conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Rondonópolis

Semed informa a suspensão das aulas na Escola Alcides e assina ordem de serviço de reforma geral

Publicado

Escola Alcides no Bairro João de Barro.

A Secretaria Municipal de Educação (Semed), a direção da Escola Municipal Alcides Pereira dos Santos e o Conselho Escolar se reúnem nesta terça-feira (13), com os pais e responsáveis dos alunos que estudam na escola para informar a suspensão imediata das aulas em atendimento à recomendação do Ministério Público do Estado (MPE), que solicitou a interdição completa da unidade escolar.

A secretária municipal de Educação, Carmen Garcia Monteiro, informa que as aulas ficarão suspensas, já que em averiguação de equipes da Secretaria não foi possível, até o momento, encontrar um espaço para atender a demanda da escola de Ensino Fundamental que atende mais de 600 alunos.

“Para locar um prédio que atenda às necessidades da escola precisamos de mais tempo. O local precisa ser encontrado, avaliado quanto ao atendimento das necessidades de alunos e servidores e caso seja encontrado, é preciso ainda encaminhar o projeto de lei para a Câmara Municipal para que os vereadores autorizem que a Prefeitura faça a locação. São trâmites que delongam certo tempo”, explica Carmen.

Para solucionar definitivamente o problema estrutural da escola, a Semed irá assinar nesta quarta-feira (14), a ordem de serviço para o início imediato das obras de reforma geral da unidade de educação. Com um custo superior a R$ 1 milhão, a escola terá toda rede elétrica e hidráulica trocada, telhados e forros serão reconstruídos, pisos trocados, além de realizada pintura geral. A previsão é de que a obra seja concluída em oito meses.

Veja Mais:  Prefeitura apresenta projeto da Unemat para alunos da Escola Pindorama

“Nos reunimos com os responsáveis da empresa vencedora do processo licitatório e solicitamos a maior agilidade possível na conclusão das obras”, destacou a secretária, que complementou que a Semed está reformando várias escolas no município, trazendo melhorias na infraestrutura para garantir melhor qualidade do ensino público municipal.

A secretária ressalta que a reforma na escola já havia sido iniciada, mas a empresa responsável abandonou a obra. Diante da situação, foi necessário realizar um distrato com a empresa e promover uma nova licitação. Parte da escola já estava interditada pela própria Semed com o intuito de resguardar alunos e servidores de qualquer risco.

Carmen informa ainda que serão cumpridos os 200 dias letivos e 800 horas aulas conforma a Lei de Diretrizes Básicas da Educação. Quando definido o retorno às aulas dos alunos, a Semed, com o Conselho Deliberativo Escolar, irá elaborar o plano de reposição para que não haja prejuízos aos estudantes.

Comentários Facebook
publicidade

Rondonópolis

Capacitação profissional em Rondonópolis transforma a vida de centenas de pessoas

Publicado

Foto: Assessoria

A noite desta quarta-feira (04) marcou o início de um novo ciclo para 350 pessoas que participaram dos cursos realizados no programa “Revelando Talentos”, uma parceria entre a Prefeitura de Rondonópolis e a Obra Kolping, e receberam os certificados durante cerimônia de encerramento na sede da organização social.  Foram cursos nas áreas de estética e beleza, culinária e artesanato.

Para Priscila Campos que participou do curso de confeitaria, a qualificação representa uma transformação de vida. “É a realização de um sonho porque adquirimos o certificado junto do aprendizado, abre uma porta para trabalhar e atingir nossos objetivos. Eu trabalhava no mercado comercial e sai para trabalhar para mim, vi uma oportunidade de fazer esse curso e agora estou apta”, celebrou.

Para o prefeito Zé Carlos do Pátio investir na capacitação profissional é promover a inclusão social. “Você tem vários instrumentos para tirar a pessoa da exclusão social, um dos instrumentos é a qualificação, o que estamos fazendo na Obra Kolping, é justamente preparando essas pessoas nas áreas da confeitaria, manicure, pedicure, cabelereiro, onde a pessoa faz o curso e depois a gente busca a oportunidade para ela, através de uma linha de crédito ou emprego em alguma localidade, muitas vezes o que falta em Rondonópolis é a qualificação, é inclusão social” disse o prefeito.

A secretária municipal de Promoção e Assistência Social Iriana Cardoso destaca que a qualificação permite mudar a realidade das famílias. “As pessoas que foram aqui qualificadas, elas tem uma nova perspectiva de vida, de empoderamento, de conseguir realizar sonhos” disse.

Veja Mais:  Publicada lista com inscrições deferidas para concorrer ao cargo de conselheiro tutelar nas eleições deste ano

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Escola da Vila Paulista ganha quadra poliesportiva coberta

Publicado

Foto: Assessoria

A comunidade escolar da Vila Paulista chegou na unidade nesta quinta-feira (05) e mal pôde acreditar no que viu: a conclusão da obra da quadra poliesportiva coberta. O sorriso era evidente no rosto das crianças que lotaram as arquibancadas para participar da inauguração que contou com a presença de representantes da Secretaria Municipal de Educação, do prefeito Zé Carlos do Pátio e do vice Ubaldo Barros.

“Há 17 anos estou nessa escola e o maior sonho de todos aqui era ter essa quadra coberta”, conta emocionada a diretora da escola, Cláudia Vieira da Silva. Com lágrimas nos olhos ela lembra que por muitas vezes as crianças ficavam sem aulas de educação física por conta da chuva ou também pelo sol forte que impedia os alunos de ficarem no local.

Cláudia Vieira comentou que nunca viu tanto recurso investido na unidade que, nos últimos dois anos passou por uma reforma geral, teve toda a área interna com plantio de grama e agora a quadra coberta deixa os profissionais e principalmente os alunos mais felizes e animados para frequentar a escola.

Os alunos do projeto de capoeira fizeram uma apresentação e mostraram o que já aprenderam no pouco tempo que as aulas começaram na unidade. Eles receberam das mãos da secretária de Educação, Carmem Garcia Monteiro e do prefeito Zé Carlos do Pátio os uniformes do projeto Arte e Educação e também alguns instrumentos que são utilizados nas rodas de capoeira.

Veja Mais:  Classe política une forças pela saúde de Rondonópolis

O prefeito ficou feliz em ver uma unidade organizada e bem cuidada e aproveitou para anunciar um aumento na verba dos diretores para darem um toque e fazer o diferencial da escola. “Cada unidade tem a sua peculiaridade e os diretores são as pessoas mais indicadas para apontar o que é preciso ser feito. Esse recurso deve ser utilizado para isso”, explicou.

A Escola Municipal da Vila Paulista foi uma das 67 unidades que passaram por reforma nos últimos três anos. Zé Carlos do Pátio afirmou que no ano que vem pretende fazer uma reforma em mais oito escolas do município, melhorando as condições de toda a rede municipal.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Feciti atrai 15 mil visitantes nos dois dias de evento

Publicado

Foto: Assessoria

A 4ª edição da Feira de Ciência, Tecnologia e Inovação (Feciti) atraiu cerca de 15 mil visitantes nos dois dias de evento ocorrido em 02 e 03 de dezembro. Considerada uma das maiores feiras do gênero do Estado, a Feciti é realizada anualmente pela Prefeitura de Rondonópolis, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, que conta com parcerias e apoio de diversas instituições.

“Segundo os avaliadores foi a melhor feira da história de Rondonópolis, a qualidade dos projetos aumentou muito, o Papiro (Programa Acelerador de Projetos Inovadores de Rondonópolis) valeu a pena, que é o investimento da prefeitura nos melhores projetos, os técnicos escolheram os 40 melhores projetos, eles apresentaram aqui e houve uma evolução” ressaltou o prefeito Zé Carlos do Pátio.

Para o chefe do Executivo muitos projetos são interessantes para o município. “Eu vi muitos projetos desses que é extremamente interessante adaptar na cidade, na área do trânsito, meio ambiente, agricultura, saúde, o que falta agora é pegar um projeto desse aprimorá-lo e colocá-lo no setor industrial para poder executar. Com a criação da secretaria de Ciência e Tecnologia, isso vai ser providencial, nós vamos continuar ampliando os projetos, esse é o nosso propósito, estamos no caminho certo,” disse Pátio.

Na noite de ontem (03), foram divulgados os melhores projetos expostos. Os critérios para avaliação dos projetos são criatividade, grau de inovação e relevância, potencial de aplicabilidade e avaliação do texto (pré-seleção). Foram premiados os projetos em seis categorias, sendo que o 1º e 2º lugar de cada categoria vai receber R$1.800 e R$700 respectivamente, mais medalha e certificado de premiação.

Veja Mais:  Prefeitura de Rondonópolis investe em Saúde Bucal e amplia atendimento

Os alunos e professores da Escola Municipal Bonifácio Sachetti comemoravam a premiação como melhor projeto pelo “Voto Popular” e na categoria “alunos e professores das escolas do ensino fundamental (1° ao 5° ano)”.

 “Eles estão muito felizes, a dedicação e o esforço deles valeu muito a pena, eles estão assim agradecidos por essa conquista. Essas feiras são de extrema importância porque motivam eles, motivam os professores e toda comunidade escolar porque além do aprendizado, a motivação de concorrer a prêmios de competir com os colegas de outras escolas, isso é legal. É um orgulho muito grande para nossa escola” celebrou a diretora Maryella Martinelli.

VENCEDORES

Categoria 1 – Alunos da Educação Infantil

 1° lugar: Eu e o Meio Ambiente  (Emei Agton Kayro Leite Dos Santos);

2° Lugar – Os Cinco Sentidos – Emei Machado De Assis

Categoria 02 – Alunos e Professores de Escolas do Ens. Fundamental Anos Iniciais (1° ao 5° Ano).

1° Lugar: Irrigador solar feito com garrafa pet em horta escolar – Emei Bonifácio Sachetti;

2° Lugar – Bullying na Escola – Happy Code;

Categoria 03 – Alunos e Professores de Escolas do Ensino Fundamental Anos Finais (6° ao 9° Ano)

1° Lugar: Mental Damage – Happy Code;

2° Lugar: Projeto “Meu Pé de Laranja Lima” Pomar Escolar Agroecológico – Uma Fonte de Aprendizado Ambiental e Etnológico (E.E. Prof. Carlos Pereira Barbosa).

Veja Mais:  Aluno especial da rede municipal medalhista na Paralimpíada recebe homenagem

Categoria 04 – Alunos e Professores de Escolas do Ensino Médio e Técnico e Ensino de Jovens e Adultos (EJA)

1° Lugar: Documentário: A Abordagem do gênero na aprendizagem das linguagens multimodais para estimular a produção textual (E.E. Plena André Maggi).

2° Lugar: Programando o mundo “A robótica do cotidiano”. (E.E. Plena Pindorama).

Categoria 05 – Alunos e Professores do Ensino Superior e Estudantes de Pós-Graduação.

1° Lugar: Comparação do desempenho de diferentes redes neurais na detecção de doença no algodoeiro (UFR).

2° Lugar: Tombador Smart (UNIC ARY COELHO).

 

Categoria 06 – Empresários, Inventores e Colaboradores das empresas de Rondonópolis e Mato Grosso.

1° Lugar: SocialPub – Marketplace de Afiliados para o Comércio de Rondonópolis.

2° Lugar: Roça Online (IFMT).

Projeto com mais envolvimento nas redes sociais.

Rádio Escola (EMEI José Antonio dos Santos).

Voto Popular

Irrigador solar feito com garrafa pet em horta escolar – Emei Bonifácio Sachetti.

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana