conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Trio é preso após invadir casa, atirar na vítima e roubar veículo e joias em Rondonópolis

Publicado

Suspeitos detidos- Foto: PMMT

M.A.S. 39 anos; D.A.N. 18 anos; K.G.L. 19 anos, foram presos na noite desta sexta-feira (23) em Rondonópolis, por associação criminosa, cárcere privado e roubo seguido de morte tentado, após  praticarem um  assalto a residência no Bairro Rui Barbosa.

Consta no Boletim de Ocorrência, a Policia Militar  de posse das informações de um assalto a mão armada  ocorrido no bairro Rui Barbosa, e em rondas pelas proximidades, a guarnição policial se deparou com um  veículo Renault Kangoo produto do roubo,  e iniciou o acompanhamento, sendo que os indivíduos abandonaram o veículo e adentraram em um terreno que continha uma casa abandonada no já no Bairro Parque Universitário. Ao adentrar no local, os policiais deparou com o suspeito M.A.C  no interior da residência, cujas características batiam com as repassadas  de ter cometido o roubo, sendo realizada a sua detenção.

 Dentro do veículo foram localizadas duas bolsas que foram reconhecidas como sendo das vítimas e que continham grande quantia em dinheiro, joias e pertences pessoais. Em uma varredura pelo quarteirão, os policiais tiveram êxito em localizar outro suspeito D.A.N. 18 anos, escondido dentro de um guarda roupas na rua Irerê, sendo que em sua posse estava uma quantia em dinheiro e duas alianças que foram reconhecidas por uma das vítimas como sendo de sua propriedade, bem como um aparelho celular e um molho de chaves. O terceiro suspeito K.G.L. 19 anos,  foi detido no local do roubo.

Arma apreendida e objetos do roubo recuperados- Foto: PMMT

Na delegacia, as vítimas informaram que estavam em sua residência quando os suspeitos adentraram e os renderam. Neste momento as outras três vítimas, que trabalham em um pet shop, chegaram à residência para entregar a cadela da família, também foram rendidas e mantidas sob cárcere privado. Os suspeitos utilizaram o veículo Renault Kangoo, de propriedade da vítima, para transportar os pertences da residência e deixaram o suspeito K.G.L. de posse da arma de fogo mantendo as vítimas em cárcere privado, momento em que as vítimas detiveram o suspeito que efetuou dois disparos atingindo o braço de uma das vítimas, que mesmo alvejada conseguiu juntamente com os demais, imobilizar e desarmar o suspeito até a chegada da policia.

Veja Mais:  Polícia Civil participa de seminário sobre trabalho infantil

Na residência local do crime, ficou caído um rádio portátil que estava sendo utilizado pelos suspeitos para copiar a frequência da polícia militar.

Material apreendido: 1 revólver da marca taurus de cor preta, calibre 32 sem numeração aparente e 06 munições do mesmo calibre, 1 rádio ht da marca baofeng.

Material recuperado: Veículo Renault Kangoo de cor branca, R$ 1.321,45 em dinheiro; várias joias.

Veículo recuperado- Foto: PMMT

A vítima alvejada foi levada ao Hospital Regional (HR) onde permanece internada. Diante dos fatos os suspeitos foram encaminhados e entregues até a 1° Delegacia de Policia para as providências cabíveis.

Comentários Facebook

Policial

Suspeito é preso pouco após incendiar casa de namorada em São Félix do Araguaia

Publicado


Assessoria | PJC-MT

Um incêndio, que destruiu uma residência em São Félix da Araguaia (1.200 km a Nordeste de Cuiabá), foi esclarecido pela Polícia Judiciária Civil, com a prisão do suspeito, menos de quatro horas após o crime. O fato ocorreu na noite de sábado (18), quando a população da cidade foi surpreendida pelas chamas em grandes proporções, em uma imóvel residencial, próximo ao cais.

No momento do incêndio, a proprietária do imóvel não estava presente. Logo que acionada da ocorrência, equipe da Polícia Civil foi até o endereço para efetuar o cerco e isolamento, assim como para conseguir apoio na contenção do fogo que tomou praticamente toda residência.

O fogo foi controlado com dois caminhões-pipa, após apoio da Prefeitura Municipal. A equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) também esteve no local para exame pericial de averiguação da ação criminosa.

Durante as diligências para apurar o caso, foi apurado que um carro branco parou próximo ao imóvel e um rapaz se aproximou, abriu uma das janelas da casa e ateou fogo. As informações de quem poderia ser o autor do crime vieram depois que os policiais entraram em contato com a proprietária da residência.

A vítima relatou aos investigadores que seu namorado havia saído há pouco tempo da “Chapadinha”, em um veículo HB-20 branco. No local, acontecia uma festa e na ocasião, o suspeito agrediu a vítima, quebrou o seucelular e ainda proferiu várias ameaças.

Veja Mais:  Advogado é preso ao tentar entrar com 5 celulares na penitenciaria da 'Mata Grande' em Rondonópolis

De posse de tais informações, os policiais realizaram diligências na região, que apontaram que o suspeito abasteceu seu carro e encheu um galão pequeno com combustível (o qual posteriormente foi localizado nas redondezas do imóvel queimado).

Em conversa com vizinhos do suspeito, foi relatado que ele passou em casa, parou o carro na contramão da via, e rapidamente recolheu seus objetos, deixando a casa aberta, com a chave na porta, evadindo-se do distrito.

A partir daí, as equipes saíram em busca do suspeito e conseguiram localizá-lo já em Alto Boa Vista, com apoio dos policiais civis do município. No momento da prisão, foi verificado que o suspeito estava com as mãos e pernas queimadas, bem como possuía um isqueiro em seu bolso.

Diante das evidências, ele foi conduzido a Delegacia de São Félix do Araguaia, onde foram realizados todos os procedimentos relacionados a autuação em flagrante. A investigação terá seguimento e, assim que concluído o procedimento apuratório, os autos serão remetidos ao Judiciário.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil esclarece roubo a lanchonete e prende três em flagrante

Publicado


Assessoria/PJC-MT

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Rondonópolis (Derf) esclareceu nesta segunda-feira (20.01) um roubo ocorrido em uma lanchonete na área central da cidade, no último sábado. Um rapaz de 23 anos foi preso e dois adolescentes apreendidos em flagrante suspeitos de envolvimento no crime.  

No sábado (18), por volta das 22 horas, os três entraram no estabelecimento localizado na Avenida Fernando Corrêa da Costa anunciando o roubo, ameaçaram as vítimas (funcionários e clientes) e levaram o valor de R$ 80,00 do caixa e a bicicleta de um cliente. Um deles portava uma arma de fogo, que depois informaram ser um simulacro.

Após a comunicação do roubo, as equipes da Derf iniciaram a investigação e com base nas imagens de câmeras do local conseguiram identificar os suspeitos. Um deles faz uso de entorpecente na região central da cidade, onde foi preso em flagrante. Aos policiais, o rapaz informou que deve drogas a um grupo criminoso e cometeu o roubo para pagar a dívida.

Os dois adolescentes foram localizados em suas respectivas residências, em um bairro próximo ao Anel Viário da cidade. Ambos alegaram que foram chamados pelo adulto para praticar o roubo, que inicialmente seria em um restaurante na região do centro da cidade.

Os três declararam aos policiais que a arma utilizada era um simulacro de pistola, porém, o objeto não foi localizado.

Veja Mais:  Polícia Civil indicia 51 pessoas por organização criminosa e corrupção em esquema de “compra” de CNHs

O delegado João Paulo Praisner autuou o adulto em flagrante pelo crime de roubo majorado e corrupção de menores. Já os adolescentes foram autuados em flagrante pela prática de ato infracional análogo a roubo majorado.

Os três ficarão à disposição da justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende dois suspeitos por homicídio de rapaz encontrado carbonizado em zona rural

Publicado


Assessoria/PJC-MT

A Polícia Civil em Sinop (500 km ao norte de Cuiabá) esclareceu o homicídio de um rapaz encontrado carbonizado dentro de um veículo no início de dezembro, no município. Duas pessoas estão presas por suspeita de envolvimento no crime. Um foi preso no interior do Paraná e o outro nesta segunda-feira (20), em Sinop.

No dia 07 de dezembro passado, a Polícia Civil foi acionada após a localização de um veículo modelo Renault Clio, na estrada Monaliza, zona rural de Sinop, com um corpo carbonizado no interior. No local de crime compareceu a mãe da vítima informando que o veículo era de sua propriedade e que seu filho Augusto Marinhos Ferreira, 20 anos, estava desaparecido desde o dia anterior. A mulher certificou aos policiais que o corpo era de seu filho.

Após diligências coordenadas pelo delegado Carlos Eduardo Muniz, a equipe esclareceu que a vítima teria sido morta na casa de um dos suspeitos, com disparos de arma de fogo e golpes de arma branca. Posteriormente, com a ajuda de um comparsa, o suspeito colocou o corpo dentro do veículo e levou até a estrada rural onde foram encontrados carbonizados.

Conforme apuração, a vítima era integrante de uma organização criminosa e tinha uma extensa ficha criminal por homicídios e roubos. Em um desses crimes houve desentendimento entre o grupo, o que gerou a consequente execução.

Veja Mais:  Polícia Civil participa de seminário sobre trabalho infantil

O principal suspeito do homicídio de Augusto Marinhos foi preso na cidade de Foz do Iguaçu, interior do Paraná, após trabalho integrado entre a Divisão de Homicídios da Polícia Civil de Sinop e a 6ª Divisão policial daquele município. O suspeito preso no Paraná tem várias passagens pela polícia.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana