conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Governo do Estado consolida critérios de combate ao coronavírus

Publicado


.

Lucas Rodrigues/Secom-MT

O Governo do Estado publicou novo decreto que consolida os critérios para a prevenção e combate ao coronavírus, com a manutenção do isolamento social (confira a lista completa das determinações ao final da matéria).

O decreto foi publicado no Diário Oficial que circula nesta quinta-feira (26) e reforça as medidas que têm sido adotadas pelo Gabinete de Situação, comandado pelo governador Mauro Mendes.

O documento lista de forma objetiva quais são as atividades que poderão continuar a operar durante o período que durar a pandemia e as que ficarão restritas, de modo a garantir a saúde da população, bem como as atividades econômicas essenciais e, consequentemente, os empregos dos mato-grossenses.

Todas as determinações seguem os parâmetros do que recomenda o Ministério da Saúde e a nota expedida nesta semana pela Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI).

As ações também ficam vinculadas às prefeituras, de modo a não haver divergências entre as medidas tomadas pelo Estado e pelos municípios. Caso os prefeitos queiram adotar ações mais restritivas, terão que apresentar “fundamentação técnico-científica que justifique a providência no âmbito local”.

“Durante toda a semana, estreitamos o diálogo com as prefeituras para que as medidas contra o COVID-19 passassem a ser adotadas por critérios técnicos e de acordo com a realidade do nosso Estado. Este decreto, assim como o decreto de calamidade pública, é mais um meio de o Estado dar um norte, uma orientação aos municípios, para que eles possam adotar as providências de forma alinhada com o Governo. Precisamos salvar vidas, mas não podemos arruinar vidas”, afirmou Mauro Mendes.

Medidas consolidadas pelo decreto

Funcionamento proibido: parques públicos e privados; praias de água doce; teatro; cinema; museus: casas de shows; festas; feiras; academias; ginásios esportivos e campos de futebol; missas, cultos e celebrações religiosas; outros eventos e atividades que demandem aglomeração ou reunião de pessoas.

Veja Mais:  Homem que provocou acidente na BR 163 tentou assassinar homem horas antes em Lucas do Rio Verde

Também ficam suspensas as atividades escolares públicas e privadas até o dia 05 de abril de 2020.

Isolamento domiciliar: a medida vigora para as pessoas com mais de 60 anos, pessoas hipertensas, pessoas com doenças cardíacas, renais crônicas, respiratórias crônicas, e outras doenças imunodepressivas, os quais devem evitar seu contato direto com pessoas jovens, inclusive com as pessoas com quem coabitam.

Para os que estão fora do grupo de risco, fica recomendada a prática de atividades recreativas e esportivas individuais ao ar livre, desde que respeitado o distanciamento mínimo de 1,5 m entre as pessoas.

Atividades permitidas: transporte coletivo municipal e metropolitano, sem exceder a capacidade de passageiros sentados; transporte individual remunerado de passageiros por meio de taxi ou aplicativo, vedada a utilização do banco dianteiro do passageiro e mediante assepsia da parte interna do veículo após a finalização de cada atendimento; velório, com até 20 pessoas; transporte coletivo intermunicipal de funcionários, custeado pelos respectivos empregadores.

As atividades listadas devem seguir rigorosamente as respectivas exigências sanitárias, mantendo higienização constante do estabelecimento ou veículo para prevenir a disseminação do coronavírus.

Atividades econômicas permitidas

I – Supermercadistas de pequeno, médio e grande porte, atacadista e pequeno varejo alimentício;

II – Padarias, para retirada de produtos no local ou na modalidade delivery;

III – Restaurantes, cafés e congêneres localizados em áreas urbanas, para retirada no local ou na modalidade delivery;

IV – Lojas de conveniência, bares e distribuidoras de bebidas, para retirada no local ou na modalidade delivery;

V – Açougues e peixarias, para retirada no local ou na modalidade delivery;

VI – Distribuidoras de gás de cozinha, para retirada no local ou na modalidade delivery;

Veja Mais:  Homem é preso por crime ambiental após ser flagrado queimando fios de energia

VII – agências bancárias e loterias, utilizando o protocolo de segurança visando evitar a aglomeração de pessoas na área interna e externa do estabelecimento;

VIII – hospitais, clínicas e serviços de assistência à saúde humana e de animais;

IX – Assistência social e atendimento à população em estado de vulnerabilidade;

X – Farmácias e drogarias;

XI – Comércio de alimentos e medicamentos destinados a animais;

XII – Atividades de segurança pública e privada, incluídas a vigilância, a guarda e a custódia de presos;

XIII – Estabelecimentos que comercializam peças automotivas, materiais elétricos e de construção, preferencialmente atendendo delivery, observados os casos emergências;

XIV – Produção, distribuição e comercialização de combustíveis e de derivados, inclusive postos de combustíveis;

XV – Prestadores de serviços de manutenção de elevador, ar condicionado, rede elétrica e abastecimento de água;

XVI – Oficinas mecânicas;

XVII – Restaurantes e congêneres localizados em rodovias estaduais;

XVIII – Transporte e circulação de mercadorias e insumos para as atividades listadas nos artigos 2º e 3º;

XIX – Telecomunicação e internet;

XX – Serviço de “call center”

XXI – Captação, tratamento e distribuição de água;

XXII – Captação e tratamento de esgoto e de lixo;

XXIII – Geração, transmissão e distribuição de energia elétrica e de gás;

XXIV – Iluminação pública;

XXV – Serviços postais;

XXVI – Controle e fiscalização de tráfego;

XXVII – Serviços relacionados à tecnologia da informação e de processamento de dados “data Center” para suporte de outras atividades previstas neste Decreto;

XXVIII – Indústrias;

XXIX – Serviços agropecuários;

XXX – Transporte de numerário;

XXXI – Serviços de imprensa e as atividades a eles relacionados, por todos os meios de comunicação e de divulgação disponíveis, incluídos a radiodifusão de sons e de imagens, a internet, os jornais, as revistas, dentre outros;

Veja Mais:  Operação em Lambari D’Oeste apreende arma suspeita de usada em tiro na casa do prefeito

XXXII – Monitoramento de construções e de barragens que possam acarretar risco à segurança;

XXXIII – Mercado de capitais e de seguros;

XXXIV – Atividades e serviços agropecuários e veterinários e de cuidados com animais em cativeiro;

XXXV – Atividades médico-periciais;

XXXVI – Serviços de manutenção, de reparos ou de consertos de veículos, de pneumáticos, de elevadores e de outros equipamentos essenciais ao transporte, à segurança e à saúde, bem como à produção, à industrialização e ao transporte de alimentos e de produtos de higiene;

XXXVII – Produção, distribuição e comercialização de equipamentos, de peças e de acessórios para refrigeração, como os serviços de manutenção de refrigeração.

XXXVIII – Serviços funerários;

XXXIX – Concessionária de veículos;

XL – Shopping centers, lojas de departamento, galerias e congêneres;

XLI – Atividades acessórias, de suporte e de disponibilização dos insumos necessários à cadeia produtiva relacionadas às atividades e aos serviços de que tratam os incisos do art. 3º e 4º;

XLII – Outros estabelecimentos comerciais, garantidas as normas de segurança, prevenção e combate ao coronavírus.

Regras para a manutenção das atividades econômicas

Para que as empresas operem as atividades listadas, devem manter controle de acesso para evitar aglomerações de pessoas, ficando expressamente vedado o consumo de produtos no local do estabelecimento.

Também deve haver o distanciamento mínimo de 1,5m entre as pessoas e obrigatoriamente seguir as demais normas sanitárias de prevenção à disseminação ao coronavírus, a exemplo da assepsia (higienização) dos locais.

Ainda fica permitida a circulação de veículos em rodovias estaduais e municipais destinada ao transporte de mercadorias e insumos necessários ao atendimento dessas atividades, respeitadas as normas tributárias e ambientais correspondentes.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Policial

Ação rápida da PM prende dupla após praticar assalto em posto de combustível de Rondonópolis

Publicado

Foto: PMMT

A Policia Militar na tarde desta segunda-feira (6) prendeu um suspeito por praticar um roubo a um posto de combustível com um simulacro de arma de fogo a um posto de combustível.

Consta no Boletim de Ocorrência que a Policia Militar através do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP), descolocou até o posto Rodep na BR-364 e foi informada pela funcionária do caixa que dois indivíduos adentraram no estabelecimento em posse de uma arma de fogo anunciou o roubo e levou aproximadamente R$700,00 reais em dinheiro, um aparelho celular da vitima. A mesma informou ainda que o celular possuía rastreador e que conseguiu localizar onde o aparelho telefônico estava.

De posse das informações, os policiais deslocaram até o endereço indicado pelo aplicativo. Chegando na residência um dos indivíduos ao visualizar a viatura policial correu saltando o muro da residência ao lado, jogando uma certa quantidade de dinheiro em cima de outra residência, onde o mesmo foi detido juntamente com o outro suspeito que permaneceu não correu. Ao lado da casa do segundo suspeito foi encontrado o restante do dinheiro, entendendo que ambos já haviam dividido o dinheiro fruto do roubo entre si. Ao ser indagado a um dos suspeitos, onde estava o aparelho celular e a arma utilizada no roubo, o mesmo indicou onde que estava escondido. No local foi localizado também a camiseta utilizada no roubo bem como uma motocicleta de cor preta e 02 capacetes, sendo um de cor preta e o outro de cor rosa, objetos esses reconhecidos pela vitima e testemunhas.

Veja Mais:  Operação em Lambari D’Oeste apreende arma suspeita de usada em tiro na casa do prefeito

A vitima e a testemunha reconheceu os suspeitos como sendo os autores do roubo. O posto de combustível possui sistema de filmagem o qual capturou as imagens no momento do roubo.

Os suspeitos foram detidos e encaminhados a 1ª Delegacia de Policia.

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Jovem é preso com arma e centenas de munições em São José do Rio Claro

Publicado


.

Assessoria | PJC-MT

Centenas de munições de diferentes calibres e uma arma de fogo foram apreendidas, na manhã desta segunda-feira (06.04), em uma ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Militar de São José do Rio Claro (315 km a Médio Norte de Cuiabá).

O material foi encontrado em poder de um jovem, de 18 anos, que foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e munições.  As diligências iniciaram após as equipes policiais serem acionadas para atender a ocorrência de uma pessoa que estava realizando disparos de arma de fogo.

No caminho para endereço, os policiais conversaram com testemunhas que relataram que o jovem chegou em casa visivelmente nervoso e que foi para cozinha e de lá saiu com a arma de fogo em mãos, apontando a todo momento em direção aos pais.

Diante das informações, os policiais cercaram a residência, porém o suspeito não obedeceu a ordem de saída. Quando os policiais iam entrar na casa, o jovem apareceu na porta e questionado, disse que não havia efetuado nenhum disparo de arma de fogo.

Em buscas no interior da casa, foi apreendido no quarto do investigado algumas munições, calibre 14 e.45. Nos fundos da residência, os policiais avistaram um amontoado de terra fofa, onde estava enterrada uma sacola com diversas munições de diferentes calibres.

Veja Mais:  Operação em Lambari D’Oeste apreende arma suspeita de usada em tiro na casa do prefeito

Também do lado de fora da casa, foi encontrada a arma de fogo, calibre 38, cromada escondida em uma mesa.

Entre o material apreendido na casa estava 30 munições calibre 12 intacta;, 23 cápsulas de munição calibre 14; 154 munições calibre . 45; duas  cápsula de munição calibres 32, 36;sete munições calibre 38 intactas e duas deflagradas; 142 munições  de calibre indefinido; 92 munições calibre 22; sete caixas de espoleta, uma munição calibre 20; caixas de espoleta para cartuchos calibres 12,16, 20 e 28 contendo 625 espoletas; 02 caixas de munição de chumbo 5,5 (arma de pressão).

Diante das evidências, a arma e todas as munições foram apreendidas e o suspeito conduzido a Delegacia de São José do Rio Claro, onde após ser interrogado pelo delegado Marcelo Henrique Maidame, foi autuado em flagrante pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo e munições.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Caminhão é recuperado pela PRF em Nossa Senhora do Livramento-MT

Publicado


.

Motorista foi assaltado em pátio de restaurante na BR-070

A equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) que fiscalizava na BR-070, em Nossa Senhora do Livramento, na noite de sexta-feira (03), avistou um veículo de carga buscando acesso à BR por uma estrada vicinal.

Ao aproximar-se, a equipe encontrou o veículo desocupado, com o motor em funcionamento, luzes acesas e a porta do motorista aberta. Um pouco à frente de onde foi encontrado o caminhão trator, estava um semirreboque do tipo câmara fria, desatrelado, com indícios de arrombamento e vazio. A PRF comunicou à Polícia Militar que efetuou buscas nas redondezas, porém sem êxito em localizar os envolvidos.

A consulta aos sistemas retornou inexistência de ocorrência policial ao referido veículo.
Foi solicitado guincho para levar o caminhão à Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos Automotores de Cuiabá-MT e durante o deslocamento a equipe foi informada que o motorista do caminhão havia sido socorrido e encontrava-se em local conhecido como “Trevo do Lagarto”.

Os PRFs deslocaram-se até o trevo onde encontraram o motorista bastante abalado. O condutor afirmou ter sido assaltado por volta da 19:30 quando parou no pátio de um Restaurante no km 630 da BR-070. Neste momento foi abordado por um homem armado que o obrigou a entrar em um veículo de passeio, colocar um capuz e informar a senha para desbloqueio do caminhão. Seguiram no automóvel desembarcando em uma região de matagal quando o motorista ficou acompanhado de um outro indivíduo até ser liberado.

Veja Mais:  Polícia Civil prende assaltante que atuava em Várzea Grande

O condutor se deslocou em direção a um mercado para solicitar ajuda, sendo auxiliado por uma motorista de ambulância que o deixou no trevo do lagarto.
Foram roubadas 28 toneladas de carne bovina que seria transportada de Vilhena-RO para Três Rios-RJ.

SECOM PRF MT

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana