conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Polícia Civil prende suspeito de matar professor universitário em Sinop

Publicado

Suspeito do crime- Foto: Assessoria

A Polícia Judiciária Civil prendeu na sexta-feira (04) um suspeito de envolvimento na morte do professor universitário Francisco Moacir Pinheiro Garcia, 53, em dezembro do ano passado. As investigações foram realizadas pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Sinop (503 km ao Norte). As diligências contaram com apoio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Capital.

De acordo com o delegado titular da Derf, Ugo Ângelo Reck de Mendonça, a hipótese inicial era que Francisco tivesse sido vítima de latrocínio (roubo seguido de morte). No entanto, as investigações avançam na possibilidade de se tratar de um homicídio, seguido de furto.

Os levantamentos da Derf apontaram que o suspeito Rodrigo Jose Pozzer, 32, residia com a vítima (que era homossexual), possuindo relacionamento afetivo com o professor e o auxiliando em diversos momentos após Francisco se submeter a uma cirurgia em um dos braços.

“Temos imagens de câmeras de segurança que apontam que o suspeito foi o último a ser visto, saindo da casa com a vítima. Dois dias após ele reaparece no local, sozinho, com o carro da vítima. Da casa ele subtraiu diversos pertences, como eletrodomésticos”.

Em interrogatório, o investigado nega que tenha envolvimento na morte da vítima. Ele afirma que no dia do desaparecimento, levou Francisco em um bar, de onde a vítima teria saído com outras duas pessoas, que posteriormente, disseram a ele que haviam matado o professor.

Veja Mais:  Seguranças da fazenda de Riva, recebem invasores na bala e termina com 2 mortos e outros feridos

“Rodrigo declarou que após a suposta confissão desses homens, pegou o carro da vítima, o celular e foi pra casa de familiares dormir, não cogitando acionar as forças policiais. Essa versão pouco verossímil. Alias, em todo o depoimento do suspeito estão presentes diversas contradições”, afirma o delegado.

O crime segue em investigação para apurar a real motivação, bem como eventual envolvimento de outras pessoas na morte da vítima.

A prisão, decorrente de mandado de prisão temporária, foi realizada no pedágio da BR-163 em Sorriso. O suspeito estava com o veículo da vítima, que já estava com placas adulteradas.

O caso                                                                                                                                    

O desaparecimento  da vítima foi comunicado na Polícia Judiciária Civil em 20 de dezembro, por uma amiga, que contou que tentou manter contato por ligações e mensagens com o amigo, e uma pessoa respondeu com vários erros de português, o que seria improvável ser a vítima já que é professor.

A foto do perfil no whatsapp também tinha sido retirada. O telefone estava dando desligado, o veículo da vítima também não foi encontrado na casa dele. A vítima tinha uma consulta marcada no dia 19/12 devido uma cirurgia que fez no braço, mas a atendente disse que ele havia pedido para remarcar a consulta, pois estava em viagem com problemas pessoais. Na mesma data a vítima falou a parentes que tinha indo na consulta e estava tudo bem, indicando que alguém estava usando o aparelho celular da vítima.

Veja Mais:  DERF prende homem por estelionato ao aplicar o golpe da OLX em Rondonópolis

Cinco dias antes da comunicação do desaparecimento (15.12), um corpo foi localizado às margens de uma rodovia entre os municípios de Claudia e União do Sul e estava até então sem identificação.

A amiga da vítima reconheceu o corpo no IML de Sinop como sendo o professor. A vítima teria sido morta com tiro de revólver, calibre 22.

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil identifica condutor de veículo que atropelou três no bairro Tijucal

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, através da Delegacia Especializada de Trânsito (Deletran), identificou o condutor do veículo Fiat Palio Week Trekking, acusado de atropelar três garis, na madrugada de sexta-feira (19.04), no bairro Tijucal em Cuiabá. O suspeito fugiu do local do acidente sem prestar socorro as vítimas.

O suspeito, Nelson Sousa Silva, 47, foi ouvido nesta segunda-feira (22.04) pelo delegado Christian Alessandro Cabral, na Deletran. Ele responderá pelos crimes de omissão de socorro e fuga do local de acidentes previstos nos artigos 304 e 305 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

O acidente ocorreu por volta 3 horas da madrugada de sexta-feira (19), no bairro Tijucal, na Avenida Secundária III. O veículo Fiat Pálio atropelou os três garis, em seguida fugiu do local, tomando rumo ignorado.

Pela análise dos vestígios, o motorista trafegava sentido bairro/centro, nas proximidades do supermercado Paraná, acabou invadindo a calçada e atingiu os três garis. Eles foram socorridos pelo Samu e levados para Pronto Socorro Municipal de Cuiabá.

O veículo conduzido pelo suspeito também foi localizado e apreendido. Na esfera administrativa, o suspeito receberá quatro multas que somadas chegam ao valor de R$ 3.521,64, além de serem computados 28 pontos em sua carteira de habilitação.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícia Civil cumpre prisão de médico acusado de violência doméstica
Continue lendo

Policial

Polícia Civil instaura inquérito policial para apurar furto na Santa Casa

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, com base em notícias divulgadas na imprensa, instaurou inquérito policial para apurar furto de equipamentos da Santa Casa da Misericórdia. A apuração será realizada de Delegacia Especializada de Roubos e Furtos da Capital.

O delegado titular da Derf, Fabiano Pitóscia, informou que a Santa Casa não fez comunicação formal do furto, por meio de registro de boletim de ocorrência, mas diante da notícia crime foi baixada portaria de instauração do inquérito policial, na tarde desta segunda-feira (22).

Em postagem na rede social, o diretor da instituição, Luiz Felipe Saboia, relatou o sumiço de equipamentos no centro radiológico da unidade de saúde. Ele será chamado na Delegacia para prestar informações no inquérito.

Uma equipe policial já foi designada para iniciar os levantamentos da apuração.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícia Civil cumpre prisão de médico acusado de violência doméstica
Continue lendo

Policial

Lei Seca prende cinco pessoas por embriaguez ao volante

Publicado

Nara Assis | Sesp-MT

Cinco pessoas foram presas em flagrante por dirigirem sob efeito de álcool neste domingo (21.04), durante blitz da Lei Seca em Várzea Grande. Além disso, uma pessoa foi presa por receptação. A operação integrada ocorreu no km 514 da BR-070, com o total de 90 testes de etilômetros realizados.

Foram lavrados 82 Autos de Infração de Trânsito (AITs), sendo nove pelo Art.165 (dirigir sob influência de álcool), um pelo Art.165-A (recusa de se submeter ao teste) e 72 por outras infrações. Os policiais também recolheram seis Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) e removeram 15 carros e cinco motos.

O coordenador do Gabinete de Gestão Integrada (GGI-E) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), tenente-coronel PM Gibson Almeida Costa Junior, destacou o cumprimento do cronograma de operações Lei Seca. “Estamos conseguindo manter um calendário de no mínimo uma operação a cada semana, totalizando quatro por mês. Retomamos a ação em Várzea Grande este ano, a de ontem foi a segunda, antes tínhamos dificuldades de pátio e falta de guincho, mas isso foi resolvido junto à Guarda Municipal”.

Segundo ele, a intenção é ampliar a ação para toda a Baixada Cuiabana de forma constante, visando à redução de acidentes causados por embriaguez ao volante, como o registrado neste final de semana, por exemplo. O pedestre Vitalino Bernardino, de 74 anos de idade, morreu, após ser atropelado por João Carlos Gonzato, que dirigia um caminhão VW de placa MBW-4384 sob efeito de álcool. Ele chegou a ser encaminhado ao Pronto Socorro de Cuiabá, mas não resistiu.

Veja Mais:  Seguranças da fazenda de Riva, recebem invasores na bala e termina com 2 mortos e outros feridos

O acidente ocorreu na noite de sábado (20.04), no bairro Nove Esperança I. O motorista fugiu do local sem prestar socorro, mas foi localizado por policiais militares e encaminhado à Central de Flagrantes. Foi constatada embriaguez ao volante (1,07 mg/L no etilômetro) e ele foi autuado por homicídio culposo. Também foi constatado que este mesmo caminhão já se envolveu em ocorrência com condutor supostamente embriagado no dia 08 de abril deste ano.

A operação

A Lei Seca é coordenada pelo GGI-E da Sesp-MT e conta com a atuação da Polícia Militar (PM-MT), por meio do Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran); Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), por meio da Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran); Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) e, nesta edição, da Guarda Municipal de Várzea Grande e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana