conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Nacional

Quase metade das mortes de animais no litoral de São Paulo tem relação com lixo

Publicado


Lixo em excesso causa grandes danos a vida marinha nas praias do litoral norte de São Paulo
Reprodução/ Instituto Argonauta

Lixo em excesso causa grandes danos a vida marinha nas praias do litoral norte de São Paulo

Dentre os 2.600 animais marinhos encontrados mortos pelo Instituto Argonauta, entre 2015 e 2018, 48% mostraram ter tido contato com o lixo jogado nas praias do litoral norte de São Paulo, segundo a coordenadora do Projeto de Monitoramento de Praia da Bacia de Santos (PMP-BS), Carla Beatriz Barbosa.

Leia também: Calor e poluição matam 55 toneladas de peixes na Lagoa Rodrigo de Freitas, no RJ

O resultado foi divulgado nesta semana pelo Instituto Argonauta em parceria com o Aquário de Ubatuba, por meio de dois boletins informativos de monitoramento do lixo descartado nas praias de quatro cidades: Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela. 

O levantamento também divulgou que 942,7 kg de lixo foram retirados das praias avaliadas em 2018, sendo que 330,8 kg foram coletados só nas praias de Ubatuba. Além disso, dentre os 132 locais analisados, seis praias foram classificadas como “inaceitáveis” pelo instituto, devido a grande quantidade de resíduos encontrados.

Os resultados podem ser ainda mais assustadores se for considerado um tempo de análise maior. Nos últimos 30 meses, foram recolhidas 22 toneladas de resíduos nesses locais. Tais dados fornecem aos pesquisadores um “raio-x” sobre o movimento de descarte nas praias do litoral norte.

Veja Mais:  PT encolhe e restringe força no Nordeste; com Alckmin, PSDB tem sua pior votação

Leia também: Diminuir poluição do ar pode salvar 1 milhão de vidas por ano, afirma OMS

A finalidade da operação é, não só de recolher o excesso de lixo nas praias, como também conscientizar a população a respeito dos impactos que o descarte excessivo pode ter para o meio ambiente, para os animais , para a saúde da população e para a economia dessas cidades, que tem como base o turismo de praia.

“Apesar do aumento da preocupação e da veiculação de diversas notícias sobre o tema, na prática ainda observamos uma enorme quantidade de lixo indo parar nos rios, praias e mar da região, e o que é pior, afetando diretamente a fauna marinha”, afirmou Hugo Gallo, presidente do Instituto Argonauta.

Leia também: Presidente do Ibama pede exoneração após questionamentos em contratos

O oceanógrafo ainda destacou que os países europeus já preveem banir os materiais descartáveis até 2020 e que essa medida deveria ser considerada pelo Brasil quando o assunto é descarte de lixo .

Comentários Facebook

Nacional

Incêndio atinge o Instituto do Coração, no centro de São Paulo

Publicado


Chamas atingem o Instituto do Coração (Incor) no centro de São Paulo
Divulgação

Chamas atingem o Instituto do Coração (Incor) no centro de São Paulo

Um incênio atinge, nesse momento, o hospital Instituto do Coração (Incor) na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. De acordo com o corpo de bombeiros, 14 viaturas foram deslocadas para o combater as chamas, que teriam começado no quinto andar do complexo.

Ainda não há informações sobre as causas do incêndio e nem sobre vítimas. Os telefones do local não atendem.

* Mais informações em breve.

Comentários Facebook
Veja Mais:  MPF pede condenação de Rocha Loures por corrupção por mala com R$ 500 mil da J&F
Continue lendo

Nacional

Incêndio atinge o Instituto do Coração, no centro de São Paulo

Publicado

Um incênio atinge, nesse momento, o hospital Instituto do Coração (Incor) na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. De acordo com o corpo de bombeiros, 14 viaturas foram deslocadas para o combater as chamas, que teriam começado no quinto andar do complexo.

Ainda não há informações sobre as causas do incêndio e nem sobre vítimas. Os telefones do local não atendem.

* Mais informações em breve.

Comentários Facebook
Veja Mais:  MPF pede condenação de Rocha Loures por corrupção por mala com R$ 500 mil da J&F
Continue lendo

Nacional

Não lembra a senha do Enem? Veja como recuperar login para acessar notas

Publicado

Para recuperar o login do Enem 2018, basta acessar a Página do Participante e clicar no campo
Reprodução

Para recuperar o login do Enem 2018, basta acessar a Página do Participante e clicar no campo “Esqueci minha senha”

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou os resultados individuais do  Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2018) nesta sexta-feira (18). Para conseguir acessar as notas, porém, os estudantes precisam fazer logino no site com CPF e senha. Os participantes que não se lembram da senha cadastrada, porém, precisam fazer o processo de recuperação do código.

Para recuperar o login do Enem 2018, basta acessar a  Página do Participante e clicar no campo “Esqueci minha senha”. O estudante deverá, então, confirmar o e-mail cadastrado no sistema para receber uma senha temporária.

Quem esqueceu a senha e também não tem acesso ao e-mail cadastrado tem a opção de informar novos contatos para receber a senha temporária. Em ambos os casos é preciso informar o CPF e responder ao desafio de figuras que aparecerá na tela. O Inep disponibilizou um passo a passo  para o caso de dúvida.

Nesta sexta-feira, as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foram divulgadas também na Página do Participante e no aplicativo oficial do Enem. Os mais de 4,1 milhões de participantes já podem acessar quanto obtiveram em cada uma das provas de linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação.

O Enem foi aplicado nos dias 4 e 11 de novembro de 2018. Desde o dia 14 de novembro, estão disponíveis as provas e os gabaritos oficiais. Também estão disponíveis vídeos com os enunciados e as opções de respostas da videoprova em Língua brasileira de sinais (Libras).

Veja Mais:  MPF pede condenação de Rocha Loures por corrupção por mala com R$ 500 mil da J&F

No dia 18 de março, o Inep divulgará o espelho da redação, ou seja, detalhes da correção dessa prova. Isso é feito após os processos seletivos dos programas federais. A correção tem função apenas pedagógica e não é possível interpor recurso.

A nota dos treineiros, aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e fizeram a prova apenas para testar os conhecimentos também será divulgada, mas apenas no dia 18 de março, assim como o espelho das redações.

Com o Enem 2018, os estudantes poderão concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (Prouni), e participar do  Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana