conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Nacional

Idosa arremessada de ônibus no Rio morre após ficar 10 dias internada

Publicado

Glória Maria estava voltando do supermercado na hora do acidente arrow-options
Arquivo pessoal

Glória Maria estava voltando do supermercado na hora do acidente

Após ser arremessada de um ônibus e ficar dez dias internada, a aposentada Glória Maria Pires Silva , de 72 anos, morreu neste sábado. No último dia 31, a idosa estava dentro de um coletivo da linha 781 (Marechal Hermes x Cascadura) que trafegava com as portas abertas.

No momento em que o motorista fez uma curva na Rua Ibirapuitã, em Rocha Miranda, Zona Norte, Glória Maria foi jogada para fora do ônibus e bateu com a cabeça no chão.

A idosa , que estava voltando do supermercado na hora do acidente, ficou internada no Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, também na Zona Norte, mas não resistiu aos ferimentos e morreu neste sábado.

Jorge Carlos Silva Júnior, de 40 anos, filho da vítima, afirma que o ônibus não estava equipado com um dispositivo obrigatório, o qual reduz a aceleração caso a porta permaneça aberta.

“Foram a imprudência do motorista e a negligência da empresa que vitimaram a minha mãe. As empresas não instalam (o dispositivo) em todos os ônibus porque ele é um equipamento caro”, explica o homem, que trabalha como motorista de ônibus.

“A minha mãe era uma pessoa muito doce, uma ótima mãe e uma avó maravilhosa. Ela ficou internada, mas infelizmente não resistiu”. Segundo o filho da vítima, Glória Maria também quebrou a clavícula.

Veja Mais:  Deputados discutem declarações do presidente da Fundação Palmares e medidas para combater o racismo

Comentários Facebook

Nacional

Plenário aprova auxílio financeiro a instituições de acolhimento a idosos

Publicado


.

O Senado aprovou nesta quinta-feira (4) uma proposta da Câmara dos Deputados que destina auxílio financeiro emergencial de R$ 160 milhões a instituições de acolhimento a idosos (PL 1.888/2020). O dinheiro será utilizado para o enfrentamento ao novo coronavírus. Durante a discussão do texto, o relator, senador José Maranhão (MDB-PB), ressaltou que a população idosa é uma das mais gravemente afetadas pela pandemia. Acompanhe a reportagem de Regina Pinheiro, da Rádio Senado.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Líderes divulgam nota desencorajando ida a manifestações no domingo
Continue lendo

Nacional

Deputados discutem declarações do presidente da Fundação Palmares e medidas para combater o racismo

Publicado


.
Fernando Frazão/Agência Brasil
Direitos Humanos - negros - cultura negra dança afro estátua Zumbi dos Palmares (RJ)
Deputados vão debater ações para o enfrentamento do racismo e de assassinatos de jovens negros

Deputados debatem hoje, por teleconferência, as afirmações pejorativas do presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, sobre o movimento negro. Camargo se referiu ao movimento negro como “escória maldita”. No debate, serão discutidas ações para o enfrentamento do racismo e assassinatos de jovens negros.

Outro caso que será abordado é o assassinato do menino João Pedro Matos Pinto, de 14 anos, que morreu baleado no último dia 18, no Rio de Janeiro. Foi durante uma operação da Polícia Federal com apoio das polícias civil e militar do estado.

Além dos deputados, foram convidados representantes das seguintes entidades: Coalizão Negra por Direitos; Terreiro de candomblé Ylê Axé Oyá Bagan (Mãe Baiana, citada por Camargo); Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq); Rede Justiça Criminal; Conselho Nacional de Direitos Humanos; e Câmara de Controle da Atividade Policial da Procuradoria-Geral da República.

A teleconferência será realizada às 10 horas e pode ser acompanhada pelo Facebook.

Da Redação – RL

Comentários Facebook
Veja Mais:  Líderes divulgam nota desencorajando ida a manifestações no domingo
Continue lendo

Nacional

Brasil bate novo recorde de mortes por covid-19 em 24h nesta quinta-feira (4)

Publicado

Enterro Coronavirus

Os novos dados obtidos pelas secretarias estaduais de saúde, nesta quinta-feira, 4, apontam que o Brasil já possui 34.039 mortes provocadas pelo coronavírus e 615.870 casos confirmados da doença desde o início da pandemia.

Segundo o novo balanço das entidades de saúde, os números desta quinta representam um novo recorde de mortes em 24h, com um total de 1.471 óbitos.

Com isso, o país ultrapassa a marca dos 600 mil contaminados e também passa a Itália no número total de vítimas causadas pelo Covid-19. O país europeu conta 33.689 mortos no balanço global da universidade Johns Hopkins. Agora, o Brasil é o terceiro país com mais óbitos em decorrência da doença, atrás apenas de Estados Unidos e Reino Unido, respectivamente.

De acordo com o novo boletim epidemiológico, 72% das cidades brasileiras já registraram infecções pelo vírus, além de 30% contabilizar, pelo menos, uma morte em decorrência da doença. Até o momento, 12 das 20 cidades com maior taxa de mortalidade no país estão no estado amazonense e apenas três fora da região Norte.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Senadores destacam trajetória de Paulo Paim em mais de 30 anos como parlamentar
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana