conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Mato Grosso

Plataforma da Empaer faz mapeamento da agricultura e acompanha trabalho dos técnicos

Publicado

A Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) tem 4.130 agricultores cadastrados através do Sistema de Acompanhamento e Gerenciamento das Atividades, uma plataforma digital utilizada para armazenar dados dos agricultores familiares e também acompanhar a eficiência dos técnicos no trabalho no campo. A previsão é de que até o final de 2020, a empresa tenha um retrato preciso da agricultura familiar no Estado de Mato Grosso.

O técnico de Administração Sistêmica da Empaer, Eder Antônio da Silva, fala que de forma transparente e moderna, a ferramenta está sendo utilizada via web e aplicada para coletar as informações dos serviços prestados, além de avaliar o ganho social dos produtores rurais e o trabalho executado pelos funcionários da empresa.

Ele explica que um técnico está inserindo dados pessoais dos produtores, cadastro das famílias, unidades produtivas, mapeamento com coordenadas geográficas, atividade produtiva, infraestrutura, equipamentos e outros. O trabalho com a plataforma teve início oficialmente no mês de junho deste ano.

Eder esclarece que o Sagae vai permitir um diagnóstico do trabalho executado pelos técnicos e pesquisadores da Empaer no serviço prestado ao produtor, conferindo as condições da sua propriedade e indicadores das cadeias produtivas, com número de áreas, quantos hectares estão sendo cultivado, método de trabalho, produção por município, número de produtores e famílias, acesso às linhas de crédito, adequação ambiental, melhoria produtiva, rentabilidade e mais.

Veja Mais:  Projeto de unidade prisional leva reformas a instituições de Barra do Garças

“Teremos informações precisas e um mapeamento geral da agricultura familiar no Estado. Acredito que até o final de 2020 esses dados estarão a disposição da população”, enfatiza.

Será possível fazer um diagnóstico integrado e mais preciso da área do produtor e da atuação do técnico da Empaer junto às propriedades atendidas.

Os técnicos em Agropecuária da Empaer, Eder José Barreiros e Tarcisio Cuchi, do município de Paranaíta, começaram a utilizar o sistema no mês de junho e já cadastraram 354 produtores rurais. Eder fala que a nova ferramenta é bem simples e veio para ajudar no serviço de assistência técnica e extensão rural, e tudo o que for recomendado para o produtor. O município faz parte do escritório Regional de Alta Floresta, onde os técnicos já prestaram atendimento a 1.087 produtores rurais.

Conforme Barreiros, outra opção que o sistema proporciona é a localização da propriedade rural, com as coordenadas corretas, sendo possível checar onde estão sendo aplicadas técnicas para melhoria da área. Durante o atendimento são verificadas quais culturas são cultivadas, o que foi recomendado e a data do atendimento. Facilita também para o produtor, que recebe uma cópia para conferir o que foi sugerido.

“Esperamos produzir relatórios com números que demonstrem o desenvolvimento da região e do agricultor familiar”, salienta.

Silva comenta que será possível, com a ferramenta, fazer um diagnóstico integrado e mais preciso da área do produtor e da atuação do técnico da Empaer junto às propriedades atendidas. Paralelamente ao sistema que está em operação, será desenvolvido um aplicativo para atender o produtor rural de forma mais interativa e eficiente. Ele calcula que até o final deste ano, a equipe de Tecnologia da Informação da empresa estará elaborando a nova ferramenta.  

Veja Mais:  PM e Sema apreendem mais de 700 kg de pescado irregular

Para operacionalização do sistema, os técnicos estão recebendo capacitação para utilização da ferramenta. Os primeiros habilitados foram os técnicos da região do Vale do Rio Cuiabá, em seguida Juína e Alta Floresta. Ainda este ano serão realizadas mais seis capacitações nos municípios de Sinop, Barra do Garças, Barra do Bugres, Rondonópolis, São Félix do Araguaia e Cáceres.

“Levamos mais de um ano para elaboração e finalização do sistema, e a finalidade do trabalho que será executado no campo é a transparência da informação para os produtores e a sociedade em geral”, finaliza o técnico.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Militares e civis recebem honrarias do Corpo de Bombeiros

Publicado

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso homenageou militares e civis com a medalha Imperador Dom Pedro II – Grau Cavaleiro, em cerimônia nesta quarta-feira (04.12), no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, em Cuiabá. A honraria é concedida aqueles que têm serviços relevantes prestados à corporação.

“Aqui temos representantes das forças de segurança estadual e federal, militares de terra, mar e ar que trabalham pela ordem pública e pela segurança. Estamos reconhecendo militares da ativa e da reserva que colaboraram com a nossa corporação”, afirmou o coronel Alessandro Borges, comandante-geral do Corpo de Bombeiros.

O secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, também foi condecorado com a medalha. “Foi um ano de muito trabalho, especialmente, durante o período de seca e intenso combate ao fogo, que teve repercussão mundial. Os bombeiros enfrentaram a situação com coragem e empenho, reconhecidos pela sociedade”, afirmou.

O Corpo de Bombeiros Militar está distribuído em 22 municípios, alcançando todo o Estado. São mais de cem mil atendimentos a cada ano.

No dia 2 de dezembro, Dia do Patrono, foi realizada a cerimônia militar no lugar em que será construído o futuro Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar, na Rua G, no Bairro Paiaguás, próximo ao Detran-MT.

Foram agraciados

ALEXANDRE BUSTAMANTE, SECRETÁRIO DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA

MARIO DERMEVAL ARAVECHIA DE RESENDE – DIRETOR GERAL DA POLÍCIA JUDICIÁRIA CIVIL

Veja Mais:  Sines de Mato Grosso têm 1.508 vagas de emprego nesta semana

DEPUTADO ELIZEU NASCIMENTO

DEPUTADO XUXU DAL MOLIN

ROSINEIDE PORCIONATO DA SILVA

INSPETOR PRF FRANCISCO ELCIO LIMA LUCENA

INSPETOR PRF ELTON CARVALHO DA SILVA

CEL PM DEWILSON SEBASTIAO MAIA DA CRUZ

CEL ENG EB ANDRÉ LUIZ VIEIRA CASSIANO

CEL PM DANIEL LIPI ALVARENGA

CEL PM ADNRÉ PESSOA CAVALCANTI

CEL PM JOSÉ NILDO SILVA DE OLIVEIRA

TC INF EB SAULO RAMOS DE CARVALHO CAVALCANTI

TC PM FABIO DE SOUZA ANDRADE

TC PM RICARDO TOMAS DA SILVA

TC PM SANDRO BARBOSA DA SILVA

TC PM RIVADÁVIA BORGES NETO

TC PM MIGUEL AUGUSTO ALVES DE AMORIM

TC PM RONALDO ROQUE DA SILVA

TC PM PAULO CESAR DA SILVA

TC PM GLEBER CANDIDO MORENO

TC PM NOELSON CARLOS SILVA DIAS

TC PM FREDERICO CORREA LIMA LOPES

CAP CORVETA THIAGO CRISTIANO MUNIZ SANTOS

MAJ ESP JOSOÉ MOREIRA

MAJ PM HERLON CONCEIÇÃO SANTOS LIMA

MAJ BM PRYSCILLA JORGE MACHADO DE SOUZA

MAJ BM HEITOR ALVES DE SOUZA

CAP PM ALEXSSANDRO MARCONDES FREITAG

CAP BM LUCAS SOUZA CHERMONT

2º TEN BM MARCOS ANTONIO PEREIRA DE SÁ

1º SGT BM LEANDRO GUSTAVO ALVES

3º SGT BM ANA CRISTINA MOURA ALVEZ DO CARMO DE LARA

3º SGT BM HALISSON ALEX DA LUZ

3º SGT BM KARLLA PIRES DE CAMPOS FERRO

Veja Mais:  Intermat e Corregedoria Geral de Justiça discutem ações de regularização fundiária

3º SGT BM CÍNTIA PENHA LEITE

CEL BM RR OVIDIO JOSÉ BRUGNOLI

CEL BM RR PAULO FERNANDO BELO FREIRE

CEL BM RR SIDNEY RODRIGUES FARIA

CEL BM RR ADERSON JOSÉ BARBOSA

CEL BM RR JUAREZ NUNES MOREIRA

CEL BM RR ELTON GUILHERME CRISOSTOMO

MAJ BM RR EDNO BARBOSA

2º TEN BM RR WANDERLEI GERALDO DA SILVA

2º TEN BM RR ANDERSON CESAR CARULLA

ST BM RR JOSÉ LIBIO MACIEL

CEL BM RICARDO ANTÔNIO BEZERRA COSTA

CEL BM ARBOES JOSE JACOB

CEL BM LAZARO LEANDRO NUNES

TC BM WILLCKERSON ADRIANO CAVALCANTE

TC BM DERCIO SANTOS DA SILVA

CEL BM CESAR VIANA DE BRUM

CEL BM ARBOES JOSÉ JACOB

TC BM WILCKERSON ADRIANO CAVALCANTE

TC BM JOSÉ SALOMÃO BEZERRA

1º SGT BM JOSÉ CARLOS DA MOTTA

1º SGT BM GILMAR GOMES DA SILVA

2º SGT BM ADRIANO DA CRUZ MAGALHÃES

2º SGT BM ETEVALDO SANTANA REGO

3º SGT BM VAGNER PEREIRA DOS REIS

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Estruturação do Instituto PCI é discutida em reunião com representantes

Publicado

Representantes de órgãos, entidades e da sociedade civil ligados ao Instituto PCI – Produzir, Conservar e Incluir – se reuniram para uma apresentação sobre a estrutura da organização.

As responsabilidades do Instituto PCI, estabelecidas no Decreto n º 46, de 27 de fevereiro de 2019, são de viabilizar, coordenar e articular ações entre os múltiplos atores; fomentar, recomendar e executar políticas públicas; identificar oportunidades de captação de recursos financeiros; gerir e monitorar programas, projetos e recursos; além de desenvolver padrões, indicadores e procedimentos de gestão, geração e produção sustentável de ativos ambientais.

O Instituto fará um monitoramento que irá definir as ações prioritárias para identificar os avanços em direção à visão estabelecida para Mato Grosso em 2030, garantir a credibilidade e transparência da estratégia para parceiros, investidores e sociedade em geral, garantir a avaliação da efetividade de ações e subsidiar o aperfeiçoamento ou redirecionamento de ações.

A estruturação do Instituto engloba a regionalização das metas, de forma a alavancar o desenvolvimento de forma sustentável. Também faz parte  a comunicação, com objetivo de estabelecer estratégias de divulgação nos diferentes meios de comunicação e definir uso do nome, marca PCI e calendário de eventos.

O Decreto estabelece que uma estratégia Produzir, Conservar e Incluir seja implementada em parceria com o Instituto. O objetivo do PCI é produzir alimentos com eficiência da produção agropecuária e florestal, conservar vegetação nativa e recomposição dos passivos e incluir a agricultura familiar, os povos indígenas e as comunidades tradicionais para participar do processo de desenvolvimento.

Veja Mais:  Agentes recebem placas balísticas e spray para contenção

Entre as metas do PCI está atrair recursos de parcerias e cooperação internacional, conectar iniciativas públicas e privadas para um uso eficiente da terra, ampliação de mercados e melhora da imagem no cenário internacional e ser um motor de implementação e monitoramento de políticas públicas.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Pacientes do Cridac recebem atendimento especial com música e técnicas de reabilitação

Publicado

Para celebrar o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, em 03 de dezembro, o Centro de Reabilitação Dom Aquino Corrêa (Cridac) realizou uma programação especial com várias atividades voltadas às pessoas que passam por tratamento na unidade.

Na tarde de terça-feira (03.12), os pacientes participaram de atividades lúdicas para estimular o desenvolvimento de habilidades, como a coordenação motora. Na recepção, música com uso de instrumentos para promover a interação social das pessoas com deficiência. Além disso, os profissionais da unidade prestaram atendimentos terapêuticos, com técnicas de reabilitação para auxiliar no tratamento dos assistidos.

“Neste dia, dedicamos uma atenção especial às pessoas com deficiência. Estamos implementando as ações e vamos prestar serviços de saúde, entregando cadeiras de rodas adaptadas às características de cada deficiente”, disse o secretário.

A diretora do Cridac, Patrícia Dourado, explicou que um dos objetivos da programação é abrir as portas da unidade para que a sociedade conheça os serviços de saúde oferecidos aos pacientes com deficiência.

“Convidamos a sociedade para conhecer e ver o que estamos oferecendo ao público, como inclusão por meio de acessibilidade e aceitação das pessoas com deficiência. A programação também inclui capacitação dos servidores que prestam atendimento aqui no Cridac para aperfeiçoar os conhecimentos e melhorar ainda mais a oferta de serviços”, explicou a diretora. 

Durante a programação especial, outra importante ação realizada pela diretoria do Cridac foi a entrega de uma cadeira de rodas adaptada para uma criança. O pequeno Kauê da Silva, de 9 anos de idade, possui a doença de Autismo no nível 3 – o grau mais severo – e recebeu um novo equipamento de locomoção.

Veja Mais:  Intermat e Corregedoria Geral de Justiça discutem ações de regularização fundiária

O pedido foi realizado pela mãe, Isabela Cristina da Silva, de 34 anos, que escreveu uma carta ao Papai Noel pedindo de presente uma nova cadeira de rodas.

“Eu mandei a cartinha por impulso, minhas vizinhas deram essa ideia e falaram ‘quem sabe você escrevendo o seu pedido é atendido’. Aí escrevi essa carta e consegui. Estou feliz! Antes, eu usava uma cadeira que não era adaptada, uma cadeira que ganhei de uma vizinha. A nova cadeira vai facilitar na locomoção do Kauê”, disse Isabela.

Na sala de atendimento especial do Cridac, a mãe recebeu orientações dos profissionais, que passaram as instruções básicas de como usar a cadeira e os cuidados na hora de acomodar o filho no equipamento.

Além dessas ações, a programação continua durante a semana toda e vai ofertar capacitação aos servidores que atuam no Cridac. A programação de cursos contará com a participação de profissionais da UFMT e de uma especialista em coach; serão abordados diversos temas como biomecânica, produção científica e reabilitação da bexiga neurogênica.

Serviço

O Cridac fica localizado na Rua G, s/n Bloco A – Centro Político Administrativo. O horário de atendimento é de segunda à sexta-feira, das 7h às 17h. Os telefones de contato da unidade são: (65) 3613-1933 ou 3613-1918.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana