conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policia Federal

PF investiga irregularidades na concessão de títulos de terras públicas

Publicado

Macapá/AP – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (8/2) a Operação Patrola*, com a finalidade reforçar investigação em andamento de combate à prática de grilagem de terras públicas da União, no Amapá.

Na ação, resultante de trabalho em conjunto com o Ministério Público Federal, policiais federais cumprem dois mandados de busca e apreensão em Macapá/AP. No momento da busca, um homem foi preso em flagrante por supressão de documentos públicos.

A operação de hoje é um desdobramento da Operação Miríade, deflagrada em novembro de 2018, que desarticulou organização criminosa especializada em praticar fraudes para obter regularização em títulos de terras públicas da União, bem como exploração de minério e madeira ilegal.

Com o decorrer das investigações, ficou evidenciado que, além de servidores do Programa Terra Legal, também servidores do Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial do Amapá (IMAP) estariam agindo de forma ilícita para beneficiar a prática de grilagem. Eles emitiram laudos ideologicamente falsos, pareceres sem fundamento legal e expediram licenças ambientais em desconformidade com a lei.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e falsidade ideológica.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Amapá

cs.srap@dpf.gov.br | www.pf.gov.br

Contato: (96) 3213-7602/7500

* O termo Patrola vem do verbo patrolar, o mesmo que devasta, dizima. Foi escolhido em referência a prática escusa utilizada por um dos investigados para expulsar famílias de baixa renda de suas moradas.

Veja Mais:  PF cumpre mandados em investigação do caso Marielle Franco

Fonte: Polícia Federal
Comentários Facebook
publicidade

Policia Federal

Força-tarefa encontra venezuelanos em trabalho irregular na Bahia

Publicado

Salvador/BA- A Polícia Federal, em ação conjunta com a Força-tarefa da Comissão de Erradicação do Trabalho Escravo na Bahia (COETRAE-BA), realizou uma operação de investigação de trabalho análogo ao de escravo na região de Santo Antônio de Jesus e identificou sete trabalhadores contratados de forma irregular. A fiscalização foi feita a partir de uma denúncia e ocorreu na última segunda-feira (11). 

Participaram da operação órgãos que compõem a COETRAE-BA, entre eles, a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDJDS), a Superintendência Regional do Trabalho (SRT-BA), o Ministério Público do Trabalho (MPT-BA), a Polícia Federal (PF) e a Defensoria Pública da União (DPU).

A situação encontrada no local não foi de trabalho análogo ao de escravo, como denunciado. No entanto, os trabalhadores encontrados, dentre os quais havia dois venezuelanos, estavam sem registros em carteira de trabalho e, consequentemente, sem recolhimento de INSS e FGTS.

A Força-tarefa inspecionou as condições de trabalho no canteiro de obra de uma empresa de construção civil e no galpão de armazenamento dos equipamentos de trabalho, este último utilizado como alojamento por um dos trabalhadores venezuelanos.

Durante a fiscalização, foi identificada a ausência de equipamento de proteção individual (fardamento, proteção solar ou touca árabe), além da falta de banheiro para o uso dos trabalhadores.

De acordo com o proprietário da empresa, as obras começaram há cerca de três meses, mesmo tempo de chegada dos venezuelanos ao Brasil.

Veja Mais:  PF e Secretaria Especial de Previdência e Trabalho desarticulam organização criminosa especializada em fraudes contra o INSS

Foi firmado TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com o empregador, no qual houve reconhecimento da necessidade de cumprimento de obrigações trabalhistas, como a contratação legal retroativa dos trabalhadores, pagamento de verbas rescisórias para os demitidos, cumprimento do aviso prévio, além do pagamento das multas dos autos de infração lavrados.

 

Comunicação Social da Polícia Federal na Bahia
cs.srba@dpf.gov.br
Contato: (71) 3319-6003 / 98732-0787

Fonte: Polícia Federal
Comentários Facebook
Continue lendo

Policia Federal

PF prende condenado por tráfico internacional de drogas

Publicado

Campinas/SP – A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira (14/11), em Paulínia/SP, um foragido condenado em dois estados por trafico internacional de drogas.

Contra ele havia três mandados de prisão:

1 – mandado de recaptura de MS, para pena de 9 anos e 4 meses em regime fechado;

2 – mandado de MG, para pena de 6 anos de prisão;

3 – mandado de prisão preventiva de MG, também por trafico de drogas.

O preso usava documento falso em nome de terceiro, expedido por Minas Gerais.

Conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Campinas, será levado ao sistema penitenciário, onde permanecerá à disposição da Justiça.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Campinas

Contato: (19) 3345-2260

Fonte: Polícia Federal
Comentários Facebook
Veja Mais:  PF realiza operação de erradicação de maconha no interior da Bahia
Continue lendo

Policia Federal

PF prende caminhoneiro transportando 60 kg de maconha e 1 kg de cocaína na SE 270

Publicado

Aracaju/SE – Na quarta-feira (13/11), chegou ao conhecimento da Polícia Federal a informação de que determinado caminhão estaria trazendo de São Paulo para esta região uma certa quantidade de drogas dissimuladas em meio à carga de mercadorias lícitas.

De imediato, policiais federais se posicionaram em pontos estratégicos nas rodovias que cortam o estado.

Nesta quinta-feira (14/11), os policiais federais conseguiram localizar o veículo na SE 270, na altura da cidade de Simão Dias. Ao ser abordado, o motorista entrou em contradições e acabou confessando que estava transportando, para Pernambuco, maconha e cocaína em meio às mercadorias.

O condutor foi preso em flagrante e levado para a Superintendência de Polícia Federal em Sergipe, onde se encontra à disposição da justiça.

O caminhão e as substâncias entorpecentes foram apreendidos.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Sergipe
Contato: (79) 3234.8527

Fonte: Polícia Federal
Comentários Facebook
Veja Mais:  PF e Secretaria Especial de Previdência e Trabalho desarticulam organização criminosa especializada em fraudes contra o INSS
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana