conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Operação Lei Seca prende 83 motoristas por embriaguez ao volante

Publicado

Hérica Teixeira | Sesp-MT 

Ainda neste semestre, as ações serão ampliadas para outros municípios – Foto por: Lenine Martins

Em Mato Grosso, 83 motoristas foram presos em flagrante por embriaguez ao volante até o dia 21 de abril deste ano. Foram realizadas 15 edições da Operação Lei Seca e ao todo foram lavrados 662 Autos de Infração de Trânsito (AIT), 184 habilitações foram recolhidas e 1.665 testes de alcoolemia realizados. A operação foi realizada nos municípios de Cuiabá, Campo Novo do Parecis, Rondonópolis e Sorriso.

As operações Lei Seca são realizadas em conjunto com a Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), Batalhão de Policiamento de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTRAN), Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e, em alguns municípios, das secretarias municipais de trânsito e/ou mobilidade urbana.

O coordenador do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), tenente-coronel PM Gibson Almeida Costa Júnior, destacou que a realização da Operação Lei Seca será ampliada ainda neste semestre para todo o estado. O foco é reprimir as infrações ao Código Brasileiro de Trânsito.

“Nosso objetivo é que as operações aconteçam com mais rotina e que, além de Cuiabá, a operação chegue aos demais estados de Mato Grosso. Além da parte repressiva, vamos trabalhar a prevenção, pois muitos condutores ainda insistem em ingerir bebida alcoólica e assumir a direção do veículo”, enfatizou.

Veja Mais:  Polícia Civil representa pela prisão de suspeitos por morte de enfermeira em Sinop

De 2015 a 2018 foram 192 operações Lei Seca realizadas em 16 municípios, que resultaram em 696 motoristas presos, a maioria por dirigir sob influência de álcool. Outros 2.880 Autos de Infração de Trânsito (AIT) foram confeccionados por irregularidades do condutor ou veículo.

Além de Cuiabá e Várzea Grande, os municípios de Juína, Sinop, Rondonópolis, Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Tangará da Serra, Quatro Marcos, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum e Jaciara já realizaram a Operação Lei Seca.

Punição

A multa para o motorista que é flagrado dirigindo sob efeito alcoólico é de R$ 2.934,70.

No momento do teste do bafômetro, o condutor que tiver índice de álcool no sangue superior a 0,33 miligramas por litro de ar expelido será preso, pagará multa, terá a CNH suspensa e responderá por crime. A pena é de detenção que varia entre seis meses a três anos.

Quando a quantidade de álcool for abaixo de 0,33mg/l, o condutor é autuado, tem a CNH retida e paga multa.

 

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil apreende 17 quilos de maconha e prende um suspeito em Várzea Grande   

Publicado


Assessoria/PJC-MT

Durante diligências na manhã deste sábado, equipes da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) apreenderam 17 quilos de maconha tipo skank e prendeu uma pessoa em flagrante suspeita pelo comércio de entorpecentes . A apreensão foi realizada em uma casa no Jardim Eldorado, em Várzea Grande.

Além da maconha, os policiais apreenderam substâncias utilizadas para mistura ao entorpecente, embalagens e apetrechos para a distribuição de drogas, celulares e uma motocicleta.

A equipe da delegacia localizou a residência após investigações que apontavam a casa como um provável ponto utilizado para o tráfico de entorpecentes. Durante a ação foi constatado que a residência é um ponto de armazenagem, empacotamento e distribuição de entorpecentes.

A droga e os materiais apreendidos foram encaminhados à DRE. O delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira autuou o suspeito em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico. O suspeito confessou que estava sendo pago para cuidar da droga. Ele foi encaminhado para audiência de custódia na justiça.

As diligências continuam para apurar se há envolvimento de outras pessoas com o comércio de drogas na região.

Denúncia

A Polícia Civil tem o serviço de denúncia pelo número 197 e também um canal exclusivo via WhatsApp para recebimento de informações referentes ao tráfico de drogas: (65) 9 9989-0071. O sigilo é absoluto.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  PM recupera veículo roubado abandonado no Distrito Industrial Vetorasso
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende mulher que tentava transferir veículo utilizando documento falso

Publicado


Assessoria | PJC-MT

Uma mulher que usava documento falso para transferir para o seu nome a motocicleta do marido já falecido foi presa em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, na quinta-feira (23.01), em ação realizada pela equipe da Divisão Especializada de Roubos e Furtos (DERF) de Sorriso (442 km ao Norte de Cuiabá).

As diligências iniciaram após a equipe da DERF ser acionada pelo cartório do 2º Ofício da Comarca de Sorriso. Segundo as informações, na segunda-feira (20), a mulher compareceu no estabelecimento para fazer o reconhecimento de sua assinatura, porém ao entrarem em contato com cartório de Várzea Grande foi informado que se tratava de uma falsificação.

Também foi informado que o selo de autentificação não foi gerado pelo Cartório de Várzea Grande, como constava no documento de Certificado de Registro de Veículo, apresentado pela suspeita. Ao ser abordada pelos policiais da DERF, a suspeita disse que a motocicleta estava em nome do seu marido, que faleceu há dois anos.

Ela disse que o veículo estava apreendido e precisava dele para trabalhar e por isso procurou o proprietário de uma autoescola em Matupá que disse que poderia ajudar na liberação do veículo, cobrando R$2,5 mil para “fazer os documentos” e reconhecer firma. Após receber os documentos, a mulher foi orientada a fazer o reconhecimento da assinatura no Cartório de Sorriso, ocasião em que foi descoberta.

Veja Mais:  Mais de 150 crianças participam de palestras sobre álcool e drogas na zona rural de Cáceres

Diante da situação, a suspeita foi conduzida a Delegacia de Sorriso, onde após ser interrogada foi autuada em flagrante pelo crime de uso de documento falso. As investigações continuam em andamento para localizar o suspeito de falsificar os documentos.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis recebem orientações sobre Nova Lei de Abuso de Autoridade

Publicado


Assessoria/PJC-MT

Policiais da Gerência de Operações Especiais da Polícia Judiciária Civil participaram nesta sexta-feira (24.01) de uma palestra sobre a Lei 13.964/2019 – Nova Lei de Abuso de Autoridade. As orientações foram repassadas pelo delegado Marcel Gomes Oliveira, que atua na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá.

O objetivo foi orientar os policiais quanto aos novos tipos penais, e suas consequências, proporcionando conhecimento necessário para a atuação policial e evitando que incorrer em crime previsto na nova lei.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Mais de 150 crianças participam de palestras sobre álcool e drogas na zona rural de Cáceres
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana