Esportes

Barcelona está próximo de fechar acordo para o retorno de Neymar

Publicado

Neymar pelo Barcelona
Divulgação

O Barcelona está próximo de repatriar o atacante Neymar.

Após duas temporadas no PSG, Neymar pode estar de saída do clube. O futuro do craque seria uma equipe conhecida: o Barcelona. Segundo o “globoesporte”, as negociações entre o clube espanhol e o atacante estão avançadas e o negócio pode ser finalizado já na próxima janela de transferências, que abre em julho.

Leia também: Dono do PSG cutuca Neymar: “Ninguém obrigou ele a assinar com o clube”

A princípio, o Barcelona teria que pagar um montante de 100 milhões de Euros e ceder alguns jogadores de seu elenco. Os nomes mais cotados até o momento são os de Rakitic, Dembélé e Umtiti.

O contrato de Neymar com o PSG vai até o meio de 2022. E, diferentemente do que a equipe francesa fez, não existe a possibilidade do Barcelona pagar a multa rescisória do craque por que não existe um valor estipulado; a negociação dependeria da vontade do PSG. 

Porém, ao que tudo indica, o clube francês está disposto à negociar o atacante. O presidente do clube, Nasser Al Khelaifi, disse, em entrevista ao L’Equipe que, caso chegue uma proposta interessante, o clube estaria aberto a fechar um negócio. 

Leia também: Mais problema! Neymar tem 36 imóveis bloqueados na Justiça por dívida milionária

Envolvido na polêmica ligada à acusação de estupro e sofrendo com repetidas lesões, Neymar perdeu o prestígio no PSG. Contratado para levar o clube francês à Champions, o brasileiro nunca rendeu o esperado. A volta de Neymar também está relacionada à fase do clube. Amigo de Messi, Suárez e Piqué – os nomes de peso do elenco -,  o brasileiro poderia ajudar o Barcelona à voltar ao topo da Europa. 

Veja Mais:  Série B começa nesta sexta-feira (07) na Arena Pantanal sem presença de público

Esportes

Futebol de Mato Grosso ganha mais uma nova praça esportiva

Publicado

Foto: Assessoria

O Prefeito Adriano Pivetta e o Vice-Prefeito Leandro Félix realizaram na tarde desta terça-feira, 11, a entrega oficial da obra de reforma e ampliação do Estádio Municipal em Nova Mutum.

A obra, localizada no bairro Colina II foi realizada com recursos próprios do município. Ela compõem o Plano Mutum 2020 – maior pacote de obras estruturais já lançado em Nova Mutum, com investimentos superiores a R$ 45 milhões e 19 obras.

Valdir Doilho Wons era pioneiro em Nova Mutum e amante do esporte, ao longo de sua vida parte dela foi dedicada ao esporte, seu grande sonho era vê a construção do estádio municipal. Em 18 de setembro de 2018 partiu e deixou essa semente plantada que hoje se torna realidade.

Na homenagem prestada a família, a prefeitura destaca que a comunidade mutuense reconhece publicamente seu amor assíduo ao esporte e todo incentivo prestado pelo senhor Valdir à prática, desenvolvimento e profissionalização do futebol em Nova Mutum. Bem como sua total colaboração, exercendo com prazer e invejável disposição funções frente a arbitragem do esporte.

Foto: Assessoria

“O esporte é transformador. Ele salva vidas, gera empregos, sonhos e principalmente é uma ferramenta para que nossas crianças sigam no caminho certo e se desenvolvam. Esta obra é um compromisso que assumimos com a nossa cidade e estamos cumprindo. Fico orgulhoso e feliz de prestar homenagem ao senhor Valdir que tanto nos auxiliou no esporte dando ao estádio seu nome. É também mais uma etapa que concluímos com o Clube de futebol profissional de Nova Mutum e principalmente é um espaço para que nossas crianças façam suas escolhinhas e oficinas esportivas”, destacou o prefeito Adriano Pivetta.

Veja Mais:  Técnico Júlio César Nunes cria novo curso durante a paralisação do futebol

Foram construídas amplas arquibancadas, com grande capacidade de público. Modernos vestiários para atletas, comissões técnicas e equipes de arbitragem. Cabines de transmissões amplas e adaptadas para emissoras e profissionais de rádio, tv, internet entre outros. Acessos e portarias que seguem normas rígidas de segurança, ampla estrutura de iluminação contendo torres de 20 metros de altura e luminárias que somadas atingem 100 mil watts, possibilitando a realização de partidas profissionais no período noturno, além de muro em seu entorno.

O investimento na obra do Estádio é de aproximadamente R$1,5 milhão. Recursos próprios do Município. Deste montante R$ 600 mil foram recursos devolvidos pela Câmara de Vereadores aos cofres do município.

“Este é mais um compromisso que firmamos e estamos cumprindo. Uma obra ampla, moderna, que cumpre os requisitos exigidos. É mais um excelente espaço para as atividades de nossas crianças atendidas pelos nossos projetos sociais, para os atletas que disputam nossos campeonatos municipais, que vale ressaltar, poderão competir em horário noturno, e para o nosso time de futebol que passa a ter uma casa bem estruturada”, destacou o Vice-Prefeito Leandro Félix.

A obra atenderá projetos sociais esportivos e o calendário de campeonatos de futebol municipal realizados pela Secretaria de Esportes de Nova Mutum. “É um imenso avanço para a área esportiva de nossa cidade. Este estádio cumpre os requisitos de todas as federações esportivas, possibilitando a realização de grandes eventos em Nova Mutum, o que inclui nosso clube de futebol. Além claro de sua utilização para atender as crianças que compõem nossas oficinas, projetos sociais e nosso calendário esportivo de competições”, destacou Toshio Takagui, secretário Municipal de Esportes e Lazer.

Veja Mais:  Série B começa nesta sexta-feira (07) na Arena Pantanal sem presença de público

“Parabenizamos a gestão administrativa de Nova Mutum. Está é mais uma grande obra que será muito bem utilizada pelos mutuenses. Para nós do Clube ela nos possibilitará jogar próximo à nossa torcida, isso aumenta sempre a confiança dos atletas e para a cidade é mais uma grande atração. Além claro de ser um excelente espaço para os campeonatos locais e projetos sociais que a Prefeitura já desenvolve. Em nome do Nova Mutum Esporte Clube agradecemos e parabenizamos o prefeito Adriano Pivetta e o vice-prefeito Leandro Félix pelo empenho com nosso esporte”, destacou Anir Siqueira, presidente do Nova Mutum Esporte Clube.

Continue lendo

Esportes

Secel prorroga prazo para inscrição de projetos esportivos de interesse social e coletivo

Publicado

.

A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) prorrogou o prazo de inscrição de projetos esportivos de interesse social e coletivo no edital que vai contemplar 25 organizações com prêmios de R$ 15 mil para cada uma. Com a prorrogação, a apresentação de propostas para seleção de Pontos de Esporte e Lazer vai até o dia 24 de agosto.

“Esse apoio vai ajudar iniciativas maravilhosas a continuar  ajudando a levar esporte e cidadania à população de Mato Grosso, principalmente em comunidades e populações mais carentes. Ao adiar o prazo das inscrições, esperamos dar um pouco mais de tempo para que mais projetos se candidatem a receber essa fonte de fomento”,  informa o secretário adjunto de Esporte e Lazer da Secel, Jefferson Carvalho Neves.

O valor do prêmio será disponibilizado em parcela única às instituições selecionadas. Com investimento total de R$ 375 mil, a ação conta com recursos do Fundo de Desenvolvimento Desportivo do Estado de Mato Grosso (Funded).

Para garantir a descentralização dos valores, o edital prevê que 60% dos projetos selecionados sejam de municípios do interior do Estado. Os outros 40% serão distribuídos entre os municípios da Região do Vale do Rio Cuiabá (Cuiabá, Várzea Grande, Nossa Senhora do Livramento e Santo Antônio de Leverger).

A seleção ainda buscará contemplar pelo menos uma organização que atue em projetos de práticas desportivas para Pessoas com Deficiência (PCD).

Veja Mais:  Série B 2020: Cuiabá abre a competição amanhã na Arena

Dentre os requisitos para participar do processo de seleção, a organização deverá comprovar atuação no desenvolvimento de atividades esportivas e sociais há pelo menos três anos. Tanto as instituições que possuem local fixo para o desenvolvimento de suas atividades quanto as que não têm local predeterminado podem concorrer no edital.

A concepção é que o Ponto de Esporte selecionado funcione como um instrumento de articulação de ações e projetos já existentes nas comunidades, desenvolvendo ações esportivas continuadas nos mais diversos campos e áreas temáticas, como meio ambiente, coletividade, manifestações afro-brasileiras, culturas indígenas, infância e inclusão.

Com a retificação no prazo de inscrição, também foi alterado o cronograma de análise documental e de propostas, de recursos, e dos resultados preliminares e final.  O edital e sua retificação, bem como anexos contendo formulário de inscrição,  modelos de plano de trabalho e declarações necessárias estão disponíveis em www.esportes.mt.gov.br/editais.

Serviço:

Edital Pontos de Esporte e Lazer

Inscrições prorrogadas: até 24 de agosto

Acesso ao edital e anexos: www.esportes.mt.gov.br/editais

Informações:  (65) 3613.4955  ou [email protected]

Endereço para inscrição (Correios ou Protocolo): Avenida José Monteiro de Figueiredo (Lava Pés), 510, Bairro Duque de Caxias – CEP: 78.043-300 – Cuiabá/MT

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Esportes

Palmeiras vence o Corinthians nos pênaltis e conquista o título do Paulistão

Publicado

Felipe Melo ergue a taça de campeão paulista de 2020 do Palmeiras Alexandre Battibugli/Placar
Leia mais em: https://veja.abril.com.br/placar/com-drama-palmeiras-cura-trauma-contra-o-corinthians-e-e-campeao/

Ser campeão, superar o maior rival no retrospecto em decisões estaduais e ainda impedir o tetracampeonato histórico do adversário. O Palmeiras conquistou tudo isso neste sábado, ao bater o Corinthians nos pênaltis, no Allianz Parque, por 4 a 3 depois de um empate por 1 a 1 no tempo normal. Após sair na frente com Luiz Adriano e levar o empate com Jô no último lance, o clube volta a conquistar a taça estadual pela primeira vez em 12 anos.

O sábado alegre do Palmeiras quase foi estragado por um pênalti cometido por Gómez aos 51 minutos do segundo tempo no próprio corintiano Jô. Ainda assim, o time controlou o nervosismo e levou a melhor sobre o rival graças a Weverton, que defendeu as cobranças de Michel Macedo e Cantillo. O gol decisivo foi marcado pela principal revelação deste Estadual. Aos 20 anos, o volante Patrick de Paula deixou o dele e sacramentou a conquista.

Tricampeão nas últimas temporadas, o Corinthians sonhava com um tetra inédito na era profissional do futebol paulista. No entanto, viu o rival jogar melhor e ainda voltar a ficar na frente no retrospecto. Em sete finais estaduais com confronto direto entre os clubes em 103 anos de história, o Palmeiras agora tem vantagem: 4 a 3.

A conquista tem um peso especial para o técnico Vanderlei Luxemburgo. O treinador é o único a ter conduzido o Palmeiras a vencer o Estadual desde que Oswaldo Brandão foi campeão em 1976. O atual comandante conquistou em 1993, 1994, 1996 e em 2008. Nesse último ano, a comemoração foi ainda no antigo Palestra Itália. Agora foi a vez de o Palmeiras poder festejar pela primeira vez um título paulista dentro da nova arena.

Veja Mais:  Série B: Cuiabá estreia com empate no Brasileirão

O Allianz Parque ganhou uma decoração especial para o jogo. A torcida espalhou bandeiras, mosaicos e imagens de antigos ídolos do clube, enquanto que no vestiário justamente a aparência causou um problema. O Corinthians não gostou de ter visto as paredes e armários com imagens de títulos do rival e improvisou uma reforma. Membros da comissão técnica colaram por cima papéis em branco e preto e bandeiras para mudar o visua do local.

Depois de um empate sem gols de poucas emoções no jogo de ida, na quarta-feira, os rivais estavam mais dispostos a procurar o ataque no Allianz Parque. Os times conseguiram se movimentar mais e apostar principalmente no setor esquerdo. Inclusive, foi por essa região do campo que o palmeirense Zé Rafael encontrou Willian, que aos seis minutos obrigou Cássio a fazer uma defesa espetacular.

Apesar da disposição dos times para atacar, o primeiro tempo da final não teve uma grande lista de melhores momentos. Os times rondavam a área sem ter alguém mais capacidade para encontrar uma assistência precisa e de qualidade. Embora os volantes ajudassem o ataque e os laterais dessem espaço, parecia existir um medo em ousar mais e dar espaço para algum contra-ataque.

O Corinthians conseguiu assustar o Palmeiras algumas vezes. A principal delas foi um gol anulado de Jô aos 27 minutos da primeira etapa e mais alguns chutes de Ramiro e Mateus Vital. Mas foi só. A insatisfação com as atuações ficou evidente quando os dois treinadores fizeram três alterações voltadas a dar mais velocidade aos times. Quem conseguiu mais resultado com a mudança foi o Palmeiras.

Veja Mais:  Secel prorroga prazo para inscrição de projetos esportivos de interesse social e coletivo

Após a final passar um jogo inteiro e mais o primeiro tempo todo sem ter gols, finalmente o placar saiu do zero. O Palmeiras saiu na frente graças à visão do lateral Viña. O uruguaio cruzou com perfeição para Luiz Adriano subir e de cabeça, tirar de Cássio. Foi o primeiro gol alviverde em cinco clássicos no ano. Mesmo com o estádio vazio, o sistema de som com os gritos da torcida aumentou de volume para vibrar com o time.

A vantagem deixou o Palmeiras mais confiante. O time dominou os minutos seguintes e obrigou Cássio a trabalhar duas vezes pouco depois. O gol finalmente deixou a decisão emocionante, pois obrigava o Corinthians a se arriscar no ataque. Quem ganhava o jogo, passou a administrar o placar e a ter espaços no contra-ataque. Finalmente a decisão do Campeonato Paulista teve emoção.

O relógio corria e deixava o técnico corintiano, Tiago Nunes, cada vez mais agitado na área técnica. O time não respondia e ainda perdeu o lateral Fagner, machucado. Nas poucas vezes em que o Corinthians conseguia chegar à área adversária, chutava torto e sem perigo. Ansioso pela conquista, o Palmeiras recuou bastante nos minutos finais e só teve um grande susto. Gómez errou o tempo de bola e derrubou Jô na área.

O desânimo não fez o Palmeiras perder a concentração para se dar bem nos pênaltis. Embora tenha sido campeão paulista sem vencer clássicos, isso não tirou do time a festa pela taça nem dos jogadores a sensação de ter conseguido uma revanche após em 2018 o Corinthians ter sido campeão estadual em pleno Allianz Parque.

Veja Mais:  Técnico Júlio César Nunes cria novo curso durante a paralisação do futebol

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1×1 CORINTHIANS

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Roccha, Felipe Melo, Gómez e Viña; Patrick de Paula, Gabriel Menino (Bruno Henrique) e Ramires (Rony); Willian (Lucas Lima), Zé Rafael (Raphael Veiga) e Luiz Adriano (Gustavo Scarpa). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Michel Macedo), Gil, Danilo Avelar e Carlos Augusto (Sidcley); Gabriel (Cantillo), Éderson e Ramiro (Araos); Luan, Mateus Vital (Everaldo) e Jô. Técnico: Tiago Nunes.

Gols: Luiz Adriano, aos 3, e Jô, aos 51 minutos do segundo tempo.

Nos pênaltis: Palmeiras 4 (Raphael Veiga, Gustavo Scarpa, Lucas Lima e Patrick de Paula; Bruno Henrique perdeu); Corinthians 3 (Danilo Avelar, Sidcley e Jô; Michel Macedo e Cantillo perderam)

Cartões amarelos: Gabriel, Gil, Patrick de Paula, Cantillo

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira

Local: Allianz Parque

Da redação com Terra

Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana