Nacional

Bolsonaro se reúne com ministros no Palácio do Planalto

Publicado

Jair Bolsonaro já se reuniu outras sete vezes com ministros desde início do governo
Marcos Corrêa/PR

Jair Bolsonaro já se reuniu outras sete vezes com ministros desde início do governo

O presidente Jair Bolsonaro comanda na tarde desta terça-feira (26) a 8ª reunião do Conselho de Governo, no Palácio do Planalto. Bolsonaro vai reunir os ministros para tratar dos principais assuntos da gestão.

No início do governo, Jair Bolsonaro afirmou que a ideia do novo governo é que a reunião ministerial  seja um ato recorrente
durante os quatro anos. A justificativa é manter a transparência não só com a população, mas também entre os integrantes do Planalto.

Entre os temas a serem debatidos nesta terça entre Bolsonaro e os ministros, a expectativa é que a proposta de emenda à Constituição da reforma da Previdência (PEC 6/19) receba atenção especial. O governo pretende aprovar o texto ainda no primeiro semestre deste ano, mas a articulação tem encontrado algumas dificuldades.

O plano do presidente para a aprovação é fortalecer duas frentes de comunicação sobre a reforma, uma voltada especificamente para parlamentares e outra para a opinião pública em geral. Por enquanto, Bolsonaro tem falado pouco sobre a reforma da Previdência.

Bolsonaro e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ),  trocaram farpas ao longo da última semana
e no final de semana. Maia assumiu a liderança da articulação da votação da reforma e questiona a ausência do governo na tramitação.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, não participará da reunião dos ministros de hoje justamente porque estará na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara discutindo a proposta com parlamentares.

Veja Mais:  Comissão da covid-19 debate investimentos em pesquisa científica nesta segunda-feira

Os deputados querem que o ministro esclareça alguns pontos da medida, a reforma previdenciária dos militares, a reestruturação da carreira das Forças Armadas e a necessidade de mudança do sistema de Previdência Social do país.

A votação na CCJ é a primeira fase de tramitação do texto de Jair Bolsonaro no Legislativo. Até agora, no entanto, o presidente da Comissão, Felipe Francischini (PSL-RJ), não escolheu um relator para a proposta. Francischini decidiu adiar a indicação do relator até que o cenário político esteja mais favorável para a aprovação da reforma no âmbito da comissão. A previsão é que o nome seja indicado até quinta-feira (28).

Nacional

Projeto torna obrigatório teste de Covid-19 em instituições de idosos

Publicado


.
Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Audiência Pública - Tema: "Revisão quinquenal do contrato de concessão da BR-101/ES". Dep. Sergio Vidigal (PDT-ES)
Sergio Vidigal: idosos estão entre os grupos mais vulneráveis à doença

O Projeto de Lei 3662/20 obriga as instituições de longa permanência para idosos
públicas, filantrópicas ou privadas a realizar testes periódicos para diagnósticos da Covid-19 em seus residentes, funcionários e colaboradores. O objetivo é prevenir e reduzir a transmissão do novo coronavírus entre as pessoas de mais de 60 anos que vivem nesses locais.

A proposta é do deputado Sergio Vidigal (PDT-ES) e tramita na Câmara dos Deputados. “Se olharmos a experiência de outros países, grande parte das mortes decorrentes do novo coronavírus aconteceu em asilos. Por viverem em um lar coletivo, os idosos estão ainda mais vulneráveis, razão pela qual se torna urgente a medida preventiva”, justifica o parlamentar.

Ainda segundo o projeto, os testes deverão ser realizados independentemente de os residentes ou funcionários apresentarem os sintomas da doença. Em caso de suspeita ou confirmação de contágio, deverão ser providas as condições de isolamento e tratamento.

Pelo texto, a obrigatoriedade de testagem valerá enquanto durarem os efeitos da emergência de saúde pública decorrente da pandemia de Covid-19.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Reportagem – Noéli Nobre
Edição – Marcelo Oliveira

Veja Mais:  Câmara pode votar ajuda de R$ 4 bilhões a empresas de ônibus em razão da pandemia
Continue lendo

Nacional

Deputados vão debater situação dos pacientes cardiopatas na pandemia de Covid-19

Publicado


.
Igor Sobral/Prefeitura de Pelotas-RS
Saúde - geral - exames preventivos cardiológicos check-up cardiologia coração eletrocardiograma atendimento médico (Unidade Básica de Saúde UBS Virgílio da Costa, Pelotas-RS)
Comissão externa de combate ao coronavírus vai ouvir cardiologistas em videoconferência

A comissão externa de enfrentamento à Covid-19 realiza na quarta-feira (19) reunião técnica, por videoconferência, para debater a situação dos pacientes cardiopatas na pandemia.

A reunião será realizada a partir das 14h30, no Plenário 3. O debate poderá ser acompanhado ao vivo por meio de sala interativa.

Foram convidados para o debate:
– o presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Marcelo Cartaxo Queiroga Lopes;
– a cardiologista, pediatra e radiologista Mirna de Sousa;
– o cirurgião cardiovascular Wilson Luiz da Silveira.

A comissão externa foi criada pela Câmara dos Deputados para acompanhar as ações de combate ao novo coronavírus. O colegiado é coordenado pelo deputado Dr. Luiz Antonio Teixeira Jr. (PP-RJ). A relatora é a deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC).

Da Redação
Edição – Pierre Triboli

Veja Mais:  Bicentenário da Independência: Senado assinará acordo com Biblioteca Oliveira Lima
Continue lendo

Nacional

Confira o que foi votado pela Câmara dos Deputados nesta semana

Publicado


.

Câmara aprovou medida provisória que cria novos tipos de assinatura eletrônica em documentos. No Congresso, foram analisados vetos presidenciais a diversos projetos de lei

Da TV Câmara

Veja Mais:  Deputados vão debater situação dos pacientes cardiopatas na pandemia de Covid-19
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana