliant Friend”

“Pose”

“Succession”

  • Melhor Ator em Série de Drama

Freddie Highmore (“The Good Doctor”)

Diego Luna (“Narcos: Mexico”)

Richard Madden (“Bodyguard”)

Bob Odenkirk (“Better Call Saul”)

Billy Porter (“Pose”)

Matthew Rhys (“The Americans”)

Milo Ventimiglia (“This Is Us”)

  • Melhor Atriz em Série de Drama

Jodie Comer (“Killing Eve”)

Maggie Gyllenhaal (“The Deuce”)

ElisabethMoss (“The Handmaid’s Tale”)

Sandra Oh (“Killing Eve”)

ElizabethOlsen (“Sorry For Your Loss”)

Julia Roberts (“Homecoming”)

Keri Russell (“The Americans”)

  • Melhor Ator Coadjuvante em Série de Drama

Richard Cabral (“Mayans M.C.”)

Asia KateDillon (“Billions”)

Noah Emmerich (“The Americans”)

Justin Hartley (“This Is Us”)

Matthew Macfadyen (“Succession “)

Richard Schiff (“The Good Doctor”)

Shea Whigham (“Homecoming”)

  • Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama

Dina Shihabi (“Jack Ryan”)

Julia Garner (“Ozark”)

Thandie Newton (“Westworld”)

Rhea Seehorn (“Better Call Saul”)

Yvonne Strahovski (“The Handmaid’s Tale”)

Holly Taylor (“The Americans”)

  • Melhor Série de Comédia

Bill Hader em
Divulgação

Bill Hader em “Barry”

“Atlanta”

“Barry”

“The Good Place”

“The Kominsky Method”

“The Marvelous Mrs. Maisel”

“The Middle”

“One Day ata Time”

“Schitt’s Creek”

  • Melhor Ator em Série de Comédia

Hank Azaria (“Brockmire”)

Ted Danson (“The Good Place”)

Michael Douglas (“The Kominsky Method”)

Donald Glover (“Atlanta”)

Bill Hader (“Barry”)

Jim Parsons (“The Big Bang Theory”)

Andy Samberg (“Brooklyn Nine-Nine”)

  • Melhor Atriz em Série de Comédia

Rachel Bloom (“Crazy Ex-Girlfriend”)

Rachel Brosnahan (“The Marvelous Mrs. Maisel”)

Veja Mais:  “Castle Rock” e as melhores antologias de terror da televisão

Allison Janney (“Mom”)

Justina Machado (“One Day at a Time”)

Debra Messing (“Will & Grace”)

Issa Rae (“Insecure”)

  • Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia

William Jackson Harper (“The Good Place”)

Sean Hayes (“Will & Grace”)

Brian Tyree Henry (“Atlanta”)

Nico Santos (“Superstore”)

Tony Shalhoub (“The Marvelous Mrs. Maisel”)

Henry Winkler (“Barry”)

  • Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia

Alex Borstein (“The Marvelous Mrs. Maisel”)

Betty Gilpin (“GLOW”)

Laurie Metcalf (“The Conners (ABC)

Rita Moreno (“One Day at a Time”)

Zoe Perry (“Young Sheldon”)

Annie Potts (“Young Sheldon”)

Miriam Shor (“Younger”)

  • Melhor Série Limitada

Chris Messina em
Divulgação

Chris Messina em “Sharp Objects”

“A Very English Scandal”

“American Vandal”

“The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story”

“Escape at Dannemora”

“Genius: Picasso”

“Sharp Objects”

  • Melhor Filme para aTV

“Icebox”

“Jesus Christ Superstar Live in Concert”

“King Lear”

“My Dinner with Hervé”

“Notes from the Field”

“The Tale”

  • Melhor Ator em Filme para a TV ou Série Limitada

Antonio Banderas (“Genius: Picasso”)

Darren Criss (“The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story”)

Paul Dano (“Escape at Dannemora”)

Benicio DelToro (“Escape at Dannemora”

Hugh Grant (“A Very English Scandal”)

John Legend (“Jesus Christ Superstar Live in Concert”)

  • Melhor Atriz em Filme para a TV ou Série Limitada

Amy Adams (“Sharp Objects”)

Patricia Arquette (“Escape at Dannemora”)

Connie Britton (“Dirty John”)

Carrie Coon (“The Sinner”)

Laura Dern (“The Tale”)

Anna Deavere Smith (“NotesFrom the Field”)

  • Melhor Ator Coadjuvante em Filme para a TV ou Série Limitada

Brandon Victor Dixon (“JesusChrist Superstar Live in Concert”)

Eric Lange (“Escape at Dannemora”)

Alex Rich (“Genius: Picasso”)

Peter Sarsgaard (“The Looming Tower”)

Finn Wittrock (“The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story”)

Ben Whishaw (“A Very EnglishScandal”)

  • Melhor Atriz Coadjuvante emFilme para a TV ou Série Limitada

Ellen Burstyn (“The Tale”)

Patricia Clarkson (“Sharp Objects”)

Penelope Cruz (“The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story”)

Julia Garner (“Dirty John”)

Judith Light (“The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story”)

Elizabeth Perkins (“Sharp Objects”)

  • Melhor Série Animada

“Adventure Time”

“Archer”

“Bob’s Burgers”

“BoJack Horseman”

“The Simpsons”

“South Park”



Divulgação/Netflix

“BoJack Horseman”

Leia também: Critic´s Choice Awards celebra “Mulher-Maravilha” e consagra “A Forma da Água”

Critics Choice Awards 2019 é uma das premiações mais importantes e influentes do cinema e da televisão, e as expectativas do público sobre os vencedores de cada categoria estão ainda mais altas, após esta lista de indicados.

Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Canção natalina Baby, It’s Cold Outside causa polêmica com letra e é censurada

Publicado

A música Baby, It’s Cold Outsideclássico natalino , composta por Frank Loesser em 1944, causou uma polêmica . Por conta de sua letra, que é composta por uma conversa de um homem e uma mulher, a canção foi proibida de ser tocada em rádios de alguns estados nos EUA e Canadá.

Leia também:R. Kelly lança música polêmica sobre acuações de violência sexual


Baby, It's Cold Outside,, clássico natalino, causa polemica com letra e é censurada de rádios
Reprodução/Youtube

Baby, It’s Cold Outside,, clássico natalino, causa polemica com letra e é censurada de rádios

A letra de
Baby, It’s Cold Outside
onde o homem tenta convencer a mulher a passar a noite em sua casa, por estar frio na rua, foi vista como manipuladora e composta por indícios de assédio sexual. Depois de a polêmica surgir rádios em Cleveland, Califórnia e Toronto baniram a canção.

Leia também:”Não se aproveitem do empoderamento feminino”, diz Leo Chaves após polêmica

No dueto, a moça diz “Eu simplesmente devo ir, a resposta é não” E ele apenas responde “Mas baby, está frio lá fora”. Na canção ainda é possível ver um questionamento sobre a bebida que o homem oferece a mulher: “Bem, talvez só mais meio drinque. Me diga o que tem nessa bebida”.

Em entrevista à EW, Susan Loesser, filha do compositor, comentou sobre as críticas do clássico natalino com a prática de colocar drogas em bebidas: “Bill Cosby estragou para todo mundo […] Desde que Cosby foi acusado de drogar mulheres, eu ouço essa acusação com a música o tempo inteiro”.

Veja Mais:  “Castle Rock” e as melhores antologias de terror da televisão

Susan ainda continuou: “As pessoas falavam ‘o que há nessa bebida’ o tempo inteiro, como uma piada (…) Eu entendo completamente, mas acho que as pessoas poderiam ouvir a música no contexto que ela foi feita. Ela foi escrita em 1944”.

Leia também:Já reparou? Dez músicas que apoiam e estimulam o assédio sexual

Desde que ficou conhecida e popularizada no filme “A Filha de Netuno” (1949), ao ser interpretada pela atriz Esther Williams e o ator Ricardo Montalbán, muitos artistas regravaram
Baby, It’s Cold Outside
 . Entre eles estão Dolly Parton e Rod Stewart, Idina Menzel e Michael Bublé, Ray Charles e Betty Carter e Lady Gaga e Joseph Gordon-Levitt.

Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Claudia Raia divulga fotos do casamento com Jarbas Homem de Melo

Publicado

Maravilhosa como sempre e usando um vestido azul, assinado pela estilista Lethicia Bronstein, Claudia Raia, de 52 anos, se casou com Jarbas Homem de Melo , de 47, no último sábado (08), em São Paulo. Feliz da vida, a atriz compartilhou diversos cliques da cerimônia em sua conta no Instagram nesta segunda-feira (10).

Leia também:Aos 51, Claudia Raia ostenta corpão e recebe chuva de elogios


Claudia Raia compartilha momentos do casamento com Jarbas
Reprodução/Instagram

Claudia Raia compartilha momentos do casamento com Jarbas

“Ontem foi um dia dos sonhos, celebramos nosso amor cercado de amigos e familiares em nossa casa. E hoje é o primeiro dia do resto das nossas vidas… Meu amor por você é inexplicável, um encontro de almas… Jarbas meu amor, meu companheiro, minha vida”, escreveu Claudia Raia em uma das imagens no Instagram.

Leia também:Famosos marcam presença no casamento de Camila Queiroz e Klebber Toledo


Claudia Raia compartilha momentos do casamento com Jarbas
Reprodução/Instagram

Claudia Raia compartilha momentos do casamento com Jarbas

A atriz que faz sucesso nos musicais, ainda postou uma imagem junto com seus filhos Enzo, de 21 anos, e Sofia, de 15, frutos do casamento com o ator Edson Celulari. Além das fotos, Claudia ainda compartilhou um vídeo emocionante do momento especial.

Leia também: Luiza Possi celebra união com Cris Gomes, diretor do “Domingão”

Esse é o terceiro casamento da atriz. O primeiro foi com o ex-ator e hoje deputado federal eleito Alexandre Frota e o segundo com Edson Celulari. Claudia Raia começou seu relacionamento com Jarbas Homem de Mello, um dos mais consagrados atores do teatro musical brasileiro, em 2012.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Cleo e outros herdeiros da música brasileira buscam sucesso longe das raízes
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana