conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Sesp supera meta de operações e ações integradas em 18%

Publicado

A Coordenadoria de Planejamento e Monitoramento (Coplam) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) superou a meta de 13 mil operações e ações integradas a serem realizadas anualmente. De janeiro a junho de 2018 já foram desenvolvidas 15.466, cerca de 18% a mais que o previsto para todo o ano. Em 2017 e 2016, este número também foi superado, com a contabilização de 20.730 e 18.079 operações e ações integradas, respectivamente.

Em 2018, até outubro, já foram elaboradas 54 ordens de operações integradas oriundas da Sesp, e 14 produzidas nas regionais, totalizando um montante parcial de 68 ordens de operações. O coordenador de Planejamento e Monitoramento da Sesp, tenente-coronel PM Jean Klebber Britto da Silva, ressaltou que o resultado é reflexo da dedicação dos integrantes de todas as forças de segurança. “Isso demonstra o empenho de todos em promover a sensação de segurança à população, o que contribuiu sistematicamente para a redução dos índices de criminalidade no estado”.

Vale ressaltar que desde 2017 a parametrização considera uma operação a cada município participante. Já no caso das ações são consideradas as atividades desempenhadas pelas forças de segurança dentro das operações, quais sejam: inopinada; asfixia; start; mandados de busca e apreensão; mandados de prisão; prisão temporária e internação cautelar; flagrante delito; Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO); e fiscalização dos bombeiros.

Entre janeiro e julho deste ano, as 54 operações integradas resultaram nas apreensões de aproximadamente 700kg de drogas, 1.699 veículos e 228 armas de fogo, além de 161 veículos recuperados e 1.923 pessoas presas. No total, houve abordagem de 50.940 veículos e 92.989 pessoas, em 5.884 ações inopinadas (bloqueio), 7.504 de asfixia (saturação), e 11.250 starts (P.E.).

Veja Mais:  Mais de 800 galos de rinha estimados em R$ 1 milhão são apreendidos em ação conjunta

Com efetivo de 16.877 policiais militares, 5.160 policiais civis e 363 bombeiros militares, foram cumpridos 290 mandados de busca e apreensões; 534 mandados de prisões, internações cautelares e prisões temporárias; e efetuados 1.450 flagrantes delitos. As fiscalizações do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT) ao longo deste período somaram 357 e os TCO’s foram 1.320.

O coordenador da Coplam acrescenta que, com base nos dados das atividades ordinárias das instituições de segurança realizadas de janeiro a junho de 2018, as operações integradas auxiliaram em média em 14% dos resultados obtidos. A média mensal de atividades integradas é de oito dias por mês.

Dados do ano passado

De janeiro a dezembro de 2017 foram realizadas 44 ordens de operações, para execução de atividades integradas em todo o estado, que resultaram na apreensão de 1,3 toneladas de drogas; apreensão de 2.670 veículos; recuperação de 611 veículos roubados; e 478 armas de fogo apreendidas. Para tanto, foram empregados 26.568 policiais militares, 10.591 policiais civis, 1.006 bombeiros militares, em 8.285 ações inopinadas (bloqueio), 11.446 de asfixia (saturação), e 12.886 Start (P.E.).

Neste período, houve cumprimento de 924 mandados de busca e apreensões, e 1.248 mandados de prisões, internações cautelares e prisões temporárias, além da realização de 2.120 flagrantes delitos; 1.588 TCO’s; 1.434 fiscalizações do CBM. Durante as operações, os profissionais da Segurança abordaram 181.919 pessoas e 75.852 veículos, e prenderam 3.745 pessoas.

Veja Mais:  Colisão fatal; Idosa morre e homem fica ferido em grave acidente na tarde desta sexta-feira (11) na MT-130 em Rondonópolis

Comentários Facebook

Policial

PRF apreende mais de uma tonelada de agrotóxico no MT

Publicado

Produtos fabricados na China eram transportados em um caminhão; carga saiu de Ponta Porã/MS e seria entregue em Cuiabá

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na noite de quinta-feira (21), mais de uma tonelada de agrotóxico contrabandeado. A ação aconteceu no km 40 da BR 163, no município de Itiquira/MT.

Os policiais realizavam abordagens de rotina quando pararam o veículo VW 23.220, placas de Dourados/MS, conduzido por C. R. T., 60 anos, morador de Ponta Porã/MS. O motorista alegou transportar embalagens vazias, mas embaixo delas havia agrotóxico contrabandeado.

A apreensão totalizou 1.175 quilos de inseticidas que, segundo as embalagens, foram fabricados na China e importados para o Uruguai. A carga saiu de Ponta Porã e seria entregue em Cuiabá.

Conforme levantamentos, com o produto seria possível tratar 24 mil hectares de soja ou milho ou 13 mil hectares de algodão, prováveis culturas a que se destinariam os agrotóxicos, estimados em R$ 576 mil.

A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Federal em Rondonópolis.

Texto: Neocleciana Gonçalves – NUCOM PRF/MT Fotos: PRF

Fonte: PRF MT
Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícias Civil e Militar cumprem buscas e desarticulam tráfico no bairro Jardim Renascer
Continue lendo

Policial

Colisão, capotamento e motociclista ferido na manhã desta sexta-feira (22) no centro de Rondonópolis

Publicado

Motociclista no chão- Foto: Whatsapp

Um grave acidente envolvendo um motociclista e um veículo na manhã desta sexta-feira (22) no cruzamento da Avenida Marechal Dutra com Otávio Pitaluga deixou um motociclista gravemente ferido.

Com a colisão o veículo capotou e a motocicleta ficou totalmente destruída.

O condutor da motocicleta estava subindo pela Otávio Pitaluga ao chegar no entroncamento com a Marechal Dutra quando colidiu com o veículo.

O serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e socorreu ambos condutores dos veículos ainda com vida até o hospital regional.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Mais de 800 galos de rinha estimados em R$ 1 milhão são apreendidos em ação conjunta
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende trio que atuava com o tráfico de drogas no bairro Dom Aquino

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Três pessoas acusadas de atuar com o tráfico de drogas no bairro Dom Aquino em Cuiabá foram presas em flagrante, na tarde de terça-feira (19.03), em mais uma ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE). Durante trabalho de buscas, foi apreendido em poder dos suspeitos apetrechos relacionados ao tráfico, substância para preparo da droga, grande quantia em dinheiro e uma arma de fogo municiada.

Aline Alexandra da Silva Magalhães, 20, Ivancley Calixto Sampaio de Souza, 20, Elton Junior Queiroz Nascimento, 23, (monitorado por tornozeleira eletrônica) foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse ilegal de arma de fogo. Além da atividade ilícita, o trio é acusado de integrar uma facção criminosa atuante no Estado.

A ação foi deflagrada com objetivo de dar cumprimento a mandado de busca e apreensão domiciliar, expedido pela 13ª Vara Criminal de Cuiabá, com base em investigações da DRE. A ordem judicial tinha como alvo duas residências, localizadas no mesmo terreno, no bairro Dom Aquino.

Em uma das casas, os policiais apreenderam duas balanças de precisão, R$ 220 em dinheiro. No quintal das residências, foi localizado um revólver com quatro munições e uma porção grande de ácido bórico. Na segunda casa, foram apreendidos aparelhos celulares, material utilizado para embalo do entorpecente, além de R$ 1.472 em dinheiro..

Veja Mais:  Casal com longa ficha criminal é recapturado com mandados de prisão em aberto

Os três suspeitos que estavam na casa foram conduzidos a DRE, onde após interrogados pelo delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, foi lavrado o flagrante. “A desarticulação do grupo é de grande relevância, uma vez que além da atuação com o tráfico de drogas, os suspeitos também teriam envolvimento com uma associação criminosa envolvida em diferentes crimes em todo Estado”, destacou o delegado.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana