Nacional

Idoso desaparece após incêndio atingir casarões do centro histórico de Salvador

Publicado

Dois casarões históricos foram destruídos após o incêndio em Salvador, que deixou um idoso de 85 anos desaparecido
Reprodução/SBT

Dois casarões históricos foram destruídos após o incêndio em Salvador, que deixou um idoso de 85 anos desaparecido

Um dia após o fogo destruir o Museu Nacional do Rio de Janeiro
, um incêndio em Salvador atingiu dois casarões do centro histórico da capital baiana. O caso ocorreu na noite da segunda-feira (3) e, de acordo com informações do jornal Folha de S. Paulo,
um idoso de 85 anos desapareceu após o incidente.

De grandes proporções, o incêndio em Salvador
começou em um casarão onde funcionava uma loja de móveis, localizada na região da Baixa dos Sapateiros, centro histórico da cidade. Ele iniciou aproximadamente às 21h40, na avenida José Joaquim Seabra, e se espalhou para o imóvel vizinho, uma serraria, onde morava José Hunaldo Moura de Carvalho.

O fogo
foi controlado por volta das 3h da madrugada, sendo que o Corpo de Bombeiros, com cinco equipes, permaneceu no local até o início da manhã, trabalhando no rescaldo do edifício para evitar um novo incêndio. Agora, os bombeiros procuram o homem desaparecido em meio aos escombros.

A Defesa Civil deve realizar uma vistoria no local para avaliar o edifício e suas condições estruturais, que podem ter sido danificadas pelo incêndio.

Leia também: Museu Nacional: vice-diretora diz que incêndio destruiu 90% do acervo

Repercussão do incêndio em Salvador nas redes sociais

O novelista Walcyr Carrasco, por exemplo, comentou o caso do incêndio em Salvador em sua conta no Instagram
Instagram/Walcyr Carrasco

O novelista Walcyr Carrasco, por exemplo, comentou o caso do incêndio em Salvador em sua conta no Instagram

O caso repercutiu nas redes sociais e gerou muita comoção, principalmente por causa do incêndio que, na noite anterior, atingiu o Museu Nacional
no Rio de Janeiro e destruiu 90% de seu acervo.

Veja Mais:  Comissão discute formas de se fortalecer instituições de idosos

Uma das pessoas que comentou o ocorrido foi o novelista Walcyr Carrasco, que escreveu: “mais um incêndio atinge o patrimônio histórico. Desta vez em Salvador. É mesmo muita falta de carinho com nossos bens culturais”, em seu Instagram.

No Twitter, muitos internaram também se manifestaram. “Gente não é possível, mais um incêndio no Brasil, e dessa vez foi em Salvador no centro histórico. Cara tão apagando a nossa história!!”, publicou  @adrianumendes
, cujo tuíte recebeu quase mil reutítes e cerca de duas mil curtidas.

Leia também: Defesa Civil interdita museu e diz que paredes internas podem desabar

As autoridades ainda não divulgaram informações sobre o estado da estrutura dos casarões histórios nem sobre o desaparecimento de José Hunaldo Moura de Carvalho durante o

incêndio em Salvador

.

Comentários Facebook

Nacional

Comissão debate falta de milho para criadores

Publicado


Cláudio Neves/Portos do Paraná
Economia - exportação comércio exterior commodities estivadores balança comercial (milho embarcado em navio no Porto de Paranaguá-PR)
País vem batendo recordes na produção de milho, que está escasso para o mercado interno

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento de Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados realiza audiência pública na segunda-feira (21) para tratar da escassez de milho para a produção agropecuária.

O debate será no plenário 8, às 14 horas.

Confirmaram presença na audiência o superintendente regional do Espírito Santo da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Kerley Mesquita de Souza; o presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Ricardo Santin; e o presidente institucional da Associação Brasileira dos Produtores de Milho (Abramilho), Cesário Ramalho. Veja a lista completa de convidados.

Preço mínimo
A deputada Soraya Manato (PSL-ES), que pediu a audiência, lembra que, apesar de o País bater recordes na produção de milho há dois anos, os produtores seguem sofrendo com a falta do insumo do milho.

A deputada defendeu a edição de medida provisória, conforme promessa da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, que permita a “compra de milho acima do preço mínimo de garantia, a fim de formar estoques para atender aos criadores de animais”.

Da Redação – RS

Comentários Facebook
Veja Mais:  Senado libera R$ 450 milhões para atingidos por enchentes
Continue lendo

Nacional

Lira aguarda envio pelo governo de complementação à reforma tributária para anunciar relator

Publicado


Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Reunião de líderes
Lira reuniu o colégio de líderes nesta quinta-feira

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que aguarda o envio pelo governo da segunda parte da reforma tributária para poder anunciar o relator da proposta. O texto deve tratar de mudanças infraconstitucionais na cobrança do Imposto de Renda de pessoas físicas e jurídicas e na tributação de dividendos.

Lira quer que a matéria tramite conjuntamente ao Projeto de Lei 3887/20, que institui o CBS, com alíquota de 12%, em substituição ao Programa de Integração Social (PIS) e à Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Cofins). “A Secretaria do Governo, o Ministério da Economia e a Casa Civil estão ajustando o texto, fazendo contas”, disse Lira após a reunião de líderes desta quinta-feira (17). O presidente da Câmara esperava anunciar até o fim desta semana o relator da reforma tributária.

Pauta
Lira informou que na próxima semana, se o Senado alterar a medida provisória que autoriza a desestatização da Eletrobras, a Câmara vai se reunir em sessão extraordinária na segunda-feira (21) para analisar e votar as eventuais mudanças no texto.

O presidente afirmou ainda que podem entrar na pauta a Medida Provisória 1040/21, que tem o objetivo de modernizar e desburocratizar o ambiente de negócios no Brasil. A proposta promove diversas mudanças na legislação para simplificar a abertura de empresas, facilitar o comércio exterior e ampliar as competência das assembleias gerais de acionistas.

Veja Mais:  Privatização da Eletrobras

Lira quer discutir ainda o Projeto de Lei Complementar 16/21, que unifica em todo o País as alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) incidentes sobre combustíveis. A lista inclui gasolina, diesel, biodiesel, etanol e gás natural e de cozinha, além de vários outros derivados de petróleo.

Também deve entrar em debate para tentar construir um acordo a proposta que descriminaliza o homeschooling e modifica oCódigo Penal para deixar claro que a pena prevista para o crime de abandono intelectual não se aplica a pais ou responsáveis que ofertarem a modalidade de educação domiciliar. “Vamos fazer uma reunião para ajustar os dois lados”, afirmou Lira.

Reportagem – Luiz Gustavo Xavier
Edição – Geórgia Moraes

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Privatização da Eletrobras

Publicado


Os senadores aprovaram, com 44 votos favoráveis e 35 contrários, os pressupostos de urgência e relevância do PLV 7/2021, proveniente da MP 1.031/2021, que permite a privatização da Eletrobras. Segue a votação do mérito do projeto.

Mais informações a seguir

Comentários Facebook
Veja Mais:  Senadores médicos defendem importância da CPI da Pandemia para a população
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana