conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Operação Bairro Seguro percorre pontos sensíveis do Centro Histórico de Cuiabá

Publicado

Mais de 90 profissionais da Segurança Pública, entre integrantes da Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Corpo de Bombeiros, Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e agentes do Conselho Tutelar, percorreram, na noite desta quarta-feira (19.04), vários pontos sensíveis da região do Centro Histórico de Cuiabá. Eles passaram, por exemplo, pelo Beco do Candeeiro e a Praça Maria Taquara, locais com altos índices de roubos e furtos, prostituição, uso de drogas e bares irregulares.

A ação integrada faz parte da operação Bairro Seguro, que ocorre desde a manhã desta quarta-feira (19.04) em todo o estado.

Cerca de 80 pessoas foram abordadas durante a ação noturna na Capital. Cinco estabelecimentos comerciais foram notificados e um foi fechado. Cinco pessoas foram conduzidas, uma pessoa com mandado de prisão em aberto e uma em posse de entorpecente.

O comandante regional 1 da Polícia Militar, coronel PM Edgar Maurício Monteiro Domingues, destacou que os pontos escolhidos são locais com altos índices de criminalidade, por isso foram feitas abordagens pessoais simultâneas, além de fiscalização integrada em vários estabelecimentos na região, que muitas vezes servem como locais de prostituição e uso de drogas.

O delegado regional de Cuiabá, Cley Celestino, enfatizou o foco preventivo da ação noturna. “A operação Bairro Seguro tem vários focos, e o desta noite é mais social, com o objetivo de fazer um diagnóstico na área central. Uma fiscalização de bares, alvarás, locais de prostituição, verificar se tem crianças ou adolescentes em situação de risco, verificar moradores de rua e se tem alguém com mandado de prisão em aberto”, explicou.

Veja Mais:  Operação da Decon e Procon Municipal apreende produtos falsificados em loja da Capital

A operação Bairro Seguro foi deflagrada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) nos 141 municípios de Mato Grosso. Esta é a quarta edição realizada este ano em todo o estado.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Rogers Jarbas, disse que as ações desenvolvidas nos municípios serão não só para cumprimento de mandados de prisão, mas também busca e apreensão, além de abordagens.

“O objetivo é combater a criminalidade violenta, homicídio e roubo, principalmente delitos patrimoniais e o tráfico doméstico. Mais uma vez, o sistema de segurança pública faz uma grande operação no estado para melhorar a sensação de segurança da população”, destacou.

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil prende membros de organização criminosa que age em Água Boa

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Cinco mandados judiciais, sendo três de prisão e dois de busca e apreensão, decretados pela Comarca do município de Água Boa (730 km a Leste) contra membros de uma organização criminosa, que age em crimes na região.

As ordens foram cumpridas na quarta-feira (21.08) pela Polícia Civil de Àgua Boa com apoio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) e a Regional de Rondonópolis.

As ordens de prisão e busca e apreensão foram expedidas pela Justiça, após investigação da Delegacia de Polícia de Água Boa, para apurar um roubo ocorrido em uma residência no bairro Vila Nova, no mês de fevereiro deste ano.

Durante o assalto os criminosos agiram com violência e grave ameaça contra as vítimas rendidas. Foram roubados diversos produtos e objetos como joias, além de uma caminhonete S10.

O inquérito policial instaurado resultou no indiciamento de cinco pessoas (dois homens, uma mulher e dois menores), por roubo qualificado e organização criminosa.

Dos três mandados de prisão, dois alvos (um homem e uma mulher) encontram-se atualmente recolhidos em unidades prisionais, sendo ele preso na cidade de Rondonópolis e ela na cadeia feminina em Cuiabá.

O trabalho operacional para cumprimento dos respectivos mandados foi realizado simultaneamente pela equipe de policiais civis da Delegacia Regional de Rondonópolis e da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

O terceiro alvo do pedido de prisão foi localizado e preso pelos policias civis em uma residência no bairro Guarujá, município de Água Boa. Também foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão domiciliar nos endereços dos bairros Guarujá e Universitário, locais onde os integrantes residiam.

Veja Mais:  Quarteto do tráfico são presos no Jardim Paulista em Rondonópolis

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Ação conjunta combate furtos de água em Cuiabá

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Civil, em ação conjunta com a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), prendeu em flagrante um morador do bairro Jardim Imperial, em Cuiabá, por furto de água mediante fraude no sistema de abastecimento, popularmente conhecido por “gato”.

 A fraude é fruto de fiscalização realizada pela empresa Águas Cuiabá, que após constatação de indícios de crimes, vem comunicando a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) da Capital, para responsabilização criminal dos donos dos imóveis.

Em um mês houve a requisição de 30 perícias para constatação de fraudes no abastecimento de água em bairros da capital, em apurações de mais de 500 registros de furtos de água comunicados na Polícia Civil, somente no primeiro semestre de 2019.

Na terça-feira (20), J.C.T, 44 anos, foi flagrado pelo segunda vez praticando a fraude, por meio de ligação clandestina para ter acesso ao fornecimento de água, prejudicando outros moradores da região com a perda ou redução do volume de água que chega em suas redes residenciais de abastecimento. Ele foi apresentado em audiência de custódia na última quarta-feira (21).

No imóvel, além de uma residência também funciona uma oficina. Esse mesmo endereço, no dia 26 de julho deste ano, já tinha sido alvo de perícia que constatou o furto de águas, mas logo após, mesmo havendo notificação, houve novamente a ligação clandestina.

Veja Mais:  Aquisição de coletes balísticos feminino assegura proteção para policiais em MT

A empresa Águas Cuiabá informou que havia 8 notificações anteriores de interrupção no fornecimento de água na mesma localidade. Os trabalhos de fiscalização tanto da empresa, quando da Polícia Civil e Politec foram intensificados para melhoria no abastecimento de água em Cuiabá, com foco na conscientização e penalização dos autores.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre mandado contra ex-tabelião que forjou documento em Jaciara

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um idoso ex-tabelião e procurado pela Justiça de Jaciara, com quatro mandados de prisão decretados em seu desfavor, foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de quarta-feira (21.08), em Cuiabá, durante ação da Gerência Estadual de Polinter e Capturas.

Natural do estado da Bahia, Eurico Victor de Oliveira, 79, estava com quatro ordens judiciais de prisão, expedidas pelo juízo da Comarca de Jaciara (144 km ao Sul), pelos crimes de falsificação de documento público, estelionato, uso de documento falso, entre outros.

O suspeito foi localizado pelos policiais civis da Polinter, após minucioso trabalho investigativo para levantar o paradeiro do foragido. Após monitoramento ele foi preso na quarta-feira (21), em uma residência no bairro Despraiado, na Capital.

Eurico Victor de Oliveira foi denunciado pelo Ministério Público Estadual, nos autos de processo que correu entre os anos 2001 e 2002. Ele desempenhava a função de Tabelião Substituto no Cartório do 1ºOfício do município de Jaciara, ocasião em que falsificou documentos com o propósito de adquirir uma propriedade rural com área de terra de aproximadamente 484 hectares.

Segundo apurado, o idoso em coautoria elaborou a procuração falsa, forjou e inseriu em documento público, informações inidôneas consignadas em documentos destinados a gerar direitos e obrigações.

Com a prisão do suspeito em cumprimento aos mandados judiciais, Eurico Victor de Oliveira, foi conduzido à Polinter para as providências necessárias, e, posteriormente, apresentado para audiência de custódia no Fórum de Cuiabá.

Veja Mais:  Redução de feminicídio íntimo é um dos maiores desafios

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana