conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Alunos de projeto social em Cuiabá recebem apoio da Polícia Civil

Publicado


Assessoria | PJC-MT

Mais de 60 crianças e adolescentes da região do bairro Osmar Cabral, em Cuiabá, participaram nesta quarta-feira (19.02) das ações sociais da Polícia Judiciária Civil, desenvolvidas pelos projetos da Coordenadoria de Polícia Comunitária.

Alunos do projeto “Karatê-do” foram presenteados pela Polícia Comunitária com kits contendo uma garrafa de alumínio com a logomarca dos projetos sociais da Polícia Civil e uma bolsa personalizada com o brasão da instituição.

O projeto “Karatê-do” é realizado no bairro Osmar Cabral e tem apoio de voluntários e comerciantes da região. A ação visa promover de forma contínua as aulas de karatê, aulas de violão, entre outras atividades como palestras abordando temas variados.

O professor de artes marciais, Marcivon Nunes, pontua que a Polícia tem sido grande parceira, oportunizando encontros com os policiais que através de apresentação e palestras, permitem aos alunos a compreensão em fazer boas escolhas sem a influência negativa das drogas.

“Os alunos do karatê utilizam as camisetas dos projetos sociais como um uniforme para frequentarem as aulas”, conta o professor.

Conforme o coordenador da de Polícia Comunitária, Ademar Torres, os projetos sociais seguem os protocolos a fim de garantir que os participantes das ações (alunos, professores, aos pais e/ou responsáveis), compreendam sobre a importância da prevenção da violência, como o bullying, assim como o uso indevido de drogas lícitas e ilícitas, buscando engajamento nas atividades preventivas com base na filosofia da responsabilidade compartilhada.

Veja Mais:  Proprietários de lanchonete e restaurante são presos por furto de energia elétrica em Rondonópolis

“Nossa intenção é ampliar as atividades de prevenção, por meio do apoio a projetos comunitários que promovam a educação e bem-estar dos jovens”, destacou o policial.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Policial

PRF lança o ‘Desafio Sangue Solidário’ em Mato Grosso

Publicado


.

Os policiais rodoviários federais de Mato Grosso estão engajados em uma nova missão. Trata-se de uma ação em que os policiais fazem a doação de sangue e desafiam outros para o mesmo ato de solidariedade. A campanha “Desafio Sangue Solidário” tem como objetivo estimular a doação, não somente entre os policiais, mas em toda a sociedade, para suprir os estoques na rede de saúde.

Em Mato Grosso, o pontapé inicial foi dado pelo superintendente da PRF, Francisco Élcio Lima Lucena. Ele foi acompanhado do chefe da Seção de Gestão de Pessoas (SGP/MT), Francislay Joseph de Almeida Bendo. Ambos doaram sangue no Hemocentro, em Cuiabá, e desafiaram outros policiais rodoviários federais do estado a realizarem esse ato de solidariedade.

Para que não aconteça um colapso nos atendimentos de emergência, é fundamental que as pessoas saudáveis contribuam para a manutenção dos estoques de sangue. Pessoas com anemias crônicas, acidentes que causam hemorragias, complicações decorrentes da dengue, febre amarela, tratamento de câncer e outras doenças graves continuam precisando de estoques de sangue em todo o país.

Doar sangue é um ato humanitário, que pode salvar vidas. A doação é segura, sem riscos para o doador.

A PRF convoca todos a participarem do Desafio Sangue Solidário!

 

Faça parte da corrente

Grave um vídeo ou tire uma foto no momento da doação, desafiando um amigo, familiar ou colega de trabalho. Poste o registro no Instagram marcando o perfil da instituição (@prfoficial), junto com a #DesafioSangueSolidário.

Veja Mais:  Polícia Civil conclui setembro com prisão de 57 foragidos da Justiça

 

 

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre mandados de busca e de prisão contra suspeito de estupro de vulnerável

Publicado


.

Assessoria | PJC-MT

Um homem suspeito da prática de estupro de vulnerável foi preso pela Polícia Civil, na quarta-feira (08.04), em ação realizada pelas equipes das Delegacias de Paranatinga (373 km ao Sul de Cuiabá) e Gaúcha do Norte (595 km ao Norte da Capital). A ordem de prisão contra o investigado foi cumprida menos de 72 horas após a Polícia Civil ser comunicada do crime.

As investigações iniciaram logo que a notícia do fato chegou a Delegacia de Paranatinga no domingo (05). Com base nas apurações colhidas durante as diligências, com prova da materialidade e indícios de autoria, o delegado Flávio Souza Braga representou pela prisão preventiva do suspeito.

A representação pelos mandados de prisão e de busca e apreensão contra o investigado teve parecer favorável do Ministério Público e deferimento da Justiça de Paranatinga.

Nesta quinta-feira (09), a ordem de busca domiciliar foi cumprida no município de Gaúcha do Norte. Na residência do suspeito, foram apreendidos diversos objetos que poderão esclarecer demais fatos relacionados ao crime, assim como identificar outros ilícitos, como armazenamento em aparelhos eletrônicos de fotografias de adolescente com conotação sexual.

Segundo o delegado, Flávio Souza Braga, a prisão do investigado e o êxito nas ações de busca e apreensão foi possível graças a integração da Polícia Civil com o órgão ministerial, poder judiciário e empenho dos escrivães e investigadores das Delegacias de Paranatinga e Gaucha do Norte.

Veja Mais:  Polícia Civil checa veracidade de informações que circulam em redes sociais e aplicativos

“A Polícia Civil está vigilante e operante, ainda que em épocas de crise de enfrentamento da Covid-19. Ilícitos dessa natureza, os quais causam repulsa social, reclamam atuação rápida com medidas enérgicas, de modo a garantir a manutenção da paz social da população local”, disse o delegado.

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Cinco pessoas envolvidas em um roubo são presas na cidade de Jaciara

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

Cinco pessoas, entre elas uma adolescente, envolvidas em um roubo a residência ocorrido no município de Jaciara (144 km ao sul de Cuiabá), foram presas pelas Polícia Civil durante investigação para apurar o crime. O trabalho operacional contou com apoio da Polícia Civil de Juscimeira e Polícia Militar de Jaciara.

Além das prisões, a ação integrada resultou na recuperação do veículo e dos produtos roubados, e na apreensão de uma arma de fogo e munições. 

Os suspeitos, um de 34 anos e três de 18 anos foram autuados em flagrante por roubo, associação criminosa, porte ilegal de arma de fogo e munições. A menor de 15 anos responderá a ato infracional análogo aos mesmos crimes. 

O crime ocorreu na terça-feira (07.04), ocasião em que a vítima teve roubada sua caminhonete modelo S10, dois aparelhos televisores, celular, dinheiro, entre outros pertences.

Logo que acionada, a Delegacia de Polícia de Jaciara iniciou as diligências ininterruptas para esclarecer o roubo e conseguiu identificar os suspeitos escondidos em uma residência no Distrito de Santa Elvira, proximidades da cidade de Juscimeira. 

Diante das informações, os policiais foram até o endereço, onde o grupo foi surpreendido com parte dos objetos roubados. Já o veículo e o restante dos produtos roubados foram encontrados distante cerca de 10 quilômetros, em uma região conhecida como antigo lixão. 

A arma de fogo usada no crime, um revólver com seis munições intactas, foi apreendida na casa de um dos suspeitos. Neste local também foram localizadas quatro cápsulas de munições deflagradas de calibre .40, e sete cápsulas deflagradas de calibre .380. 

Veja Mais:  Proprietários de lanchonete e restaurante são presos por furto de energia elétrica em Rondonópolis

Participaram da ação os policiais civis de Jaciara e de Juscimeira, com apoio de policiais militares da 7ª Companhia Independente de Polícia Militar de Jaciara.

 

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana