conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Mato Grosso

Tenente do Corpo de Bombeiros relata buscas do piloto em Peixoto de Azevedo

Publicado

O Tenente Rodrigo Fonseca, do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, fez um relato da missão de busca do piloto Maicon Semencio Esteves (27) desaparecido desde sábado (03.11) e encontrado nesta quarta (07/1).

O acidente aconteceu próximo ao distrito de União do Norte, município de Peixoto de Azevedo. O piloto sobrevoava a floresta num voo rasante quando caiu, possivelmente por pane seca. Na queda se iniciou um incêndio e na saída às pressas, o piloto Maicon Semencio Esteves (27) queimou braços, mãos e face. Usando o celular, ele viu que a estrada estava perto, mas a bússola indicava um caminho reto pela floresta. Quando tentou caminhar pela vegetação fechada encontrou dificuldade porque é impossível fazer o deslocamento em linha reta, já que é preciso contornar árvores e cipós. Nessas voltas ele se perdeu, não encontrou a estrada e andou muito mais do que esperava andar.

O acidente foi testemunhado por um agricultor que estava mais ou menos a 500 metros do local da queda, arando a terra. Ele viu o momento em que avião desceu rapidamente e não subiu. O trabalhador foi até uma fazenda próxima e avisou aos demais na sede para chamar o socorro. Na segunda-feira foram vistos galhos quebrados por pessoas que começaram as buscas e pelos dois PMs, que encontraram a porta do avião aberta e um canivete a alguns metros da aeronave, o que indicava o deslocamento do piloto.

Veja Mais:  Governador destaca importância profissional e compromisso dos policiais militares

O chamado via Ciosp ao Corpo de Bombeiros só foi realizado às 11h da segunda-feira. Até esse momento o CBM ainda não tinha sido acionado. No mesmo dia, já às 14h30 bombeiros da unidade de Colíder, com os militares Ten BM Fonseca, Sgt BM Veloso e Sd BM Evaristo iniciaram as buscas. Todo deslocamento é dificultado pela distância de Colíder até o distrito de União do Norte e de lá até o local da queda do avião dentro da floresta.

Na terça-feira de manhã os bombeiros retomaram as buscas, caminharam entre 4 e 5 km em linha reta na mata fechada, mas no total isso significa uma distância muito maior. Durante toda terça-feira os bombeiros ficaram dentro da floresta, não saíram, não foram vistos pelos policiais militares nem pelas pessoas das fazendas. Gritaram e soltaram fogos na esperança de que o piloto respondesse.

Na quarta de manhã cedo chegaram os bombeiros de Sorriso com o cão de busca. Neste dia o CBM coordenou um grupo de 30 trabalhadores da fazenda São João. O gerente da fazenda destacou os homens, munidos de facões para o apoio aos bombeiros. Com esse reforço o CBM montou uma linha de busca, o pente fino, assim encontraram o piloto próximo a um córrego. Depois de caminhar por muito tempo, o piloto parou nesse local, durante os quatro dias ele bebeu água. Estava muito debilitado pelas queimaduras, pelos arranhões causados por espinhos na mata e por machucados no pé de tanto caminhar.

Veja Mais:  Monitoramento de estradas estaduais por câmeras pode ser realidade com Fethab

Para proteger o rosto dos espinhos o piloto ficou com capacete de voo, isso dificultou a percepção dos fogos e dos chamados que foram feitos durante toda a terça-feira, o dia que os bombeiros mais fizeram buscas e que ficaram mais tempo na mata. Quando encontraram o piloto, cansado sem condições de caminhar mais, devido ao cansaço, tinha feridas abertas e insetos causando mais danos à pele. Ele comeu somente as bolachas que tinha consigo, durante todo esse tempo. A 200 metros do local em que ele foi encontrado havia uma clareira para onde ele foi transportado em uma maca improvisada.

Nesse local, uma caminhonete particular foi responsável por o transportar até o distrito de União do Norte. Lá uma unidade de resgate do município de Peixoto de Azevedo prestou os primeiros socorros nos ferimentos e aplicou soro.

Os bombeiros durante a busca se feriram em urtigas, espinhos e encontraram um grupo de queixadas (porcos do mato) agressivos. Eles foram dormir à meia-noite e estavam na mata assim que o sol nascia.

Comentários Facebook

Mato Grosso

Escolas da rede estadual de MT ainda têm vagas para alunos novos

Publicado

A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) informa que algumas escolas da rede estadual ainda continuam com vagas para alunos novos. Pais ou responsáveis, que não fizeram a matrícula dos estudantes, podem procurar uma unidade para verificar se existe vaga para a turma desejada e efetuar a matrícula presencialmente.

“Caso não encontre a vaga na escola desejada, a Seduc orienta os pais ou responsáveis a entrar em contato com a Assessoria Pedagógica do município e solicitar a lista com as vagas disponíveis em todas as unidades escolares”, explica a técnica da Seduc Josinete Aparecida Ferraz, lembrando que a Secretaria de Educação garante vaga para todos os estudantes. “O que pode acontecer é de o pai não conseguir a vaga em determinada escola, mas é só procurar outra unidade que encontrará uma vaga disponível”.

A matrícula web para a rede estadual foi realizada nos dias 10 e 11 de janeiro para os alunos de Cuiabá e nos dias 15 e 16 de janeiro para as escolas do restante do Estado. Após essa data, as matrículas só podem ser feitas de maneira presencial nas escolas com vagas disponíveis.

As aulas na rede estadual começam no dia 11 de fevereiro.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Indea informa que emissões do DAR estarão indisponíveis pelo site
Continue lendo

Mato Grosso

Governador recebe apoio de presidente da Câmara dos Deputados para liberação do FEX

Publicado

O governador Mauro Mendes recebeu nesta sexta-feira (18.01), no Palácio Paiaguás, em Cuiabá, a visita do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. 

Mendes aproveitou a oportunidade para pedir apoio na liberação do recurso do Fundo de Auxílio às Exportações (FEX), no valor de aproximadamente R$ 500 milhões. 

O recurso era aguardado em dezembro de 2018, mas não foi liberado e não há previsão de recebimento do valor por parte do Governo Federal.

“No ano passado, o Senado votou e não chegou à Câmara, mas certamente no mês de fevereiro vamos dar uma solução para esse projeto, que veio do Senado para a Câmara e o Governo Federal terá que se ajustar conosco para organizar o orçamento e cobrir o FEX, como aconteceu nos anos anteriores. A gente constrói a solução de forma negociada”, salientou Rodrigo Maia. 

De acordo com o governador Mauro Mendes, a articulação da bancada federal presente é bem-vinda, principalmente na busca por recursos financeiros diante da crise econômica que assola o Estado. Atualmente o governo acumula restos a pagar na ordem de R$ 3,9 bilhões.

Maia apoiou as medidas econômicas tomadas pela nova gestão estadual                                                        Mayke Toscano/Gcom-MT

“Tenho absoluta convicção que ele [Rodrigo Maia] poderá ser um grande parceiro não só de Mato Grosso, como do Brasil. Acredito muito no potencial e nas ideias que tem”, afirmou o governador.

Veja Mais:  Hospital São Luiz de Cáceres é credenciado Amigo da Criança

Durante a reunião também foram discutidas adequações na Lei Kandir, reforma das despesas do Estado e o decreto de calamidade financeira anunciado em Mato Grosso nesta semana. O documento foi protocolado na Assembleia Legislativa de Mato Grosso como medida emergencial para buscar o reequilíbrio das contas do Estado.

“Concordo com as decisões corajosas do governador, pois se há uma crise, as medidas devem ser tomadas no início do governo para que se possa organizar o Estado o mais rápido possível”, concluiu Rodrigo Maia.

Também participaram da visita a deputada Sheridan, deputada Laura Carneiro, deputado Marcos Pereira e deputado Fernando Monteiro. Além dos deputados federais eleitos Emanuelzinho, Neri Geller, Juarez Costa, Rosa Neide e Dr. Leonardo; deputados federais Adilton Sachetti e Victorio Galli; senador José Medeiros; senador eleito Jayme Campos; e pelo ex-governador Julio Campos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Monitoramento de estradas estaduais por câmeras pode ser realidade com Fethab

Publicado

O monitoramento das estradas estaduais pela polícia por meio de “câmeras inteligentes” pode se tornar uma realidade com os investimentos do novo Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab). O secretário de Segurança Pública de Mato Grosso, Alexandre Bustamante, afirma que o serviço está na lista de prioridades da pasta.

A intenção é barrar quadrilhas que atuam no roubo de defensivos agrícolas a partir da intensificação do trabalho de inteligência. “É importante para Secretaria de Segurança Pública saber quem trafega e que hora trafega pelas rodovias estaduais. Com isso, conseguimos medir o fluxo de veículos que muitas vezes são usados para roubo”, exemplificou ele.

Fiscalização realizada pela equipe da segurança pública e a Prefeitura de Cuiabá na MT-010 – Foto: Lenine Martins/Sesp-MT

Bustamante acrescenta que novos aportes ajudarão a melhorar o trabalho de investigação de cargas roubadas, com ênfase nos produtos agropecuários, ainda recorrentes em Mato Grosso. “Se nós tivermos aqui a instalação de câmeras com tecnologia OCR (monitoramento inteligente) vai facilitar a investigação”, disse o secretário. 

Novo Fethab

A Segurança Pública está entre os setores contemplados com parte do recolhimento do Fethab. Do total de contribuições, 65% serão destinadas ao Tesouro estadual, para ações nas áreas de segurança pública, educação e assistência social. O projeto de lei encaminhado pelo Governo do Estado à Assembleia Legislativa altera a lei atual do Funda e amplia a base de arrecadação, incidente sobre as operações de commodities, incluindo as exportações.

Veja Mais:  Indea informa que emissões do DAR estarão indisponíveis pelo site

O Fethab não se trata de um imposto e a contribuição é facultativa. No entanto, o contribuinte que aderir ao Fundo continua a ter acesso ao regime especial na apuração e recolhimento mensal do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) tributado nas operações interestaduais e exportação.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana