conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

PM prende suspeitos de agressão em peixaria de Bonsucesso

Publicado

Seis homens com idades entre 23 e 38 anos, entre eles, três com tornozeleira eletrônica, aprontaram desordem em uma peixaria da região do Bonsucesso em Várzea Grande, na tarde de sexta-feira (09.11). Policiais do 4º Batalhão conseguiram deter os elementos, que teriam agredido uma mulher. Os suspeitos possuem diversas passagens por  furtos a caixa eletrônico, correios e tráfico de drogas.

Segundo informações no local, Ana Carolina  Nunes de Paula, 23, foi agredida com socos e tapas pelo suspeito Genivaldo de Souza Machado, 38, que é ex-marido da vítima. Ele estaria acompanhado dos demais elementos armados que também ameaçaram a vítima com palavras e, em seguida, teriam fugido. Um cliente do estabelecimento teria visto os conduzidos jogando duas armas de fogo, mas não foram encontradas nos terrenos baldios da redondeza, nem nas margens do rio.

Os suspeitos também possuíam alguns veículos de luxo, entre eles, uma Hilux branca que estava com o lacre rompido, fato que motivou a condução até a delegacia de polícia. Um Sandero e um UP também ficaram na delegacia.

Foi apreendido ainda  R$ 24.627,00 mil e cinco dólares, valores que não souberam explicar a origem, um tablete de entorpecente, três relógios, cinco correntes e uma pulseira, um óculos de sol, carteiras, um passaporte, duas carteiras de habilitação e uma de trabalho, vários cartões bancários e de estabelecimentos comerciais, além de 8 celulares com conversas de documentações e saques de pessoas que afirmam ser de desconhecidos. Também se negaram a dizer de quem eram os aparelhos encontrados nos carros.

Veja Mais:  Adolescentes são apreendidos por envolvimento com tráfico de drogas

Durante a elaboração do boletim de ocorrência, vítimas chegaram informando que foram lesadas em alguns golpes na OLX e a quantia do prejuízo coincide com o montante em poder dos suspeitos. Vale ressaltar que vários advogados compareceram na delegacia se identificando como representantes dos conduzidos. Porém, os suspeitos negaram gerando atrito entre eles mesmos.

Além do suspeito Genivaldo, foram detidos Igor Marques Pinheiro, 22 anos, Tony Heleno Costa de Pinho, 23, e os três com tornozeleiras são João Vanderson Silva da Cunha, 28, Felipe Augusto Marcelo da Silva, 28, e Robenson Gusmão Santana Junior, 27.

Comentários Facebook

Policial

Acusado de matar menor é preso em Confresa pela PC

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Com mandado de prisão preventiva, expedido pela comarca de Porto Alegre do Norte/MT, Diogo Pereira da Silva, 22, foi preso pela Policia Civil, em Confresa, na sexta-feira (20.09).Ele é acusado de crime de homicídio  ocorrido no mês de novembro de 2017.

A vítima do crime foi um adolescente (Carlos Cardoso Figueiredo, conhecido por Carlinhos), que teve o corpo encontrado com várias perfurações de faca, e já em avançado estado de decomposição, na pista de motocross, no município de Confresa.

Durante as investigações, a Polícia Civil comprovou a participação do suspeito no crime, que à época possuía um veículo Gol vermelho,  que foi utilizado durante a ação criminosa. Além de Diogo, outros três menores também participaram da morte de “Carlinhos”, sendo que estes já haviam confessado o crime e também delatado Diogo como um dos autores do crime.

O delegado de Confresa André Rigonato representou pela prisão preventiva de Diogo Pereira da Silva. O mandado de prisão foi deferido e ele preso.

O suspeito será encaminhado para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Mais:  Força Tática prende mulher e intercepta material que seria jogado na penitenciária da Mata Grande
Continue lendo

Policial

Profissionais que atuam em investigações de roubo de veículos e ações de trânsito são treinados

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Policiais civis, militares, agentes de trânsito e peritos participam neste sábado (21.09) de treinamento visando a identificação e procedência de veículos. A capacitação ocorre das 8 às 18 horas, no auditório da Diretoria Geral da Polícia Judiciária Civil, em Cuiabá.

A iniciativa é da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva), visando o aperfeiçoamento das investigações policiais. Participaram do curso, investigadores e delegados da Derrfva e das Delegacias Especializadas de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá e Várzea Grande, da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), além de policiais militares e servidores da Politec, Semob e Detran.

O curso é ministrado pela Dekra Vistoria, em com a parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) e Conselho Nacional de Vistoria Veicular (CNVV).

Objetivo é aperfeiçoar os profissionais de segurança pública e atividades fins, para maior facilidade na identificação de veículos adulterados, durantes as blitze e outras fiscalizações preventivas de trânsito.

A empresa Dekra vai repassar conhecimentos adquiridos na área de inspeção veicular, aos agentes que atuam no combate aos roubos, furtos e receptações de veículos utilizados para crimes, como casos envolvendo adulteração de chassi e documentação veicular, itens fundamentais para identificação imediata de práticas ilícitas.

Além de preparar ainda mais o profissional para a verificação de imediato, se o veículo é produto de furto ou roubo, já que, normalmente esses veículos automóveis costumam ser usados para a prática de outros tipos de crimes, como o tráfico de entorpecentes.

Veja Mais:  Polícia Civil prende autor contumaz de furtos a residência na Capital

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende estelionatário por falsa comunicação de crime em Jaciara

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem suspeito de envolvimento em golpes e crimes de estelionato, praticados em vários região do Brasil, foi preso pela Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, na tarde de quinta-feira (19.09), no município de Jaciara (144 km ao Sul da Capital).

O suspeito, L.C.C. de 35 anos, foi autuado em flagrante por comunicação falsa de crime, após comparecer na Delegacia de Polícia de Jaciara para registrar em suposto roubo, o qual nunca aconteceu.

Conforme boletim de ocorrência feito pelo suspeito, ele foi vítima de um assalto, ocorrido na Rodovia BR 364. Na narrativa foi comunicado que dois indivíduos armados teriam levado o veículo da vítima, todos os documentos, cartão de crédito, bem como a quantia de R$ 800,00 em dinheiro.

Entretanto, no decorrer do depoimento, o suspeito passou a entrar em contradição, chamando assim, a atenção dos policiais civis. Inicialmente, L.C.C. disse que o automóvel roubado pertencia a uma tia. Em seguida, alegou que o carro era de propriedade da sua mãe. Ainda na sequência, alegou que o veículo era de um parente da parte paterna.

Diante dos fatos confusos, L.C.C. acabou contando que há cerca de 2 anos integra um grupo de estelionatários, exercendo a função de registrar boletins de ocorrência falsos. Para cada documento confeccionado, o mesmo recebia o valor de R$ 2 mil.

Veja Mais:  Treze pessoas são presas por tráfico de drogas em várias cidades de MT

Ainda segundo o suspeito, o delito de falsa comunicação de crime, foi praticado mais de doze vezes em diversas cidades de diferentes Estados.

Com base na confissão, o suspeito foi autuado pelo delegado Sidarta Vidigal de Almeida, por comunicação falsa de crime, e posteriormente colocado à disposição da Justiça.

As investigações continuam com objetivo de identificar os outros possíveis comparsas do preso.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana