Tecnologia

Instagram libera lives de até 4 horas e permite salvá-las por um mês

Publicado


source

Tecnoblog

undefined
Victor Hugo Silva

Instagram libera lives de até 4 horas e permite salvá-las por um mês

Com o crescimento das lives nos últimos meses, não é raro ver aquelas que são pausadas antes de uma hora e retomadas em uma nova transmissão segundos depois para evitar o limite de tempo do Instagram. A prática poderá ser abandonada por muitos usuários. Isso porque a rede social anunciou nesta terça-feira (27) uma ampliação do tempo máximo dos vídeos ao vivo, passando de 1 para 4 horas.

A rede social também liberou uma opção para o autor das lives arquivar o vídeo por até 30 dias. Nesse período, é possível baixar a transmissão para o celular ou publicar o vídeo no IGTV para que outras pessoas também a assistam. Caso nenhuma ação seja tomada durante o intervalo, o vídeo arquivado é excluído pela plataforma. A tela do arquivo de lives também tem atalho para a lista de fotos e stories arquivados.

O Instagram anunciou ainda que dará mais destaque para as lives. Além da barra dos stories no topo da tela, que prioriza vídeos ao vivo, a rede social exibirá na aba Explorar e no aplicativo do IGTV, várias sugestões de vídeos que estão sendo transmitidos naquele momento.

Seção de lives do IGTV (Imagem: Divulgação/Instagram)

Seção de lives do IGTV (Imagem: Divulgação/Instagram)

Instagram iguala Facebook no tempo de lives

Com a mudança, as lives da rede social passam a ter o mesmo limite de tempo permitido pelo aplicativo do Facebook, que também oferece o prazo de 8 horas caso a transmissão aconteça em um computador ou por meio de uma API. Como destaca o TechCrunch , o Instagram afirma que o novo limite foi liberado em todo o mundo, mas destaca que usuários não poderão usá-lo para violar suas políticas.

Veja Mais:  99 lança novo app com realidade aumentada e Google Street View

O anúncio acontece dias depois da plataforma liberar o programa de monetização para influenciadores. Ele já havia sido revelado em maio e, agora, está disponível para cerca de 50 mil criadores de conteúdo. O grupo terá lives com comentários pagos, que custarão US$ 0,99, US$ 1,99 ou US$ 4,99 para quem quiser chamar a atenção de quem está realizando a transmissão ao vivo.

Instagram libera lives de até 4 horas e permite salvá-las por um mês .

Tecnologia

Belo Horizonte testa serviço de ônibus sob demanda, pedido por aplicativo

Publicado


source

Brasil Econômico

Shotl
Milton Silva/Divulgação

Novo aplicativo promete melhor condição do transporte sem aumentos no preço

A Transfácil (Consórcio Operacional do Transporte Coletivo de Passageiros por Ônibus do Município de Belo Horizonte) está experimentando o aplicativo de transporte sob demanda Shotl , voltado para os ônibus de linha urbana . Trata-se de uma nova modalidade de serviço na cidade.

O objetivo é oferecer mais conforto e rapidez ao usuário do transporte coletivo da capital mineira, mas sem precisar aumentar a tarifa .

Na estação Gabriel, na região Nordeste, um empregado da Transfácil tem convidado usuários do transporte para testarem o aplicativo . Nesses grupos, os passageiros recebem orientações sobre o uso do Shotl, recebendo, também, um panfleto com áreas e horários 

Na área de cobertura do do aplicativo, existem mais de 50 pontos de ônibus virtuais , nos quais é possível embarcar ou desembarcar dos micro-ônibus (que possuem 20 assentos cada).

Para aqueles que utilizarem o aplicativo, é necessário deixar o GPS do celular ativo e digitar a localização desejada. Assim, o Shotl pode orientar sobre o melhor lugar para entrar no transporte, além de, ao chegar perto do local de desembarque, avisar o passageiro. 

Veja Mais:  WhatsApp libera mensagens temporárias para usuários no Brasil

“Estamos fazendo um teste mais controlado e, com os dados obtidos, vamos poder definir quais vão ser as próximas etapas. Nosso objetivo é verificar qual vai ser a aceitação do cliente e qual a viabilidade do aplicativo para a população”, disse Ana Flávia da Silva, coordenadora de Mobilidade da Transfácil.

Até a tarde desta quarta-feira, 17 pessoas tinham utilizado o aplicativo.

Algumas informações sobre o serviço

Abrangência

Até o momento, integram a área de cobertura os bairros Minaslândia, Providência, Guarani, Primeiro de Maio e parte do Dona Clara, na Pampulha e nas regiões Norte e Nordeste

O serviço está disponível de segunda-feira a sexta-feira, das 6h às 20h

Valor

A tarifa pode ser paga com o cartão BHBus ou em dinheiro, ao condutor, ao mesmo custo das linhas suplementares, R$ 3,15.

Onde baixar

É possível fazer download do aplicativo  Google Play e App Store .

BHTrans acompanha estudo

O motorista Marcos Gomides de Souza, que conduz os micro-ônibus nessa fase de testes, informa que quem escolhe a rota a ser feita é o aplicativo.

“Só preciso marcar quem entrou e avisar as pessoas quando elas devem sair. É bem parecido com um aplicativo de carro . Basta eu ir seguindo o caminho no GPS”,disse.

A Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), disse que os serviços sob demanda têm como objetivo aumentar as opções de transporte coletivo e que ainda precisará esperar a consolidação dos dados para análise e para que sejam definidos os próximos passos, principalmente em relação à regulamentação e critérios. 

Veja Mais:  WhatsApp: mais de 450 mil brasileiros tiveram o aplicativo clonado em outubro

O presidente do Sindicato dos Rodoviários de BH , Paulo César da Silva afirmou que a entidade não foi convidada para acompanhar a implementação do teste. Ele alega, também, que, mesmo com as poucas informações disponíveis sobre a novidade, a expectativa é que a mudança não impacte os trabalhadores da categoria. 

Ele afirma que pretende fiscalizar o estudo da Transfácil e que, ao que tudo indica, os motoristas que vão trabalhar na modalidade serão os já contratados.  

Continue lendo

Tecnologia

Apple prepara lançamento de novo produto na semana que vem

Publicado


source

Tecnoblog

undefined
Bruno Gall De Blasi

Apple prepara lançamento de novo produto na semana que vem

O ano foi agitado para a Apple , com os novos iPhone 12 , Macs com Apple Silicon e afins, mas ainda não terminou. Ao menos, é o que conta o MacRumors nesta quinta-feira (3), que teve acesso a um documento interno da companhia norte-americana com pistas sobre o possível lançamento de um produto desconhecido na semana que vem.


Segundo o site, a Apple emitiu um comunicado interno a prestadores de serviços para anunciar mudanças relacionadas ao AppleCare planejadas para 8 de dezembro de 2020, às 5h30 no horário do Pacífico ou 10h30 no horário de Brasília. O documento aconselha os técnicos a se prepararem para novas descrições de produtos, preços e mais.

A expectativa é que a companhia anuncie novos produtos na próxima terça-feira, uma vez que a Apple emitiu memorandos similares antes de outros lançamentos. Acredita-se, no entanto, que as novidades não serão apresentadas em um evento virtual devido ao horário, como foi o caso de novos Macs em maio de 2020 e novembro de 2019, ou até mesmo da segunda geração dos AirPods, em março de 2019, por exemplo.

Veja Mais:  PayPal afirma que 17% de seus usuários já compraram Bitcoin

Apple pode lançar novos produtos ainda em 2020

Os anseios de que novidades da Apple ainda estão por vir em 2020 também partem do perfil do Twitter @L0vetodream , conhecido pelo seu histórico notável de acertos ao antecipar informações sobre lançamentos da marca norte-americana. “Você receberá uma surpresa de Natal da Apple”, afirmou uma publicação feita em 14 de novembro. “(PS: Exclusivo para o inverno, bom para o inverno)”.

Apesar dos relatos anteriores, não se sabe ao certo o que será apresentado pela fabricante do iPhone em dezembro, caso os rumores se concretizem. Uma aposta gira em torno do Apple AirTags, antes aguardadas para serem anunciadas juntas com o iPhone 12, em 13 de outubro. O MacRumors ainda fala sobre AirPods Studio, uma nova geração do Apple TV ou até mesmo novos acessórios para produtos já existentes.

Com informações: @L0vetodream (Twitter) e MacRumors

Continue lendo

Tecnologia

WhatsApp libera mensagens temporárias para usuários no Brasil

Publicado


source

Tecnoblog

undefined
Ana Marques

WhatsApp libera mensagens temporárias para usuários no Brasil

As mensagens temporárias do WhatsApp enfim estão chegando ao Brasil. De acordo com relatos no Twitter , o recurso começou a aparecer por aqui desde, pelo menos, a última segunda-feira (30). A função foi anunciada oficialmente no início de novembro e já estava disponível para alguns usuários do WhatsApp Beta para Android .


O objetivo das mensagens temporárias do WhatsApp é eliminar automaticamente o que for pouco importante. Pode ser útil para, por exemplo, não armazenar aquela lista de compras que você enviou seu colega de apartamento (ou para você mesmo).

Desse modo, o mensageiro pretende naturalizar ainda mais o uso da plataforma para conversas corriqueiras, como as que temos pessoalmente em nosso dia a dia.

Usuários no Brasil conseguem ativar mensagens temporárias (Imagem: Reprodução/WhatsApp)

Usuários no Brasil conseguem ativar mensagens temporárias (Imagem: Reprodução/WhatsApp)

O recurso funciona para conversas individuais ou em grupos. No entanto, no segundo caso, apenas administradores podem ativar a opção de envio de mensagens temporárias.

Ao habilitar a função, todas as mensagens enviadas posteriormente desaparecem após sete dias, e o ícone de cronômetro passa a aparecer junto à foto de perfil do seu contato, como mostra a imagem abaixo.

Teste das mensagens temporárias (Imagem: Reprodução/WhatsApp)

Teste das mensagens temporárias (Imagem: Reprodução/WhatsApp)

FAQ sobre as mensagens temporárias do WhatsApp

Entre as principais coisas que você deve saber sobre o novo recurso de mensagens que se autodestroem após sete dias, estão:

  1. Mensagens temporárias desaparecerão mesmo que um usuário não abra o WhatsApp durante sete dias. Contudo, pode ser que a pré-visualização da mensagem seja exibida nas notificações até que o WhatsApp seja aberto.
  2. Ao responder diretamente a uma mensagem, ela será exibida acima da sua resposta. Se você responder a uma mensagem temporária, o texto dessa mensagem poderá ser exibido mesmo depois de sete dias.
  3. Se uma mensagem temporária é encaminhada para uma conversa onde as mensagens temporárias estão desativadas, essa mensagem não desaparecerá da conversa para onde foi encaminhada.
  4. Se um usuário fizer backup antes de uma mensagem desaparecer, essa mensagem temporária será incluída ao backup. Contudo, a mensagem temporária será apagada quando o usuário restaurar o backup.
Veja Mais:  PayPal afirma que 17% de seus usuários já compraram Bitcoin

Por fim, vale lembrar que as mensagens temporárias também podem ser capturadas por prints e a mídia armazenada no celular do destinatário não serão excluídas após a expiração do prazo.

WhatsApp libera mensagens temporárias para usuários no Brasil

Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana