conecte-se conosco


Policia Federal

PF desarticula grupo que praticava fraudes bancárias em vários estados

Publicado

Brasília/DF – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (7/12) a Operação Bandeirantes, que visa desarticular organização criminosa que fraudava os sistemas informatizados de instituições financeiras com o intuito de desviar recursos. Cerca de 40 policiais federais estão cumprindo quatro mandados de prisão preventiva e três mandados de prisão temporária, além de oito buscas e apreensões, em endereços ligados aos alvos em Brasília/DF, Goiânia/GO e São Paulo/SP. As ordens judiciais foram expedidas pela 10ª Vara Federal da Seção Judiciária do DF.

A organização criminosa recrutava estagiários e empregados terceirizados de bancos para que realizassem a instalação de equipamentos que permitiam a invasão dos sistemas por parte de integrantes da quadrilha. Com acesso aos dados dos clientes, por meio de senhas de servidores das instituições financeiras, os criminosos transferiram valores de correntistas para contas de integrantes do grupo.

As investigações, iniciadas em 2016, constataram casos de fraude em Alagoas, Rio Grande do Norte, Goiás, Santa Catarina, São Paulo e Distrito Federal. A PF apurou, ainda, que o líder do grupo criminoso, que já havia sido preso pela prática de crimes semelhantes, aproximava-se de pessoas ligados a delitos cibernéticos em cada um desses estados.

As instituições bancárias, vítimas da atuação do grupo, detectaram as fraudes por meio da ação dos seus setores de segurança e forneceram dados para as investigações. Estimam que, no último ano, R$ 30 milhões teriam sido desviados por esse esquema.

Os investigados responderão, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de furto mediante fraude, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

O nome da operação, Bandeirantes, é a denominação dada aos sertanistas do período colonial que, a partir do início do século XVI, penetraram no interior do Brasil em busca de riquezas minerais, sobretudo ouro e prata. Faz-se uma alusão à atuação do grupo investigado, que praticou fraude em diversos estados da federação, de norte a sul do país.

 

Veja Mais:  PF e PMPE prendem homem por tráfico de drogas

Divisão de Comunicação Social da Polícia Federal

Contato: (61) 2024-8142

Comentários Facebook
publicidade

Policia Federal

Polícia Federal lança nova Carteira de Registro Nacional Migratório

Publicado

Brasília/DF – A Polícia Federal lança nesta semana a nova Carteira de Registro Nacional Migratório (CRNM), modelo único de Cédula de Identidade destinado a imigrantes detentores de visto temporário, autorização de residência, asilados, fronteiriços e refugiados, com validade em todo território nacional.

Os novos documentos de identidade civil de imigrantes e solicitantes de refúgio possuem modernos itens de segurança, como QR-Code, tinta de variação óptica e tinta se segurança antistoke, que atendem ao padrão ICAO (Organização Internacional da Aviação Civil) para documento de viagem internacional.

O processamento dos pedidos das novas CRNM teve início após o lançamento do novo Sistema de Registro Nacional Migratório (SISMIGRA), em 17 de setembro de 2018. No corrente ano, a Polícia Federal já expediu mais de 130.000 unidades do documento de identidade civil de imigrantes no Brasil.

A PF atenderá a imprensa amanhã (13/12) no período da tarde na Delegacia de Polícia de Imigração localizada no Aeroporto Internacional de Brasília, para a  apresentação da nova Carteira de Registro Nacional Migratório. O agendamento do atendimento à imprensa poderá ser solicitado através do e-mail imprensa@dpf.gov.br.

Divisão de Comunicação Social
(61) 2024.8142
imprensa@dpf.gov.br

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF aprende mais de 800 kg de maconha no RS
Continue lendo

Policia Federal

PF prende homem que recebeu droga enviada pelo correio

Publicado

Natal/RN – A Polícia Federal prendeu na terça-feira (11/12) um homem, no momento em que receberia cerca de 1,6 kg de maconha em uma agência do correio, na cidade de Parnamirim/RN. A droga havia sido despachada pelo correio do Paraná.

Durante verificação rotineira, o aparelho de raio-x constatou a presença de quantidade significativa de material orgânico no interior da encomenda postal. Acionados, policiais federais acompanharam, de forma velada, o trajeto do material até seu destinatário. O homem foi preso e indiciado por tráfico interestadual de drogas, cuja pena pode variar de 5 a 15 anos de reclusão. ,

Após o indiciamento, ele foi encaminhado ao sistema prisional estadual.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Norte

cs.srrn@dpf.gov.br | @pfnorn | www.pf.gov.br

Contato: (84) 3204.5588

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF e PMPE prendem homem por tráfico de drogas
Continue lendo

Policia Federal

Ação integrada apreende pneus e barco clandestino

Publicado

Foz do Iguaçu/PR – Uma ação policial integrada, com a participação de policiais federais e membros da Força Nacional, realizava patrulhamento embarcado pelos rios Paraná e Iguaçu, logrando êxito apreender, no domingo (9/12), duas embarcações clandestinas.

A primeira delas, na região do bairro Porto Belo, na área urbana desta cidade, estava encalhada na margem e parcialmente submersa. Suspeita-se que seja a mesma embarcação que há poucos dias afundou naquela área no momento da abordagem, quando foi possível apenas a retirada da carga que transportava. Com a baixa do nível das águas do rio Paraná, a mesma reapareceu.

A segunda apreensão ocorreu no período noturno, na região da Favela do Jupira, também na área urbana de Foz: uma embarcação, construída em madeira, que estava carregada de pneus oriundos do Paraguai e tinha como destino a Favela do Júpiter.

Ante a aproximação da lancha da Polícia Federal, os tripulantes abandonaram-na, aproveitaram-se da escuridão e fugiram pela barranca do rio, não sendo possível localizá-los.

Todo o material apreendido foi encaminhado para a Receita Federal.


Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu

Contato: (45) 3576-5515

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF desarticula grupo que falsificava bebidas alcoólicas para comércio
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana