Tecnologia

Elon Musk é acusado de “roubo de memes” na internet por criadores de conteúdo

Publicado


source
Criadores de meme dizem que Elon Musk, presidente-executivo da Tesla, usa materiais sem crédito de criação
Igor Shimabukuro

Criadores de meme dizem que Elon Musk, presidente-executivo da Tesla, usa materiais sem crédito de criação

O presidente-executivo da Tesla, fundador da SpaceX e futuro apresentador do programa “Saturday Night Live”, Elon Musk , é um grande admirador de memes.

“Quem controla os memes controla o universo”, tuitou o bilionário no verão passado. Ele chamou as piadas visuais de “arte moderna” e as compartilha regularmente no Twitter , onde tem mais de 52 milhões de seguidores.

Mas Musk não cria a grande maioria de seus memes . Em vez disso, ele os encontra online e faz com que outros lhe enviem seus favoritos. Às vezes, ele os compartilha sem citar suas origens.

Essa prática não é incomum. Muitas pessoas na internet compartilham memes de outras pessoas sem dar crédito aos criadores, em parte porque o crédito pode ser difícil de discernir.

Os memes dependem de reinterpretações de piadas, e nem sempre está claro onde eles começam.

Mas o fato de Elon Musk frequentemente roubar memes tornou-se, essencialmente, um meme em si mesmo. E isso nem sempre é visto como muito engraçado.

Propriedade intelectual

Para comediantes e criadores de conteúdo, os memes são uma propriedade intelectual valiosa.

Nick Noerdlinger, 23, diretor do site Meme Insider, observa que há implicações comerciais em dar ou negar crédito.

Veja Mais:  Hacker encontra falha de privacidade no Instagram e recebe R$ 150 mil

“Como a internet é tão vasta e ampla, o crédito é a única coisa que direciona as pessoas de volta para alguém que, em última análise, pode estar ganhando a vida com a plataforma”, diz ele.

E acrescenta:

“Na economia dos criadores de conteúdo, sem o devido crédito, eles não seriam capazes de monetizar, de construir uma marca em torno de si e atrair um público.”

Reação à prática

Nos últimos anos, as contas de memes virais que se monetizaram e conseguiram muitos seguidores publicando trabalhos de outros criadores sem crédito ou pagamento foram alvo de uma reação.

Quinn Heraty, advogada especializada em direito de propriedade intelectual , lembrou que em 2017 o rapper Ludacris foi processado pelo site LittleThings por postar uma ilustração do site em seu Instagram, sem dar crédito. (As partes depois chegaram a um acordo.)

“Se ele [Musk] está retirando o crédito da imagem e postando-a sem referência ao criador original, isso mostra que é algo intencional”, diz ela.

Você viu?

Uso em marketing

Atualmente, quando uma marca usa um meme para fins de marketing, geralmente pede permissão para compartilhar a imagem e credita o proprietário. Em muitos casos, a marca também o compensa. Musk, que é um empresário de sucesso e uma marca pessoal independente, parece ser uma exceção.

“Em última análise, isso não é como roubar um roteiro de filme ou uma música inteira, mas espiritualmente é o mesmo tipo de coisa. Não é nada legal”, critica Patrick Monahan, 37, um comediante e apresentador de podcast cujo meme foi compartilhado por Musk sem crédito.

A prática pode ser mais irritante para os criadores pelo simples fato de que Musk este ano foi brevemente o homem mais rico do planeta , de acordo com o Índice Bloomberg Billionaires.

Jamie Trufin, que tem uma conta de meme chamada @DogeCoinDaddy, disse que ficou desapontado quando Musk postou um de seus memes Doge em março sem crédito.

“Eu poderia ter conseguido algumas centenas de seguidores com isso”, lamentou.

Vacinas e sexo

Em 2019, depois de enfrentar críticas por compartilhar obras de arte no Twitter sem crédito, o Sr. Musk inicialmente tuitou: “sempre dê crédito a todos”. Então, ele inverteu o raciocínio: “ninguém deve ser creditado por nada”, escreveu depois, sugerindo que “qualquer tolo pode descobrir quem era o artista em segundos”.

Várias pessoas que tiveram seu conteúdo postado por Musk já pediram pagamento, seja em dólares, Teslas ou Bitcoin.

Miles Klee, jornalista que teve compartilhado por Musk um meme sobre pessoas vacinadas contra Covid aproveitando o verão para fazer sexo, adotou uma abordagem mais inovadora.

“Alguém pode me ajudar a fazer e vender um NFT  [token não fungível, recurso usado para autenticar obras digitais] de uma captura de tela de Elon Musk postando um meme de vacinados com tesão que fiz?”, ele perguntou a seus seguidores no Twitter.

Veja Mais:  Bebê é registrado como 'HTML' em homenagem ao pai; saiba o motivo

Alguém transformou o tweet em um NFT, que Klee conseguiu vender por mil dólares em Ethereum, uma criptomoeda.

Contatado por e-mail para comentar este artigo, o Sr. Musk respondeu com dois memes não creditados.

Comentários Facebook

Tecnologia

Após Loki, Disney+ decide lançar séries originais sempre às quartas

Publicado


source
Loki parece ter feito a Disney+ gostar das quartas
Reprodução

Loki parece ter feito a Disney+ gostar das quartas

A partir de julho, todas as séries originais do Disney+ estrearão novos episódios às quartas-feiras, ao invés das sextas-feiras, como era feito desde sua estreia global. A mudança ocorre após o sucesso estrondoso de Loki , que em apenas duas semanas já se tornou a estreia mais assistida da plataforma. A informação é do The Hollywood Reporter (THR).

A decisão afetará várias vindouras produções, incluindo Monstros no Trabalho, derivada de Monstros S.A. – que foi adiada de 2 de julho para 7 de julho. Mais adiante, produções do Marvel Studios como What If…?, Gavião Arqueiro, Ms. Marvel, e as de Star Wars  previstas, entre elas The Book of Boba Fett, Obi-Wan Kenobi e a nova temporada de The Mandalorian .

A alteração ocorre, principalmente, por conta da gigante audiência registrada após o episódio de estreia de Loki – que começou o movimento de trocar as “quartas pelas sextas” em um vídeo promocional estrelado por Tom Hiddleston, ator do Deus da Trapaça. Conforme dados levantados pelo THR, o lançamento foi visto por 890 mil residências nos Estados Unidos (EUA) durante as primeiras 24 horas – números maiores do que Falcão e o Soldado Invernal (759 mil) e WandaVision (com 655 mil).

Você viu?

Outro motivo seria por conta da “guerra dos streamings “. Alterar as estreias de conteúdos originais para as quartas é um movimento ousado para não competir diretamente com a Netflix , que há anos lança temporadas inteiras às sextas-feiras. Logo, para construir uma programação de lançamento semanal tão grande quando o serviço concorrente, a Disney viu a oportunidade perfeita para testar o dia em questão com Loki e, agora, fazer a mudança por definitivo.

Veja Mais:  Grupo dono do AliExpress é hackeado e um bilhão de clientes têm dados roubados

Para falar a verdade, os streamings estão entrando em sintonia quanto a datas para não competirem entre si há certo tempo. Por exemplo, Netflix e Amazon Prime Video costumam agendar estreias para sextas-feiras, disponibilizando temporadas inteiras de séries e novos filmes para espectadores maratonarem nos finais de semana. Já o HBO Max prefere lançamentos às quintas-feiras. E, agora, o Disney + escolheu as quartas-feiras como o dia para a première dos conteúdos originais.

Com a decisão, o serviço de streaming também tem a intenção de gerar volume para o calendário e dividir os lançamentos dos conteúdos originais. Ou seja, enquanto séries ocuparão as quartas-feiras, os filmes continuarão a chegar no Disney+ às sextas, como Luca e Viúva Negra. Aparentemente, o Mickey Mouse nao quer dividir a atenção do telespectador nem na própria plataforma.

Confira todas as novas datas de produções originais do Disney+:

  •  ‘ Monstros no Trabalho’:  de 2 de julho para 7 de julho de 2021
  •  ‘ Uma Dupla Quase Perfeita’:  de 16 de julho para 21 de julho de 2021
  •  ‘ Behind the Attraction’:  de 16 de julho para 21 de julho de 2021
  •  ‘ Chip ‘n’ Dale: Park Life’:  de 23 de julho para 28 de julho de 2021
  •  ‘ Turning the Tables with Robin Roberts’:  de 30 de julho para 28 de julho de 2021
  •  ‘ The Wonderful World of Mickey Mouse’:  de 30 de julho para julho 28 de 2021
  •  ‘ Growing Up Animal’:  de 20 de agosto para 18 de agosto de 2021
  •  ‘ Short Circuit’ (Temporada 2):  de 30 de julho para 4 de agosto de 2021

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Grupo dono do AliExpress é hackeado e um bilhão de clientes têm dados roubados

Publicado


source
Grupo Alibaba é invadido por hackers
Unsplash/Chris Yang

Grupo Alibaba é invadido por hackers

O grupo Alibaba , o gigante chinês do e-commerce com sede em Hangzhou, foi a vítima mais recente de um ataque hacker . No entanto, as fontes indicam que desta vez o caso não está ligado a um ransomware, mas sim a um dos parceiros da companhia.

De início, vale ressaltar que o Alibaba atravessa momentos turbulentos na China , estando envolvido em processos regulatórios e multas milionárias por práticas consideradas monopolistas no país. Em meio a polêmica, um vazamento sugeriu que o grupo asiático teria sido vítima de um grande roubo de dados .

Bilhões de informações privadas de clientes teriam sido roubadas, ou seja, caso já tenha usado algum dos serviços do Alibaba , existe a possibilidade que seus dados estejam comprometidos. A lista de vazamento inclui nomes de usuário, números de telefone e outras informações confidenciais.

Você viu?

O site chinês ‘163.com’ foi o primeiro a notar o problema. Nesta quarta-feira (16), a informação também foi confirmada pelo portal de notícias Bloomberg . Conforme a publicação, o Taobao, outro site de compras de propriedade da Alibaba , teria sofrido o vazamento massivo de informações.

O que chama a atenção é que os dados foram roubados por um dos comerciantes afiliados à plataforma de vendas usando um software rastreador discretamente implementado na infraestrutura do Taobao. A ameça operou em segundo plano por vários meses antes que o grupo Alibaba finalmente a detectasse.

Por ora, o Tribunal Popular do Distrito de Suiyang condenou o desenvolvedor do rastreador e o comerciante pelo crime. Contudo, mais detalhes sobre o caso ainda não foram revelados. O que se sabe é que a pena prevista pelas autoridades foi de três anos de prisão. A boa notícia é que as informações que vazaram não chegaram a ser compartilhadas com terceiros.

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Jogos em promoção! Nintendo dá descontos de até R$ 100; veja o cupom

Publicado


source
Nintendo faz 1ª promoção oficial na Nuuvem
Captura de tela

Nintendo faz 1ª promoção oficial na Nuuvem

A Nintendo se uniu à loja de games Nuuvem para uma promoção especial. Jogos para Nintendo Switch e conteúdos adicionais de games estão com até R$ 100 de desconto.

Sete títulos selecionados da Nintendo estão com 30% de desconto . Para quem preferir, ainda dá para ganhar 5% de desconto adicional em todo o catálogo. Para isso, é preciso utilizar o cupom NINTENDOE32021.

As ofertas vão até o dia 21 de junho no site da Nuuvem . Confira os principais games em promoção :

  • The Legend of Zelda: Breath of the Wild , de R$299 por R$209,30
  • DLC de The Legend of Zelda: Breath of the Wild , de R$99 por R$69,30
  • Paper Mario: The Origami King , de R$299 por R$209,30
  • Pikmin 3 Deluxe , de R$299 por R$209,30
  • Octopath Traveler , de R$299 por R$209,30
  • Fire Emblem: Three Houses , de R$299 por R$209,30
  • DLC de Fire Emblem: Three Houses , de R$128 por R$89,60

Comentários Facebook
Veja Mais:  Jogos em promoção! Nintendo dá descontos de até R$ 100; veja o cupom
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana