conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Na Capital

Representantes de 15 comunidades debatem melhorias em Saúde na Pré-conferência Rural ‘Fazenda Velha’

Publicado

A segunda etapa da ‘Pré-Conferência Municipal de Saúde’ reuniu representantes de 15 comunidades rurais na quarta-feira (13). Os debates aconteceram na Escola Municipal Rural Novo Renascer, na comunidade Fazenda Velha (a 50 km de Cuiabá), e tem por objetivo definir as diretrizes das políticas públicas de saúde a serem adotadas ao longo do tricentenário da Capital.

Durante a solenidade de abertura, a secretária Executiva do Conselho Municipal de Saúde de Cuiabá, Janaína Penha, explicou que as problemáticas em saúde, bem como a solução para as mesmas, servirão de subsídio para a 13ª Conferência Municipal de Saúde a realizar-se em abril. Ela enfatizou ainda a importância da participação popular, especialmente dos moradores da zona rural.

Ao todo o Conselho realizará nove Pré- Conferências, sendo quatro nas regionais urbanas e mais cinco rurais. As propostas levantadas nestas etapas subsidiarão Conferência Municipal subsequentemente a Nacional. “É um momento de luta, de formação de opinião e defesa de ideias. Por isso é tão importante a participação de todos, especialmente da zona rural que possui dificuldades no acesso a saúde.”

De acordo com o vice-presidente da comunidade Raizama, Almindo Reis, foi pensando nesta dificuldade de acesso que surgiu uma das principais propostas debatidas no evento: o acréscimo de equipes do Consultório Itinerante. O projeto oferece atendimentos médico e odontológico e demais atribuições inerentes da Atenção Básica às 250 famílias da região.

Veja Mais:  Policlínica do Verdão voltará a atender na noite desta quarta-feira (07)

“Nosso maior anseio é a construção de um Centro de Saúde. Entretanto, sabemos que, segundo o Ministério da Saúde, não atingimos o quantitativo populacional. Então, a possibilidade de melhoria para a nossa região é que sejam aumentadas as equipes do Consultório Itinerante, para que possamos receber mais vezes por mês a atenção especial que eles nos dedicam”, destacou.  

Outros assuntos como o fortalecimento e ampliação da participação social, modelo de atenção, planejamento e financiamento do SUS e a valorização do trabalho e educação em saúde também foram discutidos durante esta etapa. Seguindo o cronograma, a próxima Pré-Conferência acontece no sábado (16), na Regional Oeste. 

 

Comentários Facebook

Na Capital

Prefeitura de Cuiabá publica editais de convocação para a função de CAD

Publicado

Jorge Pinho

A Prefeitura de Cuiabá publica novos editais de convocação para candidatos aprovados no processo seletivo simplificado da Educação. A convocação se refere aos candidatos aprovados para a função de Cuidador de Aluno com Deficiência (CAD).

Os candidatos que estão sendo convocados nesses editais devem se apresentar para atribuição nesta sexta-feira (22), na Secretaria de Educação do Município, às 14h. A SME fica na Rua Diogo Domingos Ferreira, 292, bairro Bandeirantes.

Os Editais de Convocação se referem ao Processo Seletivo Simplificado para contratação temporária imediata e formação de cadastro de reserva, nº 006/2018/GS/SME, realizado pela Secretaria Municipal de Educação, para o ano letivo de 2019.

Os candidatos convocados devem conferir diariamente a publicação dos editais, pois não haverá 2ª chamada para a convocação. Assim, o candidato que não comparecer no dia e horário previstos será eliminado, o que implicará na convocação do candidato classificado na sequência.

Para a atribuição, os candidatos convocados devem levar os documentos pessoais.

Veja anexos os editais de convocação:

 

Comentários Facebook
Veja Mais:  Policlínica do Verdão voltará a atender na noite desta quarta-feira (07)
Continue lendo

Na Capital

Cuiabá dos 300 anos mais ordenada: promovendo cidadania

Publicado

Marcos Vergueiro

Atualmente, pouco mais de 50% da Capital é formada por assentamentos informais, oriundos de invasões. Com essa formação desordenada, as moradias também foram sendo construídas sem nenhuma estrutura. Outro fator que aumenta essa situação, é a falta de documentação das áreas. Isso impede o cidadão de buscar recursos junto aos órgãos financiadores para a aplicação em melhorias de suas moradias.  

Diante disso, desde o primeiro mês de gestão, o prefeito Emanuel Pinheiro determinou que a equipe de Habitação e Regularização Fundiária desenvolvesse ações nesta área, que contemplassem a população mais carente de forma completa: regularizando os terrenos e também dando condições de terem imóveis dignos de se morar. 

Para isso, a gestão está desenvolvendo planos de trabalhos unificados pelos bairros de Cuiabá. São processos de políticas públicas em variados setores, como o ambiental, jurídico e urbanístico, que executados juntos, trazem equalização e dignificação para a vida dos que ali residem.  Eles são indispensáveis para um resultado de qualidade, assegurando o direito social à moradia, o pleno desenvolvimento das funções sociais da propriedade urbana e o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado.

E mover essa transformação na Capital tricentenária é um dever do gestor público. “Hoje, nesses dois anos à frente da Prefeitura de Cuiabá, nossa administração está sendo pautada em programas de humanização, com uma cartela de ações desenvolvidas nas quatro regiões da cidade”.

Veja Mais:  Cuiabá receberá premiação nacional por medidas sustentáveis

São mais de 40 comunidades atendidas, com cerca de 5 mil títulos de posse definitivas entregues. E para este ano, a perspectiva é beneficiarmos 3.871 famílias cuiabanas, com os documentos de seus terrenos. São bairros emblemáticos, como Santa Izabel, Doutor Fábio, Ribeirão do Lipa, Novo Paraíso, Praeirinho, sendo regularizados.

“A meta é chegar em 40 mil áreas regularizadas até o fim da gestão. São pessoas com sorrisos largos no rosto, semblantes de satisfação por terem sido enxergados. Morar em local em que você não tem a certeza de ser seu, de pertencer a sua família, é viver em constante estado de medo, insegurança. É achar que a qualquer momento alguém vai bater à sua porta e pedir que saia.  Mas, isso não acontecerá nessas famílias”, afirmou o prefeito.

O trabalho representa o ordenamento de Cuiabá. De forma equilibrada e humanizada.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Na Capital

Prefeitura participa de ação de recolhimento de materiais eletrônicos

Publicado

Divulgação

A Prefeitura de Cuiabá participará da segunda edição da Campanha Leve. O evento, que inicia na próxima segunda-feira (25) e segue até o próximo dia 30 de março, estimula o descarte correto de materiais eletrônicos. A ação é uma iniciativa do grupo Teoria Verde e, além de fomentar a prática de preservação ambiental, cumpre com um importante papel social ao reverter 100% do valor arrecadado com a venda dos objetos para o Hospital de Câncer de Mato Grosso (HCan).

Na edição realizada no ano passado, foram recolhidas cerca de três toneladas de lixo eletrônico, resultando em uma quantia de R$ 16.035,00. Para este ano, a organização da campanha deve disponibilizar pelo menos sete pontos de entrega em Cuiabá e um em Várzea Grande. A Prefeitura, além de ser um dos pontos, também doará uma quantidade de eletrônicos inservíveis e disponibilizará um veículo do Cata-treco para fazer o recolhimento dos materiais nos pontos de coleta.

Também estão previstos pontos de coleta nos seguinte locais: HCan, Ecodescarte (Poção), IFMT Bela Vista, Carvalina Transporte (Av. Beira Rio), Associação dos Moradores do Bairro Jardim das Américas, Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) e Mato Grosso Rações (Várzea Grande). Dentre os inservíveis, o cidadão pode descartar celular, computador, televisão, rádio, bateria e todo tipo de peças em geral.

Veja Mais:  Prefeitura de Cuiabá divulga mais uma lista de profissionais para atribuição

“Uma das principais bandeiras do prefeito Emanuel Pinheiro é o desenvolvimento de uma gestão que se preocupa com a sustentabilidade. Nesse sentido, incentivar e participar de projetos como este é sempre uma grande oportunidade de fortalecer esse trabalho. A Prefeitura tem seus projetos internos, mas isso não impede de continuar se envolvendo em ações que colaborem com preservação do nosso meio ambiente”, comenta o secretário municipal de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa.

O diretor do Teoria Verde, Jean Pelicari, explica que o descarte incorreto de resíduos eletrônicos potencializa os problemas ambientais. Isso porque, conforme relata Jean, os aparelhos são compostos por substâncias como chumbo, mercúrio, cádmio e berílio, que possuem alto poder de contaminação do solo e das águas.

“Normalmente esses aparelhos levam um tempo ainda maior para se decompor naturalmente. Outro fato é que, quando descartadas incorretamente, esses materiais deixam de ser reaproveitados. Com a campanha trabalharemos na esfera educacional e também social. Nossa ideia é que o balanço de quantidade recolhido e valor a ser doado seja apresentado na celebração dos 300 anos, como mais um presente para Cuiabá”, pontua o diretor.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana