conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Mato Grosso

Parceria vai integrar dados entre Sema e Centro de Controle da Sesp

Publicado

Uma parceria entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e Ministério Público Estadual (MPE) promoverá o compartilhamento de dados e informações via Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Os representantes das instituições visitaram, nesta sexta-feira (11.01), a Sala de Crise, Sala de Videomonitoramento, a Plataforma de Observação Elevada (POE) e demais estruturas que dão suporte ao CICC, na sede da Sesp.

Foram repassadas informações a respeito dos procedimentos adotados desde a instalação do aparato tecnológico para a Copa do Mundo de 2014. Em tempo real, servidores da Sesp-MT acompanham imagens das câmeras espalhadas por Cuiabá e Várzea Grande e demandam os atendimentos ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). A POE, por exemplo, permite a observação do local a 15 metros de altura, por meio de câmeras HD e térmicas, ideal para auxiliar a segurança em eventos com grande circulação de pessoas. A Secretaria também conta com o CICC móvel, um ônibus equipado com câmeras de videomonitoramento e Sala de Crise.

Segundo o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, a ideia é colocar em prática a orientação do governador Mauro Mendes de otimizar os recursos públicos. “A Sema está precisando de um apoio e nós temos como acolher tudo o que eles precisam. Temos o Centro Integrado de Comando e Controle, que pode auxiliar nas operações da Sema, sem aumentar o custo. Com o que a gente tem hoje, é possível absorver esta necessidade da Sema”.

Veja Mais:  Seplag capacita órgãos e secretarias de Estado para a elaboração do PPA 2020-2023

A parceria é uma alternativa para melhorar os serviços prestados sem gerar novos custos, conforme ressalta a titular da Sema-MT, Mauren Lazzaretti. “Nesta visita nós já identificamos várias oportunidades de integração de dados e serviços. Nossa perspectiva hoje é que o monitoramento das atividades que a Sema faz, principalmente no que diz respeito ao transporte de produto florestal, tenha uma interação com o trabalho que é feito pela Sesp, acredito que podemos melhorar a eficiência da nossa fiscalização com o trabalho que já existe”.

O promotor de justiça do MPE, Marcelo Caetano Vacchiano, avalia que esta integração pode contribuir para evitar fraudes nos processos conduzidos pela Sema. “A Secretaria de Segurança Pública tem uma estrutura que a Sema pode utilizar na área de Tecnologia da Informação que pode auxiliar nesse sentido e também colaborar para a conservação desses arquivos”.

Com as informações apresentadas durante a visita, os órgãos envolvidos começarão as tratativas para a elaboração do termo de parceria já na próxima semana.

Comentários Facebook

Mato Grosso

Setasc doa ração para ONG que resgata animais de rua em Cuiabá

Publicado

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) doou nesta quinta-feira (21) cerca de 130 quilos, entre ração e sachês de carne, para cães e gatos à Organização Não-Governamental (ONG) “Cão Cuidado Cão Amor”, de Cuiabá. O local abriga cerca de 200 gatos e 70 cachorros, que são abandonados nas ruas da capital ou ainda recolhidos de casas ou canis ilegais.

Os produtos foram doados devido à parceria firmada pela pasta neste ano com o Instituto de Pesos e Medidas de Mato Grosso (Ipem-MT), órgão delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e subordinado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec).

A ração faz parte de uma série de produtos recolhidos em estabelecimentos e pontos de venda para ensaios quantitativo, que podem ser realizados de duas maneiras. A primeira é um pré-exame, ainda no mercado, pesando produtos e verificando se as indicações descritas nas embalagens estão corretas no quesito peso líquido. Caso haja indícios de possíveis erros, os materiais são encaminhados para os “laboratórios de massa”, onde técnicos do Ipem fazem uma análise com mais profundidade.

Exatamente por terem as embalagens abertas para esses ensaios, essas amostragens de produtos não podem ser comercializadas nas gôndolas e, portanto, são armazenadas no Ipem, aguardando para serem doadas.

Um dos objetivos do Ipem ao se unir à Setasc, é a distribuição desses materiais colhidos. Para a secretária adjunta de Administração Sistêmica da pasta, Patrícia Camargo, todos ganham.

Veja Mais:  Conselho recebe candidatos para debater a saúde no Estado

“A parceria tem sido fundamental para que nós possamos encaminhar para entidades e organizações sem fins lucrativos que, de fato, precisam de produtos e materiais no seu dia a dia. Além disso, ao longo do ano e conforme vamos recebendo esses materiais, faremos rodízio nas instituições. Todos saem ganhando, tantos animais como os resgatados pela Ong Cão Cuidado Cão Amor, como pessoas em situação de grande vulnerabilidade social atendidas por locais como a Pastoral do Migrante”, destaca.

No caso da Pastoral, na semana passada, a Setasc doou itens de higiene pessoal, como shampoos e sabonetes, e alimentos, como feijão, biscoitos, achocolatados e macarrão, ao local, que hoje recebe grande fluxo de venezuelanos e haitianos.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

PM evita roubo mesmo no horário de folga

Publicado

Em Campo Verde (131km de Cuiabá), mesmo em horário de folga, um policial militar agiu com rapidez evitando que uma mulher fosse assaltada. A atuação dele levou à prisão do suspeito e apreensão de duas armas de fogo.

A ação aconteceu na madrugada de quinta-feira (21), no bairro Jupiara. O cabo Santos relatou que chegava em sua casa quando flagrou uma pessoa sendo vítima de roubo. Ao ver o homem apontando a arma para a vítima pediu que largasse a arma no chão e se entregasse, mas o ladrão reagiu atirando na direção do policial.

Santos, então, revidou a agressão fazendo disparos com o objetivo de intimidar o suspeito, só que mais uma vez não houve rendição. O suspeito deixou o local correndo e o cabo decidiu acompanhá-lo. Durante o trajeto, o militar pediu reforço à unidade local da PM, a 8ª Companhia.

O cabo viu quando o assaltante entrou em uma casa próxima. A guarnição da 8ª Cia chegou ao local e, a exemplo do que já havia feito o cabo no momento do assalto, ordenou que o ladrão se entregasse, saísse da casa desarmado e com as mãos para cima. Já o suspeito, antes de se entregar ainda quis saber quantos policiais estavam na porta da casa dele.   

Assim que foi preso A.P.A., 37 anos, passou por revista física e reconhecimento como sendo o autor da tentativa de roubo e da tentativa de homicídio contra o PM. Com autorização da mulher dele, a casa também passou por revista, sendo encontrado lá dentro uma garrucha, calibre 22, e uma espingarda (32), além de 16 munições que estavam escondidas sobre o guarda-roupas.

Veja Mais:  Escola de Governo realiza terceira convocação para Academia de Novos Líderes

Ninguém saiu ferido do confronto, todavia, o suspeito estava muito nervoso e teve que ser contido pelos policiais para conduzi-lo até a delegacia. A vítima de roubo ao ouvir os disparos saiu correndo, os policiais tentaram encontrá-la, mas não conseguiram.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Reunião da SNDC e eleições do Procons Brasil são destaques da semana

Publicado

Durante dois dias desta semana, representantes de Procons de todo o país estiveram reunidos em Brasília na 20ª Reunião com o Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC). Realizada pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), na sede do Ministério da Justiça e Segurança Pública, a reunião teve como objetivo discutir pontos sensíveis nas ações de proteção e defesa do consumidor, bem como definir a estratégia anual.

Secretário da Senacon, Luciano Timm frisou que o fortalecimento do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor é prioridade para a secretaria. “Como órgão coordenador da Política Nacional, é fundamental trabalharmos conjuntamente, definindo uma agenda estratégica de ação em prol da defesa do consumidor brasileiro”.

Em sua fala, a secretária adjunta de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor de Mato Grosso, Gisela Simona, destacou a necessidade de as decisões da Senacon estarem em consonância com o posicionamento dos membros  do SNDC. “As decisões precisam ter prévia oitiva do sistema nacional, porque quem lida diretamente com o consumidor somos nós, dos Procons, que estamos na ponta”.

O primeiro foi de reuniões setoriais, divididas em:  Associação Nacional do Ministério Público do Consumidor – MPCON; Associação Brasileira de Procons – ProconsBrasil; Fórum Nacional das Entidades Civis de Defesa do Consumidor – FNECDC; Comissão Nacional de Defensores Públicos do Consumidor e Conselho Nacional de Defensores Públicos Gerais – CONDEGE.

Veja Mais:  Novo Diretor da Acadepol tem missão de reestruturar a unidade de ensino da Polícia Civil

Já no segundo dia estavam na pauta o debate sobre métodos online e alternativos de resolução de disputas em Direito do Consumidor, bem como a análise de impacto  regulatório para as políticas públicas.

Senacon é o órgão responsável pela Política Nacional das Relações de Consumo e pela proteção e defesa do consumidor. A secretaria atua de forma articulada e integrada e realiza uma série de ações com os membros do SNDC, sempre com a finalidade de promover a ampliação e o fortalecimento da proteção e defesa do consumidor, em todo o país.

Eleições Procons Brasil

Esta semana, também em Brasília, foram realizadas as eleições (2019-2021)  para a Associação Brasileira de Procons – Procons Brasil. Criada em 2009, a entidade reúne mais de 800 Procons e tem como objetivo fortalecer os órgãos de defesa do consumidor e consolidar a política nacional de proteção e defesa do consumidor.

Além da diretoria administrativa, também foram escolhidos os coordenadores das regionais. Para a coordenação da região Centro-Oeste foi eleita a secretária adjunta de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor de Mato Grosso, Gisela Simona. Uma das principais ações da nova gestão, afirma a secretária adjunta, é identificar os problemas comuns da região e levar isso para a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), a fim de encontrar soluções de forma conjunta.

Gisela também lembra que um dos pedidos do governador Mauro Mendes e da Secretaria de Assistência Social e Cidadania para a atual gestão foi que Procon-MT retornasse ao cenário nacional, enquanto instituição referência na área de proteção e defesa do consumidor. “Acredito que essa representação fortalece nosso trabalho, para que possamos oferecer um serviço de qualidade aos consumidores mato-grossenses”.

Veja Mais:  Conselho recebe candidatos para debater a saúde no Estado

É competência da Procons Brasil promover ações que visem o aprimoramento e a consolidação da política nacional de proteção e defesa do consumidor; atuar no campo do aprimoramento legislativo em favor do consumidor; promover articulação e intercâmbio das atividades entre os Procons; atuar junto aos órgãos e entidades públicos e privados ligados à defesa do consumidor; entre outros.

(Com Assessoria da MJSP)

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana