conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Polícia Civil prende envolvido em roubo de veículo que capotou e pegou fogo em Várzea Grande

Publicado

Um jovem envolvido no roubo de um veículo Toyota Corolla teve o mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Judiciária Civil, nesta terça-feira (31.07), após ser identificado nas investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG).

O suspeito, Bruno Henrique da Silva, é acusado de participar do roubo junto a dois comparsas, um deles seu irmão, B.R.S., de 15 anos. As investigações estão em andamento para identificar o terceiro envolvido no crime.

O roubo aconteceu por volta das 18 horas, do dia 16 julho, quando a vítima saia de seu estabelecimento comercial, um pet shop, no bairro Jardim Novo Horizonte, em Várzea Grande. Na ocasião, três homens em posse de um revólver anunciaram o assalto e subtraíram dois aparelhos celulares, relógio, corrente, além do veículo Toyota Corolla da vítima.

Logo após o roubo, uma equipe da Polícia Militar foi acionada, conseguindo localizar os suspeitos, dando início a uma perseguição policial. Durante a fuga, os criminosos capotaram o veículo roubado, no bairro 15 de maio, em Várzea Grande. Com o impacto, o carro da vítima pegou fogo.

Os policiais da Derf-VG iniciaram as investigações, conseguindo identificar Bruno e seu irmão B.R.S. como dois dos envolvidos no crime, sendo os suspeitos reconhecidos pela vítima como autores do roubo. Diante das evidências, o delegado Afonso Monteiro da Silva Junior representou pela prisão preventiva de Bruno, que foi decretada pela Justiça e cumprida nesta terça-feira (31), pelos investigadores da Derf-VG.

Veja Mais:  Criança de 4 anos morre afogada no Sesi Park em Cuiabá

Após ser interrogado, o acusado foi pessoalmente reconhecido pela vítima e em seguida encaminhado para Penitenciária Central do Estado (PCE).

De acordo com o delegado, apesar da pouca idade, Bruno tem várias passagens anteriores e é considerado um criminoso de alta periculosidade. “Mesmo após o incidente relacionado ao roubo, os suspeitos continuavam a passar em frente ao comércio da vítima para intimidá-la”, disse o delegado.

Em relação ao envolvimento do menor B.R.S, uma cópia do procedimento foi encaminhada a Delegacia Especializada do Adolescente de Várzea Grande (DEA-VG) para tomada de providências que o caso requer. A Derf-VG prossegue com as investigações para identificar o terceiro suspeito de participar do crime.

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil apreende 17 quilos de maconha e prende um suspeito em Várzea Grande   

Publicado


Assessoria/PJC-MT

Durante diligências na manhã deste sábado, equipes da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) apreenderam 17 quilos de maconha tipo skank e prendeu uma pessoa em flagrante suspeita pelo comércio de entorpecentes . A apreensão foi realizada em uma casa no Jardim Eldorado, em Várzea Grande.

Além da maconha, os policiais apreenderam substâncias utilizadas para mistura ao entorpecente, embalagens e apetrechos para a distribuição de drogas, celulares e uma motocicleta.

A equipe da delegacia localizou a residência após investigações que apontavam a casa como um provável ponto utilizado para o tráfico de entorpecentes. Durante a ação foi constatado que a residência é um ponto de armazenagem, empacotamento e distribuição de entorpecentes.

A droga e os materiais apreendidos foram encaminhados à DRE. O delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira autuou o suspeito em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico. O suspeito confessou que estava sendo pago para cuidar da droga. Ele foi encaminhado para audiência de custódia na justiça.

As diligências continuam para apurar se há envolvimento de outras pessoas com o comércio de drogas na região.

Denúncia

A Polícia Civil tem o serviço de denúncia pelo número 197 e também um canal exclusivo via WhatsApp para recebimento de informações referentes ao tráfico de drogas: (65) 9 9989-0071. O sigilo é absoluto.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Pai e filho mantinham desmanche de veículos em Várzea Grande
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende mulher que tentava transferir veículo utilizando documento falso

Publicado


Assessoria | PJC-MT

Uma mulher que usava documento falso para transferir para o seu nome a motocicleta do marido já falecido foi presa em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, na quinta-feira (23.01), em ação realizada pela equipe da Divisão Especializada de Roubos e Furtos (DERF) de Sorriso (442 km ao Norte de Cuiabá).

As diligências iniciaram após a equipe da DERF ser acionada pelo cartório do 2º Ofício da Comarca de Sorriso. Segundo as informações, na segunda-feira (20), a mulher compareceu no estabelecimento para fazer o reconhecimento de sua assinatura, porém ao entrarem em contato com cartório de Várzea Grande foi informado que se tratava de uma falsificação.

Também foi informado que o selo de autentificação não foi gerado pelo Cartório de Várzea Grande, como constava no documento de Certificado de Registro de Veículo, apresentado pela suspeita. Ao ser abordada pelos policiais da DERF, a suspeita disse que a motocicleta estava em nome do seu marido, que faleceu há dois anos.

Ela disse que o veículo estava apreendido e precisava dele para trabalhar e por isso procurou o proprietário de uma autoescola em Matupá que disse que poderia ajudar na liberação do veículo, cobrando R$2,5 mil para “fazer os documentos” e reconhecer firma. Após receber os documentos, a mulher foi orientada a fazer o reconhecimento da assinatura no Cartório de Sorriso, ocasião em que foi descoberta.

Veja Mais:  Policia Militar prende mulher com mandado de prisão na Vila Aurora

Diante da situação, a suspeita foi conduzida a Delegacia de Sorriso, onde após ser interrogada foi autuada em flagrante pelo crime de uso de documento falso. As investigações continuam em andamento para localizar o suspeito de falsificar os documentos.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis recebem orientações sobre Nova Lei de Abuso de Autoridade

Publicado


Assessoria/PJC-MT

Policiais da Gerência de Operações Especiais da Polícia Judiciária Civil participaram nesta sexta-feira (24.01) de uma palestra sobre a Lei 13.964/2019 – Nova Lei de Abuso de Autoridade. As orientações foram repassadas pelo delegado Marcel Gomes Oliveira, que atua na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá.

O objetivo foi orientar os policiais quanto aos novos tipos penais, e suas consequências, proporcionando conhecimento necessário para a atuação policial e evitando que incorrer em crime previsto na nova lei.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Criança de 4 anos morre afogada no Sesi Park em Cuiabá
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana