Policial

Homem é preso pela Polícia Civil com cestas básicas desviadas de programa do Governo do Estado

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Santo Antônio de Leverger prenderam em flagrante nesta sexta-feira (07.05) um cabeleireiro de 35 anos por receptação de cestas básicas desviadas da campanha Vem ser Mais Solidário, do Governo do Estado. 

A Delegacia da Polícia Civil do município recebeu informações de que um morador da cidade estava vendendo as cestas básicas. Nos pacotes de alimentos, que vem identificados com a logomarca oficial da campanha coordenada pela primeira-dama Virgínia Mendes e distribuídas pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), foram colocados adesivos com a palavra SACOLÃO para esconder a identificação original das cestas. A campanha foi instituída para atender famílias em situação de vulnerabilidade desde o início da pandemia do coronavírus e as cestas contém itens alimentícios, de higiene pessoal e de limpeza.

Durante as diligências, a equipe de investigação chegou até uma mulher que relatou que estava revendendo as cestas básicas a mando do cabeleireiro que foi detido. A partir das informações coletadas, os policiais realizaram novas diligências e na manhã desta sexta-feira flagraram o exato momento em que o suspeito fazia a entrega das cestas para revender. 

O suspeito foi encaminhado à delegacia, onde foi ouvido em depoimento pelo delegado Adalberto Oliveira. Ele declarou que comprava os sacolões por R$ 30,00 de uma pessoa, para depois revendê-los. Após a autuação em flagrante pelo crime de receptação, o suspeito pagou a fiança eestipulada e responderá em liberdade.  

Veja Mais:  Policial percorre 51 quilômetros em promessa pela recuperação de parceiro de profissão

O delegado informou que até o momento foram identificadas 30 cestas desviadas, mas o número pode ser maior. A investigação prossegue para identificar a responsabilidade de outros envolvidos no desvio das cestas básicas.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil autua em flagrante e pede prisão preventiva de autor de homicídio na Capital

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), autuou em flagrante e representou pela prisão preventiva do autor do homicídio ocorrido no sábado (19.06), no bairro Nova Esperança II, em Cuiabá.

As diligências iniciaram assim que policiais da DHPP foram acionados do homicídio ocorrido em frente a uma mercearia, no bairro Nova Esperança II, em Cuiabá.. No local, a equipe se deparou com a vítima ao solo,  com uma perfuração grande e profunda de objeto perfurocortante nas costas, com grande quantidade de sangue ao redor;

Testemunhas informaram que a vítima e suspeito, autor do fato, eram amigos, e companheiros de trabalho, e teriam ficado a tarde inteira ingerindo bebida alcoólica e conversando. No final da tarde, eles se desentenderam e o suspeito saiu, foi em sua residência, pegou uma faca e retornou, atingindo a vítima  pelas costas, sem chances de defesa.

Enquanto as guarnições faziam varreduras pelas redondezas do local, procurando capturá-lo, o suspeito retornou ao local do fato e ameaçou as testemunhas para que não o denunciassem, tendo investido contra algumas delas. Neste momento, o suspeito foi detido por populares que presenciaram a situação, entregando o criminoso à Polícia em seguida.

O suspeito é do estado do Maranhão e possui passagens anteriores por furto, roubo e tráfico de drogas. 

Ele foi conduzido à DHPP, onde após ser interrogado pelo delegado Olímpio da Cunha Fernandes Junior, foi autuado em flagrante por homicídio qualificado, sendo representado pela conversão da prisão em flagrante em preventiva.

Veja Mais:  Policial percorre 51 quilômetros em promessa pela recuperação de parceiro de profissão

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policial percorre 51 quilômetros em promessa pela recuperação de parceiro de profissão

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Uma promessa feita pela recuperação da saúde do seu colega de profissão, levou o investigador de polícia André Pompeu Negri percorrer 51 quilômetros, no trajeto de Cuiabá a Chapada dos Guimarães. A promessa feita no ano passado pela cura do policial civil Rony Cley Caetano da Silva que passou 38 dias internado devido a complicações da Covid-19.

Lotados na Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá, os policiais possuem seis anos de profissão e são mais que colegas, parceiros de equipe. No mês de junho de 2020 os parceiros foram infectados pela Covid-19 e enquanto André Pompeo apresentou manifestações leves, Rony Cley sofreu com complicações da doença sendo internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) de um hospital da capital.

Devido às dificuldades respiratórias, o policial precisou ser entubado, sendo realizado tratamento com antibióticos, além da necessidade de hemodiálise devido ao agravamento da função renal. Dos dias em que ficou hospitalizado, 15 deles ficou entubado, tendo que passar por traqueostomia.

Preocupado com a saúde do amigo que se agravava, André fez uma promessa pela recuperação de Rony. de que correria um quilômetro para cada dia que o parceiro ficasse hospitalizado. Após 38 dias de internação na Capital de Mato Grosso e ainda bastante debilitado, Rony Cley venceu a covid-19 e recebeu alta da unidade de saúde.

Veja Mais:  Policial percorre 51 quilômetros em promessa pela recuperação de parceiro de profissão

Após a recuperação do parceiro, André começou a se preparar fisicamente para cumprir a promessa. Foram meses de preparação, e o percurso da corrida realizado pelo investigador foi além do prometido, completando 51 quilômetros percorridos quilômetros na Rodovia Emanuel Pinheiro – MT 251, iniciando na região do Coxipó do Ouro até a cidade de Chapada dos Guimarães.

Para o investigador, a amizade e a cura do amigo foi o maior incentivo para o cumprimento da promessa. “Posso dizer que não existe melhor combustível para realizar uma maratona que a amizade verdadeira e ter o meu parceiro recuperado e com saúde para muitas missões que ainda vamos enfrentar juntos”, disse.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais do 3º Batalhão apreendem fuzil 5,56 em região de chácaras

Publicado


Na tarde deste  sábado(19) policiais militares do 3º Batalhão apreenderam um fuzil calibre 556 com 18 munições e uma arma longa em uma região de chácaras, nas proximidades da rodovia estadual Emanuel Pinheiro ( MT-251), sentido Chapada dos Guimarães.  A arma de grosso calibre estava enterrada próxima a um lago.

Os policiais receberam informações da equipe de Inteligência do 3º Batalhão de que havia um fuzil enterrado próximo a um lago, em uma região de chácaras e uma arma longa em uma casa, no KM 10, da rodovia MT-251.

De imediato, os policiais foram checar a informação e encontraram a arma de grosso calibre enterrada, junto com o fuzil 5,56 foi apreendido dois carregadores e 18 munições intactas. A PM localizou a residência de um rancho que estava vazia. Nas buscas, os policiais localizaram uma espingarda de cano duplo e cartuchos.

A PM apreendeu uma carteira nacional de habilitação que estava vencida. Os policiais encaminharam todo o material apreendido na ação à Polícia Judiciária Civil.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícia Civil apreende mais de 100 pacotes de cigarros contrabandeados em estabelecimento em Primavera do Leste
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana