conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Esportes

Pedrinho marca no começo e Corinthians impõe primeira derrota ao São Paulo

Publicado

Lance


Pedrinho marcou o gol da vitória do Corinthians no clássico contra o São Paulo
Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/Agência O Globo
Pedrinho marcou o gol da vitória do Corinthians no clássico contra o São Paulo

Rotina mantida. Assim pode ser definida mais uma vitória do Corinthians sobre o São Paulo
na Arena, em Itaquera. Neste domingo, com gol de Pedrinho, o Timão fez 1 a 0 no Tricolor, que segue sem vencer na casa do rival. Assim, o Corinthians chegou a três vitórias seguidas – duas pelo Brasileiro e uma pela Sul-Americana. Já o Tricolor completou o terceiro jogo seguido sem vitórias – um empate e duas derrotas. Primeira derrota no Brasileirão
.

Na próxima rodada do Brasileiro, no domingo, o São Paulo recebe o Cruzeiro no Pacaembu. Antes disso, na quarta, visita o Bahia precisando de uma vitória para se manter na Copa do Brasil. O Corinthians
volta a campo na quinta, pela Sul-Americana, contra o Deportivo Lara, na Venezuela. A partida do Timão pela sétima rodada do Brasileirão, contra o Goiás, ainda não tem data definida. 

Pedrinho confirma boa fase 

O começo do jogo deixou a impressão de que seria fácil para o Corinthians. Logo aos 6 minutos do primeiro tempo, o Timão abriu o placar na Arena. Fagner tentou um cruzamento para Vagner Love, mas a zaga afastou. No rebote, a bola voltou para o lateral-direito, que passou para Pedrinho, na entrada da área. O meia-atacante finalizou, a bola desviou em Arboleda e enganou Volpi. Foi o segundo gol de Pedrinho nos últimos três jogos – ele também marcou contra o Athletico Paranaense, pelo Brasileiro. 

Veja Mais:  Schumacher usou nome falso e se escondeu em cobertor para entrar em hospital

Muita disputa, pouco futebol 

Com o placar aberto, o Corinthians deixou a posse de bola com o São Paulo. Mas a equipe tricolor teve muita dificuldade em criar jogadas ofensivas – tanto pela boa marcação do Timão como pela falta de criatividade da própria equipe. O time do técnico Cuca até conseguia chegar perto da área trocando passes, mas não levava perigo ao goleiro Cássio. Enquanto isso, o Timão também não conseguia ser efetivo ao recuperar as bolas. 

Aos 23 minutos, o São Paulo chegou a marcar um gol, mas foi acertadamente anulado por impedimento de Arboleda, que finalizou para o gol após rebote de Cássio em uma cobrança de falta bem batida por Reinaldo. Depois, o Tricolor só voltou a assustar aos 38, numa cabeçada de Bruno Alves que passou perto da meta corintiana. 

Já o Timão só voltou a ter uma chance clara de gol aos 43, após boa troca de passes entre Pedrinho e Fagner. O lateral-direito recebeu na frente e cruzou para a entrada da área. Júnior Urso pegou forte, de primeira, mas no meio do gol, e Volpi fez a defesa. 

Pato vaiado 

Sem muitas boas lembranças da passagem de Pato pelo Corinthians, os torcedores do Timão vaiavam o atacante do São Paulo sempre que ele pegava na bola. Numa dividida de bola na segunda etapa, entre Pedrinho e Pato, o jogador do time da casa levou a melhor, com direito a drible sobre o Pato depois, e a torcida comemorou quase como se fosse um gol. 

Veja Mais:  CBF encaminha carta à Conmebol cobrando explicações sobre expulsão de Dedé

Nada mudou 

O panorama do segundo tempo foi muito parecido com o primeiro. Mesmo com as mexidas de Cuca, o São Paulo não conseguiu ser mais objetivo. Trocava passes perto da área do Corinthians, mas não conseguia infiltrar. A melhor chance do Tricolor só aconteceu aos 40, num chute forte de fora da área de Helinho, que passou perto do gol de Cássio. Enquanto isso, o time de Carille seguia apostando nos contra-ataques, principalmente com Love, Pedrinho e Fagner. Num desses lances, nos acréscimos, Gustagol perdeu um gol cara a cara com Volpi. 

Confusão no final 

No fim da partida, Sornoza segurou Hernanes no meio e o juíz marcou a falta. Com o jogo já parado, o braço do são-paulino atingiu peito do equatoriano, que caiu no chão. O juiz Flávio Rodrigues de Souza mostrou o cartão vermelho para Hernanes, o que gerou muita reclamação dos jogadores do Tricolor. Mas, após consulta ao VAR, o árbitro retirou o cartão vermelho e mostrou apenas o amarelo. 

FICHA TÉCNICA 

CORINTHIANS 1 x 0 SÃO PAULO 

Data/Hora
: 26/05/2019, às 19h. 
Local
: Arena Corinthians, em São Paulo (SP) 
Árbitro
: Flávio Rodrigues de Souza (SP) 
Assistentes
: Marcelo Van Gasse e Daniel Luis Marques (ambos de SP) 
Quarto Árbitro
: Ilbert Estevam da Silva (SP) 
VAR
: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP) 
Assistentes do VAR
: Vinicius Furlan e Alex Ang Ribeiro (ambos de SP) 
Público/Renda
: 39.378 pagantes e 39.670 presentes/R$ 1.916.228,30 
Gramado
: Bom 
Cartões amarelos
: Júnior Urso, Danilo Avelar e Sornoza (COR), Antony, Igor Vinícius, Igor Gomes e Hernanes (SAO) 
Cartão vermelho
: – 

Veja Mais:  Jogador é preso após pisar na cabeça de rival durante partida de futsal; assista

GOLS
: Pedrinho, 6’/1ºT (1-0) 

CORINTHIANS 

​Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Júnior Urso e Sornoza; Pedrinho (Mateus Vital, 27’/2ºT), Vagner Love (Gustagol, 36’/2ºT) e Clayson (Ramiro, 41’/2º). Técnico
: Fábio Carille 

SÃO PAULO

Tiago Volpi; Igor Vinícius (Igor Gomes, 24’/2ºT), Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Hudson, Tchê Tchê e Vitor Bueno (Helinho, 34’/2ºT); Antony, Everton (Hernanes, 13’/2ºT) e Pato. Técnico
: Cuca

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Torcedores que vão ao Peru devem ficar atentos às regras do país

Publicado

source

Os torcedores que vão viajar por via terrestre para o Peru, para acompanhar a final entre Flamengo e River Plate pela Copa Libertadores, têm que ficar atentos.

Brasileiros não precisam de visto ou passaporte para entrar no país vizinho, mas o documento de identidade (RG) deve ter data de expedição de até 10 anos. Carteira de motorista não é válida para ingresso no Peru.

Por via terrestre, é possível entrar no país pela fronteira localizada no Acre. O governo peruano recomenda que os visitantes ingressem no país pelos postos de controle fronteiriço de Iñapari, em Madre de Dios; Kasani e Desaguadero, em Puno; e Santa Rosa, em Tacna.

Quem for de carro próprio, deve seguir algumas regras para trafegar no país vizinho. O governo peruano exige a contratação do Seguro Obrigatório contra Acidentes de Trânsito, que deve ser apresentado às autoridades em caso de abordagens. Caso o condutor não seja o proprietário do veículo, é preciso ter uma procuração pública autenticada em cartório dando autorização para que outra pessoa conduza o carro. É necessário ainda apresentar a carteira nacional de habilitação.  

Para assistir o Flamengo da arquibancada do Estádio Monumental de Lima, tem torcedor fazendo uma verdadeira peregrinação.

O carioca Edgard Melonio começou sua viagem na terça-feira (19) de avião até a capital acreana, Rio Branco. De lá, já pegou táxi, van e ônibus para conseguir chegar a Lima no sábado.

Veja Mais:  Jorge Sampaoli é perseguido por ciumentos da própria classe de trabalho

“Rio de Janeiro, com escala em Brasília, a Rio Branco, na terça-feira. Pegamos um táxi, que rodou cerca de 220 km até a cidade acreana de Assis Brasil, na fronteira com a cidade peruana de Iñapari. Passei pela migração, segui de van para Puerto Maldonado. Em seguida, um ônibus para Cusco”.

O torcedor passará a quinta-feira dentro de outro ônibus rumo à capital, e só deve chegar a Lima no início da manhã de sexta- feira.

Edgar, que é diretor da Torcida Jovem do Flamengo, afirma que a migração peruana abriu um atendimento extra para agilizar a entrada da torcida brasileira.

O governo peruano disponibiliza aos viajantes o serviço de assistência turística iPerú, através do número (+511) 574-8000, o e-mail iperu@promperu.gob.pe e o WhatsApp (+51) 944492314 (somente para mensagens de texto).

A final da Copa Libertadores da América será no próximo sábado (23), no Estádio Monumental de Lima, às 15h (horário local) – às 17h no horário de Brasília. A partida terá transmissão da Rádio Nacional.

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Maracanã terá festa para disputa entre Flamengo e River Plate

Publicado

source

Os torcedores do Flamengo que não puderam viajar para Lima, no Peru, para assistir à final da Copa Libertadores da América, neste sábado (23), entre o Flamengo e o River Plate, da Argentina, poderão fazer uma grande festa no Estádio do Maracanã que disponibilizará uma estrutura com telões para que a disputa seja acompanhada em clima de comemoração.

Além dos quatro telões fixos existentes no estádio, estão sendo montados outros dez telões de LED com 60 metros quadrados para que os torcedores possam acompanhar todos os lances da decisão da Copa Libertadores.

Batizado de Final Fun Fest, o evento é organizado pela Dream Factory e pela X3M. O Flamengo não é o organizador do evento, mas fez parceria com as empresas para que os sócios torcedores do clube tenham prioridades na hora de comprar os ingressos. Os organizadores esperam reunir 50 mil pessoas. Os ingressos variam de R$ 30 a R$ 640. A compra pode ser feita na sede do clube na Gávea, na bilheteria 2 do Estádio do Maracanã, das 10 às 17h, inclusive no sábado, e pela internet até as 9h de sábado (23).

Vão se apresentar para esquentar a festa, a cantora Ludmilla, DJ Marlboro, Buchecha, Ivo Meirelles e a MC Poze, que cantará os funks Os Coringa do Flamengo e Tô Voando Alto. Os portões do estádio serão abertos às 14h. Menores de 16 anos devem ir acompanhados de responsáveis. Haverá meia-entrada para pessoas com até 21 anos e estudantes de cursos reconhecidos pelo Ministério da Educação.

Veja Mais:  Em duelo equilibrado, Inter e Corinthians empatam sem gols no Beira-Rio

Para os torcedores que estarão nas cadeiras e na arquibancada, além dos shows de música ao vivo, comidas e bebidas farão a festa da torcida.

 

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Botafogo tem cinco jogos pela frente para evitar o rebaixamento

Publicado

source

Com 36 pontos e apenas um à frente do Fluminense – o Tricolor abre o pelotão do Z-4 – o Botafogo vai ter cinco jogos decisivos até o fim do Campeonato Brasileiro. Para o meia João Paulo, o time de Alberto Valentim não pode mais “oscilar” e precisa conquistar uma sequência de bons resultados.

 “A gente tem que assumir que pode melhorar nossa qualidade de jogo e ser mais consistente, principalmente no último terço de campo. Temos um jogo decisivo em casa”.

Ouça na Rádio Nacional

Depois de Corinthians, neste domingo (24), às 18h, no Estádio Nilton Santos, o Botafogo terá a Chapecoense, na Arena Condá; o Internacional, dentro de casa; o Atlético-MG no Mineirão;  e o Ceará no Niltão, no Rio de Janeiro.

Para esta reta final, a diretoria alvinegra deve acertar os salários atrasados.

 “Foi passado que vai ser quitado, não deram datas, mas a gente não se estendeu muito, porque nesse momento precisamos focar no nosso trabalho; vamos deixar que eles resolvam esta situação”, esclareceu João Paulo.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Veja Mais:  “Falha no regulamento” pode fazer o Campeonato Paulista acabar no tapetão
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana