conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Mato Grosso

Sine oferta 1.887 vagas de trabalho para Mato Grosso

Publicado

O Sistema Nacional de Emprego (Sine), vinculado à Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), oferece 1.887 vagas em todo o Estado de Mato Grosso. Na capital são 44 vagas, sendo 16 para Pessoas com Deficiência (PCD).

O município de Sapezal está ofertando um total de 305 vagas, sendo 141 para operador de máquina agrícola, 50 para auxiliar de expedição. Em Rondonópolis são 95 vagas para o setor de ensacador e 30 para auxiliar de limpeza, no total são 264 vagas para 30 profissões.

Em Nova Mutum, o Sine oferta 100 vagas para operador de processo de produção, 85 para Trabalhador volante da agricultura, 60 para produção de máquina agrícola de um total de 297 vagas disponíveis no Sine. Em Lucas do Rio Verde de 253 postos de trabalho, 35 vagas são para operador de processo de produção, 25 vagas para safrista e tem ainda uma vaga para engenheiro de alimentos.

O Sine faz a intermediação entre empresas e trabalhadores que são cadastrados no banco de vagas, onde é apresentado a toda população no painel de vagas. As pessoas interessadas devem procurar a unidade do Sine mais próxima de sua residência.

Em Cuiabá, o Sine atende na unidade do Ganha Tempo Ipiranga na Avenida Desembargador Lobo, s/n, Centro e CPA I na Rua Alenker s/n – CPA I – Morada da Serra, das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira.

Veja Mais:  CGE denomina auditório de Gilson de Barros

Comentários Facebook

Mato Grosso

Solenidade empossa novo delegado geral da Polícia Civil e diretores adjuntos

Publicado

O novo delegado da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, Mário Dermeval Aravéchia de Resende, foi oficialmente empossado na manhã desta quarta-feira (16.01), em cerimônia realizada na sede da Diretoria Geral da Instituição, em Cuiabá, com a presença do secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante dos Santos.

A solenidade também marcou a posse dos novos delegados que juntos comporão a diretoria geral da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso para o biênio 2019/2020. São eles: Gianmarco Paccola Capoani (Diretoria Geral Adjunta), Jesset Arilson Munhoz Franco (Corregedoria Geral), Welber Batista Franco (Diretor da Academia de Polícia), Daniela Silveira Maidel (Diretora de Execução Estratégica), Douglas Turíbio Schutze (Diretor Metropolitano),  Walfrido Franklim do Nascimento (Diretor do Interior), Juliano Silva de Carvalho (Diretor de Inteligência), Fernando Vasco Spinelli Pigozzi (Diretor de Atividades Especiais) e Newton Camargo Braga (Chefe de Gabinete).

O novo delegado geral da Polícia Civil de Mato Grosso foi nomeado pelo governador Mauro Mendes, em ato publicado no Diário Oficial no dia 11 de janeiro. Mário de Resende foi o primeiro colocado na lista tríplice apresentada pelo Sindicato dos Delegados ao governador de Mato Grosso, para assumir o posto mais alto da PJC, em substituição ao delegado Fernando Vasco Spinelli Pigozzi, que permaneceu na chefia geral da instituição de janeiro de 2017 a 31 de dezembro de 2018.

Veja Mais:  Indea apresenta avanços no Plano Estratégico 2017-2026 a médicos veterinários

Ao entregar o cargo, o delegado geral antecessor, Fernando Vasco, destacou que nos dois anos à frente da administração da Polícia Civil, não faltaram disposição e comprometimento para enfrentar os desafios que o cargo exige e proporciona.  “A Polícia Judiciária Civil avançou no campo operacional, administrativo, imagem institucional e visibilidade. A expectativa nessa nova gestão é grande e tenho certeza que do Dr. Mário trabalhará incessantemente para o fortalecimento da PJC como um todo, para que os atendimentos/trabalhos sejam melhorados em todo o Estado, bem como, para que os policiais civis tenham melhores condições para desempenhar suas funções”, afirmou.

Em seu discurso de posse, o delegado geral, Mário Dermeval Aravéchia de Resende, agradeceu a confiança de todos os policiais civis, do governador Mauro Mendes, do secretário de Segurança, Alexandre Bustamante dos Santos, e do chefe de Casa Civil, Mauro Carvalho, no cargo que passará a comandar nos próximos dois anos.

“Comprometo-me desde já a manter de forma dura e muito séria o comando da instituição, buscando o combate rigoroso ao crime que aflige nossa sociedade, bem como junto às demais forças de segurança pública de Mato Grosso trabalhar de forma conjunta, buscando neste momento de severa crise do estado, como o governador sempre tem dito fazer mais com menos. Aliás, mais com menos é o que já vem sendo feito há algum tempo pela Polícia Civil. Passamos por momentos financeiros complexos e conseguimos avançar”, ressaltou.

Veja Mais:  Novo Fethab inclui exportações e eleva arrecadação estadual em mais de R$ 540 mi

Entre os objetivos da nova gestão, o delegado geral asseverou como pontos prioritários a infraestruturação das delegacias, reforço em unidades estratégicas, implementação do inquérito eletrônico e construção da sede da Polícia Civil.

“Acreditamos que poderemos, em muito, contribuir para apuração dos crimes e trazer recursos financeiros ao estado, que, inclusive, nos permitirão salvaguardar a manutenção da instituição bem como os nossos próprios salários”, destacou Mário Dermeval.

O secretário de Segurança, Alexandre Bustamante, falou das dificuldades enfrentadas nesse início do governo Mauro Mendes, para equacionar as despesas do estado e do  esforço que vem sendo feito pela área sistêmica, para manter em funcionamento as  áreas operacionais. “Temos que melhorar de forma significativa a área de segurança, não só com medidas punitivas, mas como área de estado, para que possamos subsidiar o governo em medidas práticas e administrativas para melhorar a arrecadação, a fiscalização, nos colocando em outro patamar, não somente de combate a criminalidade. Mas como uma instituição que seja imprescindível para permanência do estado no que diz respeito à própria atuação”, disse.

Bustamente destacou ainda a importância dos órgãos de segurança pública na permanência e na manutenção do estado. “Temos que combater o crime organizado e o crime como um todo, mas temos que ter a certeza que temos condições de fazer mais, pois somos bons”, finalizou.

Participaram também da cerimônia o secretário adjunto de Inteligência da Sesp, Wylton Massao Ohara, do comandante geral da Polícia Militar, Coronel Jonildo José de Assis, do comandante adjunto do Corpo de Bombeiros, Coronel, César Brum, do Diretor da Politec, Rubens Okada, Superintendente da Polícia Rodoviária Federal, Aristóteles Cadidé, delegado Polícia Federal, Ricardo Ruiz, 1ª Sub Defensor Geral, Rogério Borges Freitas, presidente do Sindicato dos Delegados, Wagner Bassi, presidente do Sindicato dos Investigadores, Edleusa Mesquita, presidente do Sindicato dos Escrivães, Davi Padilha Nogueira, presidente da Associação dos Delegados, José Lindomar Costa, o deputado estadual Wancley Carvalho, deputado estadual eleito, Paulo Araújo, representantes dos Conselhos Comunitários de Segurança do Planalto e do Boa Esperança/Base UFMT, além de delegados, investigadores, escrivães, amigos e familiares do novo delegado, entre outros.

Veja Mais:  Polícia Civil incinera 91 quilos de cocaína em Pontes e Lacerda

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

PM prende casal de Várzea Grande por furto de joalheria

Publicado

A partir de uma ação de policiais do 4º Batalhão de Várzea Grande, desencadeada nesta quarta-feira (16), a Polícia Militar mato-grossense esclareceu um mega furto ocorrido em uma joalheria da cidade de Barueri, interior de São Paulo, da qual o jogador Ronaldinho Gaúcho é o sócio-proprietário.

De acordo com o registro da polícia de São Paulo, foram furtados 400 relógios e dois computadores, entre outras mercadorias da empresa 18K Ronaldinho Participações. O furto foi notado no final de dezembro de 2018 e a queixa formalizada no dia 2 de janeiro.

Além de prender Altair Moreira da Silva Monteiro, 31, e sua mulher Solanyara Angélica Pereira Guimarães, 21, aqui foram recuperaram 148 relógios da marca 18K, 125 correntes de ouro, 80 pares de brincos, quatro anéis e dois computadores portáteis.

Altair Moreira já havia sido reconhecido na polícia paulista pelo sócio de Ronaldinho Gaúcho, por meio de fotografias de arquivo e imagens circuito interno do condomínio empresarial como sendo o homem que saiu do elevador levando caixas supostamente com os produtos furtados.

A prisão do casal aconteceu após a abordagem de dois homens que vendiam relógios e outras jóias no pátio de um posto de combustíveis do bairro Água Vermelha, em Cuiabá. Eles tinham recebido a mercadoria como pagamento de serviços prestados ao casal e levaram os policiais até Altair.

Veja Mais:  Lanchas de alta potência auxiliarão na fiscalização de pesca

Com Altair, abordado na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá, foram apreendidos 20 relógios. Os produtos estavam no carro ocupado por ele, um Corolla. Logo depois, na casa onde estava a mulher dele, na rua Salgado Filho, bairro Areão, também em Cuiabá, aconteceu a apreensão de uma mala com o restante da mercadoria.

Segundo narrativa registrada pelos policiais, Altair ainda tentou se passar por sócio da empresa 18K Ronaldinho Participações, ou seja, do ex-jogador, mas o argumentou não se sustentou depois que a PM recebeu as informações da polícia de São Paulo e do contato com o sócio do jogador que fez o registro da queixa.

Marido e mulher foram entregues à Polícia Judiciária Civil para os procedimentos criminais e administrativos que a ocorrência requer. Os dois homens abordados no posto de combustíveis estão arrolados como testemunhas.  

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Estado solicita informações de gestores esportivos municipais

Publicado

A Secretaria Adjunta de Esporte e Lazer de Mato Grosso está atualizando os dados dos gestores esportivos municipais. O recadastramento é necessário porque pode haver modificação no quadro funcional da estrutura que faz a gestão do esporte nos municípios. Com o cadastro atualizado, a Secretaria Adjunta terá mais agilidade na troca de informações e no fomento ao esporte e ao lazer em todo o Estado.

Para a atualização dos dados, a pasta disponibilizou um formulário que deve ser baixado, preenchido e encaminhado via e-mail para a Superintendência de Esporte e Lazer, área responsável pela atualização dos cadastro de gestores esportivos municipais.

Devem preencher e encaminhar o formulário os profissionais que atuam como secretários municipais de Esporte, coordenadores de Esporte ou diretores do Departamento de Esportes, conforme estrutura administrativa de cada cidade. Mesmo aqueles que estão no cargo há mais tempo podem encaminhar o formulário, assegurando assim que seus dados estejam também atualizados.

Em caso de dúvidas, pode-se entrar em contato com a Superintendência de Esporte e Lazer, por telefone (65 3613-4913), e-mail (desportoelazer@seduc2.mt.gov.br) ou pessoalmente no Ginásio Poliesportivo Professor Aecim Tocantins, em Cuiabá.
 
ACESSE AQUI O FORMULÁRIO. Depois de preenchido, envie para o e-mail desportoelazer@seduc2.mt.gov.br

Comentários Facebook
Veja Mais:  Reeducandos de Arenápolis participam de palestras e exames
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana