conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policia Federal

PF combate internalização ilegal de dólares no país

Publicado

Santana do Livramento/RS – A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (10/9) a Operação Benjamin, que investiga cinco grupos criminosos especializados em câmbio ilegal.

Cerca de 26 policiais federais cumprem 6 mandados de busca e apreensão nos municípios gaúchos de Santana do Livramento (1), Uruguaiana (2) e Passo Fundo (1) e ainda na cidade de São Paulo (2). Um grupo atuante em Porto Alegre também é investigado.

A apuração, iniciada em maio de 2018, indica que o esquema teria introduzido ilegalmente no país mais de 30 milhões de dólares americanos entre os anos de 2017 e 2019. Os grupos investigados realizavam de forma sistemática a aquisição de moeda americana no Uruguai para posteriormente transportá-la, em espécie, até a cidade de São Paulo, onde era trocada por reais, abastecendo doleiros locais. O dinheiro era movimentado em compartimentos ocultos em veículos de passeio e em ônibus de turismo, ou junto ao corpo dos criminosos.

No decorrer das investigações, foram realizadas nove apreensões de moeda em espécie, totalizando mais de 1,1 milhão de dólares americanos e R$ 620 mil. A Polícia Rodoviária Federal prestou apoio em diligências e abordagens no decorrer do inquérito policial.

Até o momento, treze pessoas já foram indiciadas por crime de fazer operar instituição financeira de câmbio, sendo seis delas, também, por crime de organização criminosa.

Veja Mais:  Operação Vitare Periculum investiga ameaça em Instituto Federal na Paraíba

 

Comunicação Social
Superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Sul
imprensa.rs@dpf.gov.br | www.pf.gov.br
Telefone (51) 3235.9005/99717.3040

Comentários Facebook

Policia Federal

PF apreende drogas e petrechos para arma de fogo no Aeroporto de SP

Publicado


Guarulhos/SP – A Polícia Federal prendeu, entre os dias 25 e 26/1, no Aeroporto Internacional de São Paulo, seis passageiros de voos internacionais portando drogas e petrechos para armas de fogo.

As ações, realizadas por servidores da Receita Federal, que atuam com o auxílio de cães de faro, e por policiais federais, resultaram na apreensão de quase 30 kg de drogas e apreensão de diversas peças para fabricação de armas de fogo.

No sábado (25), foram presas quatro pessoas com drogas. Na primeira ação, servidores da Receita Federal identificaram drogas na bagagem de mão de um homem, nacional da Letônia, que pretendia embarcar para Addis Ababa, na Etiópia. Mais de 2 kg de cocaína estavam ocultos no fundo falso de sua mochila. Essa mesma equipe de servidores encontrou, no mesmo voo, mais de 13 kg de cocaína ocultos em solas de calçados que estavam dentro da mala, pertencente a um homem, nacional da Nigéria, que ingressou no país beneficiado pela Lei do Refúgio. Já no check-in de voo com destino a Portugal, policiais federais prenderam uma mulher, nacional da Romênia, com 3 kg de cocaína ocultos dentro de embalagens de lençóis e pó de café. Outra passageira, uma brasileira que pretendia embarcar para Joanesburgo, na África do Sul, foi presa pelos policiais federais com quase 4 kg de cocaína ocultos em fundos falso de sua bagagem de mão.

Veja Mais:  Operação Vitare Periculum investiga ameaça em Instituto Federal na Paraíba

Um brasileiro, que desembarcou de voo proveniente dos Estados Unidos, no domingo (26), trazia diversos petrechos para armas de fogo sem as devidas autorizações do Exército. O homem alegou que as peças eram para uso próprio. Ele foi detido pelos servidores da Receita Federal e conduzido à PF, onde foi preso com base no Estatuto do Desarmamento. Em outra ação, policiais federais localizaram, no fundo falso de um case para computador e de uma mala, portados por um homem, nacional da Alemanha, mais de 5 kg de cocaína. O homem pretendia levar a droga para Zurique, na Suíça.

Os presos serão conduzidos aos presídios estaduais, onde permanecerão à disposição da Justiça.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos

Contato: (11) 2445-2212

Comentários Facebook
Continue lendo

Policia Federal

Polícia Federal recebe chefe de organização criminosa que foi extraditado do Paraguai

Publicado


Curitiba/PR – A Polícia Federal recebeu, na noite de ontem (24/1), das autoridades paraguaias, um brasileiro, chefe de organização criminosa, considerado um dos maiores contrabandistas de cigarros do Brasil que se encontrava preso naquele país para fins de extradição/expulsão. A entrega foi realizada, às autoridades brasileiras, na Ponte Internacional da Amizade, na cidade de Foz do Iguaçu.

O contrabandista, que foi o alvo principal na Operação Contorno Norte, deflagrada em Maringá, em junho de 2019, também é alvo de investigações em outras operações da Polícia Federal e encontrava-se preso no Paraguai desde março do ano passado

Naquela ocasião, foi detido no aeroporto de Assunção/Paraguai, com apoio da Interpol e da Direção Geral de Migração do Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi, quando tentava ingressar naquele país.

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/PR
cs.srpr@dpf.gov.br

41-3251-7809

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF prende casal em flagrante na BR 156
Continue lendo

Policia Federal

Polícia Federal incinera quase 4 toneladas de drogas

Publicado


Foz do Iguaçu/PR – Na data de hoje (24/1), a Polícia Federal realizou a primeira incineração de drogas do ano de 2020.

A incineração aconteceu na cidade de Cascavel/PR e foram destruídas no total 3,680 toneladas de drogas, sendo aproximadamente 100 kg de cocaína e o restante, maconha.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR

Contato: (45) 3576-5515

Comentários Facebook
Veja Mais:  Operação Vitare Periculum investiga ameaça em Instituto Federal na Paraíba
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana