conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policia Federal

PF combate desvio de recursos públicos da União

Publicado

Maceió/AL – A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (10/9) a Operação Casmurros, em conjunto a Controladoria Geral da União em Alagoas e Ministério Público Federal, com o objetivo de apurar desvios de recursos públicos do Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar – PNATE e do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação Básica – FUNDEB, na Secretaria Estadual de Educação – SEDUC. A ação ocorre nas cidades de Maceió, Arapiraca, Boca da Mata, Rio Largo e São Miguel dos Campos.

Cerca de 114 policiais federais e 11 auditores da Controladoria Geral da União cumprem 26 mandados de busca e apreensão, 15 mandados de prisão temporária, bem como de afastamento temporário do cargo ou função pública de 7 servidores da Secretaria Estadual de Educação e da AMGESP, expedidos pelo Juízo da 13. ° Vara Federal do Estado de Alagoas.

De acordo com as investigações, que tiveram início em abril de 2019, após fiscalização da Controladoria Geral da União, a organização criminosa, mediante fraudes licitatórias, lograram contratos com a Secretaria de Educação do Estado de Alagoas para execução do Serviço de Transporte Escolar da rede Pública Estadual.

Os processos administrativos que antecederam contratos celebrados com as empresas que se revezaram, entre os ano de 2017 e 2019, apresentam indícios de dispensa indevida de licitação, direcionamento da contratação, fraude e manipulação processual, sobrepreço, subcontratação irregular, pagamentos sem cobertura contratual e pagamentos sem documento hábil para liquidação e fraudes com superfaturamento na execução dos contratos, causando prejuízo estimado aos cofres públicos de mais de R$ 8 milhões, podendo superar a R$ 21 milhões.

Veja Mais:  Polícia Federal incinera quase 4 toneladas de drogas

A participação de servidores públicos, por ação ou omissão, era condição necessária para o sucesso do esquema criminoso e se materializava na inobservância de requisitos exigidos para contratação das empresas, ausência de fiscalizações adequadas das execuções de contratos e até mesmo mediante falsidades ideológicas em atestos e/ou declarações inseridas em processos de pagamento e de dispensa emergencial de licitação.

Nome da operação: O adjetivo CASMURRO, embora nos remeta imediatamente ao apelido do personagem BENTINHO da Obra de Machado de Assis, qualifica o sujeito teimoso, obcecado, turrão etc. mesmas característica observadas em alguns dos servidores públicos envolvidos, que, a despeito de pareceres contrários da Procuradoria Geral do Estado para contratação das empresas investigadas, resistiam e insistiam em busca de brechas no processo administrativo que permitissem a contratação.

Será concedida entrevista coletiva, às 10h, no auditório da Superintendência Regional da Polícia Federal em Alagoas.

 

Comentários Facebook

Policia Federal

PF apreende drogas e petrechos para arma de fogo no Aeroporto de SP

Publicado


Guarulhos/SP – A Polícia Federal prendeu, entre os dias 25 e 26/1, no Aeroporto Internacional de São Paulo, seis passageiros de voos internacionais portando drogas e petrechos para armas de fogo.

As ações, realizadas por servidores da Receita Federal, que atuam com o auxílio de cães de faro, e por policiais federais, resultaram na apreensão de quase 30 kg de drogas e apreensão de diversas peças para fabricação de armas de fogo.

No sábado (25), foram presas quatro pessoas com drogas. Na primeira ação, servidores da Receita Federal identificaram drogas na bagagem de mão de um homem, nacional da Letônia, que pretendia embarcar para Addis Ababa, na Etiópia. Mais de 2 kg de cocaína estavam ocultos no fundo falso de sua mochila. Essa mesma equipe de servidores encontrou, no mesmo voo, mais de 13 kg de cocaína ocultos em solas de calçados que estavam dentro da mala, pertencente a um homem, nacional da Nigéria, que ingressou no país beneficiado pela Lei do Refúgio. Já no check-in de voo com destino a Portugal, policiais federais prenderam uma mulher, nacional da Romênia, com 3 kg de cocaína ocultos dentro de embalagens de lençóis e pó de café. Outra passageira, uma brasileira que pretendia embarcar para Joanesburgo, na África do Sul, foi presa pelos policiais federais com quase 4 kg de cocaína ocultos em fundos falso de sua bagagem de mão.

Veja Mais:  Polícia Federal incinera quase 4 toneladas de drogas

Um brasileiro, que desembarcou de voo proveniente dos Estados Unidos, no domingo (26), trazia diversos petrechos para armas de fogo sem as devidas autorizações do Exército. O homem alegou que as peças eram para uso próprio. Ele foi detido pelos servidores da Receita Federal e conduzido à PF, onde foi preso com base no Estatuto do Desarmamento. Em outra ação, policiais federais localizaram, no fundo falso de um case para computador e de uma mala, portados por um homem, nacional da Alemanha, mais de 5 kg de cocaína. O homem pretendia levar a droga para Zurique, na Suíça.

Os presos serão conduzidos aos presídios estaduais, onde permanecerão à disposição da Justiça.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos

Contato: (11) 2445-2212

Comentários Facebook
Continue lendo

Policia Federal

Polícia Federal recebe chefe de organização criminosa que foi extraditado do Paraguai

Publicado


Curitiba/PR – A Polícia Federal recebeu, na noite de ontem (24/1), das autoridades paraguaias, um brasileiro, chefe de organização criminosa, considerado um dos maiores contrabandistas de cigarros do Brasil que se encontrava preso naquele país para fins de extradição/expulsão. A entrega foi realizada, às autoridades brasileiras, na Ponte Internacional da Amizade, na cidade de Foz do Iguaçu.

O contrabandista, que foi o alvo principal na Operação Contorno Norte, deflagrada em Maringá, em junho de 2019, também é alvo de investigações em outras operações da Polícia Federal e encontrava-se preso no Paraguai desde março do ano passado

Naquela ocasião, foi detido no aeroporto de Assunção/Paraguai, com apoio da Interpol e da Direção Geral de Migração do Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi, quando tentava ingressar naquele país.

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/PR
cs.srpr@dpf.gov.br

41-3251-7809

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF combate tráfico de produtos florestais
Continue lendo

Policia Federal

Polícia Federal incinera quase 4 toneladas de drogas

Publicado


Foz do Iguaçu/PR – Na data de hoje (24/1), a Polícia Federal realizou a primeira incineração de drogas do ano de 2020.

A incineração aconteceu na cidade de Cascavel/PR e foram destruídas no total 3,680 toneladas de drogas, sendo aproximadamente 100 kg de cocaína e o restante, maconha.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR

Contato: (45) 3576-5515

Comentários Facebook
Veja Mais:  Nota à Imprensa
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana