Mato Grosso

Museu de História Natural Casa Dom Aquino dobrou número de visitantes em 2019

Publicado


Na era digital, ir ao museu até parece ser coisa do passado, mas será que é? O Museu de História Natural Casa Dom Aquino é um patrimônio histórico de 177 anos localizado em Cuiabá, que conta a pré-história de Mato Grosso por meio de fósseis e artefatos arqueológicos e vem mostrar que os museus ainda fazem parte do cotidiano da população. Em 2019, o equipamento cultural recebeu 5.607 visitantes de Mato Grosso, outros estados e países.  O número representa um aumento de 102% em relação ao ano de 2018, em que o Museu recebeu 2.778 visitantes.

Os museus têm um importante papel para a sociedade. Eles são capazes de informar e educar com exposições, oficinas, atividades recreativas e até mesmo usando os meios digitais como vídeos e outras opções interativas. São espaços ideais para despertar a curiosidade, estimular a reflexão e o debate, e criar uma conexão entre passado, presente e futuro.

Para a arqueóloga e presidente do Instituto Ecossistemas e Populações Tradicionais (ECOSS) – que faz o gerenciamento do museu, Suzana Hirooka, o Museu de História Natural Casa Dom Aquino tem conquistado a preferência das pessoas, em especial da comunidade escolar. Isso porque, ela explica, a visita é uma atividade extra classe que contribui muito para a fixação de conteúdos didáticos como dinossauros, evolução, biologia e meio ambiente, e os professores já colocam dentro das suas atividades anuais essa visita, auxiliando para a formação dos alunos.

Veja Mais:  Carreta carregada com 652 quilos de droga é apreendida em Comodoro

Em 2019, o Museu de História Natural Casa Dom Aquino recebeu 3.654 estudantes vindos de 94 instituições de Ensino, de várias cidades de Mato Grosso. Entre elas estão Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Rosário Oeste, Campo Novo dos Parecis, Araputanga, Diamantino e Rondonópolis, além de estudantes de outros estados.

O museu também recebeu a visita de 1.953 turistas de Cuiabá e municípios do interior de Mato Grosso, além de cidades de outros estados, como Maceió (AL), Porto Velho (RO), Recife (PE), Salvador (BA), Dourados (MS), João Pessoa (PB), São Paulo (SP), Goiânia (GO), Brasília (DF). Outro público são os visitantes norte-americanos e canadenses, totalizando 5.607 pessoas durante todo o ano.

Para 2020, o museu está preparando grandes eventos, como o Encontro Indígena, a Primavera dos Museus, oficinas e visitas escolares guiadas que podem ser agendadas pelos telefones (65) 3634-4858 e 3052-8062 ou pelo e-mail [email protected] .

Serviço:

O Museu de História Natural Casa Dom Aquino é um equipamento cultural da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). Está aberto ao público de quarta a domingo, das 8h às 18h, com ingressos a R$ 6,00 (inteira) e R$ 3,00 (meia). Endereço: Avenida Beira Rio, nº 2000, bairro Dom Aquino, Cuiabá.

Fonte: GOV MT

Mato Grosso

Dados sobre finanças e metas fiscais serão apresentados em audiência pública

Publicado


.

A Secretaria de Fazenda (Sefaz) apresenta na próxima terça-feira (29), em audiência pública, a prestação de contas referente ao 2º quadrimestre de 2020. A apresentação foi requerida pela Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária (CFAEO), da Assembleia Legislativa, e é uma exigência da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Assim como nas audiências anteriores, essa será realizada de forma virtual, devido a pandemia do Covid-19. O evento ocorre a partir das 9h do dia 29 de setembro, com transmissão pelos canais de comunicação da Assembleia Legislativa.

A participação na audiência pública ocorrerá por meio de plataforma digital (CLIQUE AQUI). Os interessados devem solicitar a inscrição pelo e-mail: [email protected] De acordo com a Assembleia Legislativa, é facultado o ingresso simultâneo de até 20 inscritos, conforme cronologia das inscrições.

Na ocasião, a Sefaz explanará sobre o comportamento da receita e das despesas no período, as metas estipuladas na Lei Orçamentária Anual e as efetivamente alcançadas pelo Tesouro do Estado. Ainda serão evidenciados os principais aspectos do resultado primário de Mato Grosso, do resultado nominal, e da dívida pública consolidada.

A Secretaria de Fazenda aproveita a oportunidade para convidar a todos, população, sociedade civil organizada e imprensa, para participar e acompanhar a referida audiência, que tratará de temas fiscais de interesse público.

Fonte: GOV MT

Veja Mais:  Investimentos do FCO Empresarial atingem 98% dos municípios de MT
Continue lendo

Mato Grosso

Centro de Triagem atendeu mais de 600 pessoas durante a programação do Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência

Publicado


.

O Centro de Triagem Covid-19 registrou 612 atendimentos a pessoas com deficiência na segunda-feira (21), durante a programação que celebra o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. Realização de testes, consultas, entrega de cestas básicas, kits de higienização e cadeiras de rodas foram oferecidos.

Do total de atendidos, 71 pessoas com deficiência receberam o diagnóstico positivo para Covid-19 e outros 541 tiveram o resultado negativo para doença. Para iniciar o tratamento precoce, a farmácia da unidade entregou aos pacientes 144 kits de medicamentos receitados pelos médicos.  

A ação faz parte do Programa SER Inclusivo, coordenado pela primeira-dama Virginia Mendes, em parceira com Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), Secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) e o Centro de Reabilitação Dom Aquino Corrêa (Cridac) que juntos trabalharam para promover os  serviços de saúde e ação social no Dia Nacional de Luta da Pessoas com Deficiência.

O secretário Estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, esteve presente no Centro de Triagem para acompanhar os atendimentos. O gestor destacou que essa importante ação é realizada para celebrar o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência.

“O Governo de Mato Grosso considera o dia 21 de setembro uma data muito importante. Por isso, estamos dedicando um dia especial a todas às pessoas com deficiência para ofertar um atendimento completo aqui no Centro de Triagem da Arena Pantanal, com entrega de kits de higienização, luvas, álcool, cestas básicas. É um dia especial, estamos muito felizes”, disse o gestor.  

Veja Mais:  Parceria entre Governo e Programa REM garante mais R$ 300 mil em resgate de animais

Tânia Vanessa de Almeida Costa, moradora do bairro Ilza Terezinha, levou a filha cadeirante para realizar pela primeira vez o teste do novo coronavírus. Ela classificou como positivo a ação do Governo de Mato em realizar um dia especifico para testar pessoas com deficiência física.

“Essa é uma ação maravilhosamente perfeita, excelente. O atendimento aqui está aprovado, a equipe de profissionais é muita atenciosa e eficiente. Essa é a primeira vez que tenho a oportunidade de realizar o exame do coronavírus, o resultado foi negativo, mas o médico já passou medicamento como forma de prevenção”.

A superintendente estadual de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, Tais Augusta de Paula, disse que diante do atual cenário da pandemia do novo coronavírus é importante promover essa ação de testagem dos deficientes. Ela destacou ainda que a atual gestão é comprometida e sempre promove atividades voltadas para atender pessoas com deficiência.

“Como estamos vivendo uma pandemia, não poderíamos deixar passar em branco essa data e decidimos trazer às pessoas com deficiência de Cuiabá e da Baixada para fazer a testagem e saber se estão infectadas, isso é muito importante. Precisamos lembrar que a maioria dessas pessoas fazem parte do grupo de risco e precisamos ofertar toda atenção para o público especifico. O diferencial dessa gestão é a humanização. O Governo de Mato Grosso faz questão de pensar em todos”, afirmou Tais.

Veja Mais:  Motociclistas recebem orientações sobre segurança na Semana Nacional do Trânsito

Outro assistido no Centro de Triagem foi o senhor Abraão Gomes da Silva, que veio de Várzea Grande para trazer o filho. Os dois nunca tinham realizado o teste do coronavírus. Nas palavras os pacientes, o serviço prestado pelo Governo “é benéfico, nunca tinha passado por um processo desse, o serviço aqui é muito bom, se não fosse aqui eu não teria conseguindo pagar pelo exame, pois já gasto muito com o tratamento do meu filho”.

Dados gerais de atendimento

No período de 22 julho a 20 de setembro, Centro de Triagem da Covid-19 atendeu um total de 35.758 pacientes. Os dados atualizados foram divulgados nesta segunda-feira (21.09) pela coordenação da unidade.

De acordo com tabela de dados, foram diagnosticadas 6.500 pessoas com a Covid-19. Outros 18.396 tiveram resultado negativo e 10.812 foram considerados suspeitos de estarem com a doença. Além disso, foram realizadas 2.738 tomografias, importante exame de avaliação dos pulmões dos pacientes infectados. 

A farmácia do Centro de Triagem da Covid-19 entregou aos pacientes 17.312 kits de medicamentos para o tratamento precoce da doença. Esses remédios foram receitados após realização de consulta com os médicos que atuam na unidade.

Como funciona o Centro de Triagem

O atendimento no Centro de Triagem funciona de segunda-feira a domingo, das 7h às 17h. São entregues até 800 senhas por dia, sendo 500 emitidas pela internet, através do link: triagem.mt.gov.br, e 400 senhas presenciais, entregues no local, das 6h às 6h45.

Veja Mais:  Carreta carregada com 652 quilos de droga é apreendida em Comodoro

É obrigatório o uso de máscaras de proteção e as equipes do Corpo de Bombeiros monitoram o local para garantir a organização do espaço durante a entrega das senhas.

Serviço

O Centro de Triagem na Arena Pantanal fica localizado na Av. Agrícola Paes de Barros, s/n – Verdão, em Cuiabá.

 

 

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Oficialização de Pazuello em Ministério garante continuidade de ações na Saúde

Publicado


.

Foi com satisfação que recebi a notícia da permanência e oficialização de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde. O gestor, que antes atuava como interino, assumiu oficialmente a pasta na última semana. Como secretário estadual de Saúde de Mato Grosso, entendo que a nomeação de Pazuello é a garantia de que daremos continuidade às ações que iniciamos; e avalio positivamente essas iniciativas.

É certo que a Saúde, independentemente do contexto político, figura entre as pastas mais importantes de um governo. Contudo, em meio à pandemia que desvendou o completo despreparo do mundo, a gestão da Saúde é mais que essencial e decisiva.

Nestes últimos meses, intensos e difíceis para quem atua na linha de frente do combate à Covid-19, o Estado de Mato Grosso contou com o amparo do Governo Federal e priorizou o trabalho conjunto, exatamente como é preconizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).   

Abrimos mais de 160 leitos de Terapia Intensiva (UTI), monitoramos os estoques de Equipamentos de Proteção Individual, testamos a população mato-grossense e oferecemos os medicamentos em casos de prescrição médica. Com o apoio dos municípios de Mato Grosso, chegamos a 300 novos leitos de UTI.

Contudo, nenhuma dessas ações seria possível sem o apoio do Ministério da Saúde, que é a base sólida da gestão tripartite tão defendida pelo SUS. É a atuação integrada das esferas Federal, Estadual e Municipais que rende bons resultados para a população.

Veja Mais:  Parceria entre Governo e Programa REM garante mais R$ 300 mil em resgate de animais

Avalio que, durante o período em que atuou como interino, Pazuello buscou o diálogo com os Estados e soube ouvir as pontuações dos gestores estaduais por meio do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass). Evidentemente, o contexto é o mais desafiador dos últimos tempos, mas entendo que o alinhamento entre o poder de diálogo e a prática política facilita o trajeto.

Enquanto gestor, fico contente com a decisão do Governo Federal. O atual ministro demonstrou comprometimento com a Saúde Pública nos períodos críticos da pandemia e soube conduzir a pasta que, ao meu ver, é a mais importante deste país. Registro as estimas de êxito ao ministro Eduardo Pazuello e torço para que as ações da Saúde, bem estruturadas até aqui, continuem a beneficiar a nossa população e fortaleçam o valoroso SUS.

 

Gilberto Figueiredo é secretário estadual de Saúde de Mato Grosso e vice-presidente regional do Conass

Fonte: GOV MT

Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana