Policial

Mais de mil veículos apreendidos são reciclados pelo Detran-MT e Polícia Civil

Publicado


O foco da ação é a descontaminação e limpeza do pátio do Detran-MT utilizado pela delegacia

Lidiana Cuiabano | Detran-MT
 

Um intenso trabalho realizado com a parceria entre o Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) e a Polícia Judiciária Civil (PJC), por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos de Cuiabá (DERRFVA), resultou na destinação para reciclagem de mais de mil veículos que estavam há décadas abandonados no pátio da delegacia. O trabalho também envolve o Poder Judiciário e o Ministério Público.

Nesta quinta-feira (05.03), foi iniciado o processo de prensagem dos veículos, entre motos e carros, que serão destinados para reciclagem, na segunda fase da Operação Pátio Limpo. O foco da ação é a descontaminação e limpeza do pátio do Detran-MT utilizado pela delegacia.

O delegado titular da DERRFVA, Gustavo Garcia, explica que os veículos destinados à prensagem foram apreendidos, inclusive possuem diversos débitos tributários e administrativos, e a maioria abandonados por seus proprietários.

Os bens ficam em posse da delegacia quando o veículo é apreendido por alguma queixa de crime como roubo, furto, clonagem e outros.

“Em parceria com o Detran, estamos fazendo a destinação correta desses mais de mil veículos e materiais ferrosos, retomando a limpeza do pátio e organizando o nosso espaço”, disse o delegado.

Segundo Garcia, para que os veículos pudessem passar pela prensa, a unidade policial teve que concluir mais de 1.200 inquéritos e restituir quase dois mil veículos aos proprietários.

Veja Mais:  Polícia Civil instaura inquérito para apurar conduta de motorista que destruiu manifestação em homenagem a vítimas da Covid-19

Para chegar no processo de prensagem, o Detran-MT realizou a vistoria dos veículos e os encaminhou para a etapa de descontaminação, dando a destinação correta para cada material, tais como a bateria, óleo e o combustível.
 

A diretora Metropolitana da Polícia Judiciária Civil, Ana Paula de Faria Campos, enalteceu a parceria entre o Detran e a DERRFVA no trabalho de limpeza do pátio. “Com essa ação conjunta estamos conseguindo resolver a situação de veículos que estão há décadas no pátio da delegacia, gerando um problema ambiental e de saúde pública. A reciclagem desses veículos busca a preservação do meio ambiente e a modernização dos procedimentos da delegacia”, destacou a diretora.  

O presidente do Detran-MT, Gustavo Vasconcelos, ressaltou que as atividades de reciclagem e limpeza de pátios são prioridades desta gestão. “São ações positivas que foram estendidas aos nossos parceiros da Polícia Civil com o objetivo de cumprirmos as normas de proteção ambiental, além de eliminarmos possíveis criadouros de insetos causadores de doenças”, falou Vasconcelos.
 

Reciclagem de veículos

O Código de Trânsito Brasileiro autoriza os órgãos de trânsito a fazerem a reciclagem quando o veículo permanece por mais de um ano nos pátios sem a solicitação de retirada pelo proprietário.

O processo de descontaminação e reciclagem dos veículos inicia com a retirada da bateria, óleo, combustível e pneus, dando a empresa responsável a devida destinação exigida para cada material. Após esse procedimento, é feita a compactação, pesagem e destinação do material para reciclagem.

Veja Mais:  Preso no Tocantins suspeito de feminicídio de adolescente em MT

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil instaura inquérito para apurar conduta de motorista que destruiu manifestação em homenagem a vítimas da Covid-19

Publicado

Foto: Assessoria

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), instaurou inquérito policial para apurar a conduta do motorista que de forma intencional transitou em alta velocidade em um canteiro central da Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Avenida do CPA), destruindo uma manifestação pacífica, em homenagem aos mais de 600 mil mortos pela Covid-19.

O motorista que conduzia um veículo Volkswagen Fox, de cor vermelha, já foi identificado e responderá por direção perigosa, direção sob a influência de álcool, além do crime de dano.

O fato ocorreu durante a madrugada de segunda-feira (25.10), quando voluntários do Observatório Social de Mato Grosso fizeram um protesto pacífico de combate à corrupção, fincando cruzes pintadas de preto com balões vermelhos em homenagem às vítimas da Covid-19, no canteiro central da Avenida do CPA.

Após o término da montagem, o motorista que estava com veículo estacionado do lado direito da avenida, em um trailler de lanches, subiu com o carro no canteiro central da via, passando por cima de várias cruzes, vandalizando a manifestação e em seguida saindo em alta velocidade.

O boletim de ocorrência foi registrado na manhã de terça-feira (26) e, imediatamente após a comunicação, a equipe da Deletran iniciou as diligências para apurar a autoria das fatos. Através de imagens de câmeras de segurança foi possível verificar que o suspeito parou em um trailer de lanches, próximo a um posto de combustível, por volta das 03h30 e ficou ingerindo bebida alcoólica no local até o início da manhã.

Veja Mais:  Preso no Tocantins suspeito de feminicídio de adolescente em MT

Segundo o delegado da Deletran, Christian Alessandro Cabral, nas duas horas em que ficou ingerindo bebida alcoólica no local, o suspeito ficou observando os voluntários montarem o protesto pacífico e possivelmente arquitetando a conduta criminosa.

O inquérito policial foi instaurado para apurar os crimes de direção perigosa, direção sob influência de álcool e também o dano. O veículo já foi identificado e os policiais da Deletran trabalham para localizar o suspeito que será intimado para prestar esclarecimentos na unidade especializada.

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

PM prende funcionário e mais dois suspeitos por roubo a posto de combustível no interior

Publicado

A Polícia Militar, por meio do 18 º Batalhão, prendeu três pessoas por roubo a um posto de combustível, na tarde de terça-feira (26), em Pontes e Lacerda. Na ação, a PM recuperou R$ 32 mil quantia roubada do estabelecimento comercial.  

Por volta das 16h, os policiais foram comunicados sobre um roubo de um malote de dinheiro em um posto de combustível e que a quadrilha havia fugido sentido a região conhecida por Máquina Queimada.  

Policiais da Força Tática do 2º Comando Regional e do 18º Batalhão realizaram um cerco policial na estrada que liga os municípios de Pontes e Lacerda e Vale de São Domingos, em dado momento, os policiais identificaram dois suspeitos que fizeram roubo, a dupla estava em uma motocicleta Honda CG Titan, eles ao avistarem a polícia, saltaram do veículo em movimento e tentaram fugir da abordagem, mas foram presos.  

Durante a diligência, os policiais prenderam mais um suspeito e o dinheiro R$32.631,00 em espécie. A PM constatou também que um dos homens presos era o funcionário que realizava o transporte de valores, ele fazia parte da quadrilha atuando diretamente no planejamento estratégico da ação delituosa.  

Os suspeitos foram entregues para a Polícia Judiciária Civil.  

Comentários Facebook
Veja Mais:  Traficante é preso em flagrante com porções de cocaína pura em Rondonópolis
Continue lendo

Policial

Gefron impede que três veículos roubados sejam levados para a Bolívia

Publicado

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) impediu que três veículos roubados em Pontes e Lacerda (390 km de Cuiabá) fossem levados para a Bolívia. O flagrante ocorreu nesta terça-feira (26.10) durante rondas pela MT-265 no município de Porto Esperidião (320 km de Cuiabá). A ação terminou com a apreensão de um Hyundai HB20, duas motocicletas, sendo Yamaha Lander e Bros, e dois suspeitos presos que confessaram o crime.

Conforme o Gefron, a equipe policial fazia o patrulhamento na rodovia quando abordou dois homens em uma motocicleta Lander, azul. Em seguida identificou um Hyundai HB20 branco se aproximando, mas que entrou em fuga ao perceber a equipe policial. O condutor atingiu um barranco às margens da rodovia. Ele abandonou o automóvel e entrou em fuga por uma região de mata. Durante as buscas ao foragido, os policiais encontraram uma segunda motocicleta, Yamaha Bros azul, abandonada na estrada.

Questionados, os condutores da primeira motocicleta confessaram que estavam levando o veículo para a Bolívia e acabaram presos. Eles também disseram que receberam o veículo de outra pessoa em Pontes e Lacerda e que receberiam uma quantia de R$ 2 mil pelo serviço.

Após checagem, os policiais identificaram que veículo HB20 estava adulterado e que havia sido roubado em Pontes e Lacerda. Diante dos fatos os veículos e os suspeitos foram encaminhados para Delegacia de Polícia Civil de Porto Esperidião.

Veja Mais:  Polícia Civil indicia 25 criminosos por roubos de veículos, estelionato e lavagem de dinheiro na região metropolitana

Foragido da Justiça

Ainda nesta terça-feira (26.10), os policiais do Gefron também prenderam um homem com mandado de prisão em aberto, por tráfico de drogas e furto. O foragido da justiça foi identificado durante abordagem a um veículo na MT-388, ainda no município de Porto Esperidião.

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana